11 de agosto de 2014

Crítica esquerdista perturbada de People for the American Way contra um conservador brasileiro


Crítica esquerdista perturbada de People for the American Way contra um conservador brasileiro

Julio Severo
O “American way” (jeito americano) deveria ser expor e destruir tiranias, especialmente o socialismo. Mas não diga isso à entidade People for the American (PFAW), que, de acordo com o WorldNetDaily, é “uma organização socialista ateísta que, por meio de publicações como seu ‘Right Wing Watch’ [Observatório da Direita] se dedica à destruição dos conservadores em geral.” People for the American significa “Pessoas a favor do Jeito Americano.”
Ex-presidente esquerdista americano Bill Clinton em evento de People for the American Way
O ataque mais recente do Observatório da Direita foi contra mim, Julio Severo, num texto intitulado “BarbWire Pundit Defends Brazil’s Past Violent Dictatorship, Fears Looming ‘Gay Agenda.’” (Especialista do BarbWire Defende a Violenta Ditadura Passada do Brasil, Teme Iminente “Agenda gay”) Meu artigo no BarbWrire, “U.S. Betrays Military Men Who Protected Brazil from Communist Threat” (EUA traem militares que protegeram Brasil de ameaça comunista), apenas desmascara que o governo de Obama está traindo os militares que protegeram o Brasil de revoluções e governos comunistas violentos e sanguinários. Frisa também que nessa época no Brasil havia liberdade para proclamar o Evangelho e que Billy Graham, Rex Humbard e Pat Robertson alcançaram milhões com sua mensagem cristã.
De acordo com seu site, o Observatório da Direita tem uma missão especial de atacar conservadores que se opõem à agenda gay, ao aborto e à ideologia muçulmana.
O Observatório da Direita denunciou C. Peter Wagner, fundador da Nova Reforma Apostólica, por sua influência na candidatura conservadora de Rick Perry à presidência dos EUA em 2010. Wagner é mais conhecido por liderar a resistência conservadora aos esforços dos adeptos da Teologia da Libertação de sequestrarem o Congresso Lausanne de Evangelização Mundial em 1974. O sequestro teve êxito apenas anos mais tarde por meio da Teologia da Missão Integral, que é a versão protestante da Teologia da Libertação.
O Observatório da Direita também denunciou o WorldNetDaily por desmascarar John Brennan, diretor da CIA que se converteu ao islamismo e teria sido recrutado na Arábia Saudita. O islamismo é inegavelmente violento. A Arábia Saudita é uma das tiranias mais violentas do mundo. Mas o inimigo real, para PFAW, é WorldNetDaily.
PFAW também atacou Joseph Farah, o dono do WorldNetDaily, por dizer que “Obama está em guerra com Deus.”
Em outro texto, o Observatório da Direita diz: “Franklin Graham Critica Governo ‘Anti-Cristão’ de Obama e Cosmovisão ‘Ímpia’ de Obama por Aceitar a Agenda Gay.” Graham é filho do mais famoso evangelista americano, Billy Graham. Ele é também o presidente da Associação Evangelística Billy Graham (AEBG).
Há muitos outros ataques de PFAW contra Graham, inclusive: “Franklin Graham Apoia Repressão Antigay de Vladimir Putin.”
É claro que Graham não apoiou nenhuma repressão. Ele só apoiou a lei russa que protege as crianças contra a propaganda homossexual. PFAW apoia forçar crianças russas a serem expostas à imoral e nojenta propaganda gay? PFAW apoia a pedofilia?
A excelente postura de Graham foi matéria de capa da revista Decision, uma famosa publicação evangélica da AEBG, intitulada: “A controvérsia olímpica de Putin.”
A lei russa que protege as crianças não foi louvada apenas por Graham. O Congresso Mundial de Famílias, que é a maior organização pró-família e pró-vida do mundo, a louvou também. Seu porta-voz, Don Feder, a defendeu em seu artigo: “Os Jogos Olímpicos de Inverno na Rússia e a Hipocrisia dos Direitos Humanos da Esquerda.” Mas de novo, o Observatório da Direita atacou Feder em seu artigo malévolo “Porta-Voz do Congresso Mundial de Famílias: Putin Salvará os EUA do ‘Elixir Embriagante de Direitos Sexuais.’”
Então, de acordo com PFAW, os ativistas homossexuais precisam de acesso irrestrito a crianças. E se você tentar protegê-las, você é o problema. Você é violento.
De acordo com PFAW, as crianças deveriam ser expostas a mensagens sobre o islamismo como uma “religião de paz.” E se você tentar protegê-las, você é o problema. Você é violento.
Norman Lear
People for the American Way (Pessoas a favor do Jeito Americano), fundada por Norman Lear, tem feito parceria com organizações esquerdistas e pró-aborto e recebe verbas de muitos grupos, inclusive a Fundação Ford. Em 2013, a Fundação Ford, que tem investido no controle populacional durante muitos anos no Brasil, deu 300 mil dólares para PFAW.
De acordo com a Conservapedia, “98 por cento das contribuições políticas de PFAW foram para candidatos do Partido Democrático.” Isto é, PFAW tem um compromisso sólido com o partido pró-aborto e pró-homossexualismo de Obama.
Sem dúvida alguma esse não é o jeito americano. Controle populacional; defesa do aborto, islamismo e homossexualidade; esforços para remover a proteção das crianças contra a propaganda homossexual: esse não é o jeito americano.
O jeito americano, conforme George Washington e outros americanos de verdade viveram, era integridade moral e respeito a Deus. Mas PFAW quer perverter tudo isso transformando em depravação e desrespeito a Deus. A propósito, Washington não aceitava a homossexualidade e jamais teria aceito a ideologia islâmica. E com certeza ele teria apoiado todo esforço para proteger as crianças contra a propaganda homossexual e punir propagandistas homossexuais.
Se PFAW não gosta de cristãos conservadores, não deveria poupar George Washington e seu jeito americano original.
As críticas perturbadas de PFAW contra Franklin Graham, C. Peter Wagner, Don Feder, o Congresso Mundial de Famílias e a mim só me colocam na companhia de homens de muito respeito.
Tenho também certeza de que Josef Stálin e os reis sauditas tirânicos (que não têm nenhuma tolerância para com os cristãos e a liberdade de expressão) teriam ficado contentes de se unir a tão chamada “Pessoas a favor do Jeito Americano” — melhor com o rótulo “Pessoas a favor do Jeito Anti-Cristão.”
Leitura recomendada:

