26 de março de 2016

Apóstolos lançam manifesto sobre jejum e oração pelo Brasil


Apóstolos lançam manifesto sobre jejum e oração pelo Brasil

Comentário de Julio Severo: Estou reproduzindo e divulgando no meu blog o manifesto de apóstolos por conter, mais que os outros, referências a jejum e oração. Mas, a exemplo dos outros manifestos, não citou a TMI (Teologia da Missão Integral) como a principal ideologia que move os evangélicos favoráveis ao governo do PT. Nesse sentido, como muitos outros manifestos, o manifesto apostólico depõe contra si mesmo ao pedir literalmente que “os responsáveis por crimes contra a Nação devam ser identificados e responsabilizados,” mas sem identificar a TMI ou pedir que seus promotores, que são grandes aliados do PT, sejam identificados. Aliás, um dos assinantes do manifesto apostólico é uma mulher que atua como cabo-eleitoral informal de Marina Silva, uma personalidade de destaque em eventos da TMI. Condenar o PT agora e eleger Marina depois é sair de um buraco e cair em outro. Destaco, porém, que entre os assinantes há líderes contra a candidatura de Marina. Mas o manifesto, que ganhou muito ao pedir jejum e oração, perdeu uma grande oportunidade de condenar publicamente a TMI. Eis o manifesto apostólico:

Manifesto à nação brasileira do Conselho Apostólico Brasileiro

Em face dos recentes acontecimentos no cenário político nacional, o CAB (Conselho Apostólico Brasileiro), constituído em 07 de março de 2005 e composto por líderes cristãos evangélicos que assinam o presente documento, juntamente com demais pastores, líderes e cristãos que há anos oram pelo Brasil e prestam relevante serviço em favor de nossa nação, buscando contribuir com a sociedade, a cultura, e o futuro do Brasil, torna público por meio deste manifesto seu posicionamento em relação ao contexto atual, conclamando a Igreja brasileira para jejum e oração.
Estamos absolutamente convictos de que o Senhor, nosso Deus, reina o tempo todo, sobre tudo e todos, sem perder o controle, pois “o governo está sobre Seus ombros” (Isaías 9:6). Cremos que Ele governa as nações e todo o Universo (Salmo 103:19), estabelece e remove reis e governos (Daniel 2:21), que a resposta certa e a solução necessária vêm do Altíssimo (Provérbios 19:21; Salmo 121:2) e que, se orarmos, Ele sarará a nossa terra (II Crônicas 7:14; Tiago 5:16 c).
Entendemos a importância do envolvimento de todos num esforço conjunto pelo bem da nação, das famílias e cidadãos brasileiros, em defesa dos destinos de nossa Pátria, do restabelecimento da ordem, da unidade nacional, da justiça e da paz (Romanos 14:17; Mateus 6:10), sem ignorar nosso papel profético, informativo, e educacional nos púlpitos a nós confiados pelo Senhor.
Todos, portanto, no temor do Senhor, declaramos que: 
·         Cremos na Igreja como Corpo de Cristo, que é sua Cabeça, Senhor e Salvador, e que ela, por esta razão, vive e sempre existiu sob regime Teocrático e nunca sob a influência de qualquer ideologia política (Efésios 1:22; I Coríntios 12:27; Efésios 5:23), não podendo, portanto, aderir a nenhuma ideologia contrária à fé cristã, ser indiferente diante da corrupção, da degradação da moral, da banalização da  ética e do decoro, e a leis que ferem a justiça social como um todo e contrariam princípios da Constituição Federal.
·         Cremos que, como cidadãos brasileiros, independentemente de nossa confissão religiosa, temos o direito e dever de participar da vida e das decisões políticas que determinam o destino da Nação.
·         Repudiamos todo silêncio por parte das esferas políticas e religiosas que ignoram a presente crise sócio-econômica que a Nação enfrenta pela carência de governo justo, bem como o posicionamento, ainda que dissimulado, favorável a ideologias iníquas, por parte de determinada vertente evangélica.
·         Repudiamos toda declaração e orientação que nominalmente reivindica justiça bíblica, mas que essencialmente camufla a defesa da injustiça instaurada.  
·         Repudiamos toda prática de corrupção, de omissão e manipulação da verdade, de iniquidade, de cleptocracia, abuso de poder, e toda forma de idolatria ao Estado.
·         Repudiamos toda elaboração e defesa de leis contrárias à família, à infância, à mulher, à moral e à decência.
·         Repudiamos os desvios de verba pública e os desmandos nas esferas de governo que fortalecem a desigualdade social enquanto aumentam a pobreza, e o descaso para com as áreas da saúde, segurança pública, e educação.
·         Repudiamos toda ação e tentativa de calar a voz da Igreja Cristã, toda intimidação e tentativa de impedir a nossa participação na vida política da Nação, iniciativas para torcer nossa fala e reais intenções relacionadas à mensagem do Evangelho à esfera pública em defesa da família, da infância, da moral, da coerência e do bom senso.
·         Repudiamos toda tentativa e ação de obstrução à execução da lei e às investigações de crimes denunciados contra a Nação, o patrimônio público, a Democracia e o povo brasileiro.
·         Repudiamos a cultura da impunidade, inaceitável em qualquer Nação Democrática, porém visível no cenário nacional. Defendemos que a Justiça e a Lei devam ser aplicadas em todos os casos e que nenhum cidadão deve estar acima delas.  
·         Repudiamos toda ameaça à paz, à estabilidade da Nação, e à segurança da população.
·         Repudiamos toda ação e tentativa de desarmonizar o Executivo, o Legislativo, o Judiciário, a Polícia Federal, e o Ministério Público, bem como ações e tentativas de usurpar ou obstruir sua autonomia.
·         Repudiamos todo plano e ação do engano e da mentira, com o fim de provocar rupturas na unidade da nação e da Igreja de Cristo no Brasil, assim como, repudiamos o uso da manipulação desavergonhada para a manutenção do poder a qualquer custo.
·         Não incentivamos o ódio, quaisquer posturas discriminatórias nem violência. Motivamos a oração e o jejum como instrumentos de ação espiritual daqueles que sabem que o Senhor julga a causa do necessitado e a injustiça dos que governam (Isaías 3:13; Salmo 96:13; Salmo 140:12).
·         Apoiamos a continuidade das investigações sobre corrupção, bem como as que já se realizaram até o momento.  Defendemos que o povo brasileiro tem direito a informação, e que os responsáveis por crimes contra a Nação devam ser identificados e responsabilizados sob as penas da lei.
·         Compreendemos que, a respeito do cenário nacional atual, o que há por trás de tudo o que nossos olhos têm visto e os nossos ouvidos têm ouvido é uma forte batalha espiritual pelo controle do País. Há oposição espiritual às promessas de Deus que permanecem vigentes em favor do Brasil (Isaías 55:11; Jeremias 29:11). Cremos que nosso País atravessa um período de juízo, mas que toda correção Divina produz frutos de justiça e paz (Hebreus 12:11). Cremos também que nossa luta não é contra carne e sangue, mas contra principados e potestades (Efésios 6:10), mas que o Brasil pertence ao Senhor Jesus Cristo, por direito de criação e redenção, e que por isso, o Todo-Poderoso por fim se levantará e responderá a nossas preces.
Finalmente, irmãos e cidadãos, convocamos todos para que sejam reforçadas as orações e os jejuns em favor do Brasil. Que todos nós, cristãos e cidadãos brasileiros que cremos em Jesus Cristo, exerçamos nossa cidadania à luz das Sagradas Escrituras, engajados no labor da súplica, do quebrantamento e da fé, certos de que o Senhor Deus não trabalha com planos alternativos. Seus propósitos e promessas permanecem firmes e fiéis, assim como suas mãos, estendidas para salvar. Nosso Deus nos ouvirá e, no tempo devido, responderá com graça e misericórdia. Não percamos, pois, a esperança. Toda batalha espiritual nos leva a vitórias quando o Senhor está no comando. E Ele está!  
Mobilizemo-nos em fé, humilhemo-nos diante da potente mão do Senhor, e geremos, juntos, um real avivamento do Espírito Santo que provoque transformações visíveis e irreversíveis.
“Seja Deus gracioso para conosco, e nos abençoe, e faça resplandecer sobre nós o seu rosto; para que se conheça na terra o Teu caminho e, em todas as nações, a Tua salvação.” (Salmo 67:1, 2)
Pelo CAB e pelo Brasil,
Arles Marques – Comunhão Cristã – Igreja Apostólica. RAMC – Rede Apostólica de Ministérios Cristãos. – São Paulo/SP
Dawidh Alves – Igreja da Adoração – Rede Tabernáculos Brasil – São Paulo/SP
Ebenézer Nunes – Igreja Apostólica Batista Viva – Recife/PE
Francisco Nicolau – Igreja Batista das Nações – REBRAMIC – Rede Brasileira de Ministérios Cristãos – Valinhos/SP
Hudson Medeiros – Ministério O Renovo – Brasil de Joelhos – Brasília/DF
Jesher Cardoso – Missão Shekinah – Rede Apostólica da Aliança – São Paulo/SP
Joaquim José – Igreja Batista do Campos dos Afonsos – Rio de Janeiro/RJ
Luiz Scultori Júnior – Ministério Apostólico Terra Santa – Niterói/RJ
Neuza Itioka – Ministério Ágape Reconciliação – São Paulo/SP
Paulo Tércio – Igreja Apostólica Novidade de Vida – São Paulo/SP
Paulo de Tarso – Igreja Betlehem – Casa Apostólica Betlehem – São Paulo/SP
Rinaldo Seixas – Igreja Bola de Neve – São Paulo/SP
Sinomar Fernandes – Ministério Luz para os Povos – Goiânia/ GO
Valnice Milhomens – Igreja Nacional do Senhor Jesus Cristo – Brasília/DF
Divulgação: www.juliosevero.com
Leitura recomendada:
Leitura recomendada sobre TMI (Teologia da Missão Integral):
Sobre os protestos e crise brasileira:

17 comentários :

Anônimo disse...

Luciano Betim

Não concordo que hajam apóstolos hoje (como os 12 que são únicos e tem seus nomes no muro da cidade [Ap 21.14]), mas estou com eles na necessidade de ramos pela nação.

Deus os abençoe

Noel Gomes disse...

A palavra apóstolo que dizer mensageiro ou enviado por Jesus, ou seja, todo cristão em suma é um apóstolo, portanto não seria necessário ninguém usar a palavra apóstolo como uma espécie de cargo tendo em vista que tecnicamente todo cristão é um apóstolo.
O problema que essas pessoas se proclamam Apóstolos no intuito de serem um espécie de continuação dos doze e isso é inadmissível, Jesus comissionou 12 apóstolos mais Paulo e lhes deu uma missão, o último morreu a quase 2 mil anos e acabou. Hoje todos somos apóstolos por que somos mensageiros de Cristo, e não como continuação dos doze mais Paulo.
Acho que deveria ser entendido dessa forma, apóstolo com letra minúscula, todo cristão.
Apóstolo com letra maiúscula, os doze mais Paulo, homens comissionados por Cristo para iniciar a pregação do evangelho e fundar a igreja de Cristo.

Anônimo disse...

Notícias animadoras contra a TMI:
http://exateus.com/2016/03/26/colegiado-americano-de-pediatria-aponta-os-efeitos-nocivos-da-ideologia-de-genero-na-saude-fisica-e-mental-de-criancas-e-adolescentes/

marcelo victor disse...

Que coisa mais esquisita esse negocio de manifesto pra lá e manifesto pra cá, nunca vi isso, parece a mais nova arma midiática...vamos ver onde isso vai dar, pois, conforme a matéria, parece que tem fogo amigo e fogo inimigo no mesmo manifesto. Muito estranho!!!

Seria uma das faces da luta de classes, ou seja, o golpe de dividir pra governar? Seria uma maneira de mostrar serviço pra manter o pão com mortadela? Seria parte de uma propaganda política?

marcelo victor disse...

Os apóstolos lançaram um manifesto PERFEITO e SUFICIENTE, há quase 2 mil anos atrás, chamado Novo Testamento.

O problema é que os homens não o aceitam como Palavra de Deus e querem ver os seus nomes figurando em documentos públicos que lhes tragam notoriedade, pois amam a gloria deste mundo...bando de hipócritas!!!

Anônimo disse...

Antes este manifesto do que aquele outro da TMI...mas, mesmo assim, estou com uma pulga atrás da orelha com tudo isso. Esquisitice!!!

Anônimo disse...

