21 de maio de 2014

Jornal esquerdista Folha de S. Paulo acusa deputado evangélico de “ofender” Xuxa no Congresso Nacional


Jornal esquerdista Folha de S. Paulo acusa deputado evangélico de “ofender” Xuxa no Congresso Nacional

Julio Severo
Além de acusar o deputado evangélico Pastor Eurico (PSB-PE) de ofender Xuxa, jornal esquerdista Folha de S. Paulo também apresentou de forma distorcida a Lei da Palmada. A Folha disse:
“Durante uma acirrada discussão sobre o projeto de lei que pune agressões violentas a crianças cometidas no ambiente familiar, na Comissão de Constituição da Câmara na manhã desta quarta-feira (21), o deputado Pastor Eurico (PSB-PE) acabou ofendendo a apresentadora Xuxa Meneghel ao dizer que ela provocou uma agressão às crianças quando ‘protagonizou um filme pornô.’”
Pela expressão exagerada, chamando a Lei da Palmada de “lei que pune agressões violentas a crianças cometidas no ambiente familiar,” a impressão clara que fica é que a jornalista confundiu o projeto com alguma Lei da Paulada.
Xuxa no Congresso Nacional lutando pela aprovação da Lei da Palmada (21/05/14)
Qualquer jornalista que não sabe ler e interpretar o assunto que está tratando causa confusão, como uma faísca causa um grande incêndio. Seja como for, Mariana Haubert, a jornalista que assinou a matéria da Folha, confundiu Lei da Palmada com Lei da Paulada.
Mesmo que o problema fosse paulada, há leis suficientes para tratar desse tipo de agressão. Nenhum pai ou mãe que dá paulada é isento de prestar contas à lei.
Diferente é o caso da agressão sexual. É nesse ponto que entra a atuação do Pr. Eurico, que igualmente foi vítima da má interpretação da jornalista, que em vez de cobrar da Xuxa, cobra de quem ousou lembrar do filme pedófilo dela.
Um jornalista honesto e imparcial diria: “Como pode Xuxa, que encenou cena erótica com uma criança, querer hoje mandar o que os pais e mães do Brasil podem ou não podem fazer?”
Um amigo de Facebook comentou: “Uma mulher que se deita nua com uma criança em uma filmagem deve de perder o direito de opinião quando se trata de criar filhos, menos direito ainda se for filhos dos outros.”
Outra amiga disse: “Podiam fazer uma faixa e levar pra lá com [comentário]! Foi no ponto exato da questão! Super verdade!”
A reação da Folha de S. Paulo será previsível: Pais e mães levam ao Congresso Nacional faixas que ofendem Xuxa!
Xuxa foi ao Congresso Nacional defender os interesses do governo do PT, especialmente de sua militante radical Maria do Rosário, de confiscar os direitos dos pais de disciplinar fisicamente os filhos. E a jornalista da Folha, que recebe patrocínio de empresas estatais, sem pestanejar defende Xuxa na sua defesa dos interesses do governo do PT.
Se a jornalista se preocupasse de fato com as crianças do Brasil, cobraria do governo suas incessantes campanhas para avançar o aborto. E aborto não se faz com meros tapinhas no bebê em gestação. É agressão das mais desumanas e barbaras. É violência que, em comparação, faz qualquer varadinha ou palmada uma mera cócega.
Se fosse honesta, a jornalista também poderia cobrar do governo: Por que, desde que fez seu filme pedófilo, Xuxa nunca foi para a cadeia?
Não. A jornalista achou mais confortável e politicamente correto retratar o Pr. Eurico como uma espécie de homem mal-educado destratando uma donzela inocente que só fez bem às crianças do Brasil.
Para fazer o jornalismo do Brasil andar em determinada direção, só com patrocínio da Petrobras. A direção da honestidade e defesa da família, infelizmente, não conta com esse descomunal patrocínio. Daí, impunemente tratam a Lei da Palmada como Lei da Paulada.
Daí, impunemente, tratam Xuxa como exemplo reluzente de criação de filhos.
Daí, tratam o Pr. Eurico (que simboliza a aversão do brasileiro honesto contra a pedofilia e intromissões do governo) como o homem “mal-educado.”
Magno Malta acertou em cheio quando disse que “a Lei da Palmada é uma agressão à família.”
Se antes da aprovação da infame Lei da Palmada, governo do PT e Folha de S. Paulo já se unem para agredir, com mentiras e distorções, a família brasileira e seus defensores, o que farão depois?
Leitura recomendada:
Artigos sobre Xuxa:
Artigos sobre o jornalismo tendencioso da Folha de S. Paulo:
Artigos sobre a Lei da Palmada e disciplina de crianças:

12 comentários :

ÉLQUISSON disse...

