26 de junho de 2017

O que os EUA ganharão engrandecendo a sodomia?


O que os EUA ganharão engrandecendo a sodomia?

Os EUA estão engrandecendo a sodomia. A sodomia engrandecerá os EUA?

Julio Severo
Nos Estados Unidos, desde seu nascimento, defender o casamento entre homem e mulher era normal. Defender o casamento entre um homem e outro homem era completamente anormal e abominável.
Aliás, por milhares de anos, essa foi a normalidade universal para sociedades saudáveis. Só sociedades doentes aceitavam a anormalidade homossexual, e não duravam muito.
Entretanto, hoje é diferente. Hollywood e boa parte do sistema americano, afrontando suas origens protestantes, impõe universalmente a anormalidade da homossexualidade como um exemplo positivo no mundo inteiro. A anormalidade homossexual tem sido generalizada na sociedade americana.
Empire State, antigo prédio que já foi o mais alto do mundo, honrando a sodomia
Nenhuma nação na terra vem engrandecendo tanto a sodomia quanto os EUA têm feito. Grandes instituições americanas, desde Hollywood até o Departamento de Polícia de Nova Iorque e até a Microsoft, Apple, Google, Amazon e outras empresas mega-capitalistas, estão engajadas em engrandecer a sodomia. (Até viaturas policiais de Nova Iorque têm honrado a sodomia.)
Viatura policial de Nova Iorque honrando a sodomia
Os EUA podem durar muito usando sua hegemonia e supremacia cultural, econômica e militar para engrandecer a sodomia?
Se você defende o casamento entre homem e mulher no Congresso dos EUA, você é rotulado de anormal e sua opinião pró-família é tratada como abominável na grande mídia americana. A capital dos EUA está abandonando o verdadeiro casamento e suas tradições, inclusive sua antiga tradição protestante de defesa do casamento e família.
Hotel de Trump em Chicago honrando a sodomia
Em contraste, Moscou, que em anos comunistas defendia o ateísmo e a destruição da família russa, vem lutando para resgatar a defesa do verdadeiro casamento e sua Igreja Ortodoxa Cristã.
Você pode ser moralmente linchado nos EUA se você protestar contra a anormalidade do “casamento” gay, principalmente no Congresso dos EUA. Você não é livre para tratar o “casamento” gay como anormal e criminalmente doente nos EUA. Mas você é livre para tratar o casamento natural como anormal.
Embaixada dos EUA na Índia honrando a sodomia
Em contraste, na Rússia se você protestar contra a anormalidade do “casamento” gay, principalmente no Kremlin, você não é moralmente linchado; você é louvado. Você é livre para tratar o “casamento” gay como anormal e criminalmente doente na Rússia. Mas você é não livre para tratar o casamento natural como anormal.
A Rússia não inventou a defesa do casamento natural. Está só continuando uma tradição longa e universal.
One World Trade Center honrando a sodomia
Os EUA não inventaram a defesa do “casamento” gay. Estão só defendendo o que antigas sociedades doentes foram incapazes de defender por muito tempo. Não faz mais nenhuma diferença: Com Obama e com Trump, os EUA engrandecem a sodomia.
Sodoma engrandeceu a sodomia, mas a sodomia não engrandeceu Sodoma.
A Bíblia diz:
“Não se deite com um homem como quem se deita com uma mulher; é repugnante.” (Levítico 18:22 NVI)
“O que aconteceu com Sodoma e Gomorra e as cidades próximas é um exemplo para nós do castigo de fogo eterno. As pessoas dessas cidades sofreram o mesmo destino que o povo de Deus e os anjos sofreram, pois cometeram pecados sexuais e se engajaram em atividades homossexuais.” (Judas 1:7 GWV)
A sodomia veio do “pecado de Sodoma” — a homossexualidade.
Consulado dos EUA no Japão honrando a sodomia
Os EUA, que tinham a Bíblia como seu principal Livro de orientação em seus primeiros dias, sabem que Sodoma foi julgada e destruída por Deus pelo pecado da sodomia e como exemplo para sociedades que desejassem engrandecer a sodomia.
Como o presidente Donald Trump espera engrandecer os EUA quando a sociedade e a cultura americana estão honrando o pecado que destruiu Sodoma?
“Faça a América Gay de Novo,” trocadilho de Trump de “Faça a América Grande de Novo”
Os EUA podem engrandecer a sodomia nacional e internacionalmente, e os EUA já estão fazendo isso por meio de Hollywood e do Departamento de Estado. Mas a sodomia nunca engrandecerá os EUA.
Se até mesmo a Rússia pode ter sua postura ortodoxa cristã contra o “casamento” gay, por que os EUA não podem ter sua postura protestante tradicional?
Os EUA não precisam seguir o exemplo russo antissodomia. Os EUA podem seguir o exemplo de George Washington e outros grandes líderes cristãos americanos que desprezavam a sodomia como repugnante.
Se os EUA querem ser grandes, deveriam desprezar o pecado de Sodoma como repugnante e seguir o Livro amado pelos primeiros americanos.
Com fotos do DailyMail.
Versão em inglês deste artigo: What Will America Gain by Making Sodomy Great?
Leitura recomendada:

10 comentários :

Flávio da Vitória disse...

Severo sendo Severo! rs

Jorge Santos disse...

Eu diria Severo sendo crente.

Marcelo Victor disse...

Será que estamos diante dois chifres da BESTA?
Li uma matéria bastante sugestiva sobre o outro poder, além dos EUA:
"O engano e o disfarce mais sutil é aquele usado pelas prostitutas, que usam a lisonja para desarmar e seduzir as suas vítimas (Pv 2:16; 5:3; 6:24; 7:5,21; 22:14).
A igreja de Roma é chamada, por muitos, de a GRANDE MERETRIZ, pois ela usa de mentiras e pretensões religiosas para enlaçar as suas vítimas (Ap 17:1-6; ITm 4:1-3; Mt 23:14).
Não acredite nas mentiras cuidadosamente apresentadas de que Roma deseja estar em paz com as outras denominações e religiões. Ela não está!".

Alexandre Sousa disse...

Gays são como as mariposas cegas pela "luz", porém arrogantes e vaidosas, voando rumo a destruição.

luciano betim disse...

O que os EUA ganharão engrandecendo a sodomia?

Bem, penso que devemos lutar e proteger nossas famílias e os bons costumes da ética e moral.

Por outro lado tenho a consciências de que nos últimos dias o o amor se esfriará e a devassidão tomara conta. Então não devemos nos assustar, mas permanecer firmes, sabendo que os sinais se cumprindo Jesus virá.

"O Espírito diz claramente que nos últimos tempos alguns abandonarão a fé e seguirão espíritos enganadores e doutrinas de demônios. Tais ensinamentos vêm de homens hipócritas e mentirosos, que têm a consciência cauterizada" (1 Timóteo 4:1,2)

"Pois virá o tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, sentindo coceira nos ouvidos, segundo os seus próprios desejos juntarão mestres para si mesmos. Eles se recusarão a dar ouvidos à verdade, voltando-se para os mitos". (2 Timóteo 4:3,4)

Cicero disse...

Então em breve... fogo e enxofre para os EUA assim como para Sodoma!

Enéas Oliveira disse...

As causas para a queda do Império Romano - declínio nos valores morais

Uma das principais causas para a queda do Império Romano foi o declínio da moral. O declínio da moral, especialmente dos ricos e classes superiores, nobreza e os imperadores, tiveram um impacto devastador sobre os romanos. Comportamento sexual imoral e promíscuo incluindo adultério e orgias. Imperadores como Tibério mantiveram grupos de rapazes para o seu prazer, o incesto por Nero, que também tinha um escravo homem castrado para que ele pudesse levá-lo como sua esposa, Heliogábalo que forçaram uma Virgem Vestal em casamento.Semelhantemente está acontecendo com Estados Unidos...

Marcelo Victor disse...

Por causa da intolerância religiosa, é possível que o terrorismo islâmico seja a bola da vez e o estopim para que se levante um líder mundial (um libertador), o qual livrará o mundo desses endiabrados, estabelecendo a PAZ e a SEGURANÇA.

Isso parece bastante plausível quando olhamos para o cenário mundial e assistimos claramente o surgimento de duas forças antagônicas, intolerantes e incapazes de conviver uma com a outra: a sodomia generalizada e o islamismo intolerante para com os homossexuais.

Penso que chegará um momento em que a população mundial será posta diante de uma escolha entre essas duas forças satânicas, e, pelo que tudo indica, o mundo optará pela sodomização em massa da sociedade, para se livrar do radicalismo islâmico e dos homens-bomba.

Até mesmo as religiões se alinharão às diretrizes do filho da perdição em nome da PAZ (como nos mostra o Livro de Daniel), obtendo liberdade para continuar enganando seus fiéis, numa santa aliança, liderada pela idolatria romana que ganhará posição de destaque na formação desse ARCO IRIS mundial.

Yoshimoto 87 disse...

HOMOSSEXUALIDADE NÃO É PECADO!

Thel Araújo disse...

Deus entregará os Estados Unidos às suas próprias maldades brevemente. Sai dele povo de Deus para que não seja contado nas suas transgressões.
Estados Unidos é a Grande Babilônia citada no Apocalipse.