31 de maio de 2014

Cristãos brasileiros: “Destino profético” com Israel


Cristãos brasileiros: “Destino profético” com Israel

Chris Mitchell
Comentário de Julio Severo: Anos atrás, estive com o Dr. Chuck Pierce e ele disse que Deus havia lhe mostrado que em 2008 Deus havia removido a unção que Ele tinha sobre a nação americana desde que os peregrinos americanos haviam feito uma aliança com Ele. De acordo com Pierce, Deus daria essa unção para outra nação, que se tornaria então a maior potência mundial. Ele disse que o Brasil poderia ser o escolhido, contanto que se aproximasse muito de Israel. Deus pode estar então usando lideranças cristãs brasileiras, inclusive a cantora Ana Paula Valadão, para essa aproximação, conforme a reportagem abaixo da CBN News, que tem o vídeo que está em inglês. Mas quando Deus tem um grande propósito, o diabo tenta também infiltrar seu veneno. A Teologia da Missão Integral (TMI), que há seis décadas infecta a IPB e outras igrejas protestantes históricas do Brasil, começou recentemente sua infecção na Igreja Batista da Lagoinha. Se essa infecção vai se alastrar ou não para atrapalhar o mover profético de Deus não sabemos. Mas os intercessores precisam vigiar e orar. Quer saber o que uma igreja “madura” na TMI pensa sobre Israel? Veja um alerta que mostra que a TMI tem feito com que os cristãos se distanciem do apoio a Israel: “Mensageiros palestinos: Como Cristo e os cristãos são usados para promover a causa palestina”
Eis agora a reportagem da CBN News:
JERUSALÉM, Israel — A Bíblia diz que muitas nações irão à cidade de Jerusalém para adorar ao Senhor.
Isso ocorreu recentemente quando um grupo de brasileiros foi à Torre de Davi na Velha Cidade de Jerusalém para adorar.
Desde a tarde até a noite, os brasileiros se reuniram para celebrar o Deus de Israel.
Ana Paula Valadão conduziu a adoração. No Brasil, ela tem conduzido concertos com o comparecimento de um milhão de pessoas. Ela crê que o Brasil tem um destino especial com Israel.
“Creio que a nação brasileira está se levantando para orar pela paz de Jerusalém,” Ana Paula disse a CBN News.
Seu marido, Gustavo, disse que muitos brasileiros estão indo a Israel para esse próprio propósito.
“Muitos brasileiros de todo o Brasil, estão estão indo para Israel a fim de orar — orar por Israel e orar pelo Brasil neste lugar, nesta nação,” disse ele.

Hoje, o Espírito Santo está levantando guerreiros de oração.
“Temos um grande papel nisso pois o Brasil está em reavivamento,” disse Ana Paula. “E o Espírito Santo está levantando intercessão em favor dos tempos finais.”
Ela acredita que o reavivamento está mudando o Brasil.
“Hoje temos quase 40 por cento da população declarando que são cristãos que nasceram de novo, e as igrejas estão cheias,” disse ela. “As pessoas estão abertas para receber Jesus até mesmo nas ruas.”
Os brasileiros trazem exuberância para sua adoração.
“O dom redentivo do Brasil, essa alegria, essa celebração para Jesus — e é por isso que o trazemos para Israel, pois é nosso dom redentivo,” disse Gustavo.
“Cremos que temos um destino, um destino profético de abençoar e trazer a Segunda Vinda do Senhor,” Ana Paula disse.
Traduzido por Julio Severo da reportagem da CBN News: Brazilian Christians: “Prophetic Destiny” with Israel
Leitura recomendada:

12 comentários :

Paulo Ricardo Dos Santos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Paulo Ricardo Dos Santos disse...

Paz Julio! Muito interessante esse artigo. Justamente os pentecostais e neopentecostais (que tem sido furiosamente alvejados por deboches e difamações dos "teólogos"), são os que mais tem manifestado apoio a causa sionista.
Parece que hoje a teologia virou um medidor de espiritualidade ou comunhão com Deus...saber umas letrinhas a mais não torna ninguém espiritual. Conhecer a Deus e viver de acordo com Seu propósito, isso sim é vida!