Se falar a verdade significa ofender, então Jesus foi um ofensor incorrigível (porque Ele sempre falava a verdade). Ele desmascarava os hipócritas (e Ele também revelava os pecados ocultos de muitos). Quem fala a verdade sempre é odiado. Se com Jesus foi assim, quanto mais com os Seus servos!

O nosso amado irmão Júlio Severo é um bom exemplo isso. Por ter falado a verdade sobre o movimento homossexual, ele passou a ser odiado (e também perseguido) pelos homossexuais e pelo governo (já quiseram até saber o endereço dele, se é que já não o ameaçaram de morte). Por causa disso, ele teve que ir, com a família, para um exílio forçado no exterior. E não duvido nada como esses mesmos homossexuais alegaram que foram "ofendidos" pelo Júlio!

Se chamar pecado de pecado é "ofensa", então todos os cristãos serão processados quando chamarem o diabo de diabo! O diabo, certamente, vai alegar que foi "ofendido"!

Certamente Xuxa e esse governo esquerdista nunca leram o que disse o apóstolo Paulo:

"Tornei-me, por acaso, vosso inimigo, por vos dizer a verdade?" (Gálatas 4:16)

Será que Xuxa e os esquerdistas deste governo corrupto, se não se convertem antes da morte, vão poder processar Jesus por considerar a condenação eterna ao lago de fogo uma "ofensa" (ou uma sentença injusta)?

George disse...

Em relação à Maria do Rosário, já sabemos de cor e salteado o que (e quem) ela defende: toda a podridão do governo do PT (e de outros partidos esquerdistas). Como boa esquerdista que é, por que ela ficaria contra seus "cumpanhêrus"? Esquerdista defendendo governo esquerdista não é nenhuma novidade. Não difere nada do corporativismo político (onde corrupto defende corrupto).

Quanto à Xuxa, ela está querendo passar a versão dos fatos que interessam somente a ela (isso ficou evidente numa entrevista que ela deu ao "Fantástico"). O mais engraçado foi ela dizer, na mesma entrevista, que foi abusada na infância. Mas, mesmo assim, ela não pede perdão em público por ter abusado de um menino de 12 anos no filme "Amor, estranho amor". Dá para confiar numa pessoa assim?

Em outras palavras: Xuxa não conta toda a sua verdadeira história. Isso lembra muito o que o Rubens Ricúpero (ministro da época do governo de Fernando Henrique Cardoso) disse certa vez: "O que é bom, a gente mostra; o que é ruim, a gente esconde". Por que Xuxa agiria diferente?

Aproveito para perguntar a todos daqui:

Que diferença existe entre este depoimento da Xuxa (dado na entrevista ao "Fantástico"), e a tal "Comissão da verdade" da presidente Dilma?

Resposta: NENHUMA!

O que existe, na verdade, é uma grande coincidência: ambas com um passado podre (e hoje posando de vítimas)!

PRESBÍTERO VALDOMIRO disse...

Quem é Xuxa para falar de moral? Que exemplo ela foi (ou é) para as nossas crianças? Quem ela pensa que é para dizer como nossos filhos e netos devem ser educados?

Ela disse, numa entrevista que deu ao "Fantástico", que foi vítima de abuso sexual na infância. E o que ela fez com o menino de 12 anos no filme "Amor, estranho amor" não foi abuso sexual?

Se Xuxa, nessa mesma entrevista, disse ser tão corajosa, por que ela não teve coragem o suficiente para revelar em público o seu passado sujo (sem esconder nada)?

Sinceramente, eu não acredito em uma única palavra dita por ela. Para fazer sucesso e ter riqueza, ela se prestou a fazer tudo que foi coisa (certa e errada). Até já ouvi dizer (não sei se é verdade) que ela chegou a fazer um pacto com o diabo para ser o que é hoje.

