15 de novembro de 2011

Era Jack o Estripador um conhecido médico aborteiro de Londres? Possivelmente

Era Jack o Estripador um conhecido médico aborteiro de Londres? Possivelmente

É um dos mistérios mais notórios sem solução da história: quem era Jack o Estripador, o assassino serial da era vitoriana que estripou cirurgicamente cinco prostitutas no outono de 1888?
De acordo com afirmações que estão no momento recebendo muita atenção dos meios de comunicação da Inglaterra, ele pode ter sido ninguém mais do que o famoso cirurgião Sir John Williams — que, além de trabalhar como cirurgião da Rainha Vitoria em Londres, era também um famoso médico aborteiro.
Sir John Williams: era ele Jack o Estripador?
Num recente livro, Tony Williams, o sobrinho de quarta geração de Sir John, apresenta evidência da culpa de Sir John, inclusive sua descoberta de uma faca cirúrgica de 15 cm entre as posses de seu ancestral que ele acredita era a arma dos assassinatos.
A faca foi achada junto com três lâminas de vidro que, de acordo com testes que foram realizados nos objetos, contêm matéria orgânica de útero.
“A pessoa que executou os assassinatos tinha conhecimento médico significativo e Sir John era um cirurgião realizado”, disse Williams, indicando que ele “rotineiramente realizava abortos em mulheres”.
Há evidência também de que Sir John — que era conhecido como “Tio Jack” por seus parentes — conhecia pelo menos uma das prostitutas: ele pode ter realizado um aborto numa delas, Mary Ann Nicholls, três anos antes dos assassinatos.
Como possível motivo para o crime, Williams coloca em evidência a “obsessão” de Sir John com a infertilidade de sua esposa, indicando que duas das prostitutas assassinadas foram achadas sem seus úteros.
Contudo, embora o papel de Sir John nos famosos assassinatos possa permanecer uma fonte tentadora de especulação, nunca se poderá saber com certeza a solução para o mistério.
Muitos dos críticos da teoria de Williams apontam para o fato de que Sir John não foi apresentado como possível suspeito até 2005, mais de um século depois dos assassinatos, num livro também publicado por Williams. Há também declarações de que um dos documentos chaves ligando Sir John a Mary Nicholls pode ter sido forjado.
Por ora, Sir John permanece como apenas um dos muitos suspeitos nos assassinatos que foram sugeridos durante os anos, e não necessariamente o mais persuasivo.
Traduzido por Julio Severo: www.juliosevero.com
Copyright © LifeSiteNews.com. Este texto está sob a licença de Creative Commons Attribution-No Derivatives. Você pode republicar este artigo ou partes dele sem solicitar permissão, contanto que o conteúdo não seja alterado e seja claramente atribuído a “Notícias Pró-Família”. Qualquer site que publique textos completos ou grandes partes de artigos de Notícias Pró-Família ou LifeSiteNews.com em português tem a obrigação adicional de incluir um link ativo para “NoticiasProFamilia.blogspot.com”. O link não é exigido para citações. A republicação de artigos de Notícias Pró-Família ou LifeSiteNews.com que são originários de outras fontes está sujeita às condições dessas fontes.

Nenhum comentário :