14 comentários :

Thiago disse...

Julio Severo, meu irmão em Cristo, não liga pra isso não!

Irmão, a direita não é mais a mesma. Uns dias atrás eu disse que "nem o Partido Republicano defende mais com tanta convicção o Conservadorismo Cristão". A Direita não tem mais os DOIS PILARES:

Livre Mercado e

Conservadorismo Cristão.

ELES ABANDONARAM O CRISTIANISMO, Agora eles defendem:

Livre Mercado e

Marxismo Cultural.


Mas como são burros (!!!). Eles estão ADESTRANDO várias gerações para um futuro COMUNO-FASCIMO (é isso mesmo que você ouviu, POIS DUVIDO MUNTO QUE OS DA "DIREITA FABIANA" ...kkk... ousem ainda implementar o comunismo real), eles estão lutando contra os próprios interesses. Infelizmente a direita está fragmentada devido a infiltração esquerdista. Nem chame mais esses cabras de direita conservadora. Os únicos dignos de serem chamados de DIREITA CONSERVADORA SÃO OS PALEOCONSERVADORES.

segue alguns link’s "da hora" pra nossa galera da direita conservadora:


http://www.firstprinciplesjournal.com/

http://usconservatives.about.com/od/typesofconservatives/a/PaleoCons.htm

http://www.kirkcenter.org/

Não liga não, esses que pensam que são conservadores irmão, eles foram IDIOTIZADOS pela cultura esquerdista. Pelo jeito, os esquerdopatas TRAVESTIDOS de direita dessa revista não se importariam se houvesse pelo menos uns 10 milhões de mortos numa eventual Revolução Bolchevique em Pindorama.

Com toda certeza, PARA ESSES ESQUEDOPATAS MASCARADOS, os menos de 800 mortos (guerrilheiros armados em sua esmagadora maioria) valem muito mais em termos humanos do que os 100000 civis de Cuba, ou os 70000000 civis da China Comuna.