Xuxa nunca foi referência como pessoa, e nem tampouco exemplo de bom comportamento a ser seguido. Graça a Deus (e a mim), meus filhos e netos nunca assistiram (e jamais assistirão) ao programa da Xuxa. Aliás, eu já "aposentei" a televisão da minha casa há muito tempo, pois não desejo que minha família seja contaminada pelo lixo satânico da Globo. Faço como disse o salmista:

"Não porei coisa má perante os meus olhos" (Salmo 101:3)

Parabéns ao nosso amado irmão Júlio Severo por mostrar ao público certas verdades que a mídia corrupta pró–aborto, pró–homossexualismo, anti–família, e anti–cristã nunca mostra.

Anônimo disse...

Não acredito que a Xuxa tenha sido honesta ao contar sobre a história do suposto estupro que teria sofrido em sua infância.

Acredito que foi história que ela inventou pra aparecer e posar de coitadinha e inocente perante a opinião pública.

Uma menina supostamente estuprada evitaria de toda forma ter sua imagem ligada a comportamentos erotizados e sexualizados, e foi nisso que a dita Rainha dos Baixinhos fez a sua carreira. Posando nua para revistas masculinas, fazendo pornochanchada e dissuadindo as mulheres brasileiras (principalmente mais jovens) a viverem na libertinagem, fazendo-as acreditarem piamente que suas vidas tornar-se-ão um paraíso ao assumirem uma maternidade precoce e irresponsável.

Essa mulher é uma prostituta de luxo, e um péssimo exemplo para a sociedade brasileira.

Parabéns ao pastor Eurico que teve coragem de dizer abertamente quem, na verdade, é a senhora "Tamara/Gertrudes" (personagem da Xuxa no filme de 1982). Não devemos nos importar com as críticas. Ninguém nunca fez amigos por dizer a verdade!

Anônimo disse...

Lastimavel e lamentavel que essa mulher, a XUXA, que fez filme porno com uma crianca em 1982 agora venha dar opiniao e palpite de como os pais devem educar seus filhos, isso e ridiculo, essa XUXA , se estivesse em um pais serio, a muito tempo deveria estar na cadeia por pedofilia.

Carlos de Cristo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Everaldo disse...

A pergunta do presbítero Valdomiro foi bem direta: por que Xuxa não teve coragem o suficiente para revelar em público o seu passado sujo (sem esconder nada)?

Se Xuxa fosse realmente tão corajosa (como ela quis aparentar na entrevista dada ao "Fantástico"), ela teria que dizer (em alto e bom som) em rede nacional:

– "Posei nua para a revista 'Playboy'";

– "Fiz um filme de sexo explícito com um menino de 12 anos";

– "Fiz com que as meninas, através das minhas paquitas, fossem vistas como objetos sexuais pelos homens";

– "Fiz com que as crianças fossem precocemente erotizadas através do meu programa";

– "Eu só queria saber de ter grande audiência para o meu programa (e muito dinheiro na minha conta), não me importava como (se de maneira certa ou errada)";

Isso é só o que a gente sabe (fora outras coisas que ninguém sabe)...

Dizem que "quem não deve, não teme", não é verdade? Se Xuxa, aparentemente, não deve nada a ninguém (o que eu, particularmente, não acredito), por que ela não admite tudo isto abertamente em público? De quê (ou de quem) ela teria medo se confessasse todo o seu verdadeiro passado (sem esconder nada)?

Infelizmente, tem muita gente que ainda confunde reputação com caráter. Reputação é o que as pessoas pensam a nosso respeito. Caráter é o valor que os Céus nos atribuem. No caso, Xuxa prefere tentar salvar a sua reputação em público. Ela agora está querendo posar de boa moça (como se isso apagasse o passado sujo dela). Mas, interiormente, ela continua a ser a mesma pessoa: é uma mulher que não está nem aí para os males que o programa dela vem causando às nossas crianças (e, pelo jeito, não se arrepende do seu passado imoral). Que caráter ela tem? Nenhum!

E mais: da boca pra fora, é muito fácil para Xuxa dizer que se arrependeu (até mesmo o pecador mais pervertido faz isso). Eu quero ver é ela se arrepender de verdade: se humilhando de joelhos diante de Jesus, e confessando abertamente em público todo o passado podre que teve (sem esconder nada)! É como diz a Palavra de Deus:

"O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas aquele que as confessa e as deixa alcançará a misericórdia" (Provérbios 28:13)

Será que Xuxa teria essa coragem?

