24 de julho de 2015

Thalles Roberto canta Renato Russo


Thalles Roberto canta Renato Russo

Para o cantor, igrejas deveriam cantar Legião Urbana nos cultos

Jarbas Aragão
Comentário de Julio Severo: A primeira vez que vi um evangélico dizendo que ouvia o homossexual Renato Russo foi o Pr. Renato Vargens. Na época, em 2012, não houve grande repercussão nas redes sociais, pois os maiores promotores de estardalhaço gospel eram (e são) os blogs calvinistas, companheiros teológicos de Vargens. Não concordo com as palavras orgulhosas ditas por Thalles contra seus companheiros de música gospel, mas se ele deve ser criticado por causa de Renato Russo, por que não também Renato Vargens? Desaprovo a conduta de Vargens e Thalles, mas minha pergunta para os inquisidores gospel de foice e martelo apologético calvinista é: Por que agridem Thalles por causa de Renato Russo se não agrediram o compadre Vargens pelo mesmo motivo? Possivelmente, em 2012 o Thalles leu o artigo pró-Renato Russo escrito por Vargens, gostou e deu no que deu. Não vou repostar artigos calvinistas contra o Thalles. Repostarei somente o texto seguinte, do GospelPrime, que exibe equilíbrio:
As declarações do cantor Thalles Roberto são um dos assuntos mais comentados pelos evangélicos nas últimas semanas. Após dois vídeos com “desabafos” do artista serem amplamente divulgados nas redes sociais, ele foi alvo de muitas críticas.
Durante o evento Conferência Global, realizado dia 18 de julho em Brasília , afirmou que é o melhor cantor do gospel e que está acima da média dos demais.
Dias depois, foi divulgado um vídeo de uma apresentação onde o artista declarou que canta melhor que todos os cantores juntos e que sua riqueza é maior do que todos os bens que os cantores evangélicos podem somar.
Entre os milhões de exibições que os vídeos tiveram, logo surgiram dois tipos de resposta. A maioria mostrou sua indignação pelo tom que Thalles usou, classificando-o de arrogante e de não ter um comportamento de homem cheio do Espírito, o que ele afirma ser.
Por outro lado, um número menor de evangélicos tem pedido oração por Thalles, para que ele não se perca. Obviamente, os admiradores dele o defendem, chegando muitas vezes a ofender quem o critica.
Ciente da celeuma que acabou causando, especialmente entre os cantores do segmento, pediu desculpas em um vídeo postado em sua conta do Facebook dia 18. Ele afirma que “pode ter se equivocado” na maneira como se expressou e que não tinha a intenção de menosprezar os demais cantores do meio gospel.
Agora, uma nova filmagem começou a circular na internet. Ela mostra um outro trecho das declarações de Thalles durante o show onde disse que estava saindo do meio gospel.
O material tem pouco mais de um minuto, onde cantor afirma que as igrejas deveriam cantar todos os domingos a música “Pais e Filhos”, composta pelo cantor homossexual Renato Russo, que morreu de AIDS.
Ele entoou o refrão que diz: “É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã, porque se você parar pra pensar, na verdade não há”.
Logo em seguida, criticou a música Raridade, do cantor evangélico Anderson Freire, que diz “Você é um espelho que reflete a imagem do Senhor. Não chore se o mundo ainda não notou. Já é o bastante Deus vai reconhecer o seu valor”.
Logo em seguida deixou uma pergunta em tom de acusação: “Você não consegue pensar, não raciocina?”.
Curiosamente, embora tenha criticado a música, usou seu perfil no Facebook, para postar exatamente uma mensagem com um trecho de “Raridade” no dia 19, quando as polêmicas estavam no auge.
Entre os vários assuntos debatidos entre os evangélicos nas redes sociais nestes dias está a “profecia” que Thalles recebeu no dia de sua ordenação a pastor .
“A morte da Palavra não é o silêncio, mas é a Palavra pela metade, comprometida. É preferível um pastor se calar do que comprometer a Palavra de Deus… E você está mostrando o desejo de ser pastor, pregador dessa Palavra. Entenda a força disso”.
Fonte: GospelPrime
Divulgação: www.juliosevero.com
Leitura recomendada:

16 comentários :

Anônimo disse...

Era só o que me faltava : cantor gospel ostentação Aff

Thiago disse...

Q tal o Thalles cantar Clara Nunes e Clementina de Jesus na Igreja?

"Iansã cadê Ogum? Foi pro mar!"

Ou q tal Pepeu Gomes,

"Ser um homem feminino, não fere o meu lado masculino"

ou quem sabe a Tati quebra barraco?

"Dako é bom, calma minha gente é a marca do fogão"


Q lindo!

Parabéns!

Esse aí tá caído meRmo, vixe!


Cadê o povo da Graça Music pra dar o aviso prévio do rapaz?

Thiago disse...

O Thalles quer fazer uma homenagem aos grandes nomes da música popular brasileira?

Q Maravilha!

Já pensou se a moda pega, e o povo voltar ao que ouvia no mundão? O que vai ter de crente descendo a "boquinha da garrafa" não está escrito.

