15 de abril de 2013

O direito de ser incoerente com o Evangelho


O direito de ser incoerente com o Evangelho

Ariovaldo Ramos e sua missão socialista para a Igreja Brasileira

Julio Severo
Em artigo recente na revista Ultimato, Ariovaldo Ramos declarou, “Fui advertido de que nesse momento, que estamos vivendo na Igreja evangélica brasileira, discordar do Presidente do CDHM, em exercício, é concordar com o movimento GLBTS, e vice versa. Discordo!”
Ariovaldo Ramos
Em seguida, ele levanta uma longa lista de discordâncias com Marco Feliciano, o pastor da Assembleia de Deus que está sofrendo implacável oposição das esquerdas por assumir a presidência da Comissão de Direitos Humanos (CDH).
Essa é a segunda manifestação pública de Ariovaldo. A primeira foi numa recente carta pública, também publicada na revista Ultimato, onde Ariovaldo assinou seu nome num documento de discordância contra Feliciano na CDH. Entre os outros assinantes estava André Sidnei Musskopf, professor luterano na Escola Superior de Teologia e conhecido defensor da agenda gay. Estava também Antonio Carlos Costa, pastor presbiteriano fundador da organização desarmamentista esquerdista Rio de Paz, e dezenas de outros pastores, especialmente presbiterianos e luteranos.
Pelo currículo de Ariovaldo, alguns seriam tentados a aceitar a longa lista dele contra Feliciano. Afinal, como afilhado espiritual de Caio Fábio, ele foi presidente da extinta Associação Evangélica Brasileira (AEVB), assumindo logo depois de seu pai espiritual.
Hoje, ele perece ser o representante máximo da Aliança Evangélica (AE), uma entidade que se diz representar todos os evangélicos do Brasil. A AE foi fundada no colo da Ultimato, a revista que elogia Ariovaldo como sendo um “conferencista sobre a missão da igreja.”
Qual é a visão dele sobre a missão da igreja? Ariovaldo é considerado um dos profetas da Teologia da Missão Integral — que ele declara ser a versão protestante da Teologia da Libertação.
Ele é bastante criativo na implementação dessa teologia esquerdista entreguista.
Em fevereiro passado, em importante reunião num templo presbiteriano da IPB em Brasília, Ariovaldo, como representante da AE, e Gilberto Carvalho, como representante do governo do PT, estiveram juntos para iniciar um parceria.
Os pastores que presenciaram esse sacrilégio não tiveram a mesma ousadia de Ariovaldo que não se cansa de dizer sobre Feliciano: Eu discordo! Ninguém ali manifestou discordância com o sacrilégio.
Há muitos pastores, especialmente reformados (a mesma linha teológica de Ariovaldo), que caminham com ele tranquilamente em conferências e outros importantes eventos evangélicos sem nunca dizerem para ele: “Eu discordo! Discordo do que você tem feito contra a Igreja Brasileira!”
A missão da Igreja não é fazer parceria com o governo do PT. A missão da Igreja é usar sua voz profética contra as mentiras e cultura da morte promovidas pelo governo do PT.
Semanas atrás, depois que foi anunciada formalmente a morte do ditador comunista Hugo Chavez, Ariovaldo chorou e lamentou publicamente, dizendo: “o melhor que se pode dizer de alguém é que, porque ele passou por aqui, o mundo ficou melhor! Isso se pode dizer de Hugo Chávez!”
