7 de abril de 2015

O islamismo, que ultrapassará o Cristianismo em 2070, será a única grande religião a crescer mais rápido do que a população mundial


O islamismo, que ultrapassará o Cristianismo em 2070, será a única grande religião a crescer mais rápido do que a população mundial

Julio Severo
Haverá mais muçulmanos do que cristãos no mundo em menos de 80 anos, de acordo com um relatório do Centro de Pesquisas Pew.
O relatório disse que embora os cristãos aumentarão para 2,92 bilhões de adeptos em 2050, os muçulmanos alcançarão 2,76 bilhões, tornando essas religiões cerca de 30 por cento da população mundial. Os muçulmanos ultrapassarão os judeus nos EUA em 2050. Contudo, o relatório disse que no final deste século, o islamismo será a religião dominante no mundo.
As projeções são também de que vários países terão uma maioria religiosa diferente em 2050.
Em 2050, de cada 10 cristãos, 4 estarão localizados na África. E os cristãos não mais serão maioria na Inglaterra, França, Austrália e Holanda, que terão grandes populações muçulmanas.
O jornal britânico DailyMail disse que o islamismo “crescerá devido à sua população jovem e elevados índices de fertilidade, com uma média de 3,1 filhos por mulher. Esse índice é bem acima dos 2,1 do nível de substituição — o mínimo tipicamente necessário para se manter uma população estável.”
O DailyMail acrescentou: “a taxa de fertilidade dos cristãos… é em torno de 2,7 filhos por mulher.”
A verdade é que os muçulmanos não têm elevadas taxas de fertilidade. Eles têm taxas que os cristãos e outros sempre tiveram durante milhares de anos. Entretanto, por causa de campanhas em massa de controle populacional, especialmente no século XX, as taxas de natalidade caíram e continuam caindo.
“Guerras, fomes, reavivamentos religiosos e todos os tipos de coisas podem mudar o quadro,” disse o Dr. Conrad Hackett, o principal pesquisador e demógrafo do relatório Pew.
No entanto, mesmo sem uma enorme ameaça islâmica lhes pairando sobre a cabeça, os cristãos estão destruindo o futuro de suas famílias por meio do planejamento familiar. O planejamento de Deus está fora de suas mentes.
E agora os pesquisadores podem ver que uma nação ou religião com mais filhos ganhará a batalha pela civilização. Os filhos são um importante recurso natural para as nações e civilizações. Poucos deles significa uma cultura fraca e uma morte lenta.
Outra característica peculiar de muitos muçulmanos é que eles protegem de forma extrema os seus muitos filhos e sua educação, enquanto os cristãos que não escolhem a educação escolar em casa muitas vezes deixam seu número pequeno de filhos serem doutrinados em escolas públicas pela evolução, controle da natalidade e outras ideologias pagãs. Eles acabam perdendo os poucos filhos que têm.
Numa reportagem sobre o relatório do Centro de Pesquisas Pew, o serviço noticioso Associated Press frisou que a população cristã nos Estados Unidos sofrerá uma queda drástica, enquanto os ateus e os agnósticos aumentarão. A AP disse: “Os ateus, os agnósticos e as pessoas que não se identificam com uma religião aumentarão muito na Europa e América do Norte, mas no mundo todo eles terão uma queda de 16 para 13 por cento da população. Dentro dos EUA, as projeções mostram que as pessoas que não têm nenhuma religião se tornarão mais que um quarto da população, enquanto a população cristã diminuirá dos atuais mais que três quartos da população para dois quartos.”
O planejamento familiar e a educação infantil sob controle estatal entre os cristãos resultarão em poucos filhos comprometidos com o Deus de seus pais.
Como é que os cristãos nos EUA e outras nações podem esperar abundantes recursos sobrenaturais de Deus e sua herança quando eles desprezam os abundantes recursos naturais e herança dele?
Se os cristãos hoje tivessem famílias grandes e normais como os cristãos tinham nos tempos da Bíblia e se eles espalhassem o Evangelho e fizessem discípulos conforme Jesus ordenou em Mateus 28:19-20, os muçulmanos não teriam aumento nos EUA, Europa e outras nações tradicionalmente cristãs.
Com o sacrifício de suas famílias e filhos, os cristãos estão entregando seu futuro e herança ao islamismo, que é a ideologia por trás da maioria das perseguições e assassinatos de cristãos no mundo todo hoje.
Com informações da Associated Press, DailyMail e the New York Times.
Leitura recomendada:

5 comentários :

Anônimo disse...

uns tem filhos, outros só querem saber de prazer....
o undo é quem se reproduz..

