15 de janeiro de 2016

TJ proíbe outdoors com versículos contra o homossexualismo


TJ proíbe outdoors com versículos contra o homossexualismo

Três versículos bíblicos foram publicados em outdoor, causando problemas com grupos LGBTs

Leiliane Roberta Lopes
Uma igreja evangélica de Ribeirão Preto (SP) está proibida pela Justiça de divulgar outdoors com versículos bíblicos que condenam o homossexualismo.
A decisão foi tomada pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) e mantém uma liminar que já exigia a retirada da mensagem que foi publicada em 2011 na cidade às vésperas da 7ª Parada do Orgulho LGBT.
O outdoor trazia os versículos de Levítico 20:13, Romanos 1:26 e 27 e Atos 3:19 e foi publicado pela igreja Casa de Oração que preferiu não comentar a decisão judicial quando procurada.
A mensagem foi criticada por grupos gays da cidade que conseguiram a liminar que retirou a peça publicitária. Em primeira instância a igreja perdeu e entrou com recurso apresentando a liberdade de crença como justificativa.
Mas nesta segunda-feira (11) o desembargador Natan Zelinschi de Arruda, da 4ª Câmara de Direito Privado, colocou a dignidade humana acima da liberdade de crença e manteve a proibição de outdoors com mensagens bíblicas que possam ser interpretadas como “homofóbicas”.
“No Estado Democrático de Direito a dignidade da pessoa humana deve prevalecer, por conseguinte, comportamento inadequado como o perpetrado pela recorrente deve ser abolido, pois não se admite incentivo ao preconceito, mesmo porque, sob os auspícios da religião vem atingir quem não se coaduna com os dogmas correspondentes”, escreveu o desembargador.
Ainda segundo Arruda, a autodeterminação da pessoa dá o direito de optar ou eventualmente praticar a sua sexualidade da maneira que lhe aprouver, não cabendo ao Estado e a nenhuma religião se manifestar publicamente em afronta à mencionada liberdade. Com informações G1
Fonte: GospelPrime
Divulgação: www.juliosevero.com
Leitura recomendada:

15 comentários :

livrexpress disse...

Mais um ataque gayzista ao Cristianismo e à liberdade de expressão e de religião, com a ajudinha de uma suposta "justiça".

Vejam essa pérola de AUTORITARISMO:

"A expressão da religiosidade pode ser exercida livremente nos templos, na presença de fiéis, mas não por intermédio de propaganda de suas crenças."

( site "Conultor Jurídico", http://www.conjur.com.br/2016-jan-11/igreja-proibida-publicar-outdoors-homofobicos )

Perguntamos:

Quer dizer que os cristãos têm que ficar calados, "livremente" quietinhos entre quatro paredes, mas estão PROIBIDOS de professar sua fé em público, de dizerem o que pensam e o que estabelece sua religião?????

Alguns comentários sensatos discordam dessa CENSURA absurda, e apontam o descalabro da sentença cometida pelo tal desembargador:

http://www.conjur.com.br/2016-jan-11/igreja-proibida-publicar-outdoors-homofobicos/c/1

Lucyanno C. Pinheiro disse...

Mas gays estão liberados para avacalharem com a fé e a religiosidade das pessoas em público em suas Paradas. Contra essa atitude dos LGBTs não existem leis que proíbam. A quê ponto chegamos? Um grupozinho barulhento está ditando as leis contra a maioria da sociedade. Se alguém me dissesse isso a uns 40 anos atrás, eu duvidava e até ria...

Lucyanno C. Pinheiro

Anônimo disse...

TJ SP TÃO REACIONÁRIA....PERA..

Anônimo disse...

Que engraçado, tem lei pros religiosos...mas, e para os ateus, onde estao as leis?
Os ateus tem liberdade de dizer o que quiserem, inclusive que o Deus de Israel nao passa de uma miragem, fruto da imaginaçao humana, ou um Deus preconceituoso, ou fazem d'Ele um monstro (falo como homem)...e fica por isso mesmo!!!
Agora, o mais engraçado nisso tudo é que vivemos numa democracia e a maioria da populaçao acredita no Deus de Israel, mas, como que por um milagre ateista, essa maioria tem que se dobrar aos caprichos da minoria...pode?
Entendo que isso nao tem nada de ideologico e de humanista, mas nao passa de um mero subterfugio pra autorizar os ateus a fumarem maconha abertamente, para praticarem a sodomia abertamente, para praticarem o aborto livremente, e outras abominaçoes. Ou seja, trata-se, pura e simplesmente, da defesa inescrupulosa de INTERESSES ECONOMICOS.
Creio que seja semelhante ao que ocorre, por exemplo, com os idiotas uteis que estao sendo usados, pelos petralhas, para aparelhar as instituiçoes republicanas. Ou seja, a começar pelo pessimo exemplo do apedeuta sapo barbudo, muitos desses idiotas uteis jamais galgariam os postos que hoje ocupam, pois, pela meritocracia, nao teriam condiçoes de concorrer com seus semelhantes (por preguiça, burrice, vagabundisse, incompetencia, etc).
O advento, ao poder, de um sindicalista, apedeuta, abriu a porta para um que um bando de aproveitadores vislumbrasse a possibilidade de ocupar postos que jamais ocupariam.
Até o STF parece ter sido alvo dessa quadrilha de aproveitadores, segundo a seguinte materia: http://www.fabiocampana.com.br/2009/09/ccj-do-senado-aprova-toffoli-para-o-stf-por-20-a-3/
Nao precisamos ir muito longe para entendermos com que espiritos estamos lidando, pois as proprias Escrituras Sagradas nos mostram alguns exemplos disso que estamos tratando.
O apostolo Pedro, antes de sua real conversao, quando viu que a "cobra iria fumar" por lado dele, jurou "de pé junto" que jamais tinha visto aquele homem (Jesus Cristo), mostrando-nos que cada um tem o seu preço.