DUVIDO MUITO!

Carlos de Cristo disse...

Que vergonha em seu Anthony Garotinho aonde que a Xuxa representa algo dos evangélicos? Xuxa uma mulher q fez filme sexual com uma criança de 12 anos, o que se poderia configurar pedofilia? Por que, Xuxa desde que fez este filme “Amor estranho amor” poderia até ser considerado pedófilo, Xuxa nunca foi para a cadeia? Xuxa também nunca foi membro de nenhuma igreja evangélica, separada do pai da filha dela Sacha, sei que ela frequentou uma igreja não quer dizer q ela foi membro e obedecia os mandamentos do Senhor Deus. É nesse ponto que entra a atuação do Deputado Federal Pastor Eurico que igualmente foi vítima da ma interpretação, cobrou da Xuxa, que fez filme pedófilo. Acusar um colega deputado e evangélico Dep Eurico que trazia sim o juízo sobre a convidada dos deputados, não é o mesmo que fazer politica de populismo, é trazer juízo e a justiça bíblica de Deus sobre a verdade dos fatos. O que não faz uso da vara odeia seu filho, mas o que o ama, desde cedo o castiga. Provérbios 13:24. A direção da honestidade e defesa da família, infelizmente, não conta com esse descomunal patrocínio. Daí, impunemente tratam a Lei da Palmada como Lei da Paulada. Daí, impunemente, tratam Xuxa como exemplo reluzente de criação de filhos.
Daí, tratam o Pr. Eurico (que simboliza a aversão do brasileiro honesto contra a pedofilia e intromissões do governo) como o homem “mal-educado.” E os deputados por aprovar em parte a punição dos pais sobre os filhos não quer dizer que esta bancada esteja representando de fato os princípios bíblicos e evangélicos, haja vista que a maioria é ficha suja, e muitas vezes vota errado, e causa vergonha na sociedade. E por que reparas tu no argueiro que está no olho do teu irmão, e não vês a trave que está no teu olho? Mateus 7:3 Ou como podes dizer a teu irmão: Irmão, deixa-me tirar o argueiro que está no teu olho, não atentando tu mesmo na trave que está no teu olho? Hipócrita, tira primeiro a trave do teu olho, e então verás bem para tirar o argueiro que está no olho de teu irmão. Lucas 6:42
E da sua boca saía uma aguda espada, para ferir com ela as nações; e ele as regerá com vara de ferro; e ele mesmo é o que pisa o lagar do vinho do furor e da ira do Deus Todo-Poderoso. Apocalipse 19:15
Magno Malta acertou em cheio quando disse que “a Lei da Palmada é uma agressão à família.”
Se antes da aprovação da infame Lei da Palmada, governo do PT e Folha de S. Paulo e deputados q se dizem evangélicos já se unem para agredir, com mentiras e distorções, a família brasileira e seus defensores, o que farão depois? Na boca do tolo está a punição da soberba, mas os sábios se conservam pelos próprios lábios. Provérbios 14:3 Não retires a disciplina da criança; pois se a fustigares com a vara, nem por isso morrerá. Provérbios 23:13 Tu a fustigarás com a vara, e livrarás a sua alma do inferno. Provérbios 23:14
A vara e a repreensão dão sabedoria, mas a criança entregue a si mesma, envergonha a sua mãe. Provérbios 29:15 O que semear a perversidade segará males; e com a vara da sua própria indignação será extinto. Provérbios 22:8 Se alguém não estiver em mim, será lançado fora, como a vara, e secará; e os colhem e lançam no fogo, e ardem. João 15:6 E, na verdade, toda a correção, ao presente, não parece ser de gozo, senão de tristeza, mas depois produz um fruto pacífico de justiça nos exercitados por ela. Hebreus 12:11 Se suportais a correção, Deus vos trata como filhos; porque, que filho há a quem o pai não corrija? Hebreus 12:7 Mas, se estais sem disciplina, da qual todos são feitos participantes, sois então bastardos, e não filhos. Hebreus 12:8 Isso sim merece uma retratação publica.

Anônimo disse...