Nessa briga por audiência e fama, esse fulanos não têm vergonha de criar ministérios e avocar para si autoridade que não lhes foi dada por Deus. Aliás isso não nos surpreende, pois já surgiram falsos cristos:

Século 19
John Nichols Thom (1799-1838), rebelde contra o governo, dizia ser o “salvador do mundo” e a reencarnação de Jesus Cristo em 1834. Foi morto por soldados britânicos na Batalha de Bossenden Wood, em 31 de maio de 1838 na cidade de Kent, Inglaterra.
Arnold Potter (1804-1872), apostatou da Igreja dos Santos dos Últimos Dias líder (mórmons), Afirmava que o espírito de Jesus Cristo entrou em seu corpo e ele se tornou “Potter Cristo”, Filho do Deus vivo. Morreu numa tentativa de “subir ao céu” ao pular de um penhasco.
Bahá’u’lláh (1817-1892), nascido numa família muçulmana xiita, em 1844 afirmou ser o cumprimento profetizado e Prometido de todas as grandes religiões. Ele fundou a Fé Bahá’í em 1863, que tem seguidores até hoje em todo o mundo.
William W. Davies (1833-1906), líder da seita Reino dos Céus localizado em Walla Walla, Washington (1867-1881). Ele ensinava a seus seguidores que era o arcanjo Miguel, mas já havia vivido como Adão, Abraão e Davi. Quando seu filho Arthur nasceu, em 11 de fevereiro de 1868, Davies afirmou que a criança era a reencarnação de Jesus Cristo. Quando David, o segundo filho de Davies, nasceu em 1869, ele passou dizer que era Deus, o Pai.
Mirza Ghulam Ahmad, (1835-1908), natural da Índia afirmou ser o aguardado Mahdi, bem como a segunda Vinda de Jesus, o Messias prometido no final do tempo. Ele foi a única pessoa na história islâmica que alegava ser ambos. Afirmava ser Jesus, no sentido metafórico, em caráter. Fundou a Movimento Ahmadiyya em 1889, alegando ser comissionado por Deus para reformar a humanidade.
Lou de Palingboer (1898-1968), fundador e líder de uma seita da Holanda, que dizia ser “o corpo ressuscitado de Jesus Cristo.”

(continua...)

Anônimo disse...

(continuação...)

Século 20
Haile Selassie I (1892-1975) não dizia abertamente ser Jesus, mas o movimento Rastafari, que surgiu na Jamaica durante os anos 1930, acredita que ele é a Segunda Vinda . Incorporou isso quando se tornou imperador da Etiópia em 1930, defendendo ser a confirmação do retorno do Messias no Livro de Apocalipse. Também é chamado de Jah Ras Tafari, e os seguidores do movimento Rastafari dizem que ele deve retornar uma segunda vez para iniciar o dia de julgamento. A seita continua crescendo em parte graças a grupos de reggae, e teria cerca de um milhão de seguidores.
Ernest Norman (1904-1971), um engenheiro elétrico que fundou a Academia Unarius de Ciência, em 1954, Dizia ser a encarnação terrena de um arcanjo chamado Raphiel, mas já vivera na terra como outras figuras notáveis, incluindo Confúcio, Sócrates e Jesus. Faleceu em 1971, mas a Unarius ainda se mantém e oferece terapia de vidas passadas para curar todo tipo de mal.
Krishna Venta (1911-1958), fundados da seita Fonte de sabedoria, conhecimento, fé e amor, na Califórnia, no final de 1940. Em 1948, declarou que ele era o Cristo, o novo messias e que chegou à Terra vindo do planeta Neophrates, já extinto. Foi assassinado dois ex-seguidores descontentes que o acusavam de Venta mau uso do dinheiro da seita e de ter abusado de suas esposas.
Ahn Sahng-Hong (1918-1985), sul-coreano que fundou a Igreja de Deus Nova Aliança da Páscoa em 1964, que se tornou a Sociedade Missionária Mundial de Deus. Ele seria a Segunda Vinda de Jesus e depois passou a se declarar o próprio Deus Pai.
Sun Myung Moon (1920-2012), mais conhecido como Reverendo Moon, fundador da Igreja da Unificação. Ensinava ser o Messias e a Segunda Vinda de Cristo, cumprindo a missão inacabada pelo Jesus bíblico. Os membros da Igreja da Unificação ainda consideram Sun Myung Moon e sua esposa, Hak Ja Han, os Verdadeiros Pais da humanidade, Adão e Eva restaurados à sua plenitude.
Jim Jones (1931-1978), fundador do Templo dos Povos. Inicialmente um líder protestante, passou a se dizer reencarnação de Jesus, Akhenaton , Buda e o Divino Pai. Alegando perseguição religiosa nos EUA, levou seus seguidores para Jonestown , Guiana, onde organizou um suicídio coletivo dia 18 de novembro de 1978.
Marshall Applewhite (1931-1997), fundador da seita Portão do céu, usou a internet para se declarar Jesus Cristo e reunir seguidores. Todos cometeram suicídio coletivo dia 26 de março de 1997, quando passou pela Terra o cometa Hale-Bopp . Eles acreditavam que iriam se encontrar com ele no céu, pois na verdade seria uma nave espacial que veio buscá-los.
Wayne Bent (1941 -), seu verdadeiro nome é Michael Travesser. Fundador da Igreja o Senhor é Nossa Justiça. Ele afirma: “Sou a personificação de Deus, sou a divindade e a humanidade combinado”. Iniciou seu seita em 1989, quando convenceu alguns adventistas a abandonarem a igreja e segui-lo numa vida sem pecados. A partir de 2000 disse ter ouvido Deus dizer: “Você é o Messias”. Foi condenado à prisão em 15 de dezembro de 2008, por abuso sexual de menores.
Ariffin Mohammed (1943 -), também conhecido como “Ayah Pin”, fundou a seita Reino dos Céus, na Malásia , em 1975, logo proibida pelo governo. Ele afirma a seus seguidores ter contato direto com os céus, sendo considerado a encarnação de Jesus, bem como de Shiva, de Buda e de Maomé.
Matayoshi Mitsuo (1944 -), um político conservador japonês, que em 1997 criou a Partido Mundial da Comunidade Econômica, com base em sua convicção de que ele é Deus e Cristo. De acordo com seu programa, ele fará o último julgamento como Cristo, mas dentro do sistema político atual.
José Luis de Jesús Miranda (1946 – 2013), porto-riquenho fundador e líder da Igreja Crescendo em Graça. Afirma que o Cristo ressuscitado se apossou do seu corpo em 1973, quando 2 espíritos lhe avisaram disso. Anunciou que passaria por uma grande transformação em 2012, tornando-se imortal. Sua morte em decorrência de um câncer não é confirmada pela igreja que conta com 710 centros de culto em 25 países.

