26 de setembro de 2012

Ministério da Educação prepara novo kit gay para as escolas


Ministério da Educação prepara novo kit gay para as escolas

Ministério da Doutrinação Petista junta forças com CPF da ditadura imoral pseudocientífica

Julio Severo
Depois de mais de um ano do escândalo do kit gay, onde o Ministério da Educação sob Fernando Haddad deu milhões de reais para a ABGLT para a elaboração do infame kit gay, os estrategistas do PT finalmente conseguiram uma manobra para contornar o escândalo e utilizar uma roupagem “científica” para avançar a doutrinação pró-homossexualismo nas escolas.
O atual ministro da Educação, Aloizio Mercadante, um dos principais figurões do PT, anunciou um plano ambicioso de combate à “homofobia” nas escolas.
O anúncio foi feito em São Paulo conjuntamente com Humberto Verona, presidente do Conselho Federal de Psicologia (CFP) — entidade envolvida no escândalo de cerceamento de profissionais de psicologia que professam o Cristianismo, tal como o caso da Dra. Marisa Lobo.
MEC e CFP: a aliança do mal contra as crianças do Brasil
O petista e o presidente do CFP anunciaram que estarão unidos num esforço para identificar nas crianças de escolas seus valores e opiniões contrários ao homossexualismo, e implementarão estratégias para eliminar esses valores e opiniões.
A meta será obrigar as escolas brasileiras a acolher, na paz do porrete estatal, todas as perversões homossexuais, que serão tratadas e ensinadas por eles como variações normais da conduta humana. A única coisa que será ensinada como perversão e até crime é a opinião contrária à homossexualidade.
O figurão do PT disse: “Esperamos com esse convênio um trabalho intenso em toda a rede, com trabalho de campo, para o desenvolvimento de políticas para uma escola acolhedora, uma cultura de paz, tolerância, convívio com as diferenças, com a pluralidade sexual… que enfrente o preconceito e a discriminação e coloque a escola pública em outro patamar e prepare o país para essa nova era do conhecimento”.
O ministro deixou claro que, na nova iniciativa, o papel do CFP será fundamental para dar ao kit gay uma áurea de “ciência” e respeito intelectual. Ele disse: “A educação precisa do respaldo intelectual dos psicólogos”.
Contudo, conforme denunciou a Dra. Marisa Lobo, psicóloga cristã famosa pela perseguição que vem sofrendo do CFP, o respaldo do CFP ao novo kit gay não o torna inofensivo. A Dra. Marisa explicou ao Blog Julio Severo:
Vejo com muita preocupação esta parceria do Conselho Federal de Psicologia junto ao Ministério da Educação na elaboração o novo kit gay, pois o CFP é claramente adepto do “homossexualismo partidário”. Creio que o novo kit gay será pior, pois a psicologia de hoje empurra conceitos contrários à família brasileira e não respeita opiniões de segmentos sociais que primam por valores e resguardam a sexualidade das crianças. A psicologia, na minha opinião, vem promovendo uma sexualização desnecessária e preocupante da infância.
A psicologia erra, não é absoluta e tão pouco representa a opinião de todos os profissionais de saúde mental, cuja classe é diversificada.
O CFP nada mais é do que uma entidade militante LGBT disfarçada, induzindo convicções para, de forma irresponsável, agradar determinadas elites.
A “ciência” do CFP é muito Alien: devora, mutila e combate ferozmente a liberdade e a dignidade dos psicólogos cristãos. Não acolhe nem dá paz para a opinião contrária ao homossexualismo, mesmo tendo a ciência da medicina comprovado que o comportamento homossexual torna o corpo humano vulnerável a uma grande variedade de doenças.
Pobres crianças! Já são obrigadas a aprender nas escolas uma educação sexual selvagem, mutiladora e pervertida que lhes educa a ver o sexo e reprodução natural, o casamento e a gravidez como doenças, e agora terão de engolir goela abaixo, via MEC e CFP, que o sexo do ânus e do abismo é uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno?
Uma escola “acolhedora” de homossexualismo, conforme desejam impor o MEC petista e o CPF de ditadura imoral pseudocientífica, produzirá alunos com corpos e mentes abertos para acolher a homossexualidade e todas as doenças físicas e psíquicas que vêm como bônus das perversões homossexuais.
Com informações do site homossexual A Capa.

18 comentários :

Bruno Willian disse...

