9 de maio de 2011

Suprema Tirania Federal: STF e seu despotismo pró-sodomia

Suprema Tirania Federal: STF e seu despotismo pró-sodomia

O jeitinho brasileiro do STF na interpretação da Constituição vai parar na sodomia ou na pedofilia?

Julio Severo
Na decisão de legislar à força para todo o Brasil a união civil homossexual (com o bônus inevitável e trágico da adoção de crianças por duplas gays), os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) mostraram que, se o Congresso demonstrar alguma demora ou indisposição para aprovar uma lei politicamente correta exigida por extremistas socialistas, o STF vai tomar o assunto em suas próprias mãos.
E se o Congresso, sob pressão do povo que o representa, não aprovar o PLC 122 ou o aborto? O jeitinho brasileiro do STF poderá novamente entrar em ação. Jeitinho de despotismo, sem dúvida, que vem marcando o Judiciário brasileiro.
Em outubro do ano passado, o presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ao perder a paciência, demitiu sumariamente, sem nenhuma base moral e legal, um jovem funcionário do STJ. Conforme o jornal O Globo, tudo o que ele precisou dizer ao rapaz foi: “Sou Ari Pargendler, presidente do STJ, e você está demitido, está fora daqui”. Ordem arbitrária dada. Demissão cumprida.
O STF é diferente? Com sua recente decisão impondo legitimidade, com uma criatividade incrível para distorções constitucionais, à união homossexual (e seu bônus de adoção de crianças por duplas gays), os ministros do STF praticamente disseram ao Brasil:
“Somos o STF e a moralidade, os bons costumes, as tradições cristãs, os valores da família e os valores constitucionais estão demitidos. Fora daqui!”
Ordem arbitrária dada. União homossexual legitimada.
Com o STF legislando no lugar do Congresso, o papel dos parlamentares se tornou desnecessário, especialmente em assuntos caros ao STF, como a sodomia. Qualquer coisa que os supremos déspotas de togas declararem constitucional, será constitucional, independente do que diga a Constituição, a maioria do povo e do Congresso. Aliás, pesquisas já mostraram que a maioria do povo brasileiro não aceita a união civil homossexual. Pelo jeito, os ministros do STF devem estar dizendo: “E daí?”
A atitude do STF de passar por cima do Congresso é muito séria e merece uma resposta firme do povo, que tem o direito e o dever de sair às ruas e manifestar democraticamente: “Somos o povo brasileiro e vocês estão demitidos!” Se o povo permitir que o STF permaneça sem prestar contas dos erros que cometeu, será inútil queixar-se depois dos muitos outros problemas que ainda virão. Os povos que se dobram ao autoritarismo são por ele humilhados e escravizados.
A base do STF para justificar a equiparação da relação sexual de homem com homem com a relação sexual de homem com mulher, inclusive com o direito de adotar crianças, é o fato de que a Constituição não proíbe explicitamente a sodomia, que é considerada uma orientação sexual.
A Constituição também não proíbe explicitamente a pedofilia, que também é considerada pela classe de psicólogos como orientação sexual.
E agora?

9 comentários :

Anônimo disse...

