26 de março de 2011

Justiça investiga Silas Malafaia por “homofobia”

Justiça investiga Silas Malafaia por “homofobia”

Mesmo sem nenhuma lei anti-“homofobia” no Brasil, aliados da agenda gay na Justiça tentam perseguir cristãos que se opõem à ditadura gay

Julio Severo
A procuradora da República em Brasília Ana Carolina Araújo Roman investiga se Silas Malafaia, pastor da Assembleia de Deus, teve conduta “homofóbica” numa audiência pública na Câmara dos Deputados na qual se discutiu o chamado Estatuto das Famílias.
A audiência, realizada em maio de 2010, debateu como mudar o direito de família, inclusive criando a figura de “casamento” de mesmo sexo e adoção de crianças por duplas gays. Malafaia fez um discurso contrário a essas mudanças, com uma postura que apenas refletiu valores inegociáveis do Cristianismo.
Entretanto, o que ele disse desagradou profundamente à militância gay e seus aliados. Ele indicou que se a lei deve ser modificada para atender aos desejos das pessoas, inclusive com “casamento” gay e adoção de crianças por duplas gays, então qual será o limite? Ele disse:
— Vamos liberar tudo que tem na sociedade. Vamos colocar na lei tudo que se imaginar. Quem tem relação com cachorro, vamos botar na lei, porque tem gente que gosta de ter relação com cachorro. Eu vou apelar aqui, mas tem que dizer, é um comportamento, ué. Vamos aceitar?
— Quem tem relação com cadáver? É um comportamento, vou botar na lei. Ah, se é um comportamento, ué, estão espantados, vão discriminar, ué? É a favor de quê? Então vamos colocar tudo na lei e onde é que vai parar a sociedade brasileira?
Veja aqui na íntegra, nestes dois vídeos, o que Malafaia disse:






No início de fevereiro, a procuradora Ana Carolina Araújo Roman iniciou um inquérito contra Malafaia para apurar se houve “homofobia” — um “crime” que, deixemos bem claro, não existe na lei brasileira. Ou será que o PLC 122 já foi aprovado sem que ficássemos sabendo?
O Estatuto das Famílias é uma criação do IBDFAM (Instituto Brasileiro de Direito das Famílias), que por sua vez foi fundado por Maria Berenice Dias, uma das principais militantes da causa gay nos meios jurídicos do Brasil.
A ação contra Silas Malafaia vem acompanhada de um conjunto de ações aparentemente orquestradas para pressionar a aprovação do PLC 122, inclusive uma reportagem recente do Jornal Hoje incitando a criminalização da “homofobia”.
No entanto, sem nenhuma lei anti-“homofobia” no Brasil, o Pr. Ademir Kreutzfeld, da Igreja Luterana de Santa Catarina, foi intimado por “incitação à homofobia” em 2007.
Sem nenhuma lei anti-“homofobia” no Brasil, o Ministério Público Federal teve o atrevimento de ir atrás do meu blog por “incitação à homofobia”, atendendo a uma queixa iniciada pela Associação da Parada do Orgulho Gay em São Paulo. Depois, a ABGLT também entrou com queixa no MPF.
Estou hoje fora do Brasil porque a justiça brasileira é inconfiável, politizada e ideologizada.
Se a justiça brasileira já está agindo assim com Silas Malafaia agora, que é muito conhecido no meio evangélico, o que acontecerá se o