29 de agosto de 2014

Jean Wyllys elogia programa de governo de Marina Silva, o qual defende que “casamento” gay vire lei na Constituição


Jean Wyllys elogia programa de governo de Marina Silva, o qual defende que “casamento” gay vire lei na Constituição

Segundo o deputado, propostas "dão um chega pra lá no fundamentalismo religioso"

Daiene Cardoso
Brasília — O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) elogiou o programa de governo apresentado nesta sexta-feira pela candidata do PSB à Presidência da República, Marina Silva, sinalizando apoio às demandas do público LGBT.
Jean Wyllys, do PSOL: deputado elogiou o programa de governo de Marina Silva
As propostas defendidas por Marina, segundo o deputado, "dão um chega pra lá no fundamentalismo religioso" e podem ajudar a aproximá-la do eleitorado LGBT. "Fico feliz que ela não tenha fugido da raia", comentou o deputado.
Evangélica da Assembleia de Deus, Marina incluiu em seu programa de governo a defesa do casamento civil igualitário e se comprometeu em apoiar projetos em tramitação no Congresso Nacional, como o que equipara a discriminação baseada na orientação sexual e na identidade de gênero à legislação que trata da discriminação em razão da cor, etnia, nacionalidade e religião.
O programa se compromete também com o projeto de lei sobre identidade de gênero — que regulamenta o direito ao reconhecimento de gênero de "pessoas trans" e que dispensa a autorização judicial, laudos médicos e psicológicos, cirurgias e hormonioterapias.
Wyllys considerou um "avanço" o acolhimento de propostas como a eliminação de obstáculos para adoção de crianças por casais homoafetivos, além da inclusão do combate ao bullying e à homofobia no Plano Nacional da Educação.
O parlamentar concluiu que o programa de Marina é semelhante ao apresentado pela candidata do PSOL, Luciana Genro. "Ela (Marina) é corajosa, só resta implementar", disse.
O deputado lembrou que na campanha de 2010, a presidente Dilma Rousseff também apresentou uma pauta voltada para o público LGBT, mas não teve força para superar o conservadorismo de sua base aliada no Congresso.
Entre os 10 pontos apresentados no programa, Marina defende a normatização do conceito de homofobia na administração pública e a criação de mecanismos para aferir os crimes de natureza homofóbica; a ampliação da oferta de tratamentos e serviços de saúde que atendam às demandas da população LBGT no SUS; a garantia de ingresso desse setor no mercado de trabalho através de cursos e oportunidades de capacitação; além de dar efetividade ao Plano Nacional de Promoção da Cidadania e Direitos Humanos LBGT.
O parlamentar lembrou que parte dos candidatos tem procurado se aproximar do eleitorado LGBT e feito "sinalizações eleitorais" nos últimos pleitos.
"Quando a gente vê um candidato (apoiando essas ideias) que em outros momentos se mostravam reticentes, é porque eles sabem que têm que dialogar com este segmento", concluiu.
Em seu programa de governo como candidata à Presidência pelo PV em 2010, Marina se comprometia apenas com a luta contra a discriminação "étnica, religiosa, racial, homofobia, sexismo ou outras" e previa a criação de espaço próprio de participação política para o grupo com o objetivo de atender às demandas do segmento.
Este ano, sob influência do setorial LGBT do PSB, o então candidato Eduardo Campos havia se comprometido em incluir propostas mais específicas para essa população.
Divulgação: www.juliosevero.com
Leitura recomendada:

17 comentários :

VINDE E ARRAZOEMOS disse...

Cara, isso é mesmo verdade? A Marina assumiu o compromisso com essas coisas aí?

VANDA SANTOS disse...

Vi e li a entrevista de Marina! Desculpe-me Júlio...vc pode até não postar isso. Sempre admirei seus posicionamentos e compartilho tudo o que você posta, mas isso aí não é verdade e é inconcebível!!!

Anônimo disse...

