7 de fevereiro de 2013

Por que Silas Malafaia e Julio Severo são os desafetos dos ativistas gays?


Por que Silas Malafaia e Julio Severo são os desafetos dos ativistas gays?

Líder evangélico e blogueiro são os destaques e aumentam a polêmica causa gay

Mandel Souza
Há milhares de pastores, líderes religiosos que seguem a mesma Bíblia, mas não se manifestam ao ponto de chamar atenção. Por que apenas estes dois líderes são destaques na mídia? Eles estão realmente certos? Por que não há maior adesão?
O grupo ativista que cresce a cada dia com mais gente saindo do armário e assumindo ser gay e a descoberta por parte de empresas de eventos para faturar em cima disso, as chamadas paradas gays espalhadas por muitas cidades chamam atenção de governantes em relação a direitos e deveres.
Todos os amiguinhos com seus pais (uma bela mulher e um marmanjo) e o garoto ao lado de dois marmanjos. Não é fácil mesmo. “Aos olhos da Bíblia” homossexualidade é pecado e esta é o principal argumento usado por Malafaia e também por Severo. Este debate ainda vai render muitos capítulos.
Fonte: RIUS
Divulgação: www.juliosevero.com
Leitura recomendada:

10 comentários:

Diácono Elias (Igreja Batista Nova Jerusalém) disse...

Amado irmão Júlio Severo,

Saudações com a paz do Senhor Jesus

Amado irmão, você tem sido, até agora, a única voz a clamar no deserto, ou melhor, você tem sido o destemido profeta do Senhor Jesus destes últimos tempos, porque você não medo de nada nem ninguém (e tem falado as verdades que muitos estão precisando ouvir). Desde já, eu o parabenizo pela sua coragem e pela sua postura firme em defesa da família e dos bons princípios.

Seria bom se houvesse, aqui no Brasil, mais vozes iguais à sua para combatermos não só o movimento homossexual, como também as políticas esquerdistas a favor do aborto, do feminismo, da legalização das drogas (e de tudo que for contra a Palavra de Deus).

Desde já, você tem o meu apoio total e irrestrito nessa sua luta. Pode contar com as nossas orações (minha e dos irmãos da igreja onde eu congrego). Continue sendo esse destemido servo do Senhor Jesus.

Deixo para você estes versículos para reflexão:

"No mundo tereis aflições; mas tende bom ânimo, porque Eu venci o mundo" (João 16:33)

"Os que confiam no Senhor serão como o monte de Sião, que não se abala, mas permanece para sempre" (Salmo 125:1)

Um grande abraço,

Diácono Elias (Igreja Batista Nova Jerusalém)

PRESBÍTERO VALDOMIRO disse...

Amado irmão Júlio Severo,

O que eu vou dizer agora eu já mencionei em um comentário que eu postei num artigo semelhante a este. Mas, por força das circunstâncias (e considerando o teor do seu artigo), sou obrigado a repetir o mesmo comentário.

Não é de agora que você vem alertando a todos sobre os perigos e as ameaças do movimento homossexual. Muito pelo contrário: este seu alerta já vendo sendo dado há muito tempo (se eu não estiver enganado, creio que este mesmo alerta já vem sendo dado há mais de 10 anos). Mas parece que a ficha ainda não caiu para alguns que se dizem cristãos, ou melhor, parece que muitos ainda não têm noção da real gravidade da situação que estamos enfrentando.

Enquanto estamos apáticos, os homossexuais não estão brincando. Eles estão nos atacando diariamente sem a mínima piedade. Eles não vão sossegar enquanto não for aprovado o PLC 122 (ou qualquer outra lei a favor deles). Temos que tomar alguma atitude, ou melhor, reagir de alguma forma!

Como podemos reagir? Como verdadeiros cristãos: orando, fazendo pregações em público, organizando passeatas de protesto (de forma pacífica), convocando todas as pessoas para participarem de toda e qualquer manifestação pública contra o homossexualismo, enfim, mobilizando os cristãos para defenderem os valores da família (e a obediência à Palavra de Deus).

Sou de Recife (Pernambuco). Mesmo assim, estive presente no protesto em Brasília contra o PLC 122 (e também estive na "Marcha para Jesus", em São Paulo). Por que eu, apesar de morar muito longe de Brasília e de São Paulo, fiz questão de estar presente pessoalmente a estes e outros eventos? Para mostrar minha indignação contra este governo pró–homossexualismo. E também para estar com a sensação do dever cumprido. E se houver outras manifestações do mesmo tipo, eu garanto que vou estar presente (seja onde for).

Dizem que "uma andorinha só não faz verão". Mas se eu, mesmo sozinho, não fizer a minha parte contra o pecado, quem vai fazer por mim? Se depender somente dos políticos que se dizem cristãos, tenho certeza de que não vai acontecer nada! Eu tenho que contar somente com Deus (e comigo mesmo).