Católicos e evangélicos, ou nos unimos ou vamos ver o cristianismo sendo destruído pelo mal. Devemos votar em candidatos que apoie os ensinamentos na Bíblia, ou seja, devemos apoiar aqueles que falam a verdade e combate todas as hipocrisias e apostasia. Por exemplo, a CNBB publicou um decreto com intuito de reforçar a idéia de os católicos prestarem atenção nos candidatos se eles estão de acordo com a doutrina católica. Parece que muitas igrejas protestantes estão do lado contrário, guiados pela Igreja Universal.

PRESBÍTERO VALDOMIRO disse...

Quando o governo e os homossexuais decidiram (de forma estratégica, é claro) suspender o "kit gay" da última vez, muita gente pensou que esse já era um assunto dado como encerrado. Mas eis que, de repente (surpresa!), Dilma e seus aliados resolveram "ressuscitar" o kit gay (agora com nova "roupagem"): através do Ministério da Educação (não seria melhor Ministério da Imoralidade?) em parceria com o Conselho Federal de Psicologia (que, na verdade, deveria se chamar Covil Fascista de Perversões, porque está totalmente submisso aos ditames do "politicamente correto" deste governo corrupto e dos homossexuais), agora vão fazer "pesquisas" dentro das escolas, e, aos poucos, começar a "doutrinar", através da Psicologia, as nossas crianças para a aceitação do homossexualismo.

Ninguém se iluda: quando o governo e os homossexuais ficam muito tempo sem promover (ou divulgar) nada que chame a atenção, é sinal de que algo contra os cristãos está sendo tramado nos bastidores (é bom estarmos atentos)! Aliás, esta é a marca registrada do governo de Dilma e dos homossexuais: tudo é feito às escondidas (não tem transparência)!

É por isso que a Palavra de Deus diz com todas as letras:

"Seja Deus verdadeiro e todo homem (principalmente político) mentiroso (Romanos 3:4, o parêntese é meu).

Desse governo corrupto e das entidades subservientes a este mesmo governo (Ministério da Educação, CFP e outras), a gente pode esperar tudo (menos qualquer coisa boa). Aliás, todas as instituições, de um modo geral, são suspeitas (já que são comandadas por gente indicada pelo próprio governo).

Contra esse governo corrupto e os homossexuais, a nossa vigilância tem que ser permanente (24 horas por dia)! É hora de, mais uma vez, nos mobilizarmos contra essa sujeira que querem nos impor!

TEMOS QUE CONTINUAR A NOSSA MOBILIZAÇÃO! ESSE KIT GAY TEM QUE SER DESTRUÍDO, JOGADO NO LIXO! NÃO PODEMOS ACEITAR PASSIVAMENTE O GOVERNO, OS ATIVISTAS GAYS E SEUS CÚMPLICES (MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO, CFP E OUTROS) PROMOVEREM LIVREMENTE O ENSINO E A PRÁTICA DO HOMOSSEXUALISMO EXPLÍCITO PARA AS NOSSAS CRIANÇAS!

TEMOS QUE DIZER EM ALTO E BOM SOM:

– NÃO AO KIT GAY!
– NÃO AO HOMOSSEXUALISMO!
– NÃO À IMORALIDADE!

O BRASIL É DO SENHOR JESUS!

Alguém concorda comigo?

Lino disse...

Amigo Bruno Willian,

Você disse uma coisa que me chamou a atenção:

"... Devemos votar em candidatos que apoie os ensinamentos na Bíblia, ou seja, devemos apoiar aqueles que falam a verdade e combate todas as hipocrisias e apostasia..."

Bruno, neste ponto você está certíssimo. Como cristãos, temos que apoiar pessoas que estejam verdadeiramente comprometidas com a obediência total e irrestrita à Palavra de Deus (para tentar livrar o nosso país das trevas que nos cercam).

Mas a pergunta crucial é a seguinte: em quem votar? Quem seria o político (ou o partido) capaz de livrar (ou salvar) o Brasil do caminho do inferno que o PT colocou (juntamente com outros partidos que agem igual)? A questão que você colocou aqui é de suma importância (e merece nossa reflexão). Só que, infelizmente, não dá para achar, por enquanto, uma resposta 100% satisfatória.

Não quero ser pessimista, mas, sinceramente, eu não vejo nenhuma opção confiável, ou melhor, não vejo ninguém com coragem o suficiente para derrubar essa ditadura socialista (ou terrorista?) que está sendo silenciosa e sorrateiramente imposta a tudo e a todos. Espero estar errado, mas, do jeito que as coisas vão, eu só espero o pior daqui pra frente.

Olhando o nosso Congresso Nacional, o que temos? Sujeira, corrupção, roubalheira, escândalos dos mais diversos tipos, enfim, uma podridão total. Para mim, não há nenhum político desse meio que seja digno da nossa confiança (e, muito menos, merecedor do nosso voto).