Isso é coerência com o Evangelho? Ou por acaso a missão da igreja é chorar e elogiar ditadores? A missão dos 12 primeiros apóstolos foi chorar e elogiar Herodes, Pilatos e outros?
Eu discordo da missão que Ariovaldo Ramos quer impor na Igreja Brasileira!
Durante anos, a Comissão de Direitos Humanos foi dominada pelo PT e outros partidos socialistas, aprovando centenas de milhões de reais para a promoção do ativismo gay, especialmente nas escolas. Ariovaldo nunca apareceu publicamente para protestar e discordar desse imenso desperdício de dinheiro.
Ele nunca apareceu publicamente para protestar e discordar da sistemática doutrinação pró-aborto, pró-homossexualismo e pró-marxismo das crianças nas escolas.
Mas com Feliciano na CDH, que na semana passada obteve a vitória de aprovar a construção de um hospital na Bahia para ajudar milhares de famílias afetadas por contaminação de chumbo, Ariovaldo faz contra Feliciano o que nunca fez com nenhum presidente petista da CDH.
Eu discordo de Feliciano, mas sem ser incoerente com o Evangelho. Eu discordo dele por ter apoiado Dilma Rousseff e o governo do PT. Eu discordo dele por ter durante anos apoiado o mesmo socialismo que hoje o está perseguindo e promovendo o aborto e o homossexualismo, o mesmo socialismo que é a alma e o coração da “missão da igreja” proclamada por Ariovaldo.
Eu discordo da coerência que Ariovaldo tem com o socialismo. Em 2010, quando a eleição de Dilma Rousseff esteve ameaçada por uma onda vinda do povo se opondo ao aborto e ao homossexualismo, Ariovaldo esbravejou, juntamente com outros líderes protestantes, num documento público: “Manifestamos as nossas rejeições diante da onda de conservadorismo que se abateu sobre o país nesse processo eleitoral.”
Com essa visão, ele discordará eternamente de qualquer conservador.
Qualquer um que manifestar tal conservadorismo (rejeição ao aborto e ao homossexualismo) sofrerá a rejeição de Ariovaldo e seus companheiros, inclusive André Sidnei Musskopf e Antonio Carlos Costa.
Se eu fosse nomeado presidente da CDH, a revista Ultimato não hesitaria em dar a Ariovaldo um espaço para “discordar” de mim. Afinal, essa é a “missão” dele: discordar dos que não seguem sua missão socialista.
De forma inversa e perversa, se você for um líder evangélico que avança essa “missão,” ele bajulará você como um “profeta.” Pelo menos, essa foi a bajulação que Robinson Cavalcanti ganhou dele num artigo publicado no tabloide sensacionalista Genizah.
Como todo socialista moderno, Ariovaldo tem sua vida muito bem amparada com ligações com entidades americanas. Ele é presidente da Visão Mundial no Brasil, a filial brasileira da Visão Mundial nos EUA.
Muito bem munido financeiramente, ele não discorda dos que seguem sua “missão da igreja.”
Mas sempre o veremos discordar dos que não seguem essa “missão.”
Tenho um conselho para ele: Mude-se para a Venezuela (não se esqueça, por favor, de levar seus companheiros!), alugue uma casa ao lado do túmulo do seu querido Hugo Chavez e pare de se preocupar com a missão de Feliciano na CDH. Seja o que for que ele fizer, não será pior do que o que os petistas já fizeram ali.
E definitivamente não será pior do que o que Ariovaldo Ramos já fez à Igreja Brasileira.

