24 de novembro de 2019

Maior organização abortista dos EUA promove conexão entre indicações ao Grammy e promoção do aborto


Maior organização abortista dos EUA promove conexão entre indicações ao Grammy e promoção do aborto

Jack Davis, The Western Journal
As indicações ao Grammy estão cheias dos sons doces dos fanáticos pró-aborto, de acordo com a maior organização de aborto dos EUA, a Federação de Planejamento Familiar, que recentemente tuitou seus parabéns aos músicos pró-aborto indicados para o maior prêmio da indústria da música.
“Os artistas que apóiam o acesso ao aborto são indicados ao #Grammys. Coincidência??? Achamos que não. Parabéns pelas indicações!” a Federação de Planejamento Familiar tuitou, listando os artistas que foram indicados.
Entre os agradecidos estavam Lizzo, Billie Eilish, Ariana Grande, Bon Iver, Lady Gaga, John Legend, Maggie Rogers, banda britânica The 1975, Sarah Bareilles e Tove Lo.
Esses artistas e muitos outros assinaram uma petição da Federação de Planejamento Familiar em oposição a estados que estão tentando implementar restrições ao aborto nos EUA.
A Federação de Planejamento Familiar chamou seu esforço para combater os ativistas pró-vida  de “Mantenha suas proibições longe do meu corpo.”
“Nossos corpos são nossos — se não forem, não podemos ser verdadeiramente livres ou iguais. Nos EUA, alguns políticos estão tentando tomar decisões sobre nossos corpos por nós. Não permitiremos que as proibições do aborto que estão varrendo o país coloquem nossas vidas e futuros em risco, e não seremos silenciadas enquanto nosso direito fundamental de controlar nosso corpo for retirado,” escreveu a Federação de Planejamento Familiar em seu site.
“Todo mundo merece assistência médica que seja livre de vergonha, estigma ou julgamento. Juntos, dizemos: tire suas proibições do meu corpo!”
Traduzido e editado por Julio Severo do original em inglês do WND (WorldNetDaily): Planned Parenthood touts connection between Grammy nominations, pushing abortion
Leitura recomendada:

Nenhum comentário :