EITA GERAÇÃO IDIOTIZADA!!! ...kkk...

Fica firme irmão, Deus é contigo!

Sugestão de Louvor
Tramaine - Changed
https://www.youtube.com/watch?v=OefR771yBho

Anti–esquerdista disse...

Se eu não estiver enganado, ser de direita (a verdadeira direita) significa defender estes pontos:

– Direito de ir e vir;

– Direito à liberdade de expressão (conforme garantido pela Constituição);

– Direito ao livre culto religioso (no caso, à crença na fé cristã);

– Direito à vida;

– Direito à propriedade privada;

– Direito à inviolabilidade do lar;

– Direito à proteção da família;

– Conservadorismo (manutenção e defesa de determinados princípios);

– Liberalismo econômico (livre mercado);

– Livre iniciativa (ou livre empreendedorismo);

– Estado mínimo (interferência mínima do Estado em algumas questões).

A esquerda é totalmente oposta a tudo isto. Para a esquerda, se, por exemplo, eu prosperar mais do que outras pessoas (mesmo que seja pelos meus próprios esforços), eu estou contribuindo para aumentar as desigualdades sociais (como se eu fosse culpado de ter uma vida melhor em relação a quem é desfavorecido)! Dá pra entender?

Se um sujeito nasceu numa favela, mal conseguiu estudar, não tem um bom emprego (ou, quando tem, ganha muito pouco), e faz filho a torto e a direito para receber os assistencialismos do governo, eu sou culpado por ele agir assim?

Aí o governo esquerdista, por ver que eu tenho mais do que esse favelado, me tributa violentamente (ou me obriga a dividir o que eu tenho) em nome de uma suposta "justiça social".

Quantos, atualmente, sabem disso? Ou será que ninguém nunca soube que o PT e os demais partidos de esquerda agem assim?

Thiago disse...

Irmão, se me permite, peço desculpas, pois não são somente os PALEOCONSERVADORES com postura pró-cristã, mas também tem muita GENTE BOA entre os NEOCONSERVADORES. Aliás, pesquisando um pouco mais, eu acabei me identificando mais como neoconservador.

http://www.britannica.com/EBchecked/topic/1075556/neoconservatism

Também tem outro grupo, os CONSERVADORES TRADICIONALISTAS (não sei se entendi direito, eles são monarquistas, pré revolução Francesa?). Então, são esses três grupos da DIREITA que apóiam o CRISTIANISMO:

PALEOCONSERVADORES

NEOCONSERVADORES

TRADICIONALISTAS

obs: O QUE IMPORTA é que os três grupos respeitam os valores do CRISTÃOS.

Fora esses TRÊS grupos, como definir essa outra direita que adere ao livre mercado e ao marxismo cultural (libertária?)? DIREITA LIBERAL?

http://pt.wikipedia.org/wiki/Libertarismo

Se eu estiver correto, essa é a "direita" SEM VERGONHA, cheia de MARXISMO CULTURAL, que é inimiga das Igrejas e dos valores cristãos, (valores estes compartilhados pela ESMAGADORA MAIORIA da população brasileira). Júlio, foi essa a "direita" que atacou você meu irmão.

Se esses TAPADOS da "Direita Liberal" não se "conscientizarem" da necessidade de aliança entre o conservadorismo cristão e o liberalismo E.C.O.N.Ô.M.I.C.O (liberalismo só na economia), serão TRAGADOS pela esquerda. Existem muitos exemplos de TAPADOS aqui no Brasil, é fácil observar através dos valores defendidos no Estadão, na Veja e agora nos EUA o “American way” .

Eu só posso ver essa divisão na direita como um ENFRAQUECIMENTO GRAVÍSSIMO. É a Esquerda usando a velha fórmula, dividir pra conquistar.

Se alguém puder ajudar nessas definições...

Fiquem na Paz do Senhor Jesus.

Sugestão de Louvor
Cassiane - Não Negue A Jesus
https://www.youtube.com/watch?v=GyVphhL4Feg

Julio Severo disse...

