20 de março de 2015

Bilionário George Soros confessa ter financiado crise na Ucrânia


Bilionário George Soros confessa ter financiado crise na Ucrânia

Soros tem um vasto currículo de criar cenários de desestabilização nos países de Leste

Augusto Ramos
A Ucrânia tem estado em tumulto, pelo menos desde novembro 2013, quando uma série de protestos, financiados pelo bilionário activista George Soros, levaram à queda dos líderes eleitos no país e à instalação de políticos escolhidos a dedo pelo Departamento de Estado dos EUA. Georges Soros é um ex-corrector, agora investidor e bilionário, que se tornou activamente envolvido na política da Europa Oriental e Ásia Central, após o colapso da União Soviética. Esse passado foi ampliado à Ucrânia onde Soros tem testemunhos do seu investimento.
“O bilionário, investidor e activista George Soros tem uma pegada gigante na Ucrânia”, escreveu o jornalista William F. Jasper. Tal como noutras das suas operações semelhantes em dezenas de outros países, ele tem, ao longo das duas últimas décadas, literalmente despejado dezenas de milhões de dólares para organizações não-governamentais (ONGs) da Ucrânia, aparentemente para ajudá-los a transformar o seu país num outro mais “aberto” e numa “sociedade democrática”.
Mas Soros acabou por admitir o seu envolvimento na Ucrânia durante uma entrevista a Fareed Zakaria na CNN. “Em primeiro lugar a Ucrânia!” iniciava assim Zakaria a entrevista. “Uma das coisas que muitas pessoas credíveis comentam sobre si foi que durante as revoluções de 1989 financiou uma série de actividades dissidentes, grupos da sociedade civil na Europa Oriental e na Polónia, na República Checa. Você está a fazer coisas semelhantes na Ucrânia?”, perguntou Zakaria a George Soros. “Bem, eu criei uma fundação na Ucrânia antes da Ucrânia se tornar independente da Rússia, a fundação tem funcionando desde então e agora desempenhou um papel importante nos acontecimentos”, confirmou Soros.
É bem conhecido, embora ridiculamente proibido mencionar nos meios de comunicação convencionais que Soros trabalhou estreitamente com a USAID, o National Endowment for Democracy (que agora faz o trabalho antes atribuído à CIA), o Instituto Republicano Internacional, o Instituto Democrático Nacional para Assuntos Internacionais, a Casa da Liberdade, e para o Instituto Albert Einstein para iniciar uma série de revoluções coloridas na Europa Oriental e na Ásia Central, após a engenhosa queda da União Soviética.
“Muitos dos participantes em Kiev de manifestações “Euro Maidan” eram membros de ONGs financiadas por Soros e/ou foram treinados pelas mesmas ONG's nas muitas sessões de formação e conferências patrocinadas pela Fundação Soros International Renaissance (IRF), e seus vários institutos Open Society e fundações. O IRF, fundado e financiado por Soros, refere que o bilionário doou “mais do que qualquer outra organização de financiadores para transformação democrática da Ucrânia”, escreve William F. Jasper.
Divulgação: www.juliosevero.com
Leitura recomendada:

12 comentários :

Marcelo disse...

Outro anticristo!!!

Thiago disse...

Acabei de um comentário nada agradável do Olavo a teu respeito no face dele Julio. Deve ter sido por aquele artigo do Guenon... inteligente ele é... agora, santo... São outros quinhentos.

Lamentável ver esse tipo de animosidade dele por você. Péssimo, extremamente horrendo, sendo que vocês deveriam amenizar as diferenças e aliarem-se no que defendem em comum.

Thiago disse...

Julio,

Se a tua relação com o Olavo se deteriorou, rompe! Ele já provou que tem mais afinidade com o Caio Fábio, o arqui-inimigo do pentecostalismo brasileiro.

Se fosse eu, já teria me afastado à tempos, não tenho estômago para engolir sapo. Quem gosta de você, é você mesmo! Eu vi como os católicos humilharam você e a igreja evangélica.

Por isso detesto rede social! Aqui eles vêm pianinho, né! ?

Pelo que eu li hoje, somos como água e óleo, não dá! Cada um pro seu lado! Todas as minhas esperanças por diálogo se desfizeram ao ler algumas discussões antigas no Facebook. Neste sentido, eu gosto de ser bem alienado mesmo!

Tomara que eles fiquem prá lá e que não nos encham o saco.

Anônimo disse...

Julio o questionamento do Tiago é muito pertinente. Qual sua posição em relação a este espinhoso assunto?

Thiago disse...

É anonimo...

Sou fã do Olavo e do Júlio. Gosto dos meus irmãos católicos pra chuchu, mas fico profundamente entristecido quando vejo aqueles que deveriam ser irmãos cooperadores em clima de hostilidade. Uma pena.

Meu desejo é que se entendam, mas se não for possível... fazer o quê?

Situação chata.

Anônimo disse...

oi thiago se voce nao gosta ou ja foi xingado por catolicos ,eu sendo uma catolica tambem ja ouvi coisas horriveis de evangelicos ,mas eu nao coloco todos os evangelicos no mesmo saco voce tambemnao deveria por os catolicos no mesmo balaio,tenho grandes amigos evangelicos eles sempre me respeitaram assim como eu a eles,agora se nos os incomodamos fiquem com DEUS afinal o espaço e de voces.Silvia

Thiago disse...

A gente se chateia com algumas situações Sílvia. É normal. Evangélicos brigam com católicos, católicos brigam com evangélicos... a minha esperança é que consigamos discordar sem nos ofendermos.

Pensar diferente mas respeitar o outro.

Neste tempo de rede social isso é muito difícil. Por isso detesto rede social.

Meu desejo é que pelo menos aqui neste espaço, consigamos conviver.

Anônimo disse...

thiago essa tambem e a minha esperança. pois se nos que ainda nos preocupamos com familia ,religiao e respeito deixarmos de nos entender ai eles vencerao.Silvia

Thiago disse...

Sei, é verdade!

Silvia,

Mas se você reparar, eu só comecei com esse assunto por que o Olavo postou uma critica ao Júlio e aí eu fiquei BOIANDO. Cê sabe que a turma dele é católica né?

Mas deixa pra lá... como diz o ditado: eles que são brancos, que se entendam.

Anônimo disse...

thiago nao sao so voces que tem segmentos deturpados da palavra de DEUS nos os catolicos tambem os temos .hoje em dia eu ajo e faço e tento seguir os ensinamentos da biblia nao e tudo que os padres falam que eu tomo por verdade.Silvia

Thiago disse...

Olá Silvia,

O negócio é crer no Senhor Jesus Cristo e permanecer nEle custe o que custar, venha o que vier. Ore e peça a Ele discernimento, e fique com o entendimento que o Senhor venha te dar.

Estive orando e meditando na Palavra e me deparei com esta passagem:

"1. Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito.
2. Porque a lei do Espírito de vida, em Cristo Jesus, me livrou da lei do pecado e da morte." (Romanos 8:1-2).

Perseverar na Fé!
Obedecer apesar de tudo...
Se arrepender sempre que necessário...
Se humilhar diante de Deus... do Todo Poderoso... AMÉM!

Sugestão de Louvor
Eyshila - Nenhuma Condenação Há.
www.youtube.com/watch?v=_Kn9RLqkcow

Anônimo disse...

Thiago grata pelas !so me resta dizer - Amem!