Há algumas semanas atrás eu li na internet que foi escrita uma historia do Superman onde o personagem renuncia a sua cidadania norte americana... Seria bom se isso não fosse apenas ficção e se pudéssemos realmente renunciar ao país que nascemos e que tanto nos envergonha... E muito difícil descrever toda a repugnância que eu tenho pelo Brasil, pelo seus costumes que o tornam o país mais ímpio do mundo...
Enquanto muitos criticam o governo do PT e o STF, eu penso nos verdadeiros culpados de tudo isso: Aqueles que colocaram a Sra Dilma Roussef no cargo que ela ocupa hoje... Por mais diabólica que essa criatura seja, ela não é uma usurpadora... Não tomou o poder a força... Foi esse povo "maravilhoso" do Brasil que a colocou lá, assim como já tinha colocado por duas vezes seu antecessor... Da mesma forma que figuras repulsivas como Marta Suplicy ou ridículas como o Tiririca não foram nomeados e sim eleitos de forma legitima... Então que é o culpado de tudo o que está acontecendo ???? A resposta é o povo que se deixa enganar por mentiras mal elaboradas, pela politica do pão e circo e que se vendeu pelo esquema de compra de votos mais escandaloso já criado, batizado de "Bolsa Familia"...
Um governo é reflexo do povo que está sob sua autoridade... Um povo desonesto e obcecado por tudo o que é errado como o que ocupa essa terra só pode ser governado por gente do nível de Dilmas, Tiriricas, Martas, etc...
Agora, a minoria de gente decente que teve o azar de nascer aqui terá que aturar sodomitas se beijando na rua e sabe-se lá mais quantas atrocidades...
Agora, se existe algo de positivo em tanta desgraça, está no fato de que mais uma vez podemos comprovar que as palavras de Jesus estavam corretas, pois ele alertou de forma categórica que o mundo se tornaria uma espécie de "Sodoma e Gomorra Global" e é exatamente isso que estamos presenciando, infelizmente...

Isaias disse...

E o mais incrível nisto tudo é que na hora de abrirem a boca para mandar o povo votar no Lula, muitos pastores não tiveram nenhuma vergonha em apoiar publicamente este servo de Satanás. Mas na hora que deveriam apoiar o deputado Jair Bolsonaro, que luta contra estes pervertidos PeTistas e homossexuais, nenhum dos tais pastores se manifestaram. Estes pastores deveriam ter um mínimo de dignidade e admitirem que falaram asneira na hora de apoiarem Lula. Tais pastores deveriam elaborar uma carta de pedido de perdão ao povo "evangélico" por tê-los induzido a colcar no poder um partido tão abominável como o PT.
Mas duvido que eles (incluindo Silas Malafaia) tenham esta coragem. Mas já que parecem não ter dignidade e nem coragem para isto, poderiam pelo menos publicar um manifesto de apoio por quem tanto tem lutado contra os GLBT e a favor da família: O deputado Jair Bolsonaro. Se ele se candidatar a presidência, voto nele e farei de tudo para que o maior número possível de pessoas vote nele. É hora de ir a luta! Precisamos nos articular já!
Jair Bolsonaro para presidente!

Joabe disse...

Júlio, escrevi para o STF e para alguns senadores e deputados. Não sei se vai valer alguma coisa, porem, deixei meu protesto registrado. Por que você não conclama seus leitores a fazerem o mesmo?

Anônimo disse...

Pelo andar da carruagem, estarei arrumando minhas malas para a Hungria em pouco tempo :P.

Anônimo disse...

Os Ministérios da "Justiça", bem como quase todos os tribunais do país vivem uma total degenerescência e servilismo aos poderosos, que aí estão.

O grande e saudoso jurista Rui Barbosa, teria despreso desses tribunais de hoje. Disse ele:

"O ensino, como a justiça, como a administração, prospera e vive muito mais realmente da verdade e moralidade, com que se pratica, do que das grandes inovações e belas reformas que se lhe consagrem". Obs.: Plataforma de 1910

E mais:

"Sem o senso moral, a audácia é a alavanca das grandes aventuras".

Eh, outros tempos; outros homens.

Anônimo disse...