BOMBA!!! A PELE COMEÇA A SE DESFAZER E MOSTRAR AS SUAS REAIS INTENÇÕES.


UMA DAS PROPOSTA DA PRESIDENCIAVEL MARINA SILVA - SOBRE O CASAMENTO GAY.

LGBT
A candidata afirma ainda que vai apoiar propostas em defesa do casamento civil igualitário, com vistas à aprovação de projetos e da emenda constitucional em tramitação, que garantem o direito ao casamento igualitário na Constituição e no Código Civil. A candidata vai acelerar no Legislativo a votação do PLC 122/06, que criminaliza a homofobia. Ela se compromete a agilizar a aprovação da Lei da Identidade de Gênero Brasileira, que regulamenta o direito ao reconhecimento da identidade de gênero das "pessoas trans". Marina pretende também agilizar a adoção de crianças por casais homoafetivos e promete incluir o combate ao bullying, à homofobia e ao preconceito no Plano Nacional de Educação.

Como pode se aqui ela é explicitamente contra? Incoerência tem que ter limites, senão que diferença seria?

https://www.youtube.com/watch?v=OkjYqzZm-a8&list=PLPMNrxpgQ1u_CCNipf9tC-ej4fCcKCBdx&index=48

Fonte:
http://www1.folha.uol.com.br/poder/2014/08/1508327-confira-o-programa-de-governo-de-marina-silva-ponto-a-ponto.shtml

Anônimo disse...

Amigos,

A grande surpresa da eleição será o Pastor Everaldo.Vejam:
Os evangélicos são 25% da população.
As principais denominações evangélicas o apoiam; muitos não-evangélicos também o apoiam; mas ele aparece com apenas 2 ou 3% das intensões de voto nas pesquisas.
Há algo de estranho nisso, mas quando os votos forem efetivamente contabilizados pela justiça eleitoral, o Pastor Everaldo deverá ter no mínimo 15% da votação.

Henoc disse...

MARIA OSMARINA MARINA SILVA VAZ DE LIMA é a maior das ilusões, sereia com seu lindo canto, para começar, ela se esconde de ser evangélica mas nasceu na marxista Teologia da Libertação-TL, disfarçada de católica, ligada à CNBB que também apoia o PT, farinhas do mesmo saco, apoiando as teses das ideologias comunistas.
Já pensou ser ela aprovada pelo Jean Wyllys que isso transmite de alienação?.
Assim, de igual forma, como os "progressistas" evangélicos, como Marina, mas comunistas disfarçados em obreiros, a não ser que sejam favorecendo diabo, aí sim.
V já notou que ela tem a mesma agenda do PT, do qual nele esteve por quase uma década nas muitas fotos aos abraços com Lula?
Na França, como os católicos de lá não são frouxos como os daqui que querem "isso, aquilo, aquiloutro, só bens materiais", os de lá exigem respeito à Igreja, família etc., com boa ajuda dos evangélicos de lá aliados nessa causa, deram um arrocho tal nos comunistas do Hollande que já admitem que estão em apuros -arrebentaram os socialistas nas últimas eleições e os puseram na parede - vendo o que disse o ministro Manuel Valls: "a esquerda francesa pode morrer — não atingirá a meta de 3,8% do Produto Interno Bruto; estamos acuados".
A recuperação da França patina enquanto outras economias da zona do euro se revitalizam, e a objeção dos eleitores se reflete em discordancia com os planos socialistas e perversos, além de sinal retrógrados!
Se nós os evangélicos que são melhor conscientizados, ajuntados aos católicos não alienados, apeariam o PT-Dilma do Poder e boicotariam Marina - Satã x Belzebu!
Que vergonha! um povo de tradição cristã chegar a esse estado de miserabilidade ética-moral, de ser governado pelos inimigos de Cristo e do evangelho, impondo suas leis!!
Todos uns apoiadores dessa são apóstatas, cegos, surdos, mudos, além de coxos, uns Judas Iscariotes versão século XXI!

Luciano de Paula Lourenço disse...

