30 de outubro de 2014

Presidente da Apple assume publicamente ser homossexual


Presidente da Apple assume publicamente ser homossexual

“Considero ser homossexual um dos melhores presentes que Deus me deu", disse o presidente da Apple

Julio Severo
O presidente da Apple, Tim Cook, revelou que é homossexual em um artigo publicado nesta quinta-feira no site da revista Bloomberg Businessweek. “Há anos, eu tenho falado com muitas pessoas sobre minha orientação sexual. Muitos colegas na Apple sabem que eu sou gay,” escreveu Cook, de acordo com o Portal Terra.
Cook também disse: “Deixe-me ser claro: eu tenho orgulho de ser gay, e considero ser gay um dos melhores presentes que Deus me deu.”
A ousadia de Cook em defender seu orgulho homossexual poderá aumentar os efeitos das políticas homossexualistas da Apple. Não é de hoje que essa mega-empresa americana censura conteúdo cristão.
De acordo com um relatório de 2011 conduzido pela Mídia Religiosa Nacional e pelo Centro Americano de Lei e Justiça, “Dos 425.000 aplicativos disponíveis no iPhone da Apple, os únicos censurados pela Apple por expressarem opiniões normalmente legais foram aplicativos com conteúdo cristão.”
Com ou sem o homossexualista Tim Cook, sempre foi fácil para a Apple censurar os cristãos em preferência da agenda gay.
O escândalo mais recente é a revelação de Edward Snowden, um ex-analista da CIA, mostrando como os serviços de inteligência dos EUA usam a Apple para monitorar a população mundial.
Considerando que a prioridade hoje do Departamento de Estado dos EUA é combater o “movimento anti-homossexualismo” no mundo inteiro, não é de surpreender que a Apple dê porta aberta para os serviços de espionagem dos EUA manterem a população mundial sob constante vigilância.
Uma grande empresa intrometida em união com um grande governo intrometido achando que podem tratar a população mundial como inimigo hostil por não aceitarem a agenda gay dos EUA. Isso é imperialismo homossexual.
Com informações do Portal Terra.
Leitura recomendada:

9 comentários :

marcelo disse...

Só está faltando alguns enrustidos, como Jô Soares, Guerrilheira Terrorista, Sapo Barbudo, etc, saírem do limbo e seguirem o exemplo dessa pobre alma...

Anônimo disse...

Tim Cook diz:
-"Tenho orgulho de ser gay"
então os acionistas dizem:
-"OK, mas e o preço das ações?"

exibicionista imbecil, ainda falta muito profissionalismo para esse CEO.

R. Vilhena disse...

Huuummm... Deve ser por isto que os produtos desta empresa são uma mer....

Tá explicado porque nunca gostei de nada da aple. Minha "homofobia" me protegia dos lixos enlouquecedores que esta empresa lança.

Julio Severo disse...

Nesta semana, o Daily Mail da Inglaterra disse que o Samsung está, em desempenho, anos a frente do iPhone. Pode ser que o exibicionismo homossexual do presidente da Apple tenha a ver com essa queda. É fato que o país que dá mais valor às atividades daquele “orifício” são os EUA. É tanto fanatismo em favor das taras desse “orifício” que acho que se um agressor disser que é homossexual, todos lá culparão a vítima. Os EUA estão obcecados por homossexualismo.

Woshington Ribeiro da Silva disse...

Disso eu já sabia há muito tempo o símbolo da maçã é homenagem a outro membro fundador, por isto nunca comprei ou comprarei produtos da Apple, conheço produtos que atendem minhas necessidades.

yuna007 disse...

ATRUALMENTE EUA TA MAIS LIBERAL Q EUROPA

Cláudio MM Botelho disse...

Imaginem como seria bom se o Presidente da Apple, tivesse dito que aceitou o Senhor JESUS como Senhor e Salvador!!!

Anônimo disse...

brasil "cristão" vai continuar batendo recorde de vendas de iphones...

khispano atlántico disse...

PUAAAAAAAJ de sodomia USA, dominando toda la tecnologia , NO O ESQUEZEN, NO LO OLVIDEN nunca !