7 de abril de 2019

Homem sueco foge depois que filhas são entregues para família muçulmana


Homem sueco foge depois que filhas são entregues para família muçulmana

(Gateway Pundit) Um pai na Suécia fugiu para a Polônia com suas filhas depois que elas foram entregues a uma família adotiva muçulmana a 480 km de distância. Peter Lisov fugiu da Suécia com suas filhas e está buscando refúgio na Polônia.
As filhas só podiam ver o pai durante seis horas por semana.
Se o pai fosse muçulmano, esse caso estaria nas manchetes da mídia esquerdista neste momento.
Sputnik News noticiou:
A decisão do Conselho Tutelar sueco de entregar três meninas cristãs a uma família muçulmana libanesa resultou em um escândalo internacional envolvendo a Polônia.
Depois que o Conselho Tutelar sueco tentou entregar as três filhas de Denis Lisov para uma família adotiva muçulmana, o pai russo pegou suas filhas e fugiu da Suécia, desencadeando uma sequência de eventos parecida com um filme de suspense.
Denis Lisov veio para a Suécia há sete anos. Em 2017, sua esposa adoeceu, e então o Conselho Tutelar decidiu levar suas filhas com o argumento de que ele não tinha emprego de tempo integral e, portanto, era incapaz de cuidar delas. Em vez disso, elas foram entregues a uma família muçulmana libanesa. A família de Lisov formalmente manteve a custódia das crianças, mas só tinha o direito de vê-las seis horas por semana, informou o canal de notícias sueco Samhällsnytt.
De acordo com Babken Khanzadyan, que representa legalmente os Lisovs, eles não tiveram a oportunidade de defender seus direitos, e as garotas não queriam ficar com a família muçulmana.
Depois que suas filhas passaram mais de um ano na família muçulmana, a cerca de 300 quilômetros de seu pai verdadeiro, Denis já estava farto. Ele pegou suas filhas e decidiu voltar para a Rússia. No entanto, ele foi detido no aeroporto de Varsóvia, na Polônia, pois as autoridades suecas registraram as filhas dele como desaparecidas. Portanto, ele solicitou asilo na Polônia.
Traduzido por Julio Severo do original em inglês do WND (WorldNetDaily): Swedish man flees after daughters handed over to Muslim family
Leitura recomendada:
Leitura recomendada sobre a Suécia:

Um comentário :

Unknown disse...

Por favor Julio, post depois o desfecho desse caso......obrigada.