Urge uma informação veraz. E isso tem que sair da boca da Marina. Caso se confirme o que este deputado está dizendo, todos os evangélicos devem desviar sua pretensão em relação à Marina. Prefiro ficar como está a ver uma desgraça dessa se materializando na "casa" de uma presidente Evangélica.
Deus nos guarde!

Julio Severo disse...

Esse programa de governo é do governo de Marina. ESSE PROGRAMA, ANTES SE TORNAR PÚBLICO, PASSOU PELAS MÃOS DELA. Se isso não passou pelas mãos dela, que acho impossível, ela vai vir a público e dizer que o PSB apresentou o programa de governo dela sem antes consultá-la. Você realmente acredita nisso, Vitor? É isso o que chamo de mentira. Você e outros estão idolatrando tanto um ser humano de carne e osso que fecharam os olhos para não ver mais nada. É o mesmo espírito que estava sobre o Brasil antes da primeira eleição de Lula. Não importava o que eu e outros denunciássemos sobre Lula, ninguém queria acreditar. Um povo apaixonado pela mentira colhe mentiras.

Thiago disse...

Essa mulher cospe na cara dos evangélicos ao tomar essa atitude.

Vamos apoiar maciçamente a bancada evangélica pra barrar os devaneios de Marina.

Ela só serve para frear o bolivarianismo PTralha, num eventual segundo turno Dilma x Marina.

SÓ ISSO E NADA MAIS!

Ela não representa a defesa da família e da moral judaico-cristã. Eu preferia 1000 vezes que o Pastor Everaldo ganhasse a eleição ou mesmo que o Aécio ganhasse no segundo turno. Mas, dentro das possibilidades atuais, entre Dilma e Marina, prefiro Marina. Ela "desorganiza" o projeto autoritário petista, e dá sobrevida a nossa Democracia (UMA SOBREVIDA MUITO MEIA-BOCA, diga-se de passagem).

A DONA MARINA É UMA VERGONHA COMO EVANGÉLICA! É UMA VERGONHA COMO REPRESENTANTE POLÍTICA (QUER GOVERNAR SEM O CONGRESSO... VÊ SE PODE)!

ELA SÓ SERVE PRA TIRAR O PT DO PODER.

EU GOSTARIA MUITO QUE ELA SE ARREPENDESSE, MAS, PELO VISTO, É TEIMOSA, QUER AGRADAR O MUNDÃO. QUER SER MAIS AMIGA DO MUNDO, DO QUE DE DEUS, E DE SEUS IRMÃOS EM CRISTO!

ELA FALA COMO SE HOUVESSE UMA GRANDE PERSEGUIÇÃO AOS GAYS NO BRASIL. ISSO É DESONESTIDADE INTELECTUAL DONA MARINA. O BRASIL É O PARAÍSO DE TODO TIPO DE DEPRAVAÇÃO, É O PAÍS DO CARNAVAL, DAS PARADAS GAYS, DAS MÃES SOLTEIRAS, DO MISTICISMO, ETC... SE TEM UMA COISA QUE OS GAYS NÃO SOFREM NO BRASIL É PERSEGUIÇÃO. CHEGA SER ULTRAJE COMPARAR A SITUAÇÃO DOS GAYS AQUI, COM OS CRISTÃOS PERSEGUIDOS PELA INQUISIÇÃO, OU MESMO NO MUNDO ISLÂMICO.

ISSO É UMA VERGONHA!

É DESONESTIDADE INTELECTUAL!

EMBUSTEIRO COMUNISTA! PURO MARXISMO CULTURAL!

Votemos em candidatos da bancada evangélica, o PSC tem muito dos nossos. Eles serão como um escudo para e Igreja Cristã nos próximos 4 anos. A dona Dilma só não nos impôs a DITADURA GAY no decorrer do seu mandato porque a bancada evangélica não permitiu.

...CONTINUA...




Thiago disse...

...CONTINUAÇÃO...