O mais vergonhoso disso tudo é que até os integrantes da bancada evangélica, que deveriam dar o bom exemplo (e que deveriam ser a luz no meio das trevas dessa nossa política), têm agido da mesma forma, ou seja, têm se envolvido na mesma sujeira. Eu pergunto: como confiar em pessoas que agem assim?

E mais: para quem vamos apelar quando formos prejudicados de alguma forma? Não há, atualmente, nenhuma instituição considerada imparcial, idônea ou confiável para defender nossos direitos. A maior vergonha que tivemos foi ver o STF aprovar o casamento gay, uma atitude de total desrespeito à nossa Constituição (e que merece todo o nosso repúdio). Mas o que poderíamos esperar de diferente do STF, se os seus ministros foram indicados por Lula e Dilma? E não só ele, como também o Ministério da Educação, Ministério Público Federal, Polícia Federal e outras instituições. Em todas elas, prevalece o corporativismo (defesa dos interesses de quem os empregou). É lógico: por que os dirigentes dessas mesmas instituições votariam contra os seus "chefes" (Lula e Dilma)?

Honestamente falando, o futuro do nosso país é sombrio. Eu já me preocupo com o que poderá acontecer com os meus filhos e também com as gerações posteriores. Diante disso tudo, eu pergunto:

– Que exemplo o nosso país será daqui pra frente?

– Que esperança esta geração poderá ter se tal estado de coisas continuar como está (e se não houver nenhuma mudança para melhor)?

Deixo estas perguntas no ar para alguém responder na primeira oportunidade!

Rev. Ageu Magalhães disse...

Julio, estamos juntos nesta luta. Continue nos informando, por favor. Abraço!

Julio Severo disse...

Caro Bruno

Votar sob a orientação da CNBB é acabar votando no PT! Entenda que a CNBB não tem nada a ver com o Vaticano. Veja este meu artigo: http://juliosevero.blogspot.com/2012/09/acusacao-ridicula-vaticano-esta-por.html

Anônimo disse...

sobre o que Lino e Bruno disseram, fiquei pensando na mesma coisa que o Lino, que tá dificil escolher um politico decente, pois todos estao pendendo pro politicamente correto esquerdista anticristao.

Ja pensei em me mudar de país, mas ai conversei com amigos que tem parentes nos EUA, e eles me falaram que lá nao ta nada diferente. Podemos aferir isso tambem pelas noticias que lemos sobre os EUA. Canada, a maior parte da Europa, enfim, o Ocidente ja está sob o dominio do politicamente correto esquerdista anticristao. Sem falar da AMerica do sul, que praticamente ja está dominada pelo foro de sao paulo.

Nao temos para onde fugir, nem mesmo pra Israel, com seu governo esquerdista! Vamos ter que ficar e lutar...

So mesmo um milagre. Somos (cristaos) em maior numero, temos que despertar, nos unir, e orar, orar, orar, orar!! Afinal, essa luta eh contra o diabo, nao contra homens. So Deus pode mudar a situacao!

TEMOS QUE DESPERTAR, NOS UNIR, E ORAR!!!


Saulo

Bruno Willian disse...

É Júlio, não vou entrar nessa questão da criação da CNBB. Por enquanto não tenho uma opnião formada sobre isso. Mas garanto o seguinte, se foi criado pelos marxistas vestidos de preto, esta situação está sendo superada. Os seminários de modo geral estão sendo alertados sobre o perigo das apostasias e da teologia da libertação (um mal que quase acabou com a igreja).

Múitíssimo padres denunciam e denunciam o PT. Inclusive a CNBB, reprova qualquer mudança na lei do aborto e da agenda gay.

Muitos padres saíram da igreja e foram para o PT, é uma pena. Esses foram influenciados pelo Leonardo Boff.

Com relação a quem votar, é um drama mesmo. Mas devemos votar naqueles que pudermos e ao longo dos anos vamos ter mais opções. Na minha cidade, por exemplo, do Bispo aos leigos, estamos apoiando uma pessoa da RCC e que está filiado ao partido PSC.

No futuro próximo e urgente, devemos criar caminhos ou vamos ver padres, pastores e toda gente moral sendo denunciado. Ta certo.

Mateus disse...

Esse Conselho Federal (ou Fascista?) de Psicologia é um verdadeiro representante do inferno (esta é que é a verdade). Seus membros nada mais são do que pessoas comprometidas com a agenda "politicamente correta" do governo corrupto de Dilma (e também dos homossexuais).