Eu diria mais: pior do que ser um cristão fraco (sem forças) é ser covarde (desistir de lutar). Se um cristão luta por um ideal que acredita, ele tem que ir até o fim (não importam as adversidades que irá enfrentar). É como diz a Bíblia:

"O justo viverá pela sua fé, e, se ele retroceder, a minha alma não se alegra nele. Nós, porém, não somos daqueles que se retiram para a condenação, mas dos que acreditam para a preservação da alma" (Hebreus 10:38–39).

Igreja brasileira, está na hora de acordar! Pastores, líderes, pregadores, está na hora de sair do seu comodismo e ir à luta! Não podemos mais ficar de braços cruzados, esperando somente a boa vontade dos políticos da bancada evangélica! Ninguém pense que a resposta virá do Céu se cada um não fizer a sua parte! É hora de nos mobilizarmos e agirmos já!

Se não tomarmos uma atitude agora (e não protestarmos de maneira firme e forte contra as manobras dos homossexuais e de seus comparsas), amanhã poderá ser tarde demais! Depois, ninguém vai poder dizer que houve falta de aviso!

Que estas palavras sirvam de alerta para muitos que se dizem cristãos (e que ainda continuam acomodados)!

"PARA QUE O MAL VENÇA, BASTA QUE OS HOMENS DE BEM NÃO FAÇAM NADA"

Anônimo disse...

Veremos mesmo é se a coisa esquentar pra valer. Quando esse governo fascínora e insidioso que aí está, juntamente com a imprensa vendilhona e amestrada começarem a perseguir duramente todo e qualquer cristão que se opor, efetivamente, à agenda gay e às mentiras deste desgoverno bem como aos "press release" dessa imprensa sabuja.

Queira Deus, que muitos Julios Severos e Silas Malafaias surjam para, EM NOME DE JESUS, liquidar com esses espíritos gayzistas e todos os ideais comunistas.

"Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará".
Gal. 6;VII

Eduardo

Alfredo S disse...

Não podemos esquecer do Deputado Jair Bossanaro que tem feito oposição corajosas contra homossexualismo e o PT e suas atitudes.

Anônimo disse...

Eh! E do Padre Lodi, tambem.

Casal Vintera disse...

Até mesmo a autora lésbica e ativista Dra. Camille Paglia ousou a dizer:

A homossexualidade não é normal. Pelo contrário, é um desafio à norma [...] A natureza existe, quer os acadêmicos gostem dela ou não. E, na natureza, a procriação é a única regra implacável. Essa é a norma. Nossos corpos sexuais foram designados para reprodução [...] Ninguém nasce gay. Essa ideia é ridícula [...] a homossexualidade é uma adaptação, não uma característica inata. (Paglia, 1994).

SILVIO RICARDO disse...

Casal Vintera,

vc poderia me informar se há livros desta escritora traduzidos para o português, do Brasil ou Portugal?

Agradeço desde já suas informações.

Neokoros disse...

Um provérbio não sei de onde diz: "Diga a verdade e saia correndo".

Como Silas, você e mais alguns não correram e por isto acabaram por receber as pedradas que sempre jogam em quem insiste em desafiar a mentira.
Atualmente um evangélico que queira ficar bem com a opinião alheia não pode falar nada que contradiga as "regras" da sociedade. Se insistir, vai -no mínimo- ganhar fama de antipático.
Já se insistir em manter posição como vocês fazem, com certeza receberão pedradas.
Admiro-os pela coragem.
Sei o quanto doi manter posição firme- muitas vezes o sentimento de solidão é uma constante. Principalmente quando os que mais deveriam apoiar são os primeiros a apedrejar...
Aff!

Alfredo S disse...

Acho que também posso incluir nesta lista a Deputada Mirian Rios e o Padre Paulo Ricardo e até o Olavo de Carvalho.

A pesar dos nomes acrecido até o momento pela pessoas que comentaram, acredito que até ajam mais nomes que lutam contra a degradação da família e o movimento gaysista, mas ainda e muito pouco para uma movimentação de massa, principalmente porque o povo brasileiros é um peso morto.
Mas tenho a certeza que se eles aumentassem o numero e encabeçassem um movimento tornaria mais difícil a hegemonia destas agendas.
Falhamos muito, principalmente aqueles que se dizem cristão fervorosos, por picuinhas partidárias e oposição religiosas, não se une para combater um mal maior.
Cristão Católicos e Evangélicos, lutam separadamente como se esta guerra fosse particular de cada um, mas vera que se eles alcançarem os objetivos almejados, não haverá espaço nem dentro das igrejas. é isso sera em curto prazo.
Somo a maioria em todo planeta mas a memoria em união.
Eles já perceberam a nossa fraqueza, e se aproveitam disso. nos até reconhecemos que esta é nosso ponto franco, mas não agimos para mudar e nos fortalecer.
Não temos mais as cruzadas que lutaram para derrotar os muçulmanos das regiões da Atual Turquia. A primeira tomou o controle dos muçulmano sobre o Santo Sepulcro, local onde Jesus Cristo teria sido enterrado, em Jerusalém.

Anônimo disse...

O irmão Júlio Severo é o nosso verdadeiro profeta. Pena que são poucos os que têm a mesma postura firme dele na defesa das verdades da Palavra de Deus.