Ass: Rodrigues

Anônimo disse...


Nós os evangélicos não somos afetados por aqueles achincalhamentos dos símbolos católicos que ocorreram na parada gay. No entanto, aqueles católicos fervorosos, principalmente os antigos, podem ter se sentido aviltados com aquelas atitudes. Para estes não existe a tal “dignidade da pessoa humana” que serviu de base para este desembargador proferir a sua sentença.

Sebastião

Anônimo disse...

Outdoor mostrando pessoa seminua nao tem problema? Nao seria uma afronta à moral e aos bons costumes? Nao seria prejudicial à educaçao das crianças? Até agora nao vi ninguem reclamar disso...

Possivelmente muitos pais e maes jà tiveram que tampar os olhos dos filhos, ao passarem por outdor indecentes, ou ficaram constrangidos com determinadas imagens postadas em outdoors...mas, a populaçao aceita tudo e os religiosos parecem nao se importar com isso, tao pouco os juizes, como se eles nao tivessem filhos e netos.

Anônimo disse...

Segundo a Biblia (2 Timóteo 3:1-9), as proximas geraçoes prometem ser de verdadeiros monstros:
- pessoas sem afeto natural (sem qualquer rastro de ternura para com seus semelhantes),
- irreconciliaveis (sem possibilidade de qualquer acordo),
- completamente desobedientes a pais e maes (pai matando filho e filho matando pai),
- apostatas (abandono daquilo que a pessoa antes professava e uma deserção total de princípios ou da fé),
- amantes de si mesmos (egoístas),
- avarentos (obcecados pelo dinheiro, que amam as riquezas),
- orgulhosos,
- arrogantes,
- blasfemadores (insulto ao sagrado),
- ingratos (não reconhece o benefício que tem recebido),
- profanos,
- implacáveis (comportamento hostil, que não tem espírito perdoador),
- caluniadores (lançadores de contendas),
- sem domínio de si (que nao podem se conter),
- cruéis (que tem prazer em fazer o mal para ver os outros sofrerem, desumano, atroz, bárbaro, sanguinolento),
- inimigos do bem,
- traidores (aqueles que atraiçoam),
- atrevidos,
- mais amigos dos prazeres que amigos de Deus,
- tendo forma de serem piedosos (parecem mais nao sao).
Serà que jà vivemos o tempo do fim ou ainda falta muito?

Anônimo disse...

Os outdoors foi um dos passos que os ateu-comunistas deram, usando um idiota util...em seguida, virao outros e mais outros passos, até que a perseguiçao ao cristianismo seja declarada (tudo exclusivamente por poder).
Os curriculos escolares tambem estao nas manchetes, como manobras comunistas para apagar o cristianismo das mentes das nossas crianças, sempre aproveitando-se de idiotas uteis, os quais estao interessados, unicamente, em dinheiro e vida boa, bancada pelo povo...sao pessoas que, em situaçao normal, jamais teriam condiçoes de crescer profissionalmente ou ganhar FAMA e que aceitam o que for para "descolar uma boquinha".
Os tais idiotas sao tao idiotas que nenhum deles teria, por exemplo, a mesma coragem que possuem os muçulmanos, de amarrar cinturoes de explosivos em seus corpos e sonhar com um haren repleto de virgens...até porque grande parte desses infelizes sao sodomitas (alguns barbados).
A sede deles é unicamente por poder e nao tem nada de ideologia; o que manda é o dinheiro, tanto é que, se bater o pé, eles saem correndo e fazem delaçao premeada, sem a menor vergonha na cara (pois nao possuem).

Anônimo disse...

Vamos então pixar os muros e viadutos com frases bíblicas. Assim nao poderao processar ninguem. Eles presam mais a liberdade de expressão do que a liberdade de culto.

Anônimo disse...

Gostei...pixaçao pra cima desses demonios fariseus!!!

Leonardo Melanino disse...

Sobre este caso, avisarei todos que a Bíblia, embora condene os atos homossexuais, não é homofóbica, pois ela não ensina agressões contra homossexuais, insultos contra eles e ódios contra eles. Homofobias são fobias, da mesma forma que as aerofobias, as pedofobias, as pianofobias, as radiofobias, as xenofobias e outras. O TJSP errou feio demais sobre este caso. Então, o Estado de São Paulo e seu tribunal deveriam ser condenados a indenizar esta referida igreja.