Para eles, é proibido:

– Falar da fé cristã;

– Falar que Jesus liberta a pessoa do homossexualismo;

– Dizer que homossexualismo é pecado;

– Dizer que Jesus ama o homossexual, mas condena o homossexualismo.

Por outro lado, é permitido que se pregue:

– O "respeito à diversidade" (que é a tolerância ao homossexualismo de modo sutil);

– A "não discriminação" (ou seja, não pode dizer que homossexualismo é pecado);

– O "livre desenvolvimento da personalidade" (que é, na verdade, uma forma disfarçada de impor o homossexualismo para crianças e adolescentes).

Daqui a pouco, só falta este mesmo Conselho impor: "Obrigue todos a dizer que Satanás é que é o benfeitor, e Jesus é o enganador! Ou melhor, obedeça ao diabo e esqueça que Jesus existe!"

Parece exagero se isso vier a acontecer? De um Conselho de Psicologia totalmente a serviço de um governo corrupto, pró–homossexualismo, pró–aborto, anti–família e anti–cristão, o que se pode esperar de bom? Alguém aqui ainda acredita que Satanás vai adorar a Jesus (ou se converter a Jesus)?

Wellington disse...

Diante do que o Lino colocou sobre a questão do voto, só dá pra chegar a uma única conclusão (não sei se o pessoal daqui vai concordar comigo): TODO E QUALQUER POLÍTICO PODE ATÉ TROCAR DE PARTIDO, MAS NUNCA VAI TROCAR DE CARÁTER. Em outras palavras: MUDAM AS SIGLAS, MAS OS INTERESSES (OU MELHOR, AS AGENDAS POLÍTICAS) PERMANECEM RIGOROSAMENTE IGUAIS! Pode ser do PSDB, do PT, de qualquer outro partido, enfim, todos eles são tudo farinha do mesmo saco!

Quase todos os políticos (inclusive os da bancada evangélica) são uns verdadeiros oportunistas: só ficam onde for conveniente (ou onde forem beneficiados ou favorecidos de algum modo). O que esperar de bom de quem age assim (somente visando os seus próprios interesses, ou os interesses de certos grupos)? E onde fica o compromisso com a obediência à Palavra de Deus (e com o Reino de Deus) ao final das contas?


As últimas eleições presidenciais que tivemos são o melhor exemplo disso. Ficamos sempre naquela disputa entre o "ruim" contra o "menos pior". Tanto é que o Lino, a respeito disso, levantou uma questão crucial:

"... em quem votar?..."

Respondendo de forma honesta à pergunta do Lino, eu diria num tom bem direto: SE NÃO HÁ NENHUM CANDIDATO TEMENTE A DEUS (E OBEDIENTE À SUA PALAVRA) EM QUEM VOTAR, ENTÃO QUE ANULEMOS O NOSSO VOTO!

Se todos anularem os votos, não haverá ninguém eleito. De acordo com a legislação eleitoral, se houver um determinado percentual de votos nulos em relação ao total geral de votos válidos, a eleição será considerada nula e os candidatos desta eleição não poderão se candidatar novamente para uma próxima disputa!

Esta seria, a meu ver, a melhor saída. Mas para que isso aconteça, é necessário que todo o povo e também as igrejas (a católica e a evangélica) sejam politicamente conscientizadas sobre os perigos do socialismo que está sendo sutilmente imposto no nosso país.

Se em toda eleição colocarmos ímpios no poder, estaremos dando carta branca para que o diabo e os demônios ataquem a tudo e a todos (além de promoverem a destruição dos valores morais, familiares, e dos princípios cristãos). Em suma, o que não podemos fazer é perpetuar este ciclo vicioso, ou melhor, continuar alimentando essa política imoral e anti–cristã, que tomou conta do Brasil. Aliás, não só o cenário político mas, infelizmente, até algumas igrejas evangélicas estão infestadas de falsos cristãos, gananciosos e vaidosos, que só usam o nome de Deus para seus próprios interesses.

Que este alerta seja amplamente divulgado a todos antes de votarem.

Anônimo disse...

O CPF faz pressão contra cristãos psicólogos, mas alivia os que são espíritas ou de outro credo, os quais professam livremente suas crenças em seu ambiente de trabalho.

O CPF faz alarde quanto ao "Código de Ética" dos psicólogos, mas eles mesmos ferem na cara de pau seu próprio código de conduta ao promover ideologias de determinados segmentos sociais ( feminismo e militância gay ).

Quanta hipocrisia.

Mais uma vez anônimo; estou quase parando de comentar no Gospel + com meu perfil verdadeiro. Tive a ousadia de afirmar que homofobia não é crime, e um versículo bíblico para apoiar um pastor perseguido, e logo os rambos da internet apareceram.