Um presidente da República não dita leis. Essas devem ser aprovadas pelo Congresso Nacional. E lá, nós devemos ser, não uma pedra, mas uma MURALHA pra essa sem-vergonhice.

Não confundam "alho com bugalho", Estado Democrático de Direito e os Fundamentos Constitucionais, não foram criados pra se CAGAR regras a torto e a direito. Não foram criados para se criar leis sufocantes, que monitorem o pensamento. Os GAYS, e qualquer outro cidadão brasileiro, já estão suficientemente protegidos pela Constituição Federal de 1988 (que, diga-se de passagem, é um monstrengo, totalmente disfuncional, que abraça legislações especificas, que de maneira alguma poderiam estar na Carta Magna).

Todo país cristão, que destruir sua base cristã, está fadado à falência de seu sistema representativo. Semelhantemente, o sistema já está em avançado estado de putrefação na Europa e nos EUA. Os princípios Constitucionais Republicanos só funcionam em um país de maioria cristã, onde o cristianismo e a moral cristã é exercitada de forma saudável e onde inspiram as regras de convívio social.

Dona Marina Silva não está defendendo o Estado Laico. Ela está defendendo o ESTADO TOTALIZANTE DE COERÇÃO. É o ESTADO QUE LEGISLA SOBRE O PENSAMENTO. É O ESTADO QUE POSSUI O MINISTÉRIO DO PENSAMENTO, DO COMPORTAMENTO.

Dona Marina, Comportamento e Pensamento, devem ser livres. O embate de idéias nesses campos deve se realizar no ambiente da sociedade civil. Não se deve criar uma lei para sacralizar uma visão SUBJETIVA, PONTUAL, DE UM GRUPO MINORITÁRIO NANICO e punir a MAIORIA CRISTÃ, QUE TEM POSIÇÕES OBJETIVAS, HISTÓRICAS/MILENARES, QUE EXISTEM PARA O BOM FUNCIONAMENTO DA ORDEM SOCIAL, ainda mais quando esta lei subversiva/revolucionária é anti-natural, onde não há justificativas objetivas, onde só existe um discurso subjetivo e fora da realidade fisiológica (não há família fora do padrão Homem + Mulher, não há procriação, portanto não pode haver CASAMENTO GAY).

Temas como comportamento individual ou social não deve ser decidido por lei. O Estado não tem o direito de sacramentar uma visão subjetiva, de um grupo, em detrimento da realidade objetiva, e dos padrões da maioria cristã, maioria esta que sustenta TODA A SOCIEDADE, O ESTADO E A ECONOMIA DESSE PAÍS DE QUINTA CATEGORIA. O Estado deve apenas permitir que as pessoas tenho o pensamento que quiserem e o comportamento que quiserem, desde que não se ultrapasse os limites do bom-senso e da objetividade.

O MUNDO ENLOUQUECEU. SERÁ QUE A MARINA SERÁ A PRESIDENTE DE SODOMA? SERÁ QUE ELA NÃO VÊ QUE ESSA LEI ABRE AS PORTAS PRA DESTRUIÇÃO, VIA JUDICIAL, DE TODAS AS IGREJAS E DA LIBERDADE DE PENSAMENTO E DE CULTO?

PARABÉNS DONA MARINA, SE A SENHORA APROVAR ESSA LEI, ATÉ O DIABO VAI TER INVEJA DE VOCÊ. NEM ELE CONSEGUIU PROVOCAR TANTO ESTRAGO NA IGREJA BRASILEIRA, QUANTO O ALMEJADO PELA SENHORA NESSE PROJETO DE PODER. Se essa questão LGBT foi um imposição de Campos, chegou a hora de a Senhora impor a visão cristã a partido NANICO de MEIA-TIGELA.

Se arrependa urgentemente Dona Marina! Deus não se agrada desse tipo de coisa!

E você, evangélico, deixe de ser BURRO, e vote em representantes da bancada evangélica. Mesmo aos trancos e barrancos, serão eles que nos defenderão.