Qdo ainda nao havia conhecido a Verade e ser liberto por ela cheguei a omprar cd com as musicas dessa coitada. Jah pedi perdao a Deus por isso, embora a propria Palavra releva o tempo da ignorancia. mas, espantoso que, ha muito tempo alertei a um casal conhecido, "evangelico", a respeito desa mulher, pois os mesmos idolatravam a mesma. Tempos depois, ao visitaa-los, vi que o marido correu a esconder um livro que estava sobre a mesa, mas, tal rapidez nao impediu que eu lesse, de relance, o titulo; "O livro de ouro da xuxa". Nao eh brincadeira nao. Serah que alguem fica espantado o quanto o nosso pais se ferrou?! Com Deus nao se brinca; ao darmos ibope pra satanas ele tem o direito legal de cirandar na nossa vida. Se nao nos divorciarmos dele (e parece que o casamento aih eh para sempre), nao temos chance alguma.

Antonio.

Eliel disse...

Respondendo ao Antônio,

Antônio,

Basta dar um pequeno vacilo ou uma única brecha (sair um instante da presença de Deus) para que o ataque do diabo e dos demônios seja imediato e inevitável! O diabo não brinca em serviço! Ele tem que ser combatido sempre! O cristão não pode se descuidar espiritualmente nem por um único segundo! Foi por isso que o apóstolo Paulo disse:

"Não deis lugar ao diabo" (Efésios 4:27)

A mesma coisa é dita pelo apóstolo Tiago:

"Resisti ao diabo, e o diabo fugirá de vós" (Tiago 4:7)

Precisa dizer mais alguma coisa?

Jarbas disse...

Xuxa, Maria do Rosário, Dilma... é tudo farinha do mesmo saco! Não sei quem é a mais podre de todas elas!

Como disse muito bem o Everaldo no comentário dele, Xuxa prefere tentar salvar a sua reputação em público. Ela agora está querendo posar de boa moça (como se isso apagasse o passado sujo dela). Isso nem me espanta. Se o próprio diabo insiste em se transformar em anjo de luz para dar uma aparência de "bonzinho" ao se apresentar em público (como o apóstolo Paulo diz em 2 Coríntios 11:14), por que Xuxa agiria diferente?

Maria do Rosário dispensa apresentações. É a fiel escudeira dos homossexuais, dos abortistas, do governo corrupto de Dilma (e de toda a esquerda), e dos "direitos humanos" para os bandidos. Como boa esquerdista que é, por que ela ficaria contra seus "cumpanhêrus"? Esquerdista defendendo governo esquerdista não é nenhuma novidade. Não difere nada do corporativismo político (onde corrupto defende corrupto).

Dilma é a versão brasileira de Jezabel. Assim como Jezabel perseguia os profetas de Deus (e até os matava se pudesse), a nossa Jezabel tupiniquim persegue os cristãos que defendem a obediência à Palavra de Deus e combatem as políticas demoníacas do PT.

Vejam o caso do nosso amado irmão Júlio Severo (o nosso profeta Elias dos tempos modernos). Ele está exilado no Monte Horebe (algum país do exterior) para fugir da nossa Jezabel. Se ele ainda estivesse aqui, com certeza estaria sendo ameaçado de morte (se já não estivesse morto)! Infelizmente, é uma pena que existem poucos cristãos iguais ao irmão Júlio Severo para combatermos a Jezabel moderna e o seu governo diabólico!

Temos que ter uma postura firme e forte para combatermos todas as investidas do diabo e de seus escravos!

Nivaldo disse...

Querem conhecer Xuxa de verdade? Vejam estes artigos aqui:

http://blogs.estadao.com.br/marcelo-rubens-paiva/amor-estranho-amor/

http://www.listal.com/viewimage/2376984

http://marciosantosorg.blogspot.com.br/2013/03/xuxa-chama-pr-marco-feliciano-de-monstro.html

Aqui, uma entrevista com o ator Marcelo Ribeiro (o garoto na época de "Amor, estranho amor"

https://www.youtube.com/watch?v=fuGs2WLu76w

Aqui, vocês podem "apreciar" o futuro do menino.... O que ele se tornou, 30 anos depois...

http://ego.globo.com/Gente/Noticias/0,,MUL315526-9798,00-ATOR+QUE+FEZ+FILME+COM+XUXA+LANCA+OBRA+PORNO.html

Após isso, tirem suas conclusões!