15 comentários :

Gilson/atlanta disse...

Ariovaldo Ramos, Caio Fábio, Danilo , Hermes, Renato Vargens, e outros com os mesmos ideais, não passam de profetas de ACABE.
Falsos doutores, falsos moralistas, que, como disse o apóstolo Paulo, são como uma gangrena, que vão corroendo o corpo de Cristo com falsos ensinos.

Meu desejo é que Cristo volte logo!
Maranata!

Shalom Adonai!

teas disse...

Caro Julio.

Este senhor - Ariovaldo - discorda de quem não concorda com a cartilha socialista/marxista/petista/gayzista.
Estivesse Jesus fisicamente no nosso meio, ele estaria a engrossar o coro dos que gritam: crucifica-o, crucifica-o, certamente capitaneados pelo Caio Mas Não Levanto.

Abraço, Irmão. Deus te abençoe.

Anônimo disse...

Quem é Caio Fábio?Quem é Ariovaldo Ramos?rsrsrsrs

PCCândido

Anderson Fortaleza disse...

Esses pastores são todos burros, vivem em um mundo doutrinário e falam da realidade como se fosse feita de doutrina. Esse Ariovaldo por exemplo, diz: “Fui advertido de que nesse momento, que estamos vivendo na Igreja evangélica brasileira, discordar do Presidente do CDHM, em exercício, é concordar com o movimento GLBTS, e vice versa. Discordo!”

Mas não uma questão de concordar o discordar do Feliciano, fizeram lobotomia nesse pastor? A questão aí é política, e no campo da realidade política SIM, militar contra Marco Feliciano é militar a favor do movimento LGBT porque ~estas são as únicas duas forças políticas em jogo.

Deus nos livre da burrice.

Trindade disse...

Olá Júlio;
Belo artigo, o qual concordo totalmente, esse senhor demonstra pela suas ações e palavra que esta mais para liderar a sinagoga de satanás do representar os cristãos, pois eu me considero cristão apesar de minhas fraquezas, não consigo me alinhar com nenhuma das bandeiras das esquerdas, pois basta pedir a orientação do Espirito Santo e logo me foi revelado que essa ideologia esta ai para acabar com os valores do evangelho e destruir tudo que é de Deus.
Ao ler que esse senhor disse: “discordar do Presidente do CDHM, em exercício, é concordar com o movimento GLBTS, e vice versa. Discordo!”, eu fico contente pois eu insisti nos comentários nos site dos ditos evangélicos progressistas com essa tese, pois eles se alinharam perfeitamente com o movimento homossexual ao criticar o Feliciano, lembro que várias vezes comentei fazendo paralelo com o que dizia Jean Wyllys e o que eles diziam e evidentemente os comentários não eram publicados, mas as mensagens chegavam, acredito também que como eu vários outros escreveram a mesma coisa e por isso esse “cristão progressista” tenta se defender, mas claro, mesmo com a ajuda do pai da mentira ele não consegue mudar a opinião: De que quem se alinhar contra o Dep. Feliciano permanecer na presidência da CDHM automaticamente esta aliado do Jean Wyllys e sua trupe de desordeiros, antidemocráticos e cristãofóbicos.

laudicea disse...

Boa tarde, Júlio! São pastores que se desviaram lentamente do rumo do verdadeiro evangelho;hoje mais parecem "filiais do PT." São sábios aos próprios olhos. Ainda tem o a petulância de jogar pedras em quem não lê pela mesma cartilha.(Malafaia, Valdomiro, R.R.que tem a coragem de discordar das autoridades naquilo que fere os princípios de Deus). Dão tão pouca
importância à Bíblia como Palavra de Deus, e,infelizmente desencaminham milhares de pessoas da verdadeira fé. Ou ele não verificou o conteúdo da PL.122/2006 ou está cego para não ver além da realidade de hoje.Ele sabe muito bem que o deputado não é racista e nem homofóbico,pois pertence ao mundo evangélico(o sr.Ariovaldo).Ele sabe que todas essas citações sobre os artistas,foram usadas somente como exemplos.Estar CONTRA o deputado Feliciano, AGORA, É SIM, estar a favor do aborto e DE DAR PRIVILÉGIOS AOS ATIVISTAS GAYS.Com certeza ele concorda com os milhões ( só que eu apurei através do site do dep.fed.Chico Alencar foram 11MILHOES. Num ano deve ter atingido uma cifra muito,muito maior. Realmente esses doutores esqueceram-se do Deus verdadeiro, que não aceita aliança com ímpios. Deus vomitará os mornos, representados pelo sr Ariovaldo. Observe, Júlio, a luta que o apostolo Valdemiro está tendo para abrir a Igreja Mundial. Será coicidência, como os fatos ocorridos com o dep.Feliciano?