JOSÉ DOMINGOS disse...

Olá Júlio, realmente isso é uma verdade! O Judeu e o Muçulmano dificilmente perdem seus filhos para as ideologias mundanas, ou pras drogas, já os cristãos que nem pra escola dominical vão, muito menos conseguem ensinar os seus filhos nos Caminhos do Senhor! até porque o melhor ensino é o exemplo. Instrui o menino no caminho em que deve andar, e até quando envelhecer não se desviará dele PV 22.6. E como a reportagem fala muitos cristãos jovens estão perdendo sua fé já nas escolas mesmo, perdendo pra doutrinação marxista, pra teoria evolucionista, e pra "modinha atéia", pensando nisso iniciei um projeto de um Blog com a temática anti-ateísmo, até porque um dia eu cai nesse laço quando fiz Faculdade de História, mas Graças a Deus,fui liberto, hoje procuro ser um instrumento de Deus nessa área de tentar ajudar as pessoas a trilharem o caminho de volta à casa do Pai. O endereço do meu blog é: https://exateus.wordpress.com se não for quebrar nenhuma regra do seu blog, peço que divulgue, no mais quero dizer que acompanho seu trabalho a muito tempo, quando posso faço comentários, sou seguidor do teu blog! peço licença também pra postar no meu blog alguns posts seus quando estiver ligado com a temática que estou trabalhando, claro citando sempre as fontes, Abraços e que a Potente Mão do Senhor esteja sempre com você!

Gabriel Solis disse...

Nao se pode generalizar e dizer que todo islamico odeia cristao,o jogador de futebol frances Benzema e o Ribery assim como Zidane sao islamicos e totalmente tolerantes,nunca perseguiram cristaos pelo contrario na final da copa de 2006,o cristao italiano Materazzi insultou Zidane que reagiu o agredindo com uma cabecada e foi expulso e a Franca perdeu o titulo da copa para a Italia,mas e claro que como cristao eu defendo que tenhamos mais filhos e nao deixemos os muculmanos nos ultrapassar,e acredito em uma coexistencia pacifica com eles,nao os odeio!

Nil disse...

Noticia quente !
"Minas pode reduzir número de professores na rede estadual
Segundo o secretário, o número de alunos matriculados caiu e o de educadores aumentou.O Governo de Minas estuda reduzir o número de professores na rede estadual. O corte de vagas, segundo o secretário de Planejamento e Gestão, Helvécio Magalhães, seria justificado pelo fato de que, nos últimos 12 anos, as matrículas de alunos caíram, e a contratação de professores aumentou.


“É possível (reduzir o número de vagas de professores) porque tem um dado que nos alerta. Há uma redução no número de crianças nas escolas do ensino fundamental. No ensino fundamental não tem crescido a rede porque não têm crianças nessa idade, tem crescimento necessário no ensino médio. Diminuiu o número de crianças, mas não diminuiu o número de professores”, afirmou em entrevista exclusiva a O TEMPO."
Mais informações: http://www.otempo.com.br/minas-pode-reduzir-n%C3%BAmero-de-professores-na-rede-estadual-1.1021450
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
Como o José Domingos disse: " muitos cristãos jovens estão perdendo sua fé já nas escolas mesmo, perdendo pra doutrinação marxista, pra teoria evolucionista, e pra "modinha atéia". È verdade as escolas estão cheias da ideologia marxista que é contra famílias grandes ,conservadoras e cristãs,antes promove outros "tipos de famílias".
Agora com a baixa natalidade os professores marxistas ou não, se veem ameaçados de perderem os empregos na sua atividade. Por isto tenho certeza que não esperavam,quando pregam ideias liberais e anti-famílias. Outras atividades:babás,pediatras,etc devem também perder oportunidades de trabalho.

Anônimo disse...

Jose, realmente, a "coisa"' estah pra la de feia. Por exemplo, ha tres semanas visitei uma igreja batista e, a escola biblica teve cerca de 10 pessoas. A igreja tem mais de duzentos membros. Qdo estava terminando a escola, os membros comecaram a chegar. Um rapaz, mal entrou, foi direto pegar o instrumento com chifrinhos, o mais adorado por grupos musicais adeptos de rock, que eh a guitarra. Ali ele jah comecou a "esquentar os tamborins" para "louvar" o Senhor. E as lideranca da igreja nem para disciplinar os membros. Triste.

Antonio.