A carinha do Thalles me faz lembrar a Clementina de Jesus. Já pensou o Thalles de turbante e vestidão branco? Is "cult"! A Tchurma Liberal também deve aderir a moda. Culto Protestante à moda Yorubá.

Uma sugestão:
Clementina de Jesus - "Menininha do Gantois" (1982)
https://www.youtube.com/watch?v=wURrwbv1kHg&list=PL1636A3324488DF0E&index=8

A música brasileira originalíssima é o samba de raiz, eis a sugestão.

Thiago disse...

Se a onda pega, e se depender da cabeça desses pastores moderninhos, VALE TUDO. Se Legião Urbana pode, então botar umas "chacretes" rebolando no altar também pode?

Pra dar audiência, né!? Pra vender CD, né!?

E o Senhor que seja enxotado da sua Igreja, não é isso seus vendilhões?

Era só o que faltava!

Criar escola de samba e bloco de evangelização, todo mundo peladão rebolando pra se "pregar"? Virou carnaval agora? Bunda lê-lê total?

TOME VERGONHA NESSA CARA SEUS VENDILHÕES SAFADÕES!

TODO MUNDO TEM QUE VOLTAR À INIQUIDADE, NÉ NÃO? A PORCA VOLTA AO VÔMITO, NÉ!?

Então o drogado volte às drogas, o macumbeiro à macumba, o homossexual ao homossexualismo, o prostituto à prostituição, ladrão ao furto, o bebum à cachaça, o ateu à incredulidade e transformemos a igreja numa zona?

CARAS DE PAU!



Acho que vocês erraram de religião... por favor... voltem pro mundo... é mais honesto... não tentem desviar quem teve sua vida transformada...

Vá cantar músicas do mundo e não nos encha mais o saco...

Vais ser recebido de braços abertos...

O "hino" mais apropriado pra estes liberais moderninhos ecumênicos:
Beija Flor 1978 - A criação do mundo na tradição Nagô
https://www.youtube.com/watch?v=lLm6Nrwyoqc

J.MOU disse...

Quem ama o mundo se cosntitui o inimigo de Deus,portantanto, esse Thales esta caido, pois esse modo de agir nao eh de quem faz a obra de Deus, mas do mundo.

Karla Cristina disse...

"Você é um espelho que reflete a imagem do Senhor... "(havia comentado com meu pastor que acho esta letra linda, mas não teria coragem de escrevê-la, apesar de sermos imagem:"Deus criou o homem à sua imagem e conforme a sua semelhança", mas as musicas gospel brasileiras tendem a colocar o homem como centro). Isto incomodou o Thalles. Agora a musica do Renato Russo tem trocentos erros, jamais deveria ter citado esta musica como referência, ela é critica a religião: "Meu filho vai ter Nome de santo. Quero o nome mais bonito." E também não precisamos amar o próximo como se não houvesse amanhã, porque sempre haverá amanhã, ou no inferno, ou no céu, as coisas não acabam aqui, e Deus é justo, cada um vai ter o que merece.


E mesmo que tenha sido uma brincadeira, não cabe um cristão dividir as pessoas. Falar que não curte musica de branco, foi bem deselegante.


Oremos pelos cantores gospel brasileiros, estão precisando.

Leony disse...

Tiago,

Não me leve a mal, mas vc está fazendo a mesma coisa que ele, sugerindo ao povo de Deus que acessa aqui que veja coisas que não tem nada haver com o evangelho. (Já parou pra pensar nisso? Tire a TRAVE do seu olho, irmão...a muito tempo venho acompanhando as suas postagens cheias de ironias e com um teor de "ódio" - se é ódio msm, só Deus sabe. )

Aos demais,

Sobre o Thalles, vejo muuuuuuitos tendo uma rapidez e ousadia enooooooooorme em criticá-lo. Mas essa mesma ousadia não se vê para criticar os demais cantores do meio gospel que ganham TUBOS de dinheiro com a música.

Também não vejo esta ousadia para criticar aqueles que se aliançaram com a rede globo, por exemplo. Inclusive pastores que estão RIQUÍSSIMOS e que pregam no Gideões, por exemplo.

O Thalles errou, sim errou. Mas não é pior do que muitos que, em um maior grau, tem sido voz de um evangelho relativizado.

Anônimo disse...

Apesar de não ouvir música de Renato Russo ou qualquer outro cantor do meio secular, por questões pessoais, também concordo que entre as músicas dos cantores/celebridades "gospel" existe muita coisa de mau gosto e também muita heresia, pior até que muita música mundana.
Penso ser duas coisas distintas o fado do pastor Renato Vargens ouvir Renato Russo ou o que quer que seja, e as declarações descabidas do super-hiper-mega ídolo pop gospel. Um erro não justifica outro.
Agora sugerir que além de cantar as músicas dele(algumas com letras heréticas, se cante nos cultos pais e filhos, é no mínimo uma insanidade. Afirmar que é melhor, mais rico, mais isso ou aquilo, é soberba, e Deus declara que resiste ao soberbo.
Um é pastor e declara ouvir a doutrina de Renato Russo, outro sugere introduzir as músicas de Renato Russo no culto ao nosso Deus, o que vem depois, uma orgia? Troca de casais durante o culto? Sexo com animais?
Sabe de uma coisa, Thalles não é culpado sozinho, os seus adoradores e de outros ídolos também são, pois sustentam os seus egos doentios.
Onde vamos parar.

