30 de maio de 2011

Ativistas e colaboradores gays são o principal sustentáculo da campanha para reeleger Obama

Ativistas e colaboradores gays são o principal sustentáculo da campanha para reeleger Obama

WASHINGTON, D.C., EUA, 9 de maio de 2011 (Notícias Pró-Família) — Colaboradores financeiros de dentro do movimento homossexual estão fornecendo apoio político e financeiro decisivo para as iniciativas para reeleger o presidente Barack Obama em 2012, de acordo com o site Politico.
Em sua reportagem, Politico diz que os grupos homossexuais estão compensando a perda de entusiasmo (e colaboradores financeiros) que Obama enfrenta na esquerda política, e a Casa Branca está aproveitando totalmente essa situação.
Embora tivessem passado a maior parte do governo dele profundamente descontentes com o presidente, os ativistas homossexuais mudaram o tom desde que Obama revogou uma lei de 1993 que proibia homossexuais assumidos de servirem nas forças armadas e impediu seu governo de defender a Lei de Defesa do Casamento (LDC), aprovada em 1996.
Obama sancionou a revogação da proibição (muitas vezes associada a uma política de fiscalização do Pentágono chamada “Não pergunte, não revele”) em dezembro de 2010, permitindo que os homossexuais assumidos sirvam abertamente nas forças armadas logo que os chefes militares tivessem confirmado que as forças armadas estavam prontas.
A decisão de Obama de orientar o ministro da Justiça Eric Holder a não defender a LDC ao ser atacada nos tribunais federais forçou o Congresso a buscar sua própria assessoria jurídica para defender a constitucionalidade da lei.
David Mixner, antigo ativista homossexual de Nova Iorque, disse para o site Politico que as recentes ações de Obama foram decisivas para obter o apoio do movimento homossexual: “Talvez eles não venham a contribuir financeiramente de modo unido para Obama, mas aos poucos eles vão agir”.
A importância de colaboradores financeiros homossexuais também se vê no novo comitê financeiro de Obama. Politico aponta para o fato de que Obama só tinha um homossexual no comitê em 2008, mas para a corrida presidencial de 2012 ele tem 15.
Ao que tudo indica, as opiniões conservadoras sociais dos candidatos do Partido Republicano estão também inspirando indivíduos nos grupos homossexuais de pressão política a trabalharem mais para reeleger Obama.
“O movimento homossexual saboreou uma mudança, e é difícil imaginar um retrocesso”, disse Fred Sainz, porta-voz do [grupo homossexual] Campanha dos Direitos Humanos.
Leia a reportagem completa em inglês aqui.
Artigos relacionados:
Traduzido por Julio Severo: www.juliosevero.com
Copyright © LifeSiteNews.com. Este texto está sob a licença de Creative Commons Attribution-No Derivatives. Você pode republicar este artigo ou partes dele sem solicitar permissão, contanto que o conteúdo não seja alterado e seja claramente atribuído a “Notícias Pró-Família”. Qualquer site que publique textos completos ou grandes partes de artigos de Notícias Pró-Família ou LifeSiteNews.com em português tem a obrigação adicional de incluir um link ativo para “NoticiasProFamilia.blogspot.com”. O link não é exigido para citações. A republicação de artigos de Notícias Pró-Família ou LifeSiteNews.com que são originários de outras fontes está sujeita às condições dessas fontes.
Artigos relacionados no Blog Julio Severo:

Nenhum comentário :