31 de maio de 2012

A extinção da PM ou da ONU?


A extinção da PM ou da ONU?

ONU, que permitiu genocídios no Sudão e Ruanda, nunca pediu a extinção do PCC

Julio Severo
Nesta quarta-feira o Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU), numa medida de interferência extrema, pediu ao Brasil a extinção da Polícia Militar, acusando-a de numerosas execuções extrajudiciais.
A principal motivação da ONU foi o recente caso onde foram presos três policiais da Rota — grupo da Polícia Militar —, que, num confronto com o PCC (Primeiro Comando da Capital), na Penha, zona leste de São Paulo, mataram homens do PCC, cujos integrantes estavam armados com fuzis, submetralhadoras, pistolas e revólveres.
ONU: interferência nos assuntos internos do Brasil
A morte dos membros do PCC provocou a crítica da ONU, cobrando a extinção da PM.
A cobrança da ONU pela extinção da PM ocorre num contexto social onde mais de 50 mil brasileiros são assassinados por ano. Oficialmente, menos de 10 por cento desses crimes são solucionados. Isto é, mais de 90% dos assassinos são premiados com a impunidade.
É um caso grave onde a ONU deveria fazer cobranças diárias, pedindo ações concretas para eliminar as ações criminosas que assassinam milhares de brasileiros por ano. Pelo bem estar do da população do Brasil, a ONU poderia recomendar o armamento da população brasileira e até mesmo a pena capital, como meio de eliminar indivíduos que assassinam gente inocente.
Contudo, a ONU vem trabalhando de forma inversa, exigindo o desarmamento da população civil, numa meta esquerdista de tornar as pessoas totalmente indefesas diante dos assassinos, inclusive abolindo a pena capital para eles.
Quem abolirá a pena capital que tem eliminado mais de 50 mil brasileiros por ano? De modo particular, quem abolirá a pena capital para os bebês em gestação que está sendo promovida pela própria ONU?
A PM e até mesmo a ONU deveriam ser investigadas por excessos. Mas se a PM realmente matou integrantes do PCC, deveríamos deixar a população brasileira, que é vítima inocente desses criminosos violentos, opinar. Quem extermina exterminadores da população pode ser considerado bandido? Quem mata inocentes, seja bandido, PM ou ONU, é que deveria levar o rótulo e castigo de criminoso.

Polícia Militar, não o PCC, na mira da ONU
Quando centenas de milhares de crianças, mulheres e homens inocentes estavam sendo massacrados no Sudão durante mais de uma década, a ONU mal bocejava um protesto. Era um caso de genocídio. Mas a ONU não teve a coragem de cobrar a extinção das forças que estavam exterminando os sudaneses.
As vítimas eram em grande parte cristãos, e os assassinos eram forças governamentais muçulmanas. Mas suspeito que, se por um milagre, alguma nação fornecesse armas para os cristãos, de modo que eles pudessem reagir e matar seus matadores, a ONU prontamente gritaria “genocídio” e permitiria uma ação militar de várias nações contra os supostos abusos de “direitos humanos” cometidos pelos cristãos.
Centenas de milhares de cristãos foram mortos, bem debaixo do nariz indiferente da ONU.
Milhões de bebês em gestação estão sendo mortos por leis incentivadas, louvadas e promovidas pela ONU, que não quer o Brasil fora desse negócio macabro. Por isso, o Brasil vem sofrendo pressões da ONU para legalizar o aborto, de modo que governo, empresários médicos e mulheres tenham atendidos seus desejos de exterminar inocentes.
A resistência do povo brasileiro tem sido fabulosa, pois dois gigantes — ONU e governo brasileiro sob o PT — querem o aborto legalizado e o único obstáculo é o povo.
A ONU e o governo brasileiro estão também alinhados em outras questões. O governo petista quer a tal Comissão da “Verdade”, para premiar ainda mais terroristas comunistas que queriam derrubar o governo do Brasil e instalar uma ditadura sanguinária no modelo da União Soviética. Eles foram detidos pelo governo militar e hoje seus aliados reivindicam, a todo o custo, a canonização desses indivíduos que, fortemente armados, assaltavam bancos e matavam.
Em vez de serem forçados a devolver todo o dinheiro que roubaram, são premiados. Em vez de pagarem por seus assassinatos, são prestigiados.
E a ONU, que nada fez para deter o genocídio do Sudão, apareceu para dar seu selo de aprovação para tal Comissão da “Verdade”.
E agora quer também extinguir a PM? Se a PM matou inocentes, que seja punida. Se matou assassinos, por que puni-la? O que se precisa no Brasil é diminuir o número de assassinos que incham os números de 50 mil assassinatos por ano, não sustentá-los, protegê-los e defendê-los.
Se a ONU quiser cobrar o Brasil por esses milhares de assassinatos e até mesmo pedir a extinção do governo petista por seu descaso para com a segurança da população, tudo bem. É uma cobrança e pedido perfeitamente justificáveis. Mas cobranças justas não são o forte da ONU.
Se a ONU fez algum bem à humanidade, que tentem reciclá-la. Mas com seu papel no Sudão, em Ruanda, na legalização do aborto e agora na interferência dos assuntos internos do Brasil, sua extinção seria mais que bem-vinda.