Anônimo disse...

Encontrei mais esse vídeo, achei ele muito interessante e creio que esse também merece ganhar 1ª página do youtube, espero que os leitores desse post possam ver esse link:

http://youtu.be/7GxEobW81uA

Vânia

Anônimo disse...

Bem disse o Senhor Jesus Cristo, que ninguém pode servir a dois senhores,esse é caso clássico de Ariovaldo Ramos, Caio Fábio, Danilo , Hermes, Renato Vargens, e outros que prontamente negaram o Espirito Santo e suas manifestações em sua vida e nas suas Igrejas a ponto até mesmo do site comunista Genizah, cujo o dono é o Danilo perseguir implacavelmente os nossos irmãos pentecostais mas abraçam com toda força as ideologias comunistas , incrível como as Palavras , fieis e verdadeiras, se fazem presentes nessa turma que conseguiram em suas mentes fracas e espíritos socialistas fazerem a proeza de juntar o comunismo cm o cristianismo. O final dessa lambança e porcaria toda ?..Esta ai para vocês verem, "pastores" apoiando o casamento gay, a agenda gay e até mesmo o aborto e suas verdetes. Pois aprouve a Deus enviar a esses o espirito do erro.

Pastor Caleb.

Jayjairo Castelo disse...

Para esses lobos so a palava de Deus basta
OS LOBOS VORAZES QUE AINDA PERSEGUEM O REBANHO
“Eu sei, que depois da minha partida, penetrarão lobos vorazes entre vós...” (At 20:29)
Revda. Teresa Catão (¬)
Nessa passagem pertinente a um dos mais notáveis discursos de Paulo, em Mileto, aos presbíteros da igreja de Éfeso (At 20:17-38),observamos sua preocupação com os “lobos vorazes” (falsos profetas) que não poupariam o rebanho, assim como ao longo de todo o NT, encontramos várias advertências acerca deles, como:
01) Pelo Nosso Mestre:
a) No final do Sermão da Montanha: “Acautelai-vos dos falsos profetas, que se vos apresentam disfarçados em ovelhas, mas por dentro são lobos roubadores” (Mt 7:15).
b) Na perícope do Bom Pastor: “O mercenário, que não é pastor, a quem não pertencem as ovelhas, vê vir o lobo, abandona as ovelhas e foge; então, o lobo as arrebata e dispersa” (Jo 10:12).
02) Por Paulo, ainda:
a) Na Carta aos Colossenses: “Cuidado que ninguém vos venha a enredar com sua filosofia e vãs sutilezas, conforme a tradição dos homens, conforme os rudimentos do mundo e não segundo Cristo” (Cl 2:8).
b) Nas Cartas pastorais, quando Paulo se refere aos últimos dias: “Ora, o Espírito afirma expressamente que nos últimos tempos, alguns apostatarão da fé, por obedecerem a espíritos enganadores e a ensinos de demônios” (1Tm 4:1).
03) Por Pedro, na sua segunda carta: “Assim como, no meio do povo, surgiram falsos profetas, assim também haverá entre vós falsos mestres, os quais introduzirão, dissimuladamente, heresias destruidoras, até ao ponto de renegarem o Soberano Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição” (2Pe 2:1).
4) Por João em Apocalipse, na maioria das Cartas às Igrejas: Na Igreja em Pérgamo, que sustentava duas doutrinas falsas: “Tenho, contra ti, que tens aí os que sustentam a doutrina de Balaão e da mesma forma os que sustentam a doutrina dos nicolaítas” (Ap 2:14-15).
“Amados, não deis crédito a qualquer espírito; antes, provai os espíritos se procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo afora...” (1Jo 4:1).
Que cada vez mais nos lembremos das exortações de Paulo a Timóteo, iniciadas com as palavras: “Tu, porém ó homem de Deus”:
a) “Foge destas coisas; antes, segue a justiça, a piedade, a fé e o amor” (1Tm 6:11).
b) “Sê sóbrio em todas as coisas, suporta as aflições, cumpre cabalmente teu ministério” (2Tm 4:5).
“Eis que eu vos envio como ovelhas para o meio de lobos; sede, portanto, prudentes como as serpentes e símplices como as pombas...” (Mt 10:16).
“Eu sei, que depois da minha partida, penetrarão lobos vorazes entre vós...” (At 20:29)
Acautelai-vos dos falsos profetas, que se vos apresentam disfarçados em ovelhas, mas por dentro são lobos roubadores” (Mt 7:15).
“O mercenário, que não é pastor, a quem não pertencem as ovelhas, vê vir o lobo, abandona as ovelhas e foge; então, o lobo as arrebata e dispersa” (Jo 10:12).
“Cuidado que ninguém vos venha a enredar com sua filosofia e vãs sutilezas, conforme a tradição dos homens, conforme os rudimentos do mundo e não segundo Cristo” (Cl 2:8).
“Assim como, no meio do povo, surgiram falsos profetas, assim também haverá entre vós falsos mestres, os quais introduzirão, dissimuladamente, heresias destruidoras, até ao ponto de renegarem o Soberano Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição” (2Pe 2:1).
“Tenho, contra ti, que tens aí os que sustentam a doutrina de Balaão e da mesma forma os que sustentam a doutrina dos nicolaítas” (Ap 2:14-15).
“Amados, não deis crédito a qualquer espírito; antes, provai os espíritos se procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo afora...” (1Jo 4:1).

