28 de setembro de 2018

Vítima da guerra do Facebook contra os conservadores: Minha conta foi permanentemente encerrada pelo Facebook


Vítima da guerra do Facebook contra os conservadores: Minha conta foi permanentemente encerrada pelo Facebook

Sem assistência legal, estou permanentemente banido do Facebook

Julio Severo
Atualização: Sete horas depois que publiquei este artigo, o Facebook desbloqueou minha conta, DEPOIS que lhe enviei meus documentos. Esta é a segunda vez que o Facebook quer meus documentos. Anos atrás, o Facebook também desativou minha conta e só a desbloqueou depois de envio de documentos que provavam que eu sou o Julio Severo, autor oficial das declarações que posto contra a agenda homossexual e o islamismo. Como o Facebook usará esses documentos, não sei, mas seguirei as palavras de Jesus: “Bem-aventurado sois quando vos perseguirem…”
Após meses de assédio, censura e perseguição, o Facebook desativou, encerrou minha conta (https://www.facebook.com/julio.severo). Isso parece ser parte de sua campanha para deter vozes conservadoras nesta eleição. Veja: Facebook está construindo “centro de comando de guerra contra notícias falsas” dentro de sua sede para combater informações conservadoras durante as próximas eleições americanas e brasileiras.
Sou vítima da guerra do Facebook contra os conservadores.
O Facebook vinha implacavelmente me importunando por minhas posições conservadoras. Nos últimos 14 meses, o Facebook me puniu com seus infames bloqueios de 30 dias pelo menos 5 vezes. Você pode encontrar mais informações nesta reportagem sobre o bloqueio anterior: Facebook censura comentário sobre lésbicas, mas não censura comentários homossexuais contra Jesus Cristo.
Talvez um dos atos mais vergonhosos do Facebook contra mim foi censurar Levítico 18:22, um famoso versículo da Bíblia que eu publiquei no meu perfil, mas o Facebook não gostou e o removeu. Veja meu artigo: Socorro! O Facebook está censurando versículos da Bíblia
Nesse versículo sagrado, Deus diz: “Não se deite com um homem como com uma mulher. É abominação.”
Essa censura contra um versículo da Bíblia imediatamente se tornou manchete no WND (WorldNetDaily), numa reportagem intitulada “Famoso versículo da Bíblia intolerável demais para o Facebook.”
Devido a esse escândalo, o Facebook entrou em contato com o WND com esta mensagem:
“Logo que fomos notificados do problema, começamos a investigar e restauramos o conteúdo logo que pudemos identificar o erro. O conteúdo foi restaurado já que não violava nossos padrões. Informamos ao Sr. Severo acerca do restabelecimento e fizemos um pedido de desculpas pelo erro.” (Veja a reportagem traduzida do WND “Facebook finalmente responde sobre sua censura a versículo picante da Bíblia”)
No entanto, o post da Bíblia não foi restaurado e eu nunca recebi nenhum pedido de desculpas do Facebook.
Aparentemente, o Facebook teve a ideia de resolver todos os seus problemas e confusões comigo por causa de sua própria desonestidade me banindo.
Em 27 de setembro de 2018, o Facebook enviou-me a seguinte mensagem: “Sua conta foi desativada.”
Mas isso não é um novo bloqueio, uma punição parcial. Agora é punição total e permanente. O Facebook já encerrou meu perfil pessoal. Com a eliminação da minha conta no Facebook, as informações do Facebook envolvendo meu nome praticamente desapareceram até da pesquisa do Google, com apenas alguns resultados. Antes, havia milhares desses resultados.
A única vez que o Facebook recuou em seu assédio e intimidação contra mim foi quando uma organização jurídica conservadora na Califórnia enviou uma carta para o Facebook. Veja: Facebook reconhece sua própria censura contra Julio Severo. E agora?
Para prosseguir com ações legais contra o Facebook, essa organização precisava do meu envolvimento financeiro, o que eu não tenho.
Devido a limitações financeiras, não posso contratar um grupo legal para ajudar a defender minha causa.
Sem um grupo legal para ajudar a me defender contra a atitude do Facebook encerrar minha conta depois de meses de assédio, censura e perseguição, serei mantido no Gulag da Internet: fora da minha rede de amigos que construí na minha conta do Facebook. Sem assistência legal, estou permanentemente banido do Facebook.
Entrei no Facebook em 2009 porque esse era supostamente um ambiente livre. Acima de tudo, porque o Facebook é americano e os EUA personificam tradicionalmente a liberdade de expressão, especialmente a expressão conservadora. Como essa é uma empresa americana, não uma empresa cubana, saudita ou norte-coreana, eu acreditava que o Facebook seria capaz de defender a liberdade de expressão para mim e para outros. Não apenas o Facebook traiu a tradição americana de defender a liberdade de expressão, mas foi o executor de assédio, censura e perseguição contra meu discurso conservador e evangélico, dando impressão ao mundo de que as atuais grandes empresas americanas representam exatamente isso: assédio, censura e perseguição de ideias conservadoras.
Sou um brasileiro evangélico conservador. Tenho um livro evangélico conservador (http://www.propheticprayersofficial.com/) publicado por uma divisão de Thomas Nelson e Zondervan.
Sou também colunista no Barbwire, um site conservador dos EUA.
A América original nunca foi contra o discurso conservador e cristão. A América original, que era 98% protestante, nunca foi contra o discurso conservador evangélico.
Os esquerdistas são livres para defender suas ideias na América? Certamente, e eles têm feito exatamente isso.
O Facebook é de esquerda e tem todo o direito de ser de esquerda. Mas eles deveriam ser pelo menos honestos e dizer: “Ei, somos uma plataforma de esquerda que defende a liberdade de expressão apenas para esquerdistas.”
Eu entenderia a postura deles e a respeitaria. Nenhum rótulo adequado causa confusão. Em vez de usar um rótulo de esquerda, o Facebook se apresenta como imparcial. Isso não é verdade. O Facebook recebe esquerdistas e suas ideias, mas não os conservadores e suas ideias. Falo na condição de um conservador que foi vítima do tratamento tendencioso do Facebook.
O presidente Donald Trump manifestou preocupação com o tratamento tendencioso do Facebook para com os conservadores. Como usuário do Facebook, fui vítima de tal tratamento por um longo tempo. Agora o Facebook enviou minha conta para seu Gulag.
Peço ao senhor presidente Trump que lute contra a deturpação da imagem da América que o Facebook está fazendo. A censura do discurso conservador no Facebook é digna de Cuba, Arábia Saudita e Coréia do Norte, não da América que George Washington criou e imaginou.
Aguardo ações de Trump contra o tratamento tendencioso do Facebook. Enquanto isso, peço a algum grupo legal conservador para me ajudar.
Enquanto isso, estou entrando em contato com o Facebook para revogar sua decisão de desativar minha conta.
Além disso, se Deus abençoou você financeiramente, lembre-se de nos abençoar enquanto lutamos pela vida, família e valores conservadores. Envie uma contribuição para mim e minha família, neste link: http://bit.ly/2tYDBeH
Sua contribuição não ajuda um grupo gordo e inútil, mas uma família que precisa de sua ajuda e orações.
Leitura recomendada sobre censura do Facebook:
Leitura recomendada sobre a Esquerda dos EUA contra Julio Severo:
Outra leitura recomendada:

Nenhum comentário :