15 comentários :

Edigar Cairesncinat 9 disse...

As coisas estão piorando em um ritmo acelerado. As manchetes das noticias reais parecem piadas ou ficção.

Maranata........ !!!!!

ÉLQUISSON disse...

Eu nunca usei uma arma em minha vida. Mas se algum criminoso tentar invadir a minha casa (ou tentar fazer algo contra alguém da minha família), eu não penso duas vezes: atiro para me defender (e até para matar em legítima defesa, se for necessário).

Muita gente, com certeza, iria me perguntar: "Mas você não é cristão? O verdadeiro cristão não tem medo de morrer. O verdadeiro cristão não usa armas. Você não confia no Deus em quem você crê?" Sim, eu realmente confio no Deus a quem eu sirvo. Porém, isso não significa que eu devo me expor deliberadamente ao perigo.

Em outras palavras: não é porque eu confio em Deus que eu vou deixar as portas da minha casa totalmente escancaradas para qualquer um entrar. Eu tenho que confiar em Deus, mas eu também tenho que fazer a minha parte (ou seja, me proteger). A respeito disso, Jesus disse:

"Eis que Eu vos envio como ovelhas ao meio de lobos; portanto, sede prudentes como as serpentes e inofensivos como as pombas" (Mateus 10:16)

Vejam como Jesus disse: "Sede prudentes". O verdadeiro cristão é prudente sempre. Se depender somente da polícia, eu sei que eu não vou ter segurança nenhuma (esta é que é a verdade)!

Alguém concorda comigo?

Idevam disse...

A ONU e um ajuntamento de facínoras e bandidos que fingem querer o melhor para as nações mas a verdade e que eles querem e estão impondo um governo ditatorial global com viez nazista

Anônimo disse...

Boa noite, amigo Júlio.
Gente! Mas o que é a ONU? A ONU não passa de uma parte do quital do E.U.A. e nada mais! A ONU foi contra a invasão do Iraque - que milagre! - e os E.U.A. não deu a mínima, e invadiu! Quando essa tal ONU defendeu alguma coisa boa? NUNCA! E nem vai! No dia que nos brasileiros soubermos o valor e força do voto e aprender a votar certo, quadrilhas como PT e outros, sempre será oposição. Mas enquanto pessoas de bem, homens que se dizem de Deus - refiro-me aos evangélicos, porque eu não tenho religião - setarem com pessoas como Dilma par negociar algo, vamos sempre viver assim - tendo nosso criador - DEUS - em segundo plano, essas são as ideia marxistas.
Eu não sei a quem culpar: se Dilma, ou quem acredita nela. Porque eu não acredito em ninguém do PT, porque sei que nesse meio só tem pessoas que não prestam.
Estão chegando as eleições, vamos ver se o brasilero prendeu alguma coisa!!!
Lúcio

Fabiano disse...

