25 de junho de 2019

Drag queen faz leitura de livro gay durante culto de louvor em uma Igreja Presbiteriana que está comemorando o mês do orgulho gay


Drag queen faz leitura de livro gay durante culto de louvor em uma Igreja Presbiteriana que está comemorando o mês do orgulho gay

Julio Severo
O zelador do prédio de uma igreja presbiteriana em Cincinnati, Ohio, EUA, vestiu-se de drag queen para fazer a leitura de um livro gay na hora marcada para as crianças durante o culto de domingo, em 16 de junho.
Drag queen faz leitura de livro de ativista gay em pleno culto de louvor na Igreja Presbiteriana
Dan Davidson se vestiu de “Sparke Leigh” com um vestido roxo, maquiagem, salto alto e “uma barba de glitter” e ficou na porta da Igreja Presbiteriana de Mount Auburn cumprimentando os membros e visitantes.
Depois que o coro da igreja cantou a música “Deus Acolhe a Todos,” Davidson subiu ao palco e preparou o livro “Orgulho Gay: A História de Harvey Milk e a Bandeira do Arco-Íris” para o público. A história foi planejada para crianças, algumas das quais sentaram-se aos pés de Davidson durante a leitura.
“Harvey sonhou que todos — até mesmo os gays -— teriam igualdade,” disse Davidson. “Ele sonhou que um dia as pessoas poderiam viver e amar como quisessem.”
O que o drag queen presbiteriano não contou na igreja é que Milk era um predador sexual que se sabia tinha cometido vários estupros legais contra um adolescente que tinha fugido de casa. Qual foi a punição que Milk recebeu? O governo dos EUA, sob Obama, deu-lhe como recompensa um selo postal honorário dos correios americanos.
Celebrar um ativista homossexual pedófilo no culto de louvor de uma igreja presbiteriana é o cúmulo da apostasia.
Davidson se apresentou como drag queen em Seattle, Washington, antes de se mudar para Ohio no mês passado.
Em outro momento durante o culto, um homem se levantou e contou à platéia seu “testemunho” de como ele saiu do armário e assumiu a homossexualidade. O que era moda no podre mundo secular, agora está virando moda em igrejas esquerdistas.
A Igreja Presbiteriana de Mount Auburn, que faz parte da grande denominação presbiteriana PCUSA, está celebrando o mês do orgulho no mês inteiro de junho. As bandeiras do orgulho gay cobrem os salões e as velas do arco-íris estão no palco da igreja.

Igreja Patrocina Show de Drag Queen no Texas

Uma igreja esquerdista no Texas patrocinou show de uma drag queen para as crianças depois que a biblioteca local cancelou o evento por causa de protestos dos pais.
A Catedral Aberta em Leander alugou uma sala na biblioteca pública e realizou o evento agendado para 15 de junho. A igreja pagou as taxas para alugar a sala, que está disponível para todos os membros do público para alugar.
A Catedral Aberta é uma igreja progressista que adota a ideologia LGBTQ. O pastor principal é Ryan Hart.
Estão aumentando nos Estados Unidos os eventos que miram crianças pequenas para doutriná-las no ativismo LGBTQ. Houve o caso recente de uma escola de ensino médio na Carolina do Norte que convidou duas drag queens para falar com os alunos sobre sua identidade pessoal e gênero. As drag queens falaram em um painel e incentivaram as crianças a celebrar os estilos de vida LGBTQ.
Com informações da Rede de Televisão Cristã dos EUA e WND (WorldNetDaily).
Leitura recomendada:

2 comentários :

Alexandre disse...

É a abominação da desolação no lugar santo, infelizmente piores coisas virão, é a palavra de Deus mais uma vez se cumprindo.

Unknown disse...

Gostaria de saber se no livro "Fogo Estranho" , existe algum capítulo abordando a "teologia gay" ?