9 de abril de 2015

Vaticano autoriza processo de beatificação de Dom Hélder Câmara, patrono da esquerda católica no Brasil


Vaticano autoriza processo de beatificação de Dom Hélder Câmara, patrono da esquerda católica no Brasil

Julio Severo
Poucas semanas depois do anúncio oficial da beatificação de Oscar Romero, arcebispo esquerdista de El Salvador assassinado em 1980, o Vaticano deu o sinal verde para o processo de beatificação de um bispo brasileiro conhecido por promover radicalmente a teologia da libertação: Dom Helder Câmara (1909-1999).
Dom Hélder Câmara
O pedido de beatificação foi feito por Fernando Saburido, arcebispo de Olinda e Recife, que recebeu do Vaticano uma resposta muito positiva.
Numa entrevista à TV católica Canção Nova, Saburido disse: “Dom Hélder Câmara foi um profeta corajoso que enfrentou muitas dificuldades, sobretudo com a repressão militar.”
Saburido acrescentou que Câmara teve grande influência no Brasil. De uma perspectiva esquerdista, ele está certo.
O crítico mais destacado do governo militar (1964-1985) foi Câmara, que era chamado de “Bispo Vermelho” por causa de suas posturas marxistas.
Em 1973, ele foi indicado para receber o Prêmio Nobel da Paz. A indicação foi feita por uma organização esquerdista com sede nos Estados Unidos, o American Friends Service Committee (Comitê de Serviço dos Amigos Americanos).
De acordo com a Dra. Constance Cumbey em seu livro “The Hidden Dangers of the Rainbow” (Os Perigos Ocultos do Arco-Íris), o bispo brasileiro tinha papel proeminente em eventos internacionais da Nova Era.
Câmara foi um dos fundadores da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a mais poderosa organização católica do Brasil, o maior país católico do mundo.
Durante décadas, a CNBB tem mantido a população católica brasileira sob seu feitiço marxista e é creditada por ter ajudado a fundar o Partido dos Trabalhadores, que hoje está no governo e tem mantido o Brasil escravizado sob seu socialismo pró-Cuba há 13 anos.
O arcebispo Fernando Saburido, que fez o pedido de beatificação ao Vaticano, não é menos polêmico do que o bispo da teologia da libertação que ele quer ver beatificado.
Saburido começou a causar preocupação entre os ativistas pró-vida do Brasil quando fez comentários em 2010 que pareciam desculpar um aborto realizado numa menor na arquidiocese. “A decisão é dos pais, que têm toda a liberdade para agir da maneira que acharem mais conveniente,” disse o arcebispo numa entrevista de televisão.
Embora Saburido tivesse divulgado um esclarecimento depois da entrevista em que ele se retratou de suas declarações, ele se achou envolvido em outra polêmica, quando Jorge Ferraz do blog “Deus lo Vult” revelou que o arcebispo havia liderado uma marcha sob a faixa “Grito dos Excluídos”, em que organizações abortistas, homossexualistas e socialistas haviam participado de forma livre.
A universidade católica sob a responsabilidade de Saburido foi anfitriã de um simpósio de 2011 sobre “direito homoafetivo,” que deu aos promotores da agenda homossexual uma plataforma para promover sua ideologia.
De acordo com o site gayzista MixBrasil, o simpósio incluiu como palestrantes o Pe. Luís Correa Lima, fundador do grupo “Diversidade Católica”, que publicamente busca normalizar e legitimar o estilo de vida homossexual e a “identidade gay”. Um dos mais importantes palestrantes foi Jean Wyllys, deputado federal e radical militante gay.
O esquerdismo dentro da Igreja Católica tem sido uma fonte de preocupação.
De acordo com uma reportagem recente da BBC em espanhol e português de Jaime Gonzalez, os conservadores americanos veem o Papa Francisco como marxista e ambientalista radical.
O que acontece quando um arcebispo católico liberal pede a um papa marxista a beatificação de um bispo católico marxista do Brasil?
Se Hélder Câmara for beatificado, a esquerda católica do Brasil, principalmente a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), serão santificados.
Enquanto o Brasil aguarda a beatificação dele, o Vaticano deu para Câmara o título de “Servo de Deus.”
Com informações do National Catholic Reporter, Canção Nova, LifeSiteNews e Estadão.
Leitura recomendada:

12 comentários :

Gabriel Solis disse...