Bem, Deus te abençoe, continue a escrever!

Unknown disse...

que DEUS continue o abençoando, porque muitos cristaos estao sendo enganado pela falsa teologia da substituiçao, achando que DEUS rejeitou seu povo, ele terao que rasgar metade da biblia e varias partes do novo testamento, inclusive a carta ao hebreus, a carta de tiago, e varias partes da carta aos romanos, ou seja nao tem nenhuma base biblica a teologia da substituicao alem de ser contrario ao ensinos de DEUS, que DEUS abençoes ao verdadeiros cristaos e a Israel seu povo.

Apologista disse...

Julio Severo vc crê no Amilenismo ou no pós milenismo?

http://apologistadapalavra.blogspot.com.br/

Anônimo disse...

Interessante. Mas eu tenho algumas dúvidas: por que Deus tirou sua unção dos EUA em 2008? Existe algum motivo especial? E como outro país poderá ter esta unção? O que é esta unção? Estas são as minhas dúvidas e eu gostaria que Julio ou um dos internautas aqui presentes pudesse me responder. Grato.

Anônimo disse...

Brasil apoiando Israel? Hunm... to pra ver.

Antonio.

Ismael Ferreira disse...

Prezados irmãos,

Não desejo analisar as tais profecias ou o que se assemelhe a isso. Só quero ver os fatos.

O Brasil, desde o governo do FHC, tem dado apoio a governos inimigos de Israel: Líbia, Gabão, Cuba, "Autoridade Palestina" - seja lá o que isso for - e intensificado isso nos governos do PT.

Recentemente, centenas de milhões de reais (do nosso suor) foram para o porto de Mariel, em Cuba. Embarcações da Coreia do Norte e do Irã (mais 2 nações inimigas de Israel) têm grande circulação por lá.

Existe um comitê das esquerdas brasileiras - o CAJU (Comitê para Assuntos Judaicos) que trata de como neutralizar Israel e apoiar a causa terrorista (Hamas e Fatah), sendo que para o primeiro grupo, o governo do PT já enviou nosso dinheiro também.

Indo para a Bíblia, as profecias verdadeiras nos mostram que TODAS as nações se voltarão contra Israel. Até os que têm sido falsos aliados, os EUA, também estarão contra. E os nossos governantes não estarão em outra posição, até mesmo a atual presidente brasileira, que tem o apoio da senhora cantora citada no artigo e de outros destacados da igreja, de diferentes orientações teológicas.

Cabe somente à Igreja verdadeira de Jesus Cristo orar pelo povo de Israel e pela salvação do seu povo, mas a paz sobre Israel só virá quando Ele, o Senhor, vier à Terra não mais como o Servo Sofredor, mas como o Rei dos reis.

Que o Senhor te abençoe, Julio!

Shalom aleichem!

Fiszpan Porcel disse...

Que este não seja um espião do PT et caterva, mas vamos lá.... como os EUA deixaram de apoiar Israel e passaram a apoiar a Muslim Brotherhood (inimigos confessos do povo judeu), D-us também deixou de apoia-los. Promessa do próprio D-us a Abraão, lá em Gênesis.

Wellington disse...

O anônimo perguntou:

"... por que Deus tirou sua unção dos EUA em 2008? Existe algum motivo especial?..."

Amado irmão, por que você está surpreso com essa morte espiritual (essa perda de unção) dos Estados Unidos? Tudo isso que está acontecendo por lá nada mais é do que a confirmação das palavras do apóstolo Paulo:

"Ninguém, de forma nenhuma, vos engane; pois não será assim sem antes vir a apostasia, e sem que se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição, o qual se opõe e se levanta contra tudo que se chama Deus, ou se adora; de modo que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus" (2 Tessalonicenses 2:3–4)

É muito fácil o diagnóstico: quando uma nação deixa de obedecer à Palavra de Deus, esta mesma nação apostatou da fé (e deu lugar ao diabo)! Foi exatamente isto o que aconteceu com os Estados Unidos! Não é preciso ser formado em faculdade (ou em teologia) para entender (ou enxergar) algo tão simples assim!

