16 de dezembro de 2018

Pastor de mega-igreja compra carro de luxo de quase 800 mil reais para esposa. Como não criticar tal desperdício?


Pastor de mega-igreja compra carro de luxo de quase 800 mil reais para esposa. Como não criticar tal desperdício?

Julio Severo
Um pastor da Carolina do Sul, EUA, está tentando se defender depois de comprar para sua esposa um Lamborghini Urus de US$ 200 mil (quase 800 mil reais) como presente de aniversário de casamento.
Pastor John Gray, o líder da Igreja Implacável em Greenville, S.C., foi criticado por dar de presente para sua esposa, Aventer, o veículo caro. Um vídeo que viralizou, e já foi excluído, mostrava o pastor surpreendendo sua esposa com as chaves do veículo de luxo na semana passada, informou o jornal Charlotte Observer.
O pastor foi criticado por usuários de mídia social questionando como é que ele pôde pagar por um carro tão caro. Em um vídeo do Facebook ao vivo quinta-feira, Gray defendeu a compra, enquanto derramava lágrimas às vezes.
“Usei algum dinheiro da igreja para fazer isso?” Gray perguntou. “E a resposta é não. Absolutamente não. E Deus, tire minha vida nesta transmissão ao vivo, se eu fiz isso.”
O pastor explicou que o carro foi comprado com dinheiro que ele economizou de seu segundo contrato de livro e a quarta temporada de seu reality show “O Livro de John Gray,” que é transmitido pelo canal OWN.
Então, enquanto os membros da igreja são incentivados a sacrificar seu dinheiro para missões e outras causas cristãs, os pastores economizam milhões para comprar um carro de luxo? Os pastores não podem também fazer seus próprios sacrifícios por amor ao Reino de Deus?
Os apóstolos de Jesus deram tudo — inclusive suas vidas — para proclamar o Evangelho de Jesus Cristo. Como é que as pessoas hoje podem usar o Novo Testamento escrito pelos Apóstolos para justificar gastos elevados em seus estilos de vida egoístas, não em missões, enquanto bilhões de pessoas estão perecendo sem saber que Jesus morreu por seus pecados?
Já li de empresários cristãos dando uma parte significativa de seus lucros para causas cristãs. Os pastores deveriam fazer menos?
Deus nos dá prosperidade para abençoar as pessoas em suas necessidades, não para mimar as pessoas em seus desejos egoístas e ganância.
Os Apóstolos de Jesus expressaram sacrifícios por meio de sua pregação e vida pessoal. Os pastores hoje são incapazes de seguir o bom exemplo deles?
Há cristãos tendo visões e sonhos de pastores indo para o inferno. Acredito em visões e sonhos sobrenaturais. Mas você precisa deles para discernir que uma vida egoísta contrária à vida altruísta dos Apóstolos está rumando para o inferno?
Com informações da FoxNews.
Leitura recomendada:

Nenhum comentário :