(continua..)

Anônimo disse...

(continuação...)


Inri Cristo (1948 -), um astrólogo brasileiro que afirma desde 1969 ser o segundo Jesus reencarnado. Vive em Brasília, considerado por ele e seus discípulos como a “Nova Jerusalém” mencionada no Apocalipse.
Shoko Asahara (1955 -), fundou o controverso japonês grupo religioso Aum Shinrikyo , em 1984. Ele declarou ser “o Cristo” e ” Cordeiro de Deus “. Seria o único só mestre do Japão plenamente iluminado. Divulgou uma profecia sobre o fim do mundo, que incluiu uma Terceira Guerra Mundial, que terminaria em um bombardeamento nuclear. A humanidade iria acabar, exceto para os poucos que seguissem a Aum. Ficou famoso quando realizou o ataque com gás sarin no metrô de Tóquio em 1995. Desde então está preso e foi condenado à morte, mas ainda aguarda a execução.’
David Koresh (1959-1993), nascido Vernon Wayne Howell, foi o líder da seita “Davidiana” com sede em Waco, Texas. Em 1983 começou a dizer que era o último profeta e “o Filho de Deus, o Cordeiro”. Reuniu seus seguidores e um grande arsenal em uma fazenda, em 1993. O FBI invadiu o local, numa operação que terminou com um incêndio da sede do grupo. Além de Koresh, morreram 54 adultos e 21 crianças.
Hogen Fukunaga (1945 -), fundador no Japão, em 1987, a Ho No Hana Sanpogyo , conhecida como seita da “leitura do pé”. Ele diz ter passado por uma experiência espiritual quando descobriu ser a reencarnação de Jesus Cristo e de Sidarta Gautama, o Buda.
Marina Tsvigun (1960 -), ou Maria Devi Christos, líder da Grande Fraternidade Branca . Em 1990, ela conheceu Yuri Krivonogov, que passou a afirmar que Marina era um novo messias e mais tarde se casou com ela.
Sergey Torop (1961 -), um ex-guarda de trânsito russo, que afirma ter “renascido” como Vissarion, Jesus Cristo embora ressalte que ele não é “Deus”, mas a ” palavra de Deus “. Fundou a Igreja do Último Testamento. Em 1990 mudou-se para o sul da Sibéria, onde vive com seus discípulos na comunidade espiritual Tiberkul Ecopolis. Ele tem várias esposas e diz ter 10 mil espalhados pelo mundo.