Um outro texto do apóstolo Paulo que explica melhor o caso em questão (a morte espiritual dos Estados Unidos) é precisamente este aqui:

"Pois o ministério da injustiça já opera; há somente um que ainda resiste, até que do meio seja tirado; E então será revelado o iníquo, o qual o Senhor desfará com o assopro de Sua boca, e aniquilará pelo resplendor de Sua vinda; A esse cuja vinda é conforme a eficácia de Satanás, com todo poder, e sinais e prodígios de mentira; E com todo engano da injustiça para aqueles que perecem, pois não receberam o amor da verdade para que se salvassem. E é por isso que Deus lhes mandará a operação do erro, para que acreditem na mentira; Para que sejam julgados todos aqueles que não creram na verdade, antes sentiram prazer na iniqüidade" (2 Tessalonicenses 2:7–12)

O mal já domina 99,9% do mundo, até porque, como a própria Bíblia diz, "o mundo jaz no maligno" (1 João 5:19). O poder restringente de Jesus (que é exatamente esse "um que ainda resiste") é o que está, por enquanto, impedindo que a humanidade inteira passe a estar sob o controle total de Satanás. Isso devido ao clamor de alguns poucos cristão autênticos que têm suplicado para que o Senhor adie o Seu juízo sobre as nações.

Só que inevitavelmente vai chegar um tempo em que será necessário que o Senhor venha para julgar a humanidade. E quando o Senhor remover suas últimas restrições contra o mal, então o ser humano, já totalmente corrompido pelo pecado, finalmente terá o que sempre desejou: um mundo sem Deus! E aí o mundo inteiro estará totalmente entregue nas mãos de Satanás!

E então veremos quem é o verdadeiro cristão: se é aquele que diz que é cristão só de boca, ou se é aquele que é fiel ao Senhor em toda e qualquer circunstância (principalmente nas piores adversidades e provações). É como bem disse o profeta Malaquias:

"E vereis a diferença entre o justo e o ímpio, entre aquele que serve a Deus e aquele que não O serve" (Malaquias 3:18)

Será que eu respondi satisfatoriamente à sua pergunta? Se você quiser se manifestar, esteja à vontade.

Mateus disse...

Respondendo ao Ismael Ferreira,

Amigo Ismael,

Quem é que não sabe que o PT e o PSDB (e também todos os demais partidos esquerdistas) sempre agiram desta forma (contra os cristãos)?

Talvez as possíveis diferenças entre PT e PSDB sejam somente no campo econômico; mas em termos de agenda partidária (políticas pró–aborto, pró–homossexualismo, anti–família e anti–cristãs), ambos são rigorosamente iguais! Em outras palavras: mudam somente as "embalagens" (as siglas partidárias), mas o "conteúdo" (o programa de governo) é rigorosamente o mesmo! Só não entende, não enxerga, e não aceita isso quem não quer!

Guilherme Ferreira disse...

A União Europeia será a grande potência econômica dos últimos tempos, o último grande reino que dominará sobre o mundo, antes de Jesus voltar.

E a Rússia será uma grande potência militar. E atualmente a Rússia já assumiu o papel dos EUA como baluarte moral do cristianismo (por enquanto... depois que a dupla Putin/Medvedev sair do governo, provavelmente a Rússia adotará uma postura ativa contra Israel - mas daí Deus intervirá pelos descendentes de Abraão, Isaque e Jacó).

Pedro Paulo disse...

Eu começo a discordar disso, com a vitória da antissemita Dilma do Partido pró-terrorismo Islâmico, começo a pensar que a nossa era já passou, eu lamento, estamos nos distanciando de Israel !!!