Chupaaaa reacionarios,o Dom Helder vai ser beato,Dom Helder vai ser beatoo,nananananan,Toma coxinhas!

Gui disse...

Só um detalhe:

"Aviso: Nomear Dom Helder Camara como Servo de Deus só significa que ele será investigado para saber se viveu uma vida santa. Podem confiar no Magistério que ele não erra.
O início do processo é fácil, qualquer católico morto pode ser investigado. O difícil é verificar a presença de virtudes heroicas e milagres. Mais detalhes do processo de beatificação aqui (inglês):

http://www.newadvent.org/cathen/02364b.htm"

Fonte: https://pt-br.facebook.com/EscolasticaDaDepressao/posts/939069789446746

Mariane disse...

Gui: Oscar Romero era tão comunista quanto Hélder, e foi beatificado. O que o faz imaginar que o tal “magistério”, que santificou Romero, não possa cometer o mesmo erro de novo? Acaso o senhor dá a este magistério poderes divinos e sobrenaturais? Só se for do inferno, pois foram eles mesmos que elegeram este papa marxista e o próprio Romero. Confio em Cristo. Não confio em instituições de homens.

Gui disse...

Mariane: eu não sei a respeito dos fatos levantados por você, então não posso responder aos seus questionamentos.

Eu colei o texto acima porque achei pertinente ao assunto tratado no post.

Anônimo disse...

Nao ha duvida alguma que o komunista "kristao" falecido realizou milagres.Por exemplo, ao militar a favor do "sucialismo", conseguiu multiplicar a iniquidade em todos os setores da Terra Brasilis, transformando-a no que se ve hj.

Antonio.

Anônimo disse...

Dom (Vermelho) Hélder, assim como a CNBB, estariam por detrás de todos os delitos depois da ascensão gradativa e da entrada dos comunistas no poder, desde o PSDB, fazendo os pagadores de impostos do brasil de sustentadores de parasitas ditaduras comunistas.
Já os socialistas, tipo PSDB são os comunistas pacientes; o método deles é mais lento que os stalinistas, tipo PT - e compartilham de todos os atos contra o cristianismo, incluindo mesmo até apoio aos degoladores de cristãos do ISIS, implicitamente, por serem aliados dos comunistas!
D Vermelho era suspeito de ser agente da KGB!
Muy estraño!
Henoc

Janete disse...

Temos que sair às ruas e pedir o impeachment deste papa! Impeachment também para o magistério!

Julio Severo disse...

Católicos comunistas excomungados

Padre Paulo Ricardo diz que o católico que professa a doutrina comunista está automaticamente excomungado, de acordo com notícia no GospelPrime, o maior portal evangélico do Brasil.

Considerando que os conservadores dos EUA veem o Papa Francisco como marxista (confira aqui: http://bit.ly/1yWDuXT), isso significa que o papa está automaticamente excomungado? Se sim, quem dirá pessoalmente ao Francisco que ele está excomungado?

Considerando que recentemente o Vaticano de Francisco aprovou o processo de beatificação do comunista Dom Hélder Câmara (confira aqui: http://bit.ly/1CrUfel), isso significa que o papa está automaticamente excomungado? Se sim, quem dirá pessoalmente ao Francisco que ele está excomungado?

Claro que se Hélder, que nunca perdeu seus elevados títulos da hierquia católica, foi há muito tempo “automaticamente” excomungado, ninguém ficou sabendo de nada, nem o Papa João Paulo 2, que era anticomunista e nunca excomungou oficialmente o bispo vermelho.