Século 21
David Shayler (1965 -) é um inglês, ex-agente do serviço secreto MI5 que, no verão de 2007, proclamou ser o Messias. A “descoberta” da nova identidade veio após o consumo de cogumelos alucinógenos. Afirma que um espírito apareceu e lhe deu a notícia. `Passou então a andar apenas com roupas brancas e sem sapatos. Defende o uso de drogas como algo espiritual. Lançou uma série de vídeos no YouTube onde afirma ser Jesus. Vive com alguns seguidores numa comunidade seminômade, ocupando casas vazias em Londres ou no interior da Inglaterra. Ele afirma ter um “lado mulher” e assume por vezes a personalidade de Delores Kane. Explica que não se trata de homossexualidade. “É como balancear as coisas [os lados feminino e masculino], como se eu pudesse esquecer quem sou “, justifica,
Oscar Ramiro Ortega-Hernandez (1990 -). Em novembro de 2011, disparou nove tiros com um rifle AK-47 contra a Casa Branca, em Washington. Dizendo ser Jesus Cristo, disse que foi enviado para matar o presidente Barack Obama, que seria o Anticristo.
Alan John Miller (1962 -), mais conhecido como AJ Miller. Australiano, é um ex- Testemunha de Jeová e líder do movimento Verdade Divina. Miller afirma ser Jesus Cristo reencarnado e quer espalhar mensagens que ele chama de “Verdade Divina”. Ele faz vários seminários sobre o tema e usa várias formas de mídia, principalmente a internet. Vive com Mary Suzanne Luck, que seria o retorno de Maria Madalena a Terra.

Pastor Raimundo (Igreja do Evangelho Quadrangular) disse...

Respondendo a todos que puseram seus comentários aqui,

Sei que este comentário que eu vou postar aqui é repetido (muitos podem até me censurar por isso). Mas devido ao teor deste artigo, me sinto obrigado a bater novamente na mesma tecla. Pode ser que o que eu diga aqui não seja muito pertinente (ou muito apropriado) para o assunto deste artigo, mas eu vou dizer exatamente o que eu penso (me corrijam se eu estiver errado):

Não seria nenhum exagero se alguém dissesse que a humanidade, em sua grande maioria (99,9%), já perdeu por completo o temor a Deus. Aliás, a própria Bíblia afirma isso com autoridade quando diz que "o mundo jaz no maligno" (1 João 5:19).

Por mais que se pregue o evangelho para muitos pecadores (e por mais que se fale a eles sobre a necessidade de santificação e arrependimento), a verdade nua e crua é que o mundo, por já estar totalmente corrompido pelo pecado, jamais vai viver de acordo com os princípios cristãos. Em outras palavras: O MUNDO NUNCA VAI QUERER OBEDECER À PALAVRA DE DEUS! Muitos podem crer ou não, mas serão pouquíssimos os salvos no dia da volta de Jesus!

E não venha nenhum pregador dizer que tudo está em paz, e que vamos estabelecer o reino de Deus aqui na Terra (ou até mesmo que vamos ganhar o Brasil para Jesus). Podem dizer e fazer o que quiserem para tentar enganar o povo ignorante, mas a sentença que virá sobre a atual geração de todo o planeta (e também do Brasil) já foi proferida há mais de 2.000 anos atrás por homens santos que, ao contrário de muitos dos dias de hoje, temiam e serviam ao Deus da Bíblia. Podem inventar mil e uma teorias (ou até mesmo fazer mil e uma pregações), mas isto não vai mudar o futuro (e nem tampouco fazer com que Deus mude Seus planos). O que Deus determinou na Sua Palavra nunca voltará atrás. O próprio Deus não deixa nenhuma dúvida quanto a isso:

"Assim será a palavra que sair da Minha boca: ela não voltará vazia para Mim; antes fará o que Me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei" (Isaías 55:11)


Ao invés de ser pregada a verdade sobre a justiça de Deus, muitos pregadores preferem falar o que todos querem ouvir. Preferem a popularidade dos homens (e não o compromisso com o Reino de Deus). Preferem agradar ao mundo (ao invés de agradar a Deus). Enfim, preferem estar nas trevas (quando deveriam ser luz). Mal sabem eles que o fim de toda esta maldade virá em breve, como garantiu o profeta Malaquias:

"Pois eis que vem o dia, e arde como fornalha. Todos os soberbos e todos os perversos serão como a palha. O dia que vem os abrasará, diz o Senhor dos Exércitos, de sorte que não lhes deixará nem raiz e nem ramo" (Malaquias 4:1)

De uma coisa eu tenho plena, total, convicta, e absoluta certeza: Jesus virá um dia para julgar a tudo (e a todos). Ele próprio confirma isso na Sua Palavra:

"Não seles as palavras da profecia deste livro, pois o tempo está próximo. Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, que se suje ainda mais; e quem for justo, procure se manter justo; e quem é santo, continue a se santificar. Eis que Eu venho sem demora, e tenho Comigo o Meu galardão para dar a cada um segundo a sua obra. Eu sou o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim, o Primeiro e o Derradeiro. Bem–aventurados aqueles que lavam as suas vestes no sangue do Cordeiro, para que possam ter direito à árvore da vida, e para que entrem na cidade pelas portas. Ficarão de fora os cães, os feiticeiros, os idólatras, os homicidas, os que se prostituem, e todo aquele que ama e pratica a mentira. Eu, Jesus, enviei o Meu anjo para vos testificar estas coisas nas igrejas; Eu sou a raiz e a geração de Davi, a resplandecente estrela da manhã" (Apocalipse 22:10–16)

Finalizo minha mensagem com este alerta do apóstolo Paulo:

"Cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus" (Romanos 14:12)

P.S: Se alguém daqui se manifestar, esteja à vontade

Anônimo disse...

"Repudiamos toda elaboração e defesa de leis contrárias à família, à infância, à mulher"

Lei contrária a mulher?
Como assim?
E as leis claramente anti homem, que os põe como agressores?
E as leis que falam que é "favor da mulher", e são a favor do aborto?
E as leis que são "a favor da mulher", e na verdade é mais intervencionismo do governo no mercado de trabalho?

Anônimo disse...

Feminismo é do capeta, criado para destruir a família!!!

Anônimo disse...

Enquanto esses apóstolos fraudulentos ficam chovendo no molhado, Malafaia rasga o verbo:
https://noticias.gospelprime.com.br/lula-faz-inveja-ao-diabo-silas-malafaia/

Se ele se candidatasse a qualquer cargo público, eu votaria nele, pois a coisa não muda e os políticos são sempre os mesmos.

Valeu Malafaia!!!

Anônimo disse...

Como entender alguém que se diz cristão e se alia com satanicos abortistas e apoiadores da sodomia?
https://noticias.gospelprime.com.br/marcelo-crivella-contra-impeachment-dilma/

Anônimo disse...

Tentativa de golpe contra uma autoridade cristã:
https://www.youtube.com/watch?v=LfYc5y0thmg&list=PL4fQwwgA67zJXDhrCZQ361d1ebnILJAu5&index=9

Denise Malafaia Cerqueira disse...

Amados,o que precisamo, na verdade, é de uma igreja que siga estas regras:

Se o meu povo que se chama pelo meu nome, se humilhar,e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos; então eu ouvirei do céu, perdoarei o seu pecado e sararei a sua Terra.

Queridos,
Faço parte de um ministério de mulheres Filhas de Sara, que tem um projeto de oração REMMO, que tem feito isso desde setembro do ano passado, exatamente isso que se propõe aqui: orar e jejuar. Desde o dia 21 de março estamos em oração e jejum de 21 dias pelo Brasil.
Sabe por quê? Porque o que está falando aqui é sobre orar e jejuar...Simples assim, sabe o que precisamos fazer, se somos o povo de Deus? É 2º Cronicas 7:14 e não ficar com falatórios... Vamos nos humilhar, orar, buscar a face do Senhor e nos converter dos nossos maus caminhos, e ai o Senhor vai operar entre nós. Chega de falar, apontar o outro, isso é pecado. Chega de não se fazer o que é preciso: 2ºCRONICAS 7:14 E PONTO FINAL!!!!!!

Fernando Costa disse...

Gostei do que foi escrito no manifesto. Esse texto é muito mais coerente com a fé cristã,inclusive citou vários versiculos e pediu jejum e oração. Bem diferente do outro que em nada tinha haver com o cristianismo. Eu aprovo esse manifesto.