Ué... E quem vai patrulhar as ruas? A polícia civil, exército ou polícia federal?
Talvez o PCC, comando vermelho ou, quem sabe, os companheiros das FARC?!
Alguém já avisou a ONU que a Etiópia precisa de ajuda? Isto sim seria cuidar dos "direitos humanos"...
A polícia dos EUA nunca matou marginal? Já mataram, inclusive inocente, com arma de choque, que eles juram não ser letal!
Os políticos que foram a favor do desarmamento, é que devem estar vibrando com tal noticia, afinal de contas, pelo visto é o que eles querem: DEIXAR MARGINAL A VONTADE PARA "TRABALHAR".
Enquanto o povo clama por polícia mais intensiva nos bairros, pois um PM na esquina espanta muito marginal, esses intrometidos querem ir contra a população.
Que direitos humanos é este, que só o bandido desfruta?
Desculpe-me, Julio... Não tem nada a ver contigo. Mas uma notícia dessas poderia entrar para o ranking das bizarrices!!!

Fernando disse...

Depois não querem que a gente acredite nas chamadas "teorias da conspiração". Estão cumprindo à risca o plano dos Illuminati. Quem se interessar pelo tema, pode ver a série de vídeos que começa com este:

http://www.youtube.com/watch?v=tM38VEIB06Q&list=UU4PG8rAUsIq2gWZcWuy0sSw&index=67&feature=plpp_video

Fabiano disse...

Devemos ensinar à nossas crianças que ser gay é natural e está na moda, incentivar nossas mulheres a assassinar vidas inocentes que ainda não foram paridas, aceitar um maconheiro "se chapando" na porta de nossa casa, apoiar as "vadias e suas marchas libertinosas", devemos deixar nossos filhos cuspirem em nosso rosto, aturar ( sem dar um pio ) muçulmanos difamando Jesus, não podemos ter uma proteção - arma - dentro do lar, que iniba um invasor, devemos nos sensibilizar com uma pedófila atacando a pedofilia, apoiar um julgamento injusto - comissão da "verdade" - etc...
Agora, como se já não bastasse esta política hipócrita e corrupta que o brazuca vive, me aparece uns lacaios lá dos quintos dos infernos para ferrar ainda mais com a vida do cidadão honesto e trabalhador.
Olha... Eu não tenho a mínima noção aonde isto vai parar...
Não precisa nem ser cristão, para saber que o diabo tomou conta da mente dessa raça desgraçada!
Deus que me perdoe, viu... Mas se um político aparecer na porta da minha casa, pedindo voto... RRRRRRR solto a cachorrada no fundilho dele!

Nil disse...

Júlio ! Uma grande IRONIA está acontecendo.
Como você sabe o brasileiro não vota pensando em questões morais. Pois se votasse,Lula,Dilma,Pt e Cia que aprova aborto,homossexualismo,drogas,corrupção,religiões afrô,libertinagem,são amigos de ditadores e inimigos de Israel,etc,etc,levaria uma tremenda surra nas urnas.

Como pesquisou e confirmou uma jornalista investigativo sobre a vitoria de Dilma e Lula nas ultimas eleições. Suas palavras: "o brasileiro não vota pensando em mensalão ou corrupção,pois em ultima instância o que vale para ele,é o dinheiro no bolso,fartura de crédito,bons salários e fartura de empregos.

" Se o Governo propociona tudo isto,para que ficar contra ele".