Talvez o Pe. Paulo Ricardo tenha de ir pessoalmente ao Vaticano para entregar uma bula de excomunhão para Francisco e todas as “excelências” do Vaticano que aprovaram o processo de beatificação do comunista Hélder.

Julio Severo disse...

Se de fato o Pe. Paulo Ricardo for ao Vaticano para declarar que Francisco e outros católicos comunistas estão excomungados, ele vai virar o novo Lutero!

Julio Severo disse...

A interpretação do Pe. Paulo Ricardo sobre excomunhão correta. Se o católico comete erro grande, precisa de excomunhão formal e oficial. O fato de o padre dizer que os católicos comunistas já estão autoexcluidos parece uma desculpa desesperada para livrar a barra da ICAR, que não exclui comunistas. É só ver o caso do Hélder Câmara, o patrono da Esquerda católica no Brasil e fundador da CNBB. Em vez de exclusão, Câmara já está em processo de canonização (confira aqui: http://bit.ly/1CrUfel). Claro, esse “santo” estará “excluído” e “excomungado” dos altares do Pe. Paulo Ricardo. Mas não estava, não está e não estará excluído dos altares da Mãe dele: a ICAR. E aí, como fica? Qual é a palavra que decide na ICAR? A do Pe. Paulo ou dos que mandam nele lá?

Paulo Leitão (extraído de coemntário dele do Facebook)) disse...

Perfeito Julio Severo. O decreto contra o comunismo na questão 4 excomunga quem ADERE AO MATERIALISMO COMUNISTA E APOSTATA DA FÉ. No caso do PPR, ele recortou essa parte do decreto e usou tendenciosamente para estender a excomunhão também aos votantes dos partidos socialistas, exclusivamente do PT.
A doutirna social da Igreja está sob o domínio da TEOLOGIA MORAL( S. S. João Paulo II - Solicitudo Rei Socialis).

E A TEOLOGIA MORAL DIZ.

“A SIMPLES INSCRIÇÃO NO PARTIDO COMUNISTA (especialmente pelo fato de melhor reivindicar os direitos dos operários) NÃO CONSTITUI, por si, NENHUMA APOSTASIA , NEM ACARRETA A EXCOMUNHÃO RESERVADA "speciali modo". (cfr. Decr. do Santo Ofício, 1º de julho de 1949; ASS., XLI, 1949, pág. 334).

ÉLQUISSON disse...

Respondendo à Mariane,

Mariane,

Você disse algo que me chamou a atenção (e que eu destaco aqui):

"... Confio em Cristo. Não confio em instituições de homens."

Mariane, você disse tudo. Somente o Senhor Jesus é o Único que merece a nossa total confiança.

Eu diria melhor: SOMENTE O SENHOR JESUS É 100% PERFEITO, PORQUE ELE NUNCA PECOU (E NUNCA COMETEU NENHUM ERRO)!

O problema crucial é que muitas pessoas crêem que podem colocar suas esperanças em outra pessoa. E do jeito que o nosso mundo está tão podre e tão corrompido pelo pecado, essa é uma tendência natural (confiar no homem ao invés de confiar em Jesus). Prova disso é a fé que muitos (principalmente os esquerdistas) têm até hoje em Karl Marx, um satanista que criou o socialismo (uma ideologia causadora de mais de 100 milhões de mortes).

O pior disso tudo é quando homens e mulheres que se dizem cristãos decidem confiar o destino de suas vidas (e também do próprio país) nas mãos de homens com pouco (ou nenhum) temor a Deus. O resultado é sempre desastroso: acabam sofrendo na própria pele as conseqüências de sua má escolha, e acabam (percebendo ou não) se afastando dos caminhos do Senhor.

Em virtude disso, não foi sem razão que o profeta Jeremias afirmou com autoridade:

"Maldito o homem que confia no homem, que faz da carne o seu braço, e que aparta o seu coração do Senhor" (Jeremias 17:5)

A mesma coisa é dita pelo apóstolo Paulo:

"Seja Deus verdadeiro e todo homem mentiroso"(Romanos 3:4)

Precisa dizer mais alguma coisa?