25 de outubro de 2011

Cristão é rebaixado no emprego e sofre diminuição de salário só por comentar brandamente contra “casamento” gay nas igrejas

Cristão é rebaixado no emprego e sofre diminuição de salário só por comentar brandamente contra “casamento” gay nas igrejas

MANCHESTER, Inglaterra, 24 de outubro de 2011 (Notícias Pró-Família) — Um cristão administrador de propriedades na Inglaterra foi rebaixado em seu emprego, sofreu um corte de 22 mil dólares anuais em seu salário e quase foi despedido por fazer um comentário no Facebook de que as igrejas cristãs não deveriam ser forçadas a participar de cerimônias de união de mesmo sexo.
Adrian Smith, de 54 anos, foi declarado, por um consórcio de moradia financiado por impostos, como culpado de “má conduta grave” depois que ele disse, numa linha de comentário no Facebook, que permitir cerimônias de mesmo sexo nas igrejas é “levar a igualdade longe demais”.
Escrevendo em sua própria página de Facebook, que não estava acessível a ninguém mais do que seus amigos de Facebook, Smith havia dado uma resposta a uma notícia da BBC sobre uma nova lei polêmica que permitiria que as igrejas conduzissem cerimônias de mesmo sexo. Indagado se o comentário dele significava que ele não aprovava a lei que havia sido proposta, Smith respondeu: “Não, não realmente. Não compreendo o motivo por que as pessoas que não têm fé e não creem em Cristo quereriam se casar na igreja. A Bíblia é bastante específica que o casamento é para homens e mulheres. Se o Estado quer oferecer casamentos civis para os homossexuais, então cabe ao Estado; mas o Estado não deveria impor suas normas em lugares de fé e consciência”.
O consórcio telefonou para a casa de Smith e o chamou para uma reunião disciplinar depois que outro membro do consórcio se queixou. O Consórcio de Moradia de Trafford (CMT), que administra as casas em Sale, na Grande Manchester, removeu Smith de sua posição administrativa que lhe dava um salário de 56 mil dólares por ano, reempregando-o como um “conselheiro” com um salário de 33.500 dólares.
Com a assistência legal do Instituto Cristão, Smith está processando, dizendo que o consórcio quebrou seu contrato ao violar seus direitos de livre expressão e liberdade religiosa.
O sindicato fez uma declaração para a BBC, dizendo que seu código de conduta atualizado “claramente delimitava como os funcionários podem utilizar os sites de relacionamento social como o Facebook”.
“Uns três meses depois que esse novo código foi publicado, o sr. Smith, sem nossa autoridade ou conhecimento e numa página de Facebook que o identificava como administrador no Consórcio de Moradia Trafford, fez comentários que se verificou, por uma investigação disciplinar total em que ele tinha representação do sindicato, que ele quebrou o código de conduta da empresa e outras políticas. “O sr. Smith foi disciplinado por quebra das normas da empresa. O consórcio não fez comentário algum acerca de quaisquer convicções pessoais que ele tem”.
Tom Ellis, advogado de Smith que trabalha no escritório de advocacia Aughton Ainsworth com sede em Manchester, disse que Smith ficou “chocado e angustiado” com o incidente.
“Como cristão, Adrian crê nos valores da justiça, cortesia e respeito pela opinião dos outros. Esses são os valores de uma sociedade madura e saudável. Certamente, isso deixa espaço para colegas debaterem e até discordarem sobre os assuntos da atualidade. Conversas como essa ocorrem em escritórios e fábricas de norte a sul do país todos os dias”.
O incidente vem despertando indignação entre alguns dos populares colunistas de jornal da Inglaterra, até mesmo colunistas da esquerda. Ally Fogg, colunista do jornal Guardian, comentou que Smith havia “expressado, de modo cortês, algumas opiniões relativamente suaves” sobre a questão. “Se o consórcio está preocupado com sua reputação de ser inclusivo e tolerante, não precisava ter agido de forma tão horrível”, escreveu Fogg.
Artigo relacionado:
Traduzido por Julio Severo: www.juliosevero.com
Copyright © LifeSiteNews.com. Este texto está sob a licença de Creative Commons Attribution-No Derivatives. Você pode republicar este artigo ou partes dele sem solicitar permissão, contanto que o conteúdo não seja alterado e seja claramente atribuído a “Notícias Pró-Família”. Qualquer site que publique textos completos ou grandes partes de artigos de Notícias Pró-Família ou LifeSiteNews.com em português tem a obrigação adicional de incluir um link ativo para “NoticiasProFamilia.blogspot.com”. O link não é exigido para citações. A republicação de artigos de Notícias Pró-Família ou LifeSiteNews.com que são originários de outras fontes está sujeita às condições dessas fontes.

10 comentários :

Anônimo disse...

A reportagem diz tudo.

A GESTAPO NÃO ACABOU ELA HOJE SE CHAMA, GAYSTAPO.

Anônimo disse...