A GRANDE IRONIA é o sério e persistente fiasco da econômia brasileira ultimamente,veja: Economia brasileira avança 0,2% no trimestre. http://veja.abril.com.br/noticia/economia/economia-brasileira-avanca-02-no-trimestre

A Mídia amiga do Governo tenta abafar de todas formas,mas á verdade é que a econômia brasileira está fracassando vergonhosamente.
Poucos falam coisas certas como o este site;http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=1323
Que é direitista e acredita na econômia de mercado.

A grande ironia, o brasileiro é materialista e apoia o governo só pensando em coisas materiais como;dinheiro,bons salários,empregos,fim da pobreza,etc.
Não que essas coisas não sejam muito importantes,mas são menos valor do que os Valores Morais.

Júlio ! Concorda comigo que os brasileiros,mesmo os evangélicos pensão só em coisas materiais, são materialistas ?
Júlio ! Gostaria de ouvir sua opinião.

PRESBÍTERO VALDOMIRO disse...

Nil,

Não sei se este meu comentário vai responder ao seu questionamento, mas eu vou dizer exatamente o que eu penso (você me corrija se, por acaso, eu estiver errado)

Diz um ditado popular que "o povo tem o governo que merece". Nunca, aqui no Brasil, isso ficou tão evidente, ou melhor, nunca esse mesmo ditado se confirmou de maneira tão clara como nestes últimos anos.

Basta fazermos uma análise dos governos de Lula (anterior) e de Dilma (atual). Além de serem do mesmo partido (PT), ambos são rigorosamente iguais em todos os aspectos (já que possuem a mesmíssima agenda política). Senão, vejamos alguns dos pontos que eles têm em comum:

- Promoção de políticas de apoio aos "direitos humanos" (leia-se privilégio para os homossexuais e perseguição aos cristãos);

- Discriminalização do aborto, já que o aborto é somente um "caso de saúde pública" (ou seja, o aborto, para eles, não é um crime contra uma vida inocente e indefesa);

- Censura à liberdade de imprensa (e ainda dizem, com a maior cara de pau, que vivemos num país democrático!);

- Tolerância às religiões afro–descendentes, sob o argumento de que elas fazem parte da nossa cultura, e, como tal, não podem ser discriminadas (como o diabo dessas mesmas religiões se disfarça em anjo de luz, só falta dizer que todas essas religiões são de Deus);

- Distribuição de "kits educativos" nas escolas, com a alegação de combater a homofobia (uma forma bem sutil de fazer com que as nossas crianças sejam induzidas ao homossexualismo, promovido pelo ministro Fernando Haddad e por toda a corja do governo e dos homossexuais);

- Homenagem às "vítimas" do regime militar (ninguém jamais procurou saber o passado de Dilma Rousseff).

Enfim, estas são apenas algumas das muitas semelhanças entre os governos de Lula e o de Dilma (na verdade, o governo de Dilma nada mais é do que a continuação do governo de Lula).

E por que o povo, mesmo sabendo disso tudo, ainda assim vota neles? Por uma razão muito simples: recebendo a "ajuda" (Bolsa–Família) do governo, quem é que não quer ser sempre beneficiado pelo mesmo governo de alguma forma?‏ Isso lembra aquela máxima do antigo Império Romano: "Dai pão e circo ao povo, que o império sobrevive".

Não tenho nenhum medo de dizer: a nossa política está tão podre e tão corrompida, que nem mesmo os políticos da bancada evangélica não são dignos da nossa confiança (e, muito menos, merecedores do nosso voto).

Se o povo tivesse vergonha na cara, não colocaria corruptos no poder em troca de qualquer tipo de assistencialismo. Só que isso, infelizmente, já se tornou um ciclo vicioso difícil de ser quebrado. Por isso, uma coisa é certa: enquanto prevalecer este quadro, ou melhor, enquanto o povo ainda continuar adotando esta mentalidade clientelista (isto é, de só votar em troca de algum tipo de ajuda ou assistencialismo), o nosso país vai estar sempre sendo governado por corruptos.