Anônimo disse...

O alcorao, por sua vez, determina açoes de guerrilha, tais como estas que estao ocorrendo na Europa, sob os olhares lenientes das autoridades: https://www.facebook.com/138796592927515/videos/651508041656365/

Anônimo disse...

Severo, você é muito hipócrita: não publicou meu comentário sobre as "autoridades constituídas por Deus" mas publica comentários dos católicos que rezam a "nossa" senhora, pedindo bençãos pra você e sua família. Quer dizer que para você, vale mais a benção da deusa deles do que um comentário sincero e sem ofensas a sua pessoa. Isso demonstra de fato seu verdadeiro caráter!

ELISEU disse...

Apesar de não atacarmos física ou verbalmente os homossexuais, somos constantemente atacados por eles simplesmente por não aceitarmos o que eles fazem. Para que todos daqui tenham uma idéia do ódio que os homossexuais têm dos cristãos, o deputado Jean Wyllys (que também é homossexual) censurou um cidadão (Carlos Vendramini) pelo Twitter simplesmente porque o mesmo se manifestou contra o PLC 122, o "kit gay" e o homossexualismo. E o próprio Jean Wyllys ainda teve o despeito de dizer que os cristãos são homofóbicos, preconceituosos, e que iria tomar providências contra os seus "inimigos" (não só os cristãos como também todos os que são contra o homossexualismo).

Eu pergunto: a liberdade de expressão vale só para os homossexuais? E para os cristãos e para as pessoas que são contra o homossexualismo, não pode haver liberdade de expressão? Quer dizer, eu não vou poder protestar contra uma coisa que é biblicamente imoral? Que justiça é essa de 2 pesos e 2 medidas (tudo para os homossexuais, e nada para os cristãos e para os que são contra o homossexualismo)? Por acaso os homossexuais são tão especiais (ou tão privilegiados) para só eles terem todo e qualquer tipo de direito?

Caso os homossexuais estejam esquecidos, faço questão de relembrar a eles o que está escrito na nossa Constituição Federal. Leiamos:

- Artigo 5º, inciso IV: "É livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato"

Eu sou livre para dizer o que eu quero. E eu aproveito a minha liberdade para dizer aos homossexuais com todas as letras: SOU CONTRA O HOMOSSEXUALISMO E CONTRA O PLC 122 OU QUALQUER OUTRA LEI A FAVOR DELES! Sinto muito se os homossexuais se sentiram ofendidos, mas eu penso assim (eles aceitem se quiserem)! Eles podem até me chamar de homofóbico, mas eu não estou nem aí para o ódio que eles vão sentir da minha pessoa! Minha opinião é esta: sou contra o homossexualismo (e ponto final)!

- Artigo 5º, inciso VI: "É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e suas liturgias"

Ninguém pode me obrigar a deixar de crer em Deus e na Sua Palavra. Eu creio e obedeço ao que Ele me ordena. Se os homossexuais não quiserem aceitar a minha opinião (ou não quiserem aceitar o que a Bíblia diz sobre o homossexualismo), é um direito que eles têm. Porém, me obrigar a mudar de opinião só porque eles querem que eu ache certo uma coisa que é biblicamente errada, isso eu NUNCA vou fazer. Não vou mudar meu ponto de vista para agradar a ninguém (principalmente os homossexuais). Eu obedeço ao que a Bíblia diz: "Importa antes obedecer a Deus do que aos homens" (Atos 5:29)

Se eu tiver que ser preso ou morrer pela verdade da Palavra de Deus, eu aceito com muito prazer a prisão ou a morte (até porque eu confio no Deus em quem eu creio). Eu adoto comigo o mesmo lema dos antigos mártires da fé cristã: "Antes morrer do que pecar". E digo mais: não tenho nenhum medo de ser preso ou de morrer, porque o Senhor Jesus, na Sua Palavra, garantiu aos Seus servos: "Sê fiel até a morte e dar-te-ei a coroa da vida" (Apocalipse 2:10)

Já preguei o evangelho para muitos homossexuais. Muitos chegaram a rir da minha cara, me chamaram de homofóbico (e de outros nomes feios que eu nem vou citar aqui, por questão de educação), enfim, me insultaram de tudo quanto é jeito.

Só sei de uma coisa: estou com a minha consciência tranqüila. Cumpri a minha obrigação. Se os homossexuais não quiserem se arrepender, é problema deles. No dia do juízo final, eu quero ver se algum deles vai ter coragem de dizer a Jesus as mesmas coisas que eles me disseram! Aí vamos ver quem é realmente corajoso para encarar Jesus face a face!

Se os homossexuais quiserem pagar pra ver, depois eles não digam que não foram avisados!

Cicero disse...

Na verdade, os MILITANTES E ATIVISTAS gays fundamentalistas são os que mais demonstram preconceito, discriminação e intolerância, pois qualquer crítica a eles (algo comum pra todos) ficam logo irritadinhos e já vem gritando HOMOFÓBICO!!... isso é hipocrisia!!
Chega dessa HETEROFOBIA e CRISTOFOBIA!