Psycho disse...

Eu não sou religioso, mas reconheço que o Ocidente jamais seria o que é hoje se não fosse pela Igreja Católica e os virtuosos homens que produziu (Sto. Tomás de Aquino, para não me demorar demais).

Para mim, das maiores virtudes do Cristianismo foi o de impor limites à razão, para que esta própria não se destrua. Esta "adestração" de como pensar, e não o "cárcere" do pensamento que vem sido praticado há décadas no ensino público brasileiro, é que fez o ocidente o que é hoje e não o contrário. É minha opinião.

Quanto ao kit gay, sou terminantemente contra porque isto é a potestade estatal estimulando uma conduta que tem, necessariamente, que ser tomada pelo indivíduo, ao longo do seu processo de maturação. Daqui a pouco o Estado me proibirá de retirar as ervas daninhas da minha horta porque será um "crime ecológico". Ora bolas, o que importa mais: o ser humano ou uma planta que mata a comida que eu mesmo planto?

Para a classe política brasileira, o que nunca vale é a pessoa humana, mas a criação de bandeiras atrás de bandeiras, onde se penduram fanáticos imorais que querem impor sua visão de mundo e impedir que possamos discordar um átimo que seja.

Quando bradam por liberdade, o que a quadrilha lulista e seus asseclas realmente querem dizer é a liberdade para sua minoria de tiranetes em formação ou já muito bem formados. O resto da população que ouse discordar, ainda que educadamente, será enxovalhada e humilhada. E todos consideram isso "normal". É uma cãibra mental da pior espécie.

E a evidência de tudo isto é que o Congresso normatiza e torna leis condutas minoritárias, em favor dos acerebrados que lhes fornecem pulmões e histeria para propagandear seus ideais anti-humanos que, ao fim e ao cabo, são também anti-cristãos. Isso solapa todo o referencial moral de uma sociedade e a torna escrava do Estado porque diante do caos por ele próprio criado, todos a ele se voltam como parâmetro de referência para suas condutas. E a produção de burros dedicados fomentada pelo Ministério dos Estúpidos e Capadócios garante que assim será: a "emburrificação" do povo é um dos passos fundamentais para que o totalitarismo se entranhe em nossas vidas, para nunca mais soltar.

Vocês contam com o meu apoio.

Abraço,

Carlos.

ÉLQUISSON disse...

Este ano (2012) é ano de eleição para prefeito e vereador. A hora da mudança (no sentido de tentar apagar parte dessa imagem negativa que temos da nossa política) é agora. É hora de sabermos usar a arma que temos: o voto. Só depende de nós mesmos.

Por que eu digo isso? Porque existem coisas que somos nós mesmos que temos que fazer (não é Deus). No caso, trata-se de saber votar. Não podemos pedir a Deus para resolver um problema (como este do voto) que compete somente a nós mesmos (ou seja, é uma responsabilidade única e exclusivamente nossa).

Por que a questão do voto não pode ser resolvida por Deus? Por uma razão muito simples: um anjo não possui título eleitoral. Um anjo não vai descer do Céu para escolher o nosso candidato (somos nós mesmos que vamos fazer isso).

Uma coisa é certa: temos que assumir as conseqüências das escolhas que fizermos. Se votarmos errado, nós mesmos seremos culpados. Depois, ninguém venha querer fazer campanha de oração para que Deus tire do poder um político corrupto que nós mesmos elegemos!

Aproveito para dar mais algumas sugestões:

– O povo tem que ser suficientemente esclarecido através dos verdadeiros servos de Deus para não se deixar manipular por nenhum órgão informativo "oficial" (leia-se Rede Globo e a mídia corrompida);

– Orar a Deus, pedindo discernimento na hora de votar (para não ser enganado pelos muitos lobos em pele de cordeiro que sempre aparecem fazendo mil e uma promessas mentirosas);

– Cobrar de quem for eleito que cumpra o que prometeu durante a campanha eleitoral;

– Mobilizar o povo para protestar todas as vezes que for necessário.

Não estou dizendo que isso vai acabar de uma vez com a sujeira da nossa política, mas já é o primeiro passo para uma conscientização política do povo em geral. Isso para que o governo saiba que nem todo mundo pode ser facilmente manipulado.

Espero que estas sugestões sejam analisadas por pessoas de bom senso, para termos um povo esclarecido o suficiente em termos de conscientização política.

P.S: Se alguém quiser se manifestar, esteja à vontade.

ELISEU disse...