ÉLQUISSON disse...

Amigo pastor Caleb,

Você está certíssimo no seu comentário: ninguém pode servir a dois senhores. A respeito disso, Jesus foi taxativo:

"Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou amará a um e odiará o outro, ou há de se dedicar a um e desprezar o outro" (Mateus 6:24)

"Quem não é por Mim, é contra Mim; e quem Comigo não ajunta, espalha" (Mateus 12:30)

O verdadeiro cristão tem somente uma única palavra, e segue somente uma direção. É como Jesus disse:

"Seja, porém, a vossa palavra: Sim, sim; Não, não; porque o que passa disto é de procedência maligna" (Mateus 5:37)

Quanto ao que você disse sobre uma possível união entre cristianismo e comunismo (duas coisas totalmente opostas), o apóstolo Paulo se manifesta:

"Não podeis beber do cálice do Senhor e do cálice dos demônios; não podeis participar da mesa do Senhor e da mesa dos demônios" (1 Coríntios 10:21)

"Não vos coloqueis num jugo desigual com os incrédulos; pois, que sociedade a justiça tem com a injustiça? E que união pode haver da luz com as trevas? E que aliança há entre Cristo e o maligno? E que parte tem o fiel com o infiel? E que concordância existe do templo de Deus com os ídolos?" (2 Coríntios 6:14–16)

E quanto à questão da aceitação do espírito do erro (como você mencionou), o apóstolo Paulo disse algo muito pertinente em relação a isso:

"Pois o ministério da injustiça já opera; há somente um que ainda resiste, até que do meio seja tirado; E então será revelado o iníquo, o qual o Senhor desfará com o sopro de Sua boca, e aniquilará com o resplendor de Sua vinda; A esse cuja vinda é conforme a eficácia de Satanás, com todo poder, e sinais e prodígios de mentira; E com todo engano da injustiça para aqueles que perecem, pois não receberam o amor da verdade para que se salvassem. E é por isso que Deus lhes mandará a operação do erro, para que acreditem na mentira; Para que sejam julgados todos aqueles que não creram na verdade, antes sentiram prazer na iniqüidade" (2 Tessalonicenses 2:7–12)

Eu pergunto: não é exatamente isto o que está acontecendo com muitos que se dizem servos de Deus (como Ariovaldo Ramos e outros)?

Pastor Raimundo (Igreja do Evangelho Quadrangular) disse...

