14 de abril de 2018

Apoiadores de Trump condenam decisão de lançar ataques aéreos na Síria


Apoiadores de Trump condenam decisão de lançar ataques aéreos na Síria

Jacqueline Thomsen
Proeminentes apoiadores do Presidente Trump estão expressando ceticismo com sua decisão de lançar ataques aéreos contra a Síria, condenando essa ação como excessivamente agressiva e desnecessária.
Tucker Carlson e Laura Ingraham, apresentadores da Fox News, o canal noticioso mais conservador dos EUA, questionaram a decisão de Trump na sexta-feira de lançar ataques em retaliação por um ataque de armas químicas que os EUA atribuíram ao governo sírio.
Carlson comentou que o ataque contradiz a mensagem do presidente Trump durante sua campanha de 2016, e Ingraham disse que ela crê que intervenções em outros países podem ser arriscadas, conforme mostra a Guerra do Iraque, de acordo com o jornal Daily Beast.
Michael Savage, um proeminente escritor conservador e apresentador de programa de rádio, tuitou que “triste, promotores de guerras sequestraram os EUA” depois da notícia do ataque.
Alex Jones, do Infowars, chorou enquanto falava contra a ação militar de Trump.
“Se ele tivesse sido um patife desde o início, não seria tão ruim,” Jones disse de Trump. “Fizemos tantos sacrifícios e agora ele faz m**da em cima de nós. Isso tudo me enoja.”
A escritora conservadora Ann Coulter também compartilhou sua oposição ao ataque, retuitando uma série de outras figuras conservadoras ou da extrema direita que condenaram o ataque e citando as próprias mensagens passadas de Trump contra ações militares na Síria.
E figuras da extrema direita como Mike Cernovich e Laura Loomer xingaram Trump pelo ataque militar contra a Síria.
Trump anunciou na sexta-feira que ele havia ordenado “ataques de precisão” contra a Síria por causa de um aparente ataque de armas químicas por parte das forças do líder Bashar Assad. Os ataques miraram áreas ligadas ao programa de armas químicas da Síria.
Traduzido por Julio Severo do original em inglês do The Hill: Trump supporters slam decision to launch strikes against Syria
Leitura recomendada:

6 comentários :

  1. Como uma perfeita marionete nas mãos dos neocons,Trump tenta apagar um incêndio jogando gasolina.

    ResponderExcluir
  2. Erro crasso do irracional Trump por 3 motivos:
    -Ação foi para impedir o trabalho da missão de Organização para a Proibição de Armas Químicas (Opaq), no suposto local do ataque químico.
    -Não tinha certeza absoluta 100% inegável que o ataque veio do governo sírio.
    -Não teve autorização formal da ONU.

    ResponderExcluir
  3. Já vi recentemente jornalista da band fazendo uma comparação com a invasão do Iraque, apesar deles estarem certo, será que elés iriam fazer a mesma coisa sw fosse com Obama ou Hilary Clinton ?

    ResponderExcluir
  4. Marcos Zequinha: A Guerra do Iraque já havia sido planejada por Bill Clinton, marido da Hillary. Quando Bush invadiu o Iraque, ele só estava seguindo o plano do Bill. A invasão do Iraque, que foi um desastre total para os cristãos iraquianos, foi apoiada por Hillary. Clique no link abaixo:

    A máquina de guerra e destruição de Hillary Clinton

    ResponderExcluir
  5. Julio Veja essa noticia do Bol. https://noticias.bol.uol.com.br/ultimas-noticias/educacao/2018/04/14/discussao-entre-professor-e-aluno-vira-motivo-de-ameacas-no-facebook.htm

    Meus comentários. È tendenciosa essa matéria do Bol,ela tenta defender o professor. Mas ! Na realidade a verdadeira vitima é o aluno, não importa se ele seja simpático a Bolsonaro. Eu também sou simpático a Bolsonaro. O pobre aluno foi espremido pelo professor, os outros alunos ficaram contra ele e ainda pior deve que ouvir que o pastor de sua igreja é um "pastorzinho vagabundo". Vejam essas palavras escritas no Bol. O professor ofende um policial, o chamando de "policial imbecil". E depois se refere a um pastor o tachando de "pastorzinho vagabundo". E tudo indica esse "pastorzinho vagabundo" é o pastor da Igreja que o jovem frequenta. No vídeo pior ainda. O professor diz : "Eu estou falando a verdade. Quem está mentindo pra você é o policial imbecil e o pastorzinho vagabundo da sua igreja. " Imediatamente os outros alunos aplaudem e apoiam o professor. Os outros alunos deliram quando o professor chama o pastor da igreja do jovem de "pastorzinho vagabundo". A classe dos professores é muito pouca criticada ,ofendida,desprezada,pelo contrário são ; elogiados e valorizados. Mas ! A classe de policiais, políticos,pastores encontra todo tipo de ofensa. Fico a imaginar se fosse o contrario. O pastor tivesse dito : o professorzinho vagabundo de sua escola. Qual teria sido a reação das pessoas ? E é justamente os esquerdistas que tanto pregam contra a discriminação,preconceito, intolerância e discurso de ódio. Por essa razão essa matéria da Folha Politica está super certa. http://www.folhapolitica.org/2018/04/hegemonia-do-politicamente-correto.html

    ResponderExcluir
  6. Um laboratório para testes balísticos e de equipamentos bélicos, não passa disso!!!

    ResponderExcluir

Esta seção é moderada conforme opção democrática do Blogger para limitar excessos e outros tipos de interferência na interação do público com este blog. Portanto, todas as opiniões, comentários e textos estão sujeitos à avaliação do moderador. Manifestações insensatas, tolas, ridículas e desrespeitosas não são bem-vindas neste blog. Opiniões sensatas são mais que bem-vindas. Aos que querem fazer cobranças neste espaço, é imprescindível a apresentação do perfil oficial. O moderador se reserva o direito de publicar ou não comentários de questionadores anônimos, sem nenhuma identificação válida e verificável.