Marina só é melhor que Dilma. Perde feio do Aécio. E do Pastor Everaldo nem se fala. Ela é uma opção MUITO RUIM, porém, Dilma e sua cambada de PTralhas, são uma opção PÉSSIMA/DESASTROSA, MUITO PIOR.


gyzw disse...

se for verdade fora marina.

Eliel disse...

Eu nunca me enganei a respeito de Marina Silva. Aliás, ela nunca enganou ninguém com aquela cara de santa do pau oco. Só mesmo quem for cego é que não sabe quem realmente é Marina Silva.

Ora, uma mulher que já foi do PT e do PV (ambos partidos esquerdistas), que diz não ser contra a união civil de pessoas do mesmo sexo, que diz reconhecer a legitimidade do movimento homossexual, que diz que só através de um plebiscito é que se pode opinar sobre o aborto, enfim, uma pessoa que não tem uma postura firme em defesa da família e dos bons princípios não tem, a meu ver, nenhuma autoridade moral para representar os verdadeiros evangélicos (que têm o compromisso com a obediência à Palavra de Deus). Eu digo sem medo: Marina Silva não me representa!

E como bem disse o Thiago, Marina Silva quer ser mais amiga do mundo do que de Deus. Se ela for eleita (o que eu espero que não aconteça), é bem capaz do Jean Wyllys ser nomeado Ministro da Justiça (ou ser criado o Ministério da Causa Gay)!

Dizer que Marina Silva representa os evangélicos é o mesmo que dizer que o diabo se converteu a Jesus!

Precisa dizer mais alguma coisa?

coquetel molotov disse...

Acordem. Marina já mudou de opinião depois da ira do Silas Malafaia com essa posição do PG do governo do PSB. Ela não está mais a favor dos homossexuais, vejam com seus próprios olhos:

http://www1.folha.uol.com.br/poder/2014/08/1508539-campanha-de-marina-elimina-trechos-de-capitulo-lgbt-do-programa.shtml

Julio Severo disse...

Acorda Brasil! Depois que repostei ontem artigo da mídia secular (http://bit.ly/1rFcmOw) em que Jean Wyllys louva o programa de governo de Marina, muitos internautas diziam: “Não pode ser! Isso não é verdade! Você está mentindo.” Sim, é verdade. Hoje, nova notícia mostra que Marina mandou remover o trecho sobre “LGBT” somente DEPOIS de sentir a pressão do púbico. O mesmo fenômeno ocorreu na eleição presidencial de 2010. Quando Dilma sentiu a pressão pró-vida e pró-família da população evangélica e católica, ela mudou o discurso. Da noite para o dia a petista pró-aborto se transformou em devota católica pró-vida! Mudança em época de eleição SEMPRE gera decepção. Uma coisa é clara: Marina leu o programa de governo dela antes do povo. Por que ela esperou a reação do povo para mudar? Falta-lhe valores para tomar atitudes coerentes com o Eangelho sem precisar da nossa pressão?

Thiago disse...

AMIGO JÚLIO, FIZ ALGUMAS CORREÇÕES E ALTERAÇÕES... SE VOCÊ QUISER SUBSTITUIR, OU PUBLICAR OUTRA VEZ, FIQUE À VONTADE. ESSA ELEIÇÃO TÁ DE LASCAR!



Essa mulher cospe na cara dos evangélicos ao tomar essa atitude.

Vamos apoiar maciçamente a bancada evangélica pra barrar os devaneios de Marina.

Ela só serve para frear o bolivarianismo PTralha, num eventual segundo turno Dilma x Marina.

SÓ ISSO E NADA MAIS!

Ela não representa a defesa da família e da moral judaico-cristã. Dou preferência total ao Pastor Everaldo, gostaria muito que ele ganhasse a eleição, ou mesmo que o Aécio Neves ganhasse no segundo turno. Mas, dentro das possibilidades atuais, entre Dilma e Marina, prefiro Marina. Ela "desorganiza" o projeto autoritário petista, e dá sobrevida a nossa Democracia (UMA SOBREVIDA MUITO MEIA-BOCA, diga-se de passagem).