Que estas palavras sirvam de alerta para que todos sejam mais cuidadosos nas próximas eleições!

rs disse...

Se já com PM em ruas está acontecendo tantos crimes imagine sem ter a PM. Agora a ONU têm que ver o seguinte eles estão querendo extinguir a PM pra violência aumentar o ocasionar uma intervenção por parte dos "que mandam na ONU". Direitos Humanos pra que? Para defender os criminosos e nunca aparecer em defesa de uma vitima é sim do criminoso?. Não sei se é verídico mais eu li em um jornal que estava falando que a ONU sugeriu a extinção da PM porque os o conselho dos direitos humanos da ONU não concordou a morte de criminosos "traficantes" pela ROTA. Agora eu só queria saber eles queriam que os PM'S ficassem parados tomando tiros dos bandidos? Fora que nesse jornal a ONU disse que quem investiga os crimes é a PM não seria a Polícia civil? Ou seja que tem que acontecer e renovações do Código penal é punições mais duras sem brechas. E que suas aplicações sejam cumpridas rigorosamente.

Anônimo disse...

ONU - Organiza dos Narcotraficantes Unidos - e outras coisas mais...
Veio em meu coração uma dor e juntamente com ela o pensamento em Deus nosso Pai Eterno, numa poema de Castro Alves "O Navio Negreiro", que expressa muito a minha dor.

Senhor Deus dos desgraçados!
Dizei-me vós, senhor Deus!
Se é loucura... se é verdade
Tanto horror perante os céus?!
Ó mar, por que não apagas
Co’a esponja de tuas vagas
De teu manto este borrão?...
Astros! Noites! Tempestades!
Rolai das imensidades!
Varrei os mares, tufão!

bjaraujo disse...

Caro, PRESBÍTERO VALDOMIRO

É importante, sim, resgatar os valores morais cristãos na população e isso começa com a educação em casa.
Elimine a TV, eduque a criança em casa segundo os valores cristãos e o ensine o evangelho.
Ora as igrejas deferiam fazer um grupo de estudo (semelhante à EBD que existe hoje) e ensinar os membros todo o caminho para educar seus filhos que modo que não se contaminem com ódio pregado nas escolas e na mídia; alguns pais precisariam se remediados e todos vacinados contras os inúmeros enganos propagados hoje.
Temos que divulgar a verdade sobre a que está acontecendo no mundo, combater a doutrinação da mentalidade revolucionária (penso que não frente numa posição de defesa/refutação-negação mas em várias frentes mostrando o resultado noutros países e mostrando o benefício proporcionado por aquilo que eles tanto atacam).
Temos que mostrar às pessoas que o mundo funciona melhor sem governo demonstrando o quanto o governo atrasa a prosperidade alheia.
Sempre te tenho uma oportunidade demonstro o quanto o governo e a mídia (hoje maquina de propaganda do governo - no jornalismo desinformante, dos debates doutrinante e no entretimento que promove a promiscuidade) é ruim e mostrar o quanto as pessoas eram muito mais felizes outrora quanto a mulher tomava conta da casa e educava e cuidava dos filhos (ao invés de terceirizar esta importantíssima tarefa), quanto tinham um penca de filhos ao invés dum par, quando as pessoas ficavam a porta de casa ou na praça ao invés de ficar à frente da TV.
Um trabalho árduo que precisa ser iniciado com urgência.

Oração e jejum, para frustrar as investidas de Satanás contra este trabalho.

Lino disse...

Já me disseram que o melhor momento do Brasil foi durante o governo militar (1964–1985).

Meu pai conta que, naquela época, bandido se borrava de medo da polícia. Tinha toque de recolher (ninguém podia ficar de noite nas ruas após um certo horário), as pessoas eram revistadas antes de entrar e sair de certos locais, as ruas eram mais seguras, as pessoas eram mais tementes a Deus, havia mais diálogo entre as pessoas (nem todo mundo tinha televisão em casa), enfim, havia uma certa ordem, um certo respeito entre as pessoas.