Thiago, não sei por que os neoconservadores (ou neocons) são chamados de conservadores, mas eles não tem NADA de conservadorismo cristão. O único negócio deles é a supremacia militar dos EUA no mundo inteiro. Eles não se importam com a legalização do aborto ou "casamento" gay. O negócio deles é só fazer guerras. Eles não são muito diferentes de comunistas. São carniceiros.

Veja um conservador americano denunciando neoconservadores americanos:

Conservador americano denuncia intromissão sórdida de neocons americanos na Ucrânia

Thiago disse...

Brigado Julio,

Então, pra nós cristãos fundamentalistas o negócio é:

Paleoconservadorismo

ou

Tradicionalismo

(?)

retiro o que disse...

se é dessa maneira, então fico com o conservadorismo “paleológico” ...kkk...

sou um paleoconservador.

Anônimo disse...

Massacre, sacrificios de sangue contra a humanidade, chocante !!
http://gulagbound.com/46049/isis-sweeps-the-middle-east-in-a-method-reminiscent-of-genghis-khan/

Thiago disse...

Amigo anti-esquerdista

Essa definição que você apresenta de direita é bem parecida com a DIREITA PALEOCONSERVADORA. A direita clássica, dentro do sistema de regime republicano.


Quanto à “Justiça Social”, como eu já fui esquerdista, sei qual é o discurso deles:

Se o Estado proporciona condições para tal indivíduo acumular riqueza, o mesmo deve retribuir via fiscal para o bem-estar geral.

Eu, como cristão, até acho bonito esse discurso.

O problema está no Estado como BABÁ do povo. Isso corrói o sistema democrático. Quer um exemplo? O bolsa família é ou não uma bomba eleitoral, uma grande obstáculo para a alternância do Poder?

Outro obstáculo gerado pelo Super Estado de Bem Estar Social é o engessamento da Economia, que, com uma carga tributária elevada, leva a diminuição ou a estagnação do crescimento econômico, gerando assim mais pobreza.

Então, como as pessoas menos favorecidas sofrem pra caramba, e nós, cristãos, não conseguimos ficar apáticos diate desse quadro, não seria melhor o governo se limitar a oferecer uma educação técnica de altíssima qualidade, desideologizada, onde o indivíduo, senhor de si, possa “tomar as rédeas” da sua vida e do futuro da sua família¿ Não é mais lógico, dentro do sistema democrático, se estimular a livre-iniciativa, o empreendedorismo na pequena e micro empresa para que não exista falta de oportunidade para quem tem pouca ou nenhuma qualificação¿

Obs: Eu não sabia sobre o marxismo cultural dentro dos NEOCONS. Só sabia que eles apoiavam as guerras dos EUA. Valeu Júlio!
Pra mim, a verdadeira DIREITA é CONSERVADORA CRISTÃ.

PALEOCONSERVADORA

OU

TRADICIONALISTA

- essa nossa discussão trouxe uma luz nesse assunto que é muito confuso.

OBS2: Júlio,
Neocons = Direita Liberal (?)

Thiago disse...

Anônimo,

Eu entrei no link

NUNCA VI TAMANHA BARBARIDADE EM TODA A MINHA VIDA (!!!)

Eu só digo uma coisa: o Senhor Obama deveria ser responsabilizado por ter apoiado esse grupo, na Guerra Civil da Síria. Ele apoiou esse grupo uns anos atrás para derrubar Bashar al-Assad. É sempre a mesma história. Lembra da Al-qaeda? Quem foi que apoiou o grupo por muitos anos antes dos atentados às Torres Gêmeas? O próprio EUA.

Olha, tem caroço nesse angu!

PRESBÍTERO VALDOMIRO disse...

Thiago,

Talvez este comentário que eu vou postar aqui (embora seja repetido) explique melhor por que o povo sempre coloca esquerdistas no poder em toda eleição (me corrija se eu estiver errado):

Diz um ditado popular que "o povo tem o governo que merece". Nunca, aqui no Brasil, isso ficou tão evidente, ou melhor, nunca esse mesmo ditado se confirmou de maneira tão clara como nestes últimos anos.