A DONA MARINA É UMA VERGONHA COMO EVANGÉLICA! É UMA VERGONHA COMO REPRESENTANTE POLÍTICA (QUER GOVERNAR SEM O CONGRESSO... VÊ SE PODE)!

ELA SÓ SERVE PRA TIRAR O PT DO PODER.

EU GOSTARIA MUITO QUE ELA SE ARREPENDESSE, MAS, PELO VISTO, É TEIMOSA, QUER AGRADAR O MUNDÃO. QUER SER MAIS AMIGA DO MUNDO, DO QUE DE DEUS, E DE SEUS IRMÃOS EM CRISTO!

ELA FALA COMO SE HOUVESSE UMA GRANDE PERSEGUIÇÃO AOS GAYS NO BRASIL. ISSO É DESONESTIDADE INTELECTUAL DONA MARINA. O BRASIL É O PARAÍSO DE TODO TIPO DE DEPRAVAÇÃO, É O PAÍS DO CARNAVAL, DAS PARADAS GAYS, DAS MÃES SOLTEIRAS, DO MISTICISMO, ETC... SE TEM UMA COISA QUE OS GAYS NÃO SOFREM NO BRASIL É PERSEGUIÇÃO. CHEGA SER ULTRAJANTE COMPARAR A SITUAÇÃO DOS GAYS AQUI, COM OS CRISTÃOS PERSEGUIDOS PELA INQUISIÇÃO, OU MESMO COM OS CRISTÃOS MARTIRIZADOS NO MUNDO ISLÂMICO.

ISSO É UMA VERGONHA!

É DESONESTIDADE INTELECTUAL!

EMBUSTEIRO COMUNISTA! PURO MARXISMO CULTURAL!

Votemos em candidatos da bancada evangélica, o PSC tem muito dos nossos. Eles serão como um escudo para e Igreja Cristã nos próximos 4 anos. A dona Dilma só não nos impôs a DITADURA GAY no decorrer do seu mandato porque a bancada evangélica não permitiu.

...CONTINUA...

Thiago disse...

ALTERA PRA MIM JÚLIO... VALEU!


...CONTINUAÇÃO...


Um presidente da República não dita leis. Essas devem ser aprovadas pelo Congresso Nacional. E lá, nós devemos ser, não uma pedra, mas uma MURALHA pra essa sem-vergonhice.

Não confundam "alho com bugalho", Estado Democrático de Direito e os Fundamentos Constitucionais, não foram criados pra se CAGAR regras “a torto e a direito”. Não foram criados para se criar leis sufocantes, que monitorem o pensamento. Os GAYS, e qualquer outro cidadão brasileiro, já estão suficientemente protegidos pela Constituição Federal de 1988 (que, diga-se de passagem, é um monstrengo, totalmente disfuncional, que abraça legislações especificas, que de maneira alguma poderiam estar na Carta Magna).

Todo país cristão, que destruir sua base cristã, está fadado à falência de seu sistema representativo. Semelhantemente, o sistema já está em avançado estado de putrefação na Europa e nos EUA. Os princípios Constitucionais Republicanos só funcionam em um país de maioria cristã, onde o cristianismo e a moral cristã é exercitada de forma saudável e onde inspiram as regras de convívio social.

Dona Marina Silva não está defendendo o Estado Laico. Ela está defendendo o ESTADO TOTALIZANTE DE COERÇÃO. É o ESTADO QUE LEGISLA SOBRE O PENSAMENTO. É O ESTADO QUE POSSUI O MINISTÉRIO DO PENSAMENTO, DO COMPORTAMENTO.