Não só eu assino embaixo tudo o que o Élquisson disse, como eu ainda acrescentaria o seguinte: todo e qualquer político só visa os seus próprios interesses (ou os interesses de certos grupos).

Todos os eleitores (principalmente os cristãos) deveriam investigar, procurar saber a verdade sobre os candidatos (sejam de que partido eles forem), como eles votam, como atuam no Congresso Nacional, quais ideais defendem, enfim, procurar se informar (e também esclarecer a todos), para que ninguém se deixe enganar pelas promessas mentirosas dos muitos lobos em pele de cordeiro que sempre aparecem em todas as eleições.

Lembro que tinha um vizinho meu que matava e morria pelo PT e pela esquerda. E era também um defensor ferrenho dos socialistas: Marx, Lênin, Stálin, Fidel Castro, Che Guevara (e outros). E não admitia que ninguém falasse mal deles!

Mas bastou eu mostrar alguns vídeos da TV Câmara e da TV Senado (e também algumas reportagens) mostrando como os esquerdistas realmente agem para que esse mesmo vizinho "acordasse". Quando ele finalmente viu a verdade sem nenhum disfarce, ele ficou tão horrorizado que me confessou: "Eu não sabia que esse pessoal (esquerda) agia assim nos bastidores".

Num primeiro momento, ele custou a acreditar no que estava vendo. Mas, como se diz popularmente, "contra fatos não há argumentos". Ele, finalmente, teve que admitir que tinha sido enganado todo esse tempo. Aí eu aproveitei a deixa e disse a ele: "Se o diabo se mostrasse como ele realmente é, ninguém jamais iria querer aproximação com ele. Mas ele sempre se apresenta como anjo de luz, para enganar os que não estão firmes na Palavra de Deus. Os esquerdistas agem da mesma forma (exatamente igual ao diabo): fazem mil e uma promessas mentirosas para se elegerem. É somente através da mentira que a esquerda consegue estar no poder (para depois mostrar a sua verdadeira face). Se não fosse pela mentira, os políticos do PT (e de outros partidos com a mesma agenda) jamais seriam eleitos".

Diz um ditado popular que "quem vê cara, não vê coração", não é verdade? Quantas promessas de muitos esquerdistas são feitas na nossa frente com um sorriso (mas com as intenções mais perversas escondidas por trás desse mesmo sorriso)?

Por isso é que o governo não tem nenhum interesse que o povo tenha conscientização política. É lógico: quanto mais ignorante for o povo, mais esse mesmo povo é facilmente manipulado (até porque a maioria vota mais com a barriga do que com a cabeça em toda eleição). Em outras palavras: o povo politicamente ignorante se torna uma massa de manobra facilmente manipulável nas mãos de quem está no poder.

Que esta mensagem seja amplamente divulgada, a fim de que todos sejam conscientizados na hora de votar.

Bernardo disse...

Nos dias de hoje, tudo mudou: o errado é certo, o certo é errado, o mal virou bem, o bem virou mal, enfim, os valores morais da nossa sociedade estão completamente invertidos. Não será surpresa se, qualquer hora dessas, criarem uma lei nos impedindo de crer em Deus. Aliás, do jeito que existe tanta podridão e tanta imoralidade na nossa política, eu nem me espantaria se uma lei como essa fosse aprovada.

Tem horas que eu penso que o nosso Congresso Nacional é uma verdadeira filial do inferno. Muitos políticos corruptos (aliados dos homossexuais) estão lá somente para atender aos desejos do diabo e de seus seguidores. Senão, vamos relembrar alguns casos:

– Mesmo não havendo nenhuma lei anti–homofobia em vigor, o pastor Ademir Kreutzfeld foi, certa vez, intimado a prestar depoimento num tribunal simplesmente por ter se manifestado contra o homossexualismo;

– O nosso amado irmão Júlio Severo teve que abandonar o país devido às denúncias de ativistas gays contra ele no Ministério Público de que ele prega o ódio aos homossexuais (já quiseram até saber o endereço dele, se é que já não o ameaçaram de morte);

– Jael Savelli, que mostrou a verdade sobre um artigo publicado por Luiz Mott (onde o próprio Luiz Mott faz uma apologia aberta à pedofilia), teve que sair da cidade onde morava, temendo pela própria segurança (e pela segurança de sua família).

Eu pergunto: o que podemos esperar de bom de um Congresso Nacional totalmente corrompido, e que favorece somente os interesses de determinados grupos (e em detrimento da família, dos bons princípios e da obediência à Palavra de Deus)? Absolutamente nada!

Não queria dizer isso, mas agora eu vou falar abertamente (e sem nenhum medo): A BANCADA EVANGÉLICA, QUE DEVERIA DAR O BOM EXEMPLO (OU MELHOR, QUE DEVERIA SER A LUZ NO MEIO DAS TREVAS DESSA NOSSA POLÍTICA), TEM SIDO OMISSA, CONIVENTE E IRRESPONSÁVEL EM RELAÇÃO A TODA ESSA SUJEIRA! E O PIOR É QUE TEM ATÉ DEPUTADO E SENADOR EVANGÉLICO QUE APOIOU LULA E DILMA! MUITOS DELES ESTÃO SE VENDENDO POR DINHEIRO, VANTAGENS, OU CARGOS OFERECIDOS PELO GOVERNO! SÃO VERDADEIROS LOBOS EM PELE DE CORDEIRO! SÃO PIORES ATÉ DO QUE OS ÍMPIOS MAIS PERVERTIDOS!

Eu diria mais: do jeito que a nossa política está tão podre, não seria exagero se alguém dissesse que o Congresso Nacional é um verdadeiro covil de oportunistas (e por que não dizer de demônios?), um balcão de negócios, um "prostíbulo político" onde só se vota em troca de dinheiro, favores, privilégios. Perto de toda essa sujeira da nossa política, Judas seria santo.

Assim como Jesus expulsou os vendilhões do templo (João 2:14–16), nós também deveríamos expulsar do Congresso Nacional esses falsos políticos evangélicos que estão somente preocupados em defender os seus próprios interesses ou os interesses de certos grupos (ao invés da obediência às verdades da Palavra de Deus).

Para esses políticos que se dizem evangélicos (mas que compactuam com todas as sujeiras de um governo totalmente pró–aborto, pró–homossexualismo, imoral, anti–família e anti–cristão), aqui vai uma advertência muito séria de Jesus (gostaria que todos lessem e meditassem atentamente):

"Nem todo aquele que diz: Senhor! Senhor! entrará no Reino dos Céus, mas somente aquele que faz a vontade de Meu Pai que está nos Céus. Muitos, naquele dia, hão de Me dizer: Senhor, não profetizamos em Teu nome? E não expulsamos demônios em Teu nome? E não fizemos obras grandiosas em Teu nome? Contudo, Eu vos direi: Nunca vos conheci. Apartai-vos de Mim, vós que praticais a iniqüidade" (Mateus 7:21–23)

Só sei de uma coisa: quando Jesus voltar, toda essa bandalheira vai ter fim! E muitos políticos que se dizem cristãos (mas que são cúmplices de toda a podridão deste governo) vão ter que prestar contas a Jesus! Eu não quero estar na pele deles neste mesmo dia!

Para finalizar minha mensagem, deixo este versículo para a reflexão de todos:

"Cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus" (Romanos 14:12)

ELISEU disse...

O comentário do Lino foi direto ao ponto. Todo e qualquer político só visa os seus próprios interesses (ou os interesses de certos grupos).

Todos os eleitores (principalmente os cristãos) deveriam investigar, procurar saber a verdade sobre os candidatos (sejam de que partido eles forem), como eles votam, como atuam no Congresso Nacional, quais ideais defendem, enfim, procurar se informar (e também esclarecer a todos), para que ninguém se deixe enganar pelos muitos lobos em pele de cordeiro que sempre aparecem em todas as eleições.

Lembro que tinha um vizinho meu que matava e morria pelo PT e pela esquerda. E era também um defensor ferrenho dos socialistas: Marx, Lênin, Stálin, Fidel Castro, Che Guevara (e outros). E não admitia que ninguém falasse mal deles!

Mas bastou eu mostrar alguns vídeos da TV Câmara e da TV Senado (e também algumas reportagens) mostrando como os esquerdistas realmente agem para que esse mesmo vizinho "acordasse". Quando ele finalmente viu a verdade sem nenhum disfarce, ele ficou tão horrorizado que me confessou: "Eu não sabia que esse pessoal (esquerda) agia assim nos bastidores".

Num primeiro momento, ele custou a acreditar no que estava vendo. Mas, como se diz popularmente, "contra fatos não há argumentos". Ele, finalmente, teve que admitir que tinha sido enganado todo esse tempo. Aí eu aproveitei a deixa e disse a ele: "Se o diabo se mostrasse como ele realmente é, ninguém jamais iria querer aproximação com ele. Mas ele sempre se apresenta como anjo de luz, para enganar os que não estão firmes na Palavra de Deus. Os esquerdistas agem da mesma forma (exatamente igual ao diabo): fazem mil e uma promessas mentirosas para se elegerem. É somente através da mentira que a esquerda consegue estar no poder (para depois mostrar a sua verdadeira face). Se não fosse pela mentira, os políticos do PT (e de outros partidos com a mesma agenda) jamais seriam eleitos"

Diz um ditado popular que "quem vê cara, não vê coração", não é verdade? Quantas promessas de muitos esquerdistas são feitas na nossa frente com um sorriso (mas com as intenções mais perversas escondidas por trás desse mesmo sorriso)?

Por isso é que o governo não tem nenhum interesse que o povo tenha conscientização política. É lógico: quanto mais ignorante for o povo, mais esse mesmo povo é facilmente manipulado (até porque a maioria vota mais com a barriga do que com a cabeça em toda eleição). Em outras palavras: o povo politicamente ignorante se torna uma massa de manobra facilmente manipulável nas mãos de quem está no poder.

Que esta mensagem seja amplamente divulgada, a fim de que todos sejam conscientizados na hora de votar.

Gilson disse...

Eu chamaria esse kit gay de kit satânico! É uma verdadeira aberração moral o que querem fazer com as nossas crianças. Falando num tom bem direto: este governo quer transformar nossos filhos em homossexuais!

A cada dia que passa, eu fico mais revoltado com este governo de Dilma e de seus comparsas! É uma verdadeira corja de malfeitores, um bando de demônios depravados!

Sinceramente, eu não quero estar na pele desse pessoal no juízo final!

P.S: Desculpem o tom carregado neste meu desabafo, mas não dá pra conter a revolta que eu estou sentindo!

Anônimo disse...

Putz! Não duvido nada mesmo que vem desse partido do PT atrelado ao movimento AGBLT que quer na marra trazer para os filhos da população que a maioria que não é favor da prática do homossexualismo.
Porque tem uma formação cristã baseado na bíblia sagrada e sabe que Deus não errou na criação dos pares ele fez "Homem & Mulher" sexos opostos passou disso não foi criação de Deus ponto final.
Ester!!!!!

HORÁCIO disse...

Se algum homossexual tiver a ousadia de tentar se aproximar de meus filhos, eu vou defender meus filhos à força (nem que isso me custe a prisão ou a morte).

Como pai de família cristão (e também defensor da moral, dos bons costumes, e, principalmente, da obediência à Palavra de Deus), eu NUNCA vou permitir que meus filhos sejam cobaias desses monstros devassos, esses abutres insaciáveis de luxúria demoníaca. Se eu tiver que morrer para defender a honra de meus filhos (ou para impedir que eles sejam assediados, aliciados ou atacados pelos homossexuais), eu morro com a certeza de quem cumpriu o seu dever de cristão aqui na Terra (e de quem não pecou contra Deus).

Eu não gostaria de parecer grosseiro ou mal educado, mas, em virtude das circunstâncias (e considerando o teor deste artigo), eu vou aproveitar a oportunidade de que disponho neste espaço para dar um recado bem direto a todos os homossexuais (e gostaria que todos eles prestassem muita atenção às minhas palavras, porque o que eu vou dizer agora é muito sério):

HOMOSSEXUAIS, JESUS ESTÁ VOLTANDO! UM DIA, TODOS VOCÊS ESTARÃO DIANTE DELE PARA SEREM JULGADOS! SE VOCÊS NÃO SE ARREPENDEREM DESSA VIDA PECAMINOSA QUE VOCÊS ESTÃO VIVENDO ENQUANTO AINDA HÁ TEMPO, O DESTINO FINAL DE TODOS VOCÊS APÓS A MORTE SERÁ O LAGO DE FOGO! LÁ SÓ VAI HAVER CHORO E RANGER DE DENTES! LÁ VOCÊS IRÃO CONHECER (E TAMBÉM SENTIR) TODO O PESO DA IRA DE DEUS CONTRA O PECADO DE VOCÊS! E DE LÁ VOCÊS NÃO VÃO SAIR NUNCA MAIS!

Só sei de uma coisa: estou com a minha consciência tranqüila. Já fiz a minha parte (que é alertar contra o pecado). O recado já está dado. Se, mesmo assim, esses homossexuais não quiserem se converter, é problema única e exclusivamente deles. No dia do juízo final, eles não vão poder dizer que não foram avisados (até porque esta mensagem que eu estou deixando aqui vai servir de testemunha contra todos eles)!

Será que esses homossexuais querem ver para crer? Ou eles acham que Deus mudou os Seus princípios?

"Não erreis: Deus não Se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso ele também ceifará" (Gálatas 6:7)

P.S: Da mesma forma que o Gilson, eu não consigo me manifestar de outra forma (sem estar revoltado)!