Caro amigo Severo,

Nem preciso lhe dizer o tamanho da minha decepção com esse tal "STF"! Ainda estou incrédulo com o resultado, mesmo não tendo nenhuma confiança em nenhuma instituição brasileira, pensava que ainda restava um pouco de dignidade na instância máxima da nossa "justiça". Esta decisão de nos igualar a uma dupla de gays(sempre digam "dupla" e nunca casal)foi o máximo na destruição dos valor morais e da dignidade dos brasileiros. Eu e minha esposa ficamos decepcionados, não aceitamos essa comparação nojenta com uma dupla de gays... mas de forma nenhuma! Mesmo tendo o STF rasgado nossa Constituição. Tenho orgulho de dizer que não votei e nunca votaria nesse antro, nessa corja chamada PT.
Com disse anteriormente, a culpa de tudo que está havendo em nosso país, é de nossa sociedade omissa. Numa parada gay, participam milhões, mas para dar apóio ao hoje defensor da honra, da dignidade e da família: Jair Bolsonaro ninguém aparece. Bolsonaro estar sozinho lutando por muitos covardes, que concordam com ele, mas se omite por não ter a coragem que ele tem...
Como disse Bolsonaro, eu também nunca deixaria um filho ou neto meu, brincar com uma criança criada por uma dupla de gays. Isso nunca!! Sentiria muito pela criança em questão, que não pediu para ter dois "pais" e nem duas "mães" se passando por casal, mas estarei preservando a moralidade e dignidade de minha família, da qual não abro mão! Estou muito triste e decepcionado com o meu país, como alguém disse, se eu pudesse também, renegava minha cidadania brasileira e assumia a Hungra. A favor da dignidade da nossa família: Bolsonaro presidente!!!

Do amigo baiano,
Lúcio

Marianne disse...

Prezado Julio

Leio constantemente seu blog, gosto muito do que vc escreve, bem como suas posicoes em assuntos de extrema importancia e que sao deixados de lado pela maioria da populacao. Afinal e mais importante a vitoria do time do que uma crianca ser adotada por uma dupla de "sei-la-o-que", nem homossexuais nao da para chamar essa raca.
Como voce ja tem um blog estabelecido, com grandes quantidade de acessos e leitores, acredito que voce deveria lancar a campanha para a derrubada dessa classe maldita que se apoderou do STF, acabou a DEMOCRACIA, isso e o inicio do AUTORITARISMO, nao podemos permitir.
Eu lancarei em curto espaco de tempo um site visando exatamente esse assunto, e espero contar com sua ajuda.
Quanto a voce, acho que, não leve a mal, devido a posicao que voce ja ocupa, nao basta apenas escrever, esta na hora de comecar a agir. De inicio que voce tera muitos que se unirao a esta luta.
Logo entro em contato com voce para pedir sua ajuda.
Felicidades e sucesso.

Julio Severo disse...

Marianne, no que eu puder, ajudarei sim.

Sérgio Aparecido Dias disse...

Prezado Lúcio (entendo que o "anônimo" lá em cima seja também você), não precisa deixar o Brasil e tornar-se Húngaro, pois brevemente o mundo todo (incluindo a Hungria) se dobrará ao governo sodomita do anticristo. O que estamos assistindo é o farfalhar das folhas do livro do Apocalipse sendo aberto e desvendado. Pois afinal, "apocalipse" significa "revelação". Não odeie esta terra. Nela está a maior reserva florestal do planeta e 1/5 de toda a reserva de água. E também os representantes do Corpo de Cristo, a Igreja, a virgem e imaculada noiva do Cordeiro, da qual eu e você fazemos parte. Fique aqui e junte-se aos que pregam o autêntico Evangelho da salvação e do reino de Deus, que apregoam o novo nascimento como única forma de pertencer à família de Deus. E que jamais aceitarão as leis infames e ímpias de homens igualmente infames e ímpios, embora isso possa custar a prisão ou a morte! Ainda há um povo para ser resgatado aqui mesmo, em nosso país temporário, nessa terra de nossa peregrinação. Nossa Pátria não é aqui, nem nos Estados Unidos, nem na Hungria ou qualquer outra nação. somos uma "nação santa", "raça eleita", "povo de propriedade exclusiva". Assim como o personagem Superman (tenho todos os filmes estrelados por Christopher Reeve)não era terreno, nós também, apesar de sermos terrenos, não pertencemos a esta terra contaminada pelo pecado, sob o domínio temporário do príncipe das trevas. Anime-se!!! Fique aqui mesmo, comendo arroz com feijão e churrasco, porque lá na Hungria eles só comem batatas, ok? Um abraço!