Dona Marina, Comportamento e Pensamento devem ser livres. O embate de idéias nesses campos deve se realizar no ambiente da sociedade civil. Não se deve criar uma lei para sacralizar uma visão SUBJETIVA, PONTUAL, DE UM GRUPO MINORITÁRIO NANICO e punir a MAIORIA CRISTÃ, QUE TEM POSIÇÕES OBJETIVAS, HISTÓRICAS/MILENARES, QUE EXISTEM PARA O BOM FUNCIONAMENTO DA ORDEM SOCIAL, ainda mais quando esta lei subversiva/revolucionária é anti-natural, onde não há justificativas objetivas, onde só existe um discurso subjetivo e fora da realidade fisiológica (não há família fora do padrão Homem + Mulher, não há procriação, portanto não pode haver CASAMENTO GAY).

Temas como comportamento individual ou social não devem ser decididos por lei. O Estado não tem o direito de sacramentar uma visão subjetiva, de um grupo, em detrimento da realidade objetiva, e dos padrões da maioria cristã, maioria esta que sustenta TODA A SOCIEDADE, O ESTADO E A ECONOMIA DESSE PAÍS DE QUINTA CATEGORIA. O Estado deve apenas permitir que as pessoas tenham o pensamento que quiserem e o comportamento que quiserem, desde que não se ultrapasse os limites do bom-senso e da objetividade.

O MUNDO ENLOUQUECEU. SERÁ MARINA RAINHA DE SODOMA? “MARINA, A RAINHA DO DESERTO”? SERÁ QUE ELA NÃO VÊ QUE ESSA LEI ABRE AS PORTAS PRA DESTRUIÇÃO, VIA JUDICIAL, DE TODAS AS IGREJAS E DA LIBERDADE DE PENSAMENTO E DE CULTO? É ISSO O QUE A SENHORA QUER? QUE AS IGREJAS FECHEM AS PORTAS E OS CRISTÃOS CONSERVADORES VOLTEM A SE REUNIR DE CASA EM CASA, COMO NOS TEMPOS DO ANTIGO IMPÉRIO ROMANO PAGÃO?

PARABÉNS DONA MARINA, SE A SENHORA APROVAR ESSA LEI, ATÉ O DIABO VAI TER INVEJA DE VOCÊ. NEM ELE CONSEGUIU PROVOCAR TANTO ESTRAGO NA IGREJA BRASILEIRA, QUANTO O ALMEJADO PELA SENHORA NESSE PROJETO DE PODER. Se essa questão LGBT foi uma imposição de Campos, chegou à hora de a Senhora impor a visão cristã a esse partido NANICO de MEIA-TIGELA (PSB).

Se arrependa urgentemente Dona Marina! Deus não se agrada desse tipo de coisa!

E você, evangélico, deixe de ser BURRO, e vote em representantes da bancada evangélica. Mesmo aos “trancos e barrancos”, serão eles que nos defenderão.

Marina só é melhor que Dilma. Perde feio do Aécio. E do Pastor Everaldo nem se fala. Ela é uma opção MUITO RUIM, porém, Dilma e sua cambada de PTralhas, são uma opção PÉSSIMA/DESASTROSA, MUITO PIOR.


Anônimo disse...

Tenho meditado sobre Marina e fico aqui pensando o seguinte; O que a Marina pode fazer num sistema político em que a maioria está na direção contraria aos princípios do evangelho? Se os evangélicos pensam em Marina como uma representante dos seus interesses, pode então ser que o futuro lhes cause uma tremenda decepção. Não quero ser pessimista e quero estar enganado, mas creio que as possibilidades de termos uma grande decepção é real. Eu com certeza não serviria para ser presidente, governador ou prefeito visto que eu não trairia os princípios do evangelho, e com certeza seria cassado. Espero que neste caso de Marina, seja feita a vontade de Deus que conhece o futuro. Adalberto Pimentel

MARTUS PISTIS disse...

O que eu estou esperando que venha logo é a perseguição cerrada a igreja, para vermos o que estes crentes que se deixa ser enganado pelo diabo, em que lado vai ficar, só que para cego todo lado é caminho ,