Basta fazermos uma análise dos governos de Lula (anterior) e de Dilma (atual). Mudam somente os "atores" (no caso, os presidentes), mas o "script" (isto é, o programa de governo) é rigorosamente o mesmo. Para que não haja mais nenhuma dúvida quanto a isso (principalmente para aqueles que não acreditam que isso seja verdade), vejamos alguns dos pontos que ambos os governos têm em comum:

– Promoção de políticas de apoio aos "direitos humanos" (leia-se privilégio para os homossexuais e para os menores criminosos, e a perseguição aos cristãos);

– Discriminalização do aborto, já que o aborto é somente um "caso de saúde pública" (ou seja, o aborto, para o governo, não é um crime contra uma vida inocente e indefesa);

– Censura à liberdade de expressão (e ainda dizem, com a maior cara–de–pau, que vivemos num país democrático!);

– Tolerância às religiões afro–descendentes, sob o argumento de que elas fazem parte da nossa cultura, e, como tal, não podem ser discriminadas (como o diabo dessas mesmas religiões se disfarça em anjo de luz, só falta dizer que todas elas são de Deus);

– Distribuição de "kits educativos" nas escolas, com a alegação de combater a homofobia (uma forma disfarçada de fazer com que as nossas crianças sejam sutilmente induzidas ao homossexualismo, promovido pelo ex–ministro Fernando Haddad e por toda a corja do governo e dos homossexuais);

– Homenagem às "vítimas" do regime militar (ninguém jamais procurou saber o verdadeiro passado de Dilma, Lula, e de outros esquerdistas).

Enfim, estas são apenas algumas das muitas semelhanças entre os governos de Lula e o de Dilma (na verdade, o governo de Dilma nada mais é do que a continuação do governo de Lula).

E por que o povo, mesmo sabendo disso tudo, ainda assim vota neles? Por uma razão muito simples: recebendo a "ajuda" (Bolsa–Família) do governo, quem é que não quer ser sempre beneficiado pelo mesmo governo de alguma forma? Tem até gente que ainda tem a ousadia de dizer: "Se o governo é bom (já que ajuda o povo com o Bolsa–Família e outros benefícios), por que votar contra o mesmo governo?" Isso lembra aquela máxima do antigo Império Romano: "Dai pão e circo ao povo, que o Império sobrevive".

Não tenho nenhum medo de dizer: a nossa política está tão podre e tão corrompida, que nem mesmo alguns dos políticos da bancada evangélica não são dignos da nossa confiança (e, muito menos, merecedores do nosso voto). Em suma: não dá pra confiar em nenhum político (seja de que partido for).

Se o povo tivesse vergonha na cara (e, principalmente, se este mesmo povo fosse politicamente conscientizado), não colocaria corruptos no poder em troca do Bolsa–Família (ou em troca de qualquer outro tipo de ajuda ou assistencialismo). Só que o povo, durante as eleições, vota mais com a emoção do que com a razão (ou melhor, mais com a barriga do que com a cabeça). E isso, infelizmente, já criou um ciclo vicioso muito difícil de ser quebrado.

Portanto, diante de tudo que foi dito aqui, só dá pra chegar a uma única conclusão: enquanto prevalecer este quadro, ou melhor, enquanto o povo, em toda eleição, ainda continuar adotando esta mentalidade clientelista (isto é, de só votar em troca de algum tipo de ajuda ou assistencialismo), o nosso país vai estar sempre sendo governado por corruptos.

Que estas palavras sirvam de alerta para que todos, a partir de agora, sejam mais cuidadosos na hora de votar (e não se deixem enganar pelas promessas mentirosas dos muitos lobos em pele de cordeiro que sempre aparecem em todas as eleições)!

Thiago disse...

Meu Irmão Presbítero Valdomiro, A PAZ AMIGO!

Eu concordo 1000% com a sua análise meu irmão.

O povo cristão não sabe defender seus valores e interesses. Irmão, infelizmente discordar do esquerdismo hoje é politicamente incorreto.

Pelas pesquisas que tenho feito, nós não podemos nos distanciar da Bancada Evangélica. Pois, "é o que tem pra hoje" irmão. São os que defendem nossos princípios no Congresso (mal e porcamente, diga-se de passagem).