Ricardino Lacerda

Jorge Trimboli disse...

Para alguns o sexo ilícito é motivo de queda, outros são destruidos pelo uso indevido do dinheiro e outros sucumbem com a fama. Parece que o anonimato é visto por alguns como uma fraqueza ministerial e a fama como um sinal de sucesso."Então o Diabo o levou à cidade santa, colocou-o sobre o pináculo do templo, e disse-lhe: Se tu és Filho de Deus, lança-te daqui abaixo; porque está escrito: Aos seus anjos dará ordens a teu respeito; e: eles te susterão nas mãos, para que nunca tropeces em alguma pedra. Replicou-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o Senhor teu Deus." (Mat 4:5-7).

Flávio disse...

Nunca gostei das músicas do thalles, nunca fui fã dele, ele já mostra a muito tempo que o negócio é só dinheiro, nada contra ganhar dinheiro para viver bem a pessoa tem que ter muiiito dinheiro mesmo, pra pagar médico particular porque SUS é uma bosta por exemplo. Mas essa ganancia virou a cabeça dele.

CLAUDIO ARAUJO disse...

Por sinal, as músicas dele são mesmo ruins...

Jorge Bay disse...

Os cantores, cantoras, bandas gospel e gravadoras tem sua dose de culpa, assim como muitos que os idolatram. Mas creio que os maiores culpados disso tudo são os pastores que tem deixado de tomar duas atitudes importantes: 1- Orientar a Igreja a respeito desse assunto da tal da idolatria e comércio gospel, ensinando-a a se abster desse tipo de coisa. 2- Boicotar esses cantores, bandas etc., ou seja, não contratá-los mais para eventos, congressos etc. Enquanto continuarem a contratá-los, a indústria fonográfica gospel continuará de vento em pôpa, enriquecendo e perpetuando toda essa idolatria, com altos cachês, fãs clube, fotos, autógrafos, seguranças, Bíblias autografadas etc. As Igrejas podem muito bem se utilizar de seus próprios músicos e fazer intercâmbio entre as igrejas sem lançar mão de todo esse aparato gospel. Mas se agirem assim provavelmente não terão o público que almejavam e nem o lucro que esperavam. Porém, pouco a pouco a situação iria melhorar, pois sem ter quem pague cachê e os sustente nesse modo de vida, os cantores gospel teriam que mudar o seu estilo de vida. Muitos pastores pagam cachês com a boa intenção de lucrar para investirem em suas igrejas, mas agindo assim, perpetuam esse mal que tem a assolado o meio evangélico. Então, é necessário renúncia, posicionamentos corretos e resultados a longo prazo.

Jorge Bay disse...

Posso estar enganado, mas se alguém tivesse discipulado o Thales e o orientado bem, logo no início, talvez ele não tivesse entrado nessa roubada. Talvez pela falta de orientação e pior ainda, pela orientação errada que recebeu, achou que viver como viveu era servir a Deus. E a industria fonográfica evangélica, sem querer generalizar, é tão voraz quanto a indústria fonográfica secular. São ligeiros em detectar algum talento e aí não importa se a pessoa depois de passar por todo esse processo de sangria, vai se desviar e se perder. Pois o importante para as gravadoras é sugar ao máximo da pessoa e do seu talento. Se vai se desviar depois, que se dane. A verdade é que me sinto triste com o que está acontecendo com a vida dele. Creio que devemos orar e interceder pelo nosso irmão.

Apostle of Christ disse...

Num momento agride, depois desculpa-se, depois agride de novo, desculpa-se outra vez. Sinceramente eu não sei se esse rapaz é esquizofrênico, bipolar ou simplesmente estúpido. Uma coisa é certa: Ele precisa, ou nascer de novo (se é que não nasceu ainda), ou procurar ajuda psiquiátrica urgente. Em qualquer dos casos, manter a boca fechada por um tempo iria ajudar bastante também. E aos fanáticos (fãs) do rapaz: "Não terás outros deuses diante de mim." - Êxodo 20:3 (ACF)

Jorge Bay disse...

O Thales está espiritualmente cego e por isso tem uma visão deturpada do Evengelho e de como deve ser o viver de um cristão. A soberba precede a ruína e agindo dessa forma ele caminha a passos largos para a destruição. Mas se orarmos e intercedermos por ele, Deus poderá abrir os seus olhos espirituais, dando-lhe a visão correta da Palavra de Deus. Vamos orar e suplicar pela vida dele e que Deus tenha misericórdia e se compadeça do nosso irmão.

Thiago disse...

Aos que não gostaram do meu comentário, dou uma dica:

NÃO LEIA MAIS!

Ignora. SIMPLES ASSIM!