12 de maio de 2011

Tumulto segue adiamento de votação de PLC 122

Tumulto segue adiamento de votação de PLC 122

Texto do Senado Federal
Uma discussão entre a senadora Marinor Brito (PSOL-PA) e o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) marcou a reunião da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) do Senado nesta quinta-feira (12). Os dois estão em lados opostos no debate sobre o projeto (PLC 122/06) que pune a discriminação a homossexuais.
PLC 122 causa tumulto no Senado
A fim de que as negociações em torno do projeto avancem, a relatora, senadora Marta Suplicy (PT-SP), decidiu retirá-lo de pauta. A votação do texto na comissão estava prevista para acontecer nesta quinta. Com o projeto fora da pauta, o debate foi suspenso, mas continuou do lado de fora, no corredor das comissões, e de forma acalorada. O presidente da CDH teve de mandar fechar a porta do auditório, para que o exame de outras matérias seguisse sem perturbação.
Ao justificar a retirada da matéria, Marta disse que, no começo, assustou-se com a rejeição por parte de igrejas cristãs com relação ao projeto, mas que ao entender o temor de que ele poderia restringir as liberdades de culto e de expressão, decidiu resguardá-las em seu substitutivo. Como ainda persistem resistências ao projeto, ela se disse disposta a ouvir e prosseguir o debate.
— A sociedade está caminhando para uma maior tolerância. Esse projeto tem a ver com tolerância, respeito, cidadania — disse
O senador Magno Malta (PR-ES), contrário ao projeto, manifestou seu agrado com a retirada do projeto de pauta e a possibilidade de discussão mais aprofundada sobre a matéria.
O debate na CDH foi acompanhado por militantes dos movimentos de defesa dos direitos dos homossexuais e por representantes de entidades contrárias ao projeto. Deputados federais também estiveram presentes. Um deles, Jair Bolsonaro, tem se notabilizado por polêmica oposição ao movimentos de grupos homossexuais.
O resto do texto encontra-se no site do Senado.

Magno Malta defende debate com a sociedade sobre projeto que criminaliza homofobia 

Texto do Senado
O senador Magno Malta (PR-ES) defendeu a realização de audiências públicas para debater o projeto de lei da Câmara (PLC 122/2006) que criminaliza a homofobia. Ele apresentou requerimento com esse propósito logo após a relatora da matéria, senadora Marta Suplicy (PT-SP), ter pedido a retirada da proposta da pauta da Comissão de Direitos Humanos e Legislação participativa (CDH).
Para o senador, não se trata de um debate entre evangélicos e homossexuais, mas que deve envolver todos os segmentos da sociedade que querem se manifestar sobre o assunto, como a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), os religiosos (católicos e evangélicos), os homossexuais.
Magno Malta lembrou que a matéria já poderia ter sido votada na CDH no ano passado, quando era relatora a então senadora Fátima Cleide. Na ocasião, observou, os senadores contrários ao projeto eram maioria na comissão. Mas ele pediu o adiamento da votação, defendendo o debate com a sociedade.
Na opinião do senador, o projeto da ex-deputada Iara Bernardi é eivado de inconstitucionalidade e vai contra a família.
— O projeto de Iara Bernardi arrumava cadeia pra todo mundo; criminalizava a sociedade como um todo. Se não alugar imóvel, tá preso, se não admitir, tá preso. - afirmou, alegando ainda que a proposição poderia criar "um império homossexual" no Brasil, com uma série de privilégios para essa categoria.
Divulgação: www.juliosevero.com

17 comentários :

Chamelly Sobreira disse...

Essa Marinor Birto é quem deveria ir pra cadeia, por não permitir liberdade de expressão do Dep. Federal Jair Bolsonaro!

Homofobia nada, o que eles querem é nos amordaçar, e colocar na cadeia qualquer um que se opõem ao comportamento homossexual. Palhaçada.


E a globo já montou o circo:

http://g1.globo.com/politica/noticia/2011/05/tu-deveria-ir-pra-cadeia-diz-senadora-bolsonaro.html

Gleison Elias Pereira disse...

O Pr. Silas Malafaia denunciou em seu twitter que nesta manhã, quando a Comissão de Direitos Humanos começou a discutir o PL 122, a TV Senado exibiu a fala de Cristovam Buarque e Marta Suplicy, mas quando o Magno Malta foi depor contra o projeto, a TV Senado parou de transmitir a discussão do PL 122.

rafa disse...

Creio que a PLC122 é uma desculpa inicial, para o PT, junto com seus discípulos, impor um regime Socialista/Comunista no Pais, uma vez que o Cristianismo é o inimigo número um do regime de Karl Marx, querem calar a boca dos cristãos com a desculpa da "homofobia" e assim impor o comunismo... lembremos que o Nazismo de Hittler nasceu do Partido dos Trabalhadores da Alemanha, que seguia ideologias Socialistas e Comunistas, assim como o PT, tentando eliminar do pais o "povo de Deus" (Judeus) que em sua maioria detiam a maior parte das riquezas do pais, e eram defensores do capitalismo.
Lembrando que Obras Sociais é bem diferente que SOCIALISMO!!!

Cláudio disse...

