25 de julho de 2013

Grupos processam NSA por “operações inconstitucionais”


Grupos processam NSA por “operações inconstitucionais”

CBNNews.com
Uma coalisão de 19 grupos variados, entre ativistas ambientalistas e de direitos humanos e líderes religiosos, entrou com um processo contra a Agência Nacional de Segurança americana (NSA).
Eles estão tentando colocar um fim na nos programas de vigilância eletrônica com base na alegação de inconstitucionalidade.
“Este processo desafia um programa ilegal e inconstitucional de vigilância eletrônica, principalmente a aquisição, recebimento, armazenamento, retenção e busca em massa de informações telefônicas,” afirma a petição.
A fundação Electronic Frontier entrou com o processo representando a coalizão em um tribunal federal de São Francisco. Vários grupos defensores de liberdades civis também abriram processos contra o programa.
“Não é preciso ter algo para esconder para se indignar com o fato de o Estado estar tomando seu dinheiro para monitorar tudo o que você faz”, teria afirmado o requerente Shahid Buttar segundo o site Politico.com. Buttar é diretor executivo da Comissão de Defesa da Declaração dos Direitos Fundamentais (Bill of Rights Defens Committee). “A monitoração é ofensiva por si só”.
O processo é protocolado enquanto autoridades de inteligência se preparam para se apresentar diante da Comissão Judiciária da Câmara dos Deputados. A comissão quer mais respostas sobre os vastos e invasivos programas de vigilância da agência.
Tanto republicanos quanto democratas ainda estão revoltados com a revelação de que a NSA coletava uma enorme amostra de registros telefônicos e da internet.
Na declaração preparada para a audiência, um membro da comissão, o deputado democrata John Conyers, de Michigan, afirma que nunca imaginou ou aprovou a “vasta vigilância” dos cidadãos americanos.
“Na última década, sob a liderança de quatro presidentes com visões políticas diversas, os membros dessa comissão têm debatido energeticamente sobre o equilíbrio adequado entre nossa segurança e nosso direito constitucional à privacidade”, afirma Coyers em declaração antes da audiência.
“Nós nunca, em momento algum nesse debate, aprovamos esse tipo de vigilância vasta e incontrolada dos cidadãos americanos empregada pelo nosso governo em nome da luta contra o terrorismo”, declara.
Enquanto isso, o homem por trás dos vazamentos da NSA busca asilo temporário na Rússia.
Edward Snowden está preso em um aeroporto de Moscou por três semanas.

O presidente Vladimir Putin declarou que alertou Snowden para não fazer nada que possa prejudicar a relação entre Moscou e Washington.
Mas dar-lhe asilo iria gerar novas tensões entre os dois países. Os Estados Unidos querem que Snowden retorne para sofrer processo por espionagem.
Traduzido por Luis Gustavo Gentil do original do Christian Broadcasting Network: Groups Sue NSA over “Unconstitutional Dragnet”
Leitura recomendada:

Nenhum comentário :