Enquanto ficarmos apenas olhando os gays e simpatizantes deles nos humilhando correrá o risco de aceitarmos a viadagem ou virarmos gays também, como não corro esse risco porque nem por pena de morte vendo meus ideais. Dilma a presidente um dia teve que pegar num fuzil lá traz para defender o que ela acreditava e foi recompensada hoje sendo eleita presidente, no passado chamaram ela de terrorista por defender suas convicções, mas por ela LUTAR defendendo o que acreditava se tornou presidente da nação, para defender minha fé estou disposta a ir pra guerra se não respeitarem meus direitos e minha liberdade de expressão, sou crente e não cretina, E AOS CRISTÃOS DE VERDADE TOMEM VERGONHA NA CARA E DEFENDAM SEUS BROTHERS PERSEGUIDOS, NÃO ACEITEM PERSEGUIR UM IRMÃO(A) SEU POIS UM DIA SERÁ VC COM CERTEZA! JULIO HOMEM DE DEUS TÔ COM VC E NÃO ABRO!

Juliana Alcântara

El Misionero Matsuura Junichiro disse...

Quem é que está sendo intolerante nessa história???? O pobre homem, que DEUS tenha misericórdia dele, está sendo crucificado por simplesmente expressar sua opinião. Tem certeza de que ele é o intolerante????

Anônimo disse...

Julio ! Corremos o perigo de isto acontecer no Brasil. Trabalhei no IBGE, nos Censos de 20070 e 02010. Deve a pergunta de casais de mesmo sexo. Critiquei esta pergunta horrivel num escritório do IBGE. Demais supervisores e recenseadores fizerão pouco caso de mim. O chefe do escritório, um petista roxo (na epôca de 2010 era eleitorzão de Dilma). Ficou com uma cara de raiva danada. O pessoal todo era pro-Dilma e PT.

Tenho medo hoje se comentar ao contra os gays, e estiver petistas por perto , eles denunciarem e tirarem satisfação com a gente.

Gente petista,comunista até do PSDB queima de raiva quando criticamos os gays.

Nil Soares

Anônimo disse...

Nil eu ficaria tranquilo, eu vou criticar o quanto eu quiser, se for me perguntado minha posição concernente a isso, porque eu tenho meus princípios, assim como os gays tem os deles ( pederastia depravação)
precisamos é balançar esses evangélicos frouxos que até apoiam a presidenta, e o PT inteirinho, sem saber das politicas sujas que essa presidenta, e esse partido venho fazendo desde então

Dilma lutou pelo comunismo no passado, hoje ela tomou o Brasil junto com o PT pronta para impor uma politica socialista, é exatamente o que vemos hoje, ela não quer melhorar nada, quer corroer tudo, como pragas de gafanhotos peçonhentos que não sabe fazer nada além de destruir, e modificar as coias para pior

Esperem e verão, ano que vem vai voltar com força total KITS-Gay e toda a parafernália que esse governo ´quer impor, porque a turma esquerdista dará muitos mimos para os malditos apostatas evangélicos que não se importam com a vida dos seus membros, mas com o prestigio que possam receber de homens, corruptos sujos e mentirosos

Ronie Peterson

Anônimo disse...

senhor Nil, mande esses PTralhas às favas. Eu assim faço quando debato com esses canalhas.

Aprendiz disse...

Dilma é terrorista sim!

Abbey disse...

Viu, Júlio, a autorização dada hoje pelo STJ a duas mulheres do sul para o casamento civil??

Anônimo disse...

A Inglaterra já chegou a isso a muito tempo, lembro quando o life site news, contou sobre um "casal" que adotou 18 crianças as estuprou, e a fizeram tudo para acobertar, e não se quer tocaram na palavra, Dupla homossexual, para começo de historia

é para isso que querem adotar, para abusar, ou modificar a criança oferecendo o prazer de mudar de sexo aos 10 ou 11 anos de idade
essas monstruosidades vão continuar ocorrendo, enquanto isso vem gayzistas aqui, e no meu twitter posar de bacana, e de coitadinho, dizendo porque nos Cristãos damos apoio aos que violentam a eles, sendo que a única coisa que os Cristãos fazem, é defender o casamento, e a família, se tem grupos que batem em Gays, tem bandidos e trombadinhas que roubam bolsas, que encurralam no canto de um beco, espancam, e matam a troco de nada qualquer outro Cidadão comum, independente da sua preferência sexual.


Fico triste com a Inglaterra, país onde floresceu o protestantismo, onde a palavra verdadeira foi semeada, e espalhada, e agora virou um país com um governo que atende ao politicamente correto, e as perversidades de uma minoria, enquanto eles degolam uma maioria.

acho que os Cristãos da Inglaterra, não virão a placa do caminhão! que lhes passou por cima, ou estavam dormindo, ou não perceberam, ou seus pastores e pregadores de púlpito não tocaram no assunto, então se agravou essa calamidade nesse pobre país

se tiver Cristãos por lá, creio que são poucos, e os que são poucos, estão vendo suas liberdades ir para o espaço

Ronie Peterson

Anônimo disse...

ISSO QUE INTOLERÂNCIA E PERSEGUIÇÃO DECLARADA AOS CRISTÃOS EVANGÉLICOS POR CAUSA DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO NÃO ADIANTA ESSA NOSSA MISSÃO ELE ESPERA QUE SEUS FILHOS NÃO SE ACOVARDEM E SE RENDER AS COISAS ERRADAS NÃO PODEMOS NOS OMITIR E TÃO POUCO NOS CALAR TEMOS UM PESO DE RESPONSABILIDADE SOBRE NOSSOS OMBROS FALAR A VERDADE DA PALAVRA DE DEUS EM TODOS OS LUGARES QUE TIVERMOS. Ester Costa!!!!