Júlio,

Se a ABLGBTT não conseguir no Congresso, tem o STF à inteira
disposição... A Suprema Corte está UNANIMEMENTE ao lado dos "pobres"
homossexuais...

O pior nisso tudo é que a coisa continua na mesma direção... Senadores
suspendem a votação, requerem audiências públicas, blá-blá-blá...
Assim, vão empurrando a decisão para o colo "gay friendly" dos
Ministros do STF...

Depois não adianta chorar...

... Mas, honestamente, algum parlamentar cristão de importa DE VERDADE
com tudo isso? Creio que não... Ao menos não se importam ao ponto de
arriscar perder alguma parcela de poder ou recursos financeiros...

Como diria o poeta Augusto dos Anjos: Brasil: acostuma-te à lama que te espera!

Anônimo disse...

este panfleto que está na mão do deputado, como consigo?

SILVIO RICARDO disse...

Vamos acordar!

Tem gente achando que os radicais estão apenas dentro do PT. Isso não é verdade!

Os deputados e senadores do PSOL são tão ou mais radicais quanto os do PT!

Substancialmente, NÃO HÁ DIFERENÇA ENTRE PT E PSOL!

Sabe aquela circo que começou com Heloísa Helena de denunciar o PT, anos atrás? Aquilo é tudo uma FARSA MENTIROSA PARA DESVIAR A ATENÇÃO DAS PESSOAS DOS ASSUNTOS REALMENTE IMPORTANTES!

Observem! Em torno do PLC 122, PT e PSOL ESTÃO JUNTOS, E NÃO ABREM MÃO DESSE PROJETO SATÂNICO!

A agenda política desses dois partidos é uma só: A SOCIALISTA!

Chamelly Sobreira disse...

Também queria esses panfletos. Vou entrar em contato com o e-mail do Dep. Jair Bolsonaro.

Para quem ainda não tem:

dep.jairbolsonaro@camara.gov.br

Anônimo disse...

Amigos,

A maneira agressiva como a radical do PSOL, Marinor Brito, se referiu ao deputado Jair Bolsonaro, taxando-o histericamente de "criminoso" e "homofóbico", dá-nos apenas uma pálida idéia do acontecerá com todos nós se esse PL 122 for aprovado pelo Congresso Nacional.

E só um detalhe, antes que eu esqueça. Quando um militante ou radical gayzista chama alguém de "homofóbico", ele está acusando essa pessoa de ser um "criminoso". Entenderam a sandice deles? Na mente psicótica dessa gente, é "crime" pensar, discordar, votar contra, combater, dizer não aos projetos tresloucados e nocivos deles!

Que Deus livre-nos desse Mal.

Anônimo disse...

Senadorazinha baixo-nivel!!!

São esses que outrora gritavam contra o ceceamento ao direito de expressão e agora querem cercear o direito dos outros, e ainda mais DA MAIORIA que desaprova essa lei vagabunda. Essa é a maneira esquerdopata de governar. Isso é o que se encontra em Cuba, China e países islâmicos.
Está aí a verdadeira face deles.
DITADORES DISFARÇADOS!!!

Anônimo disse...

A campanha do IPCO contra o PL 122, continua. Envie sua Carta de Protesto ao Senado Federal aqui (e estimule seus amigos a fazer o mesmo):

http://www.ipco.org.br/home/assine-a-carta-de-protesto-ao-senado-federal-contra-a-lei-da-homofobia

Nathana disse...

ABSURDO! Está previsto para ir ao ar hoje, beijo gay na novela "Amor e Revolução" do SBT. O Link:
http://revistaquem.globo.com/Revista/Quem/0,,EMI232707-9531,00-AGUINALDO+SILVA+ALFINETA+ESPERADO+BEIJO+GAY+EM+NOVELA+DO+SBT.html

LENISE TOMASELLI disse...

A Constituicao existe e comporta o direito de todos sem distincao. Entao qual o interesse em votar este projeto? O projeto foi retirado de pauta para nao haver um desgaste de sua imagem, mas a mascara foi arrancada e a sociedade brasileira esta em alerta. As leis que existem tem que ser aplicadas e nao se criar novas leis para beneficiar esta ou outra minoria. Ademais segue como mais importante a educacao domestica das pessoas e a liberdade de expressao de todos. Porem, as pessoas inclusive os homo tem que saber que seu direito acaba quando comeca o do outro

Anônimo disse...

CERREMOS FILEIRAS COM O DEPUTADO JAIR BOLSONARO. É MAIS CORAJOSO QUE A MAIORIA DOS DEPUTADOS EVANGÉLICOS.

ABAIXO A DITADURA PTRALHA E GAYZISTA. JA´!!!

Anônimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=w4NPGXvrH8s&feature=channel_video_title

-----

Fiz esse vídeo tentando desmontar uma por uma as manipulações da mídia no caso da agressão ao Bolsonaro. Espero que ajude em algo, abraços.

Silvio Ricardo disse...

Julio, onde foram parar os depoimentos que foram postados aqui? Dias atrás, o acesso a essa área estava fora do ar.

Julio Severo disse...

Sinceramente, não sei. Parece que houve problemas técnicos com o Blogger...

Ana Lethycia disse...

A moral deste país está acabando com estas e outras atitudes destes daputados! ESCULHAMBAÇÃO!