10 de setembro de 2012

Homossexual abusou sexualmente de 23 crianças em creche


Homossexual abusou sexualmente de 23 crianças em creche

Rachel Quigley
Um homossexual de 23 anos, funcionário de creche, confessou que abusou sexualmente de 23 meninos.
Joshua Ritchie, de Idaho, foi indiciado por conduta indecente com uma criança e está sendo mantido na prisão. O valor da fiança dele é 2,5 milhões de dólares.
Ritchie foi detido em 21 de agosto depois que um menino de cinco anos disse para seus pais que ele sofreu abuso sexual.
Joshua Ritchie
Ritchie trabalhava na Creche Cornerstone em Nampa, que fica a 32 km de Boise, e era também substituto de funcionário de cozinha no Distrito Escolar de Nampa e na Escola Pública de Arte de Idaho.
A promotoria disse ao juiz Brian Lee durante uma audiência na quarta-feira que Ritchie disse aos investigadores que ele abusou sexualmente de 23 meninos entre as idades de cinco e 12 anos.
Ele é também acusado de abusar sexualmente de parentes.
O advogado de Ritchie, o defensor público Bill Schwartz, não respondeu imediatamente a nosso telefonema de entrevista.
Creche: As vítimas estão entre as idades de 5 e 12. Elas incluem crianças da Creche Cornestone de Nampa, Idaho. A foto é da creche onde Ritchie trabalhava.
De acordo com o jornal Idaho Statesman, investigadores do Condado de Canyon estão ainda recebendo ligações telefônicas de pessoas que estão preocupados que seus filhos podem ter tido contato com Ritchie.
Kieran Donahue, vice-diretor de investigação criminal na Delegacia do Condado de Canyon, disse: “Estamos ainda apurando a validade das alegações. Não estou contestando o que as vítimas disseram, mas a investigação está ainda em andamento. Pode-se presumir que ele é inocente até que se comprove que ele é culpado”.
Os investigadores também encontraram pornografia infantil no computador na casa dele.
Ele enfrenta prisão perpétua.
Traduzido e editado por Julio Severo do artigo do DailyMail: Daycare worker, 23, confessed to sexually abusing 23 children

3 comentários :

Romanovillalba disse...

Há mais eu de um ano postei um vídeo no youtube com o nome de: tenha um gay na sua casa, o moviento agradece a moral, pouca gente viu e muita gente me criticou pelo seu conteúdo. É uma música que fala exatamente deste tema que o sr. aborda nete blog, a única intenção dos gays é fazer com que a criança que não sabe de nada, crie um indiferença por ser ou não gay. Como sou muito pobre e o vídeo está muito ridículo porque eu canto com o fundo de uma lona preta e uma calça rasgada atráz deixando aparecer a bunda e eu uso uma calcinha rosa ninguém quiz me apoiar ou divulgar o vídeo e eu tirei. Depois de ver esta tremenda explanação vou tentrar colocar o vídeo de novo, só que não tenho um programa que passe com imagem ou que leia imagem e não sei se vou conseguir. O endreço no youtube será : "romanovillalba" e o nome será tenha um gay em sua casa, o movimento agradece a moral

Roberto A R Filho disse...

É bíblico. Nossos dias serão os piores. A sociedade está admitindo e aceitando a cada dia a inversão e perversão do homossexualismo. Não bastasse a safadeza instituída, agora os demônios da perversão querem estender os tentáculos para acabar com a inocência das crianças e torná-los filhos da indecência, roubando-lhes a pureza própria da idade. Como pai eu tenho procurado criar meus filhos no preceito Cristão, de acordo com a vontade de Deus que nos criou homem e mulher e não aberrações sexuais homem com homem e mulher com mulher.
Roberto A. Rangel Filho.

willf disse...

Que pegue longos anos de cadeia, que é o lugar certo para os pervertidos e degenerados.