Júlio,

São sempre bem–vindos os seus artigos esclarecedores sobre o posicionamento de determinados líderes evangélicos no Brasil. O que deixa todos nós (cristãos) tristes é que muitos irmãos em Cristo ainda não conhecem totalmente essas ideologias demoníacas (marxismo, esquerdismo, comunismo e socialismo) e também as teologias corrompidas (Prosperidade, Libertação e Missão Integral) que destroem os verdadeiros valores cristãos.

E essas mesmas ideologias e teologias sempre aparecem disfarçadas de uma compaixão cristã assistencialista. Isso sem contar os que abraçam essas mesmas ideologias e teologias (e contaminam a pureza da verdadeira igreja do Senhor). Temos que extirpar esse câncer maligno de dentro das nossas igrejas.

Infelizmente, o que vemos são homens com muita sabedoria terrena, mas com pouca (ou nenhuma) consagração de vida no altar de Deus. Falando num tom bem direto: não estamos mais vendo a humildade para pregar o autêntico evangelho e viver uma vida simples (sem muito luxo).

Falta alguém com autoridade para dar um basta em toda essa imoralidade que vemos nas nossas igrejas. Falta alguém com decisão firme e forte de romper de vez com o pecado. Enfim, falta alguém com coragem o suficiente para dizer a verdade que muitos estão precisando ouvir!
Quem, hoje, estaria disposto a renunciar ao seu comodismo e dar a sua própria vida em favor das verdades da Palavra de Deus?

Deixo esta pergunta no ar para alguém responder na primeira oportunidade!

Anônimo disse...

Uma certeza eu tenho: Jesus virá e julgará todos os falsos profetas!

Anônimo disse...

O livro do evangelista Mateus relatando as palavras de Jesus Cristo sobre o trigo e o joio diz no cap. 13 e versos do 38 ao 41:
" O campo é o mundo; e a boa semente são os filhos do reino; e o joio são os filhos do maligno;
O inimigo, que o semeou, é o diabo; e a ceifa é o fim do mundo; e os ceifeiros são os anjos.
Assim como o joio é colhido e queimado no fogo, assim será na consumação deste mundo.
Mandará o Filho do homem os seus anjos, e eles colherão do seu reino tudo o que causa escândalo, e os que cometem iniquidade."
Sendo assim não me admira que existam filhos do diabo disfarçados de seguidores do evangelho querendo destruir a família e tudo que Deus criou para o bem estar da raça humana. Mas, serão queimados no fogo do inferno se não se arrependerem. Disso tenho certeza... É Palavra da parte de Deus em toda leitura das Santas Escrituras.

Baruch atah Adonai! Eloheinu melech haolam!

Julio Severo disse...

Um trabalho mais abrangente sobre a heresia esquerdista entre os cristãos se encontra no link abaixo. É só clicar:

Teologia da Libertação e neopentecostalismo: o grande desafio da igreja evangélica do Brasil

Ana disse...

Voces viram o novo livro do Ariovaldo, O Pare de Conjugar o Verbo Sofrer?
Ele tem depoimento do Chico Buarque de Holanda, que é ateu. E do Caetano Veloso. Preciso dizer mais?
ando assustada como cresce o numero de gente que dá ouvidos au que fala o pastor Ariovaldo.
A imoralidade disfarçada de contextualização.
A amiga do pastor, a jornalista que é unha e carne com ele, tem um cacho com o Chico Buarque, é caso do cantor. Isso explica o cantor ter dado o depoimento para o livro de um pastor. Ela é a editora do livro. Dizem que já teve envolvimento com o pastor também.
Muita baixaria, muita permissividade em nome de uma teologia para ajudar os pobres, os fracos, os injustiçados, os que sofrem.
Fique atento a isso irmãos, vamos nos ajudar a não deixar nossa igreja ir para o buraco.
Com muito carinho,
Ana