Tem horas que eu gostaria que os militares assumissem novamente o poder para dar um basta em todos os desmandos deste governo corrupto que temos hoje!

Nil disse...

Presbitero Valdomiro concordo inteiramente com o senhor . òtimas as suas afirmações.

Só acrescento umas coisas,se num passado recente mesmo o Governo Lula fazendo todas coisas ruins que enumerou.
Um fã e simpatizante deste governo se defendia dizendo estar a econômia crescendo,gerando empregos,renda. O país crescendo.

Agora nem na aréa econômica o Governo está tendo sucesso,pelo contrário tudo aponta para uma enorme crise econômica.

Fico feliz por homens como o senhor e muitos outros que não se "encantarão com a prosperidade petista",mas antes os olhos estavão sobre a imoralidade,pervesão,injustiça,corrupção e pecados deste governo.
Isto era o mais certo a fazer.

Pois se Deus permite a prosperidade dos impíos, pode permitir a prosperidade (por um tempo ) de um Governo impío para testar os cidadãos de bem. Para ver se são fiéis aos principios cristão mesmo contra um governo impío,mas adorado pelo povão.

Mas ! Uma nação impía e sem Valores Morais jamais será prospera permanentemente.
A sua prosperidade dura enquanto tiver sorte e as coisas correm bem.

A a grande Ironia é que um Governo que pretensamente afirma que vai acabar com a pobreza,(dai o sucesso do bolsa-familia) no fim da historia pode deixar muita gente,inclusive pessoas que sempre gozarão de ótima situação financeira na "rua da amargura".

Pois crêem realmente que estes governos populistas podem acabar com a pobreza.
Este é o maior erro e irônia na nossa histôria.


DEUS ABENÇÔE O E SENHOR !

Anônimo disse...

Essa ONU sempre querendo meter o bedelho na casa dos outros deviam cuidar da polícia deles não lá como dizem tem muitos casos não resolvidos e até de erros porque não corrupção.
Eles tratam muito mal os "latinos" e principalmente os brasileiros se acontece por exemplo um homicído aff.
Não sei, vc está sabendo caso recente uma gatota de 20 anos bra foi morar nos EUA e trabalhar como "babá" algo muito comum que qualquer jovem quer o que ir passar temporada nos EUA mais parece que para ela foi ao encontro da morte.
Sinistro tem gente que ainda "confia" fazer intercâmbio nos EUA muito comum as "agências" mandar os jovens que querem passar por essa experiência aprender uma língua inglesa para ir morar e trabalhar numa casa de família americana mais quem garante a "segurança" deles de ter certeza está indo para uma casa de pessoas do bem?.
Nessa casa els ficou durante 1 ano ligou pais contente que esse patrão renovou com o contrato et... depois disso tudo ela foi encontrada morta despistar o verdadeiro crimonoso caso disse "suicidou" pouco tempo e tem fortes indícios do "patrão americano" dessa família que ela morava e trabalhava a família dela aqui no brasil estão numa luta para investigar o caso engraçado né ele destruiu quase todas coisas da moça porque?
Somos tratados como "lixo" pela polícia americana sejam bem vindos a realidade os EUA não são tão AMÁVEIS com os estrangeiros se for então "latino" principalmente se acontece um crime é principal suspeito é um filho da pátria né?
Queria tbm irmão Júlio vc fizesse um texto sobre esse caso e que vc acha dessa história de "intercâmbio"?
E dos pais deixar seus filhos tão jovens as vezes até com 17 anos menores de idade ir para os eua aprender "inglês".

Repito e impressionante que principalmente o nosso Brasil precisamente o "governo" se rende a tudo que ela fala ainda temos enraizado a síndrome complexo inferioridade de país de terceiro mundo acordem para realidade somos usados e abusados pelo STATES.

Ester!!!!!