Pelo que estive lendo, os partidos que tem mais a nossa cara é o DEMOCRATAS e o PSC.

Nós cristãos, temos que nos conscientizar que nossos valores somente serão defendidos por NÓS MESMOS, se nos organizarmos numa Direita Conservadora Cristã. Se esse país ainda for uma democracia, então poderemos defender nossos pontos de vista. Temos que formar uma aliança POLÍTICA e CULTURAL.

DEFENDER A MORAL JUDAICO-CRISTÃ no Congresso, nos meios de comunicações e Escolas/Universidades.

É necessário uma aliança política/cultural:

Católicos Tradicionalistas

Protestantes Reformados Conservadores

Pentecostais e Neopentecostais

obs: Temos de defender a liberdade religiosa. Pois, além de ser parte do modelo Republicano Constitucional, se nós criticarmos a liberdade de outros cultos, nós poderemos "abrir uma brecha" pra perseguição cristã amanhã.

obs2: MODELO REPUBLICANO CONSERVADOR CLÁSSICO PALEOCONSERVADORISMO, ESTADO MÍNIMO + GOVERNO LIMITADO + LIVRE MERCADO + CONSERVADORISMO CRISTÃO, DEMOCRATAS, PSC e aliança conservadora em prol da Moral e da Família.

http://www.firstprinciplesjournal.com/

obs3: veja outro vídeo do Padre Paulo Ricardo, falando da necessária aliança entre Católicos e Protestantes:

https://www.youtube.com/watch?v=DZbmxRczuWQ

Sugestão de Louvor
Tramaine - What Shall I Do
https://www.youtube.com/watch?v=WSyNbJuZ3cc

Duílio disse...

Thiago,

Torno a repetir, mais uma vez, o que eu já disse em outros artigos: é muita ingenuidade alguém acreditar que o PT e os demais partidos esquerdistas vão mudar a sua agenda política algum dia. Quem acredita nisso também acredita que o diabo, um dia, vai se converter a Jesus!

Se o PT, algum dia, falou o contrário, foi por puro oportunismo eleitoral (já que é exatamente assim que o PT e os demais partidos esquerdistas agem).

Um bom exemplo disso (desse mesmo oportunismo) foi a própria eleição de Dilma em 2010. Durante a campanha presidencial, ela corria forte risco de não ganhar por ter se declarado favorável ao aborto. Sabendo que a população brasileira e o segmento evangélico são radicalmente contra o aborto, ela se comprometeu (inclusive assinando um documento em público) em não legalizar o aborto. Todos acreditaram piamente nessa promessa mentirosa dela.

E o que aconteceu depois? Quando ela foi eleita, o aborto anencefálico foi legalizado (contando também com uma "mãozinha" do STF para isso)! Não é esta uma prova mais do que evidente de que Dilma mentiu somente com a intenção de ser eleita? Não só ela, mas também todo e qualquer político esquerdista faria a mesmíssima coisa nas campanhas eleitorais (disso eu tenho plena e absoluta certeza)!

Alguém ainda acredita que os políticos do PT (e dos demais partidos esquerdistas) vão falar a verdade algum dia? Só mesmo quem for muito burro!

Thiago disse...

Oi irmão cristão Duílio,

Sim, os partidos de esquerda são TRAIDORES! Um conservador não deveria apoiar um. Temos partidos de direita e de centro.

"dentro do possível", temos:

Democratas e PSC: DIREITA

PMDB: CENTRO

Penso que nós, cristãos conservadores, deveríamos pesquisar representantes nesses partidos, se possível. Algum pastor ou representante de paróquia... sei lá... alguém que defenda a moral cristã no Congresso Nacional.

(eu, pessoalmente, estou pesquisando no PSC, já escolhi para presidência e pra deputado federal. Pra governador, vou de "esqueda light" PSDB em São Paulo, e pra Senador ainda vou pesquisar alguém do Democratas ou do PSC).

Diácono Elias (Igreja Batista Nova Jerusalém) disse...

Amigo Thiago,

Não sei se você vai concordar comigo, mas eu penso o seguinte (me corrija se eu estiver errado): se todos os eleitores do Brasil (inclusive os cristãos) tivessem orado e pedido discernimento a Deus antes de votar, não teríamos no poder um governo pró–homossexualismo, pró–aborto, anti–família e anti–cristão. E nem elegeríamos uma bancada que se diz evangélica, mas que não tem tido nenhum compromisso verdadeiro com a obediência à Palavra de Deus (além de ser omissa no combate ao pecado e conivente com o mesmo governo)!

Creio que o problema está não somente em muitos dos políticos que se dizem cristãos (como os da bancada evangélica), mas também de alguns cristãos eleitores que os colocam lá. Alguns desses mesmos eleitores votam somente por votar, influenciados por alguém (tipo: "Vou votar no irmão da minha igreja, pois foi o pastor quem pediu"), ou sem saber quem realmente é o candidato, que ideais defende, quais compromissos tem, quais interesses visa, enfim, o que realmente fará ao ser eleito.

Daí, surgem certos "políticos cristãos" que estão mais preocupados em cuidar de seus negócios particulares (ou dos negócios de suas igrejas) do que em ter um compromisso sério com a obediência à Palavra de Deus e com questões que afetam a sociedade como um todo (especialmente a maioria cristã).

Portanto, é necessário que todos (não só o povo, mas também as igrejas) sejam politicamente conscientizados sobre a responsabilidade do voto. Se em toda eleição colocarmos ímpios no poder, estaremos dando carta branca para que o diabo e os demônios ataquem a tudo e a todos (além de promoverem a destruição dos valores morais, familiares, e dos princípios cristãos). Em suma: o que não podemos fazer é perpetuar este ciclo vicioso, ou melhor, não podemos continuar alimentando esta política imoral e anti–cristã que já tomou conta do Brasil. Aliás, não só o cenário político, mas, infelizmente, até algumas igrejas evangélicas estão infestadas de falsos cristãos gananciosos e vaidosos que só usam o nome de Deus para seus próprios interesses (ou para suas próprias conveniências pessoais).

Que este alerta seja amplamente divulgado a todos, para que todos saibam o quanto o voto é importante para decidir o futuro de um país.

Um grande abraço,

Diácono Elias (Igreja Batista Nova Jerusalém)

ÉLQUISSON disse...

Respondendo ao Duílio, ao Thiago, e ao Diácono Elias,

Não só eu assino embaixo de tudo que vocês disseram, como eu ainda acrescentaria o seguinte: o diabo é um ilusionista. Ele só mostra o lado aparentemente "bom" das propostas que ele oferece a todos, mas ele oculta o resultado final. Isso lembra muito bem o que o Rubens Ricupero (ministro da época do governo de Fernando Henrique Cardoso) disse certa vez: "O que é bom, a gente mostra; o que é ruim, a gente esconde".

Infelizmente, ainda tem muita gente que acha que ainda se deve esperar um mínimo de sinceridade da parte do PT (e de outros partidos esquerdistas) quando seus líderes dialogam com cristãos. Em outras palavras: tem muita gente ingênua que ainda acredita piamente que o diabo um dia vai aparecer em público e dizer: "Eu sou o diabo, e esta é a minha verdadeira face!" Isso vale principalmente para quem acredita nas promessas do PT e de outros políticos (e partidos) esquerdistas.

O pior disso tudo é que muitos não querem ouvir a verdade (por mais que sejam dados inúmeros alertas)! Parece que muitos, pelo jeito, só vão descobrir que foram enganados pelo diabo no dia do juízo final! Mas aí, infelizmente, já será tarde demais!

Muitos, pelo jeito, estão esquecidos do que a Palavra de Deus diz:

"Maldito o homem que confia no homem, que faz da carne o seu braço, e que aparta o seu coração do Senhor" (Jeremias 17:5)

"Seja Deus verdadeiro e todo homem mentiroso" (Romanos 3:4)

Em virtude disso, não foi sem razão que Jesus afirmou com autoridade:

"Vós tendes por vosso pai o diabo, e quereis satisfazer os seus desejos. Ele foi um homicida desde o princípio e não permaneceu na verdade, porque nele não existe verdade. Quando ele mente, fala só do que lhe é próprio; pois é um mentiroso e o pai da mentira" (João 8:44)

Como tem gente ingênua neste mundo!