11 de novembro de 2016

O Astrólogo Nunca Erra!


O Astrólogo Nunca Erra!

Julio Severo
Já pensou um astrólogo que numa partida entre Flamengo e Palmeiras diz, num momento, que o vencedor será o Flamengo, mas em outro assegura que será o Palmeiras? O mais bizarro não é uma aposta simultânea em dois times, mas a plateia aplaudi-lo depois com um estrondoso “O Astrólogo Tem Razão.”
A mesma bizarrice está acontecendo na política, esfera eternamente adorada pelos astrólogos. O grande palpiteiro brasileiro, que por razões astrológicas prefere viver como imigrante nos EUA, fez pelo menos três predições antagônicas sobre Trump e a Rússia.
Previsões do palpiteiro antes da vitória de Trump:
“Trump é um belicista louco que vai bombardear a Rússia.”
“Trump é um agente russo que vai despejar dólares sobre Moscou.”
Previsões do astrólogo logo depois da vitória de Trump:
“Uma aliança EUA-Rússia, hoje uma possibilidade efetiva, será a maior força político-militar que o mundo já viu. É óbvio que Trump e Putin estão pensando exatamente nisso.”
Qual dessas previsões vai funcionar? Não sei, mas em qualquer uma delas que se cumprir, os fãs de filosofia política astrológica vão gritar: “O Astrólogo Tem Razão.” Outros, mais apaixonadamente, dirão que “O Profeta Verdadeiro Tem Razão.”
Se a última “previsão” se concretizar, o astrólogo vai oficialmente introduzir Trump no tal “esquema russo-eurasiano-astral” de dominação global conforme previsto em seus mapas astrológicos neocons? Ele vai dizer que a dupla Trump-Putin vai impor o comunismo soviético no mundo?
Disparando em todas as direções possíveis, as “previsões” do astrólogo-filósofo dizem que a Rússia vai dominar o mundo, a Rússia vai ser bombardeada por Trump, a Rússia vai ser parceira de Trump, etc. Não importa o resultado. O importante é que no final “O Astrólogo Tem Razão.” Raciocínio da plateia dele (se é que existe essa capacidade ali): Se não dá para entender o conhecimento cósmico do “professor,” dá pelo menos para rir e achar graça. E dá também para retransmitir como papagaio.
A visão política-filosófica-astrológica dele é um espetáculo de confusões. Só muita hipnose e feitiço para impedir alguém de ver o óbvio, claro e cristalino.
Se der tudo errado, ele vai se autoglorificar dizendo que suas “previsões” acertaram e que enfim Trump entendeu que a Rússia é a maior ameaça do mundo. Se tudo der certo, ele vai também se autoglorificar dizendo que suas “previsões” acertaram e que enfim Trump entendeu que os tempos mudaram e a Rússia é hoje mais conservadora.
Contudo, para a esquerda, deu tudo errado. A Globo chamou a vitória de Trump de “retrocesso” em editorial e disse que os EUA, com Trump, se juntam aos “reacionários contra a globalização, incluindo a Rússia de Putin.”
O que gosto em Trump é sua guerra contra os neocons. Quer os seguidores do astrólogo consigam enxergar ou não, a visão geopolítica dele é basicamente neocon. E quer o astrólogo goste ou não, foram os evangélicos que colocaram Trump na Casa Branca.
O astrólogo imigrante nos EUA adora proclamar que a maior força do conservadorismo é ele e, em segundo lugar, o catolicismo, quando na realidade pesquisas já comprovaram que a maior força conservadora do Brasil são os evangélicos e a maior força conservadora dos EUA são os evangélicos. Deus está usando os evangélicos, mas o astrólogo está usando… qualquer um que lhe dê atenção. No que se refere à onda conservadora, ele busca tirar Deus de seu trono e colocar a si mesmo.
Sua insistência de defender o revisionismo da Inquisição o coloca na má companhia de lunáticos que defendem o revisionismo do Holocausto e outros genocídios.
Ele só escapa de uma camisa-de-força porque suas “previsões” político-astrológicas divertem muito mais do que palhaços em seus shows circenses. Sua eterna boca suja entretém o lado mais podre de brasileiros acostumados ao lodo da política brasileira.
Nos EUA, onde boca porca é totalmente inaceitável entre conservadores, o astrólogo acabaria num sanatório, se se aventurasse a exibir nos EUA os mesmos palavrões que ele fala num Brasil habituado a esgoto bucal por todos os lados. Cristão conservador americano nada vê de engraçado ou divertido em palavrões. Só brasileiro moralmente analfabeto ri com palavreado de boates e botecos.
Não é preciso ser astrólogo para prever que um imigrante brasileiro boca suja se dará muito mal se falar palavrões normalmente entre conservadores americanos. A integridade moral do conservador americano não está aberta a risos nem apostas. Nas outras coisas, o astrólogo pode apostar e vencer tudo — entre brasileiros de mentalidade e moral rasa.
Se você fizer uma aposta com o astrólogo e pedir que ele escolha cara ou coroa com a moeda que você vai jogar para cima, a escolha infalível dele será “cara e coroa”!
Resposta final dele para você: “Eu não lhe disse que minhas previsões sempre acertam?”
Ele não erra e nem dá para errar. É impossível, pois, não concluir que “O Astrólogo Tem Razão”!
De fato, feitiço e hipnotismo funcionam para quem gosta de ser enfeitiçado e hipnotizado, seja pela filosofia ou palpites geopolíticos astrais.
Leitura recomendada:

10 comentários :

Jefitor Caetano disse...

Olá, parabéns pelo Blog! Excelente entendimento. Tudo para Honra e Glória do Senhor.
Criei um Blog, se vc puder fazer uma visita e dar uma força, agradeceria muito!
Graça e paz, e que que Deus continue te abençoando.

http://jesuseuacredito.blogspot.com.br/

William Riga disse...

Julio, a sua análise está perfeita! E olha que nem sou evangélico, mas concordo totalmente com as suas opiniões!

Unknown disse...

Muito bom. Ja fui um "ouvinte" do Olavo de Carvalho via youtube, mas depois de um tempo começa-se a ver que nem tudo que ele fala lhe agrade. Mesmo sabendo que foi um feiticeiro/astrólogo, no começo pensava: "ah, foi uma fase dele. Hoje ele é cristão". Mas depois de ler diariamente o Blog Julio Severo, que vimos que esse falatório dele que não agrada foi devidamente explicado pelo Júlio. Hoje minhas leituras diárias são Julio Severo, Critica Nacional e o Rodrigo Constantino que apesar de se autodeclarar "um liberal", já falou a mesma coisa que o Julio: "os evangélicos hoje são a verdadeira camada conservadora da sociedade, são eles que desaprovam politicas esquerdistas como aborto, liberação de drogas, casamento de pessoas do mesmo sexo, etc".

Ralf Yuri disse...

Julio, existem tantos motivos para criticar o 'astrólogo" mas você o critica pelos motivos errados.
Eu não o critico porque prefiro reconhecer sua contribuição no combate ao comunismo.
O "astrólogo" disse a algum tempo que a mídia estava mentindo pois Trump era favorito.
Por quê você não o critica pela 'simpatia " que ele tem pela maçonaria?
Abraço.

Julio Severo disse...


Yuri, você cita a suposta contribuição do Olavo no combate ao comunismo. No início, isso parece bom. Mas depois quando você começa a examinar como ELE USA TAL COMBATE para proselitismo ocultista, tudo fica suspeito. A base da luta anticomunista do Olavo NÃO É O EVANGELHO. A base dele é a Escola Tradicionalista do bruxo islâmico René Guénon. Esse bruxo era anticomunista. Se você acha impossível um bruxo ser anticomunista, saiba que Hitler tinha um discurso anticomunista que em nada é diferente do discurso do Olavo. Com tal discurso anticomunista, Hitler ganhou a Direita alemã e assim ganhou as eleições na Alemanha. Clique aqui para conferir o discurso anticomunista de Hitler:

O antimarxismo estridente de Hitler

Enquanto a base do Olavo contra o comunismo é a Escola Tradicionalista do bruxo islâmico René Guénon, ele não vem atraindo nenhum tipo de hostilidade da Esquerda americana, apesar de que ele vive há mais de dez anos nos EUA. A minha base anticomunista é a mesma base americana: CRISTÃ EVANGÉLICA. Abomino o comunismo e o ocultismo. Desde que comecei a escrever mais frequentemente em inglês, o Observatório da Direita, que pertence à People for the American Way, uma das maiores entidades esquerdistas dos EUA, vem me atacando publicamente nos EUA. De acordo com o WND, um dos maiores sites conservadores do mundo, People for the American (PFAW) é “uma organização socialista ateísta que, por meio de publicações como seu ‘Right Wing Watch’ [Observatório da Direita] se dedica à destruição dos conservadores em geral.” Tenho sido alvo deles várias vezes, conforme você pode verificar neste link:

Observatório da Direita, da entidade esquerdista People for the American Way, está atrás de Julio Severo, de novo…

Se o Olavo de fato se dedicasse a atacar a Esquerda do jeito que ele ataca a Direita, talvez o nome dele um dia venha constar na lista negra de Right Wing Watch. Por enquanto, sou, há um bom tempo, o único brasileiro nessa lista, que já me expôs em vários sites esquerdistas americanos, que não medem esforços nos ataques.

Portanto, é errado dizer que Olavo só ataca a Esquerda. Ele ataca qualquer um que estiver no caminho das ambições dele. Por isso é que ele ataca tanta gente da Direita.

Davi de Jesus disse...

Pior são os seguidores dele "Olavo tem razão" "Olavo mito" só falta falar "Olavo é nosso Deus"

Davi de Jesus disse...

Hoje o bruxo Olavo reconhece a melhor dupla do mundo Trump e Putin!

J.M Lou disse...

Mas Júlio, ele era seu amigo!Voce falou bem dele já, esqueceu?

Julio Severo disse...

J.M. Lou: Eu nada sabia sobre o bruxo islâmico René Guénon, porque nunca segui as recomendações literárias do Olavo. Mas quando ele começou a desculpar alucinadamente a Inquisição, e ainda por cima ME XINGAR E ATACAR SEM PARAR DURANTE TRÊS ANOS POR EU DISCORDAR DELE NESSA QUESTÃO, vi um sinal de perigo e comecei a pesquisar profundamente a Inquisição e os livros recomendados pelo Olavo. Acabei vendo também outros sinais de perigo. Faraó foi uma bênção para Israel quando José estava no Egito. Nessa época, o povo hebreu apoiava o faraó. Mas quando faraó começou a hostilizar o povo hebreu, acabou a amizade. Simples assim. E olha que faraó era tratado como um deus.

Leonardo Melanino disse...

Ó-Cê tornou-se um fanático, um lunático nestes últimos tempos, pois parte para ataques pessoais e grosserias. Eu, como Cidadão Brasileiro, posso discordar de JS em algos, mas nem por isso o ataco, o insulto, incipientemente torpemente. Sou totalmente contra as cristianizações (santificações) do Mundo e contra as paganizações da Igreja de Cristo. Também sou contra os proselitismos, também chamados de "pescas nos aquários alheios" e contra os fanatismos. Também sou contra quaisquer extremos, como absolutismos/relativismos, anarquias/totalitarismos, bioquices/licenciosidades, globalismos/ultranacionalismos, ilegalismos/legalismos, imoralismos/moralismos, sacrilégios/santimônias, ultraconservadorismos/ultraliberalismos e outros. Então, aviso todos que tudo na vida tem limites, pois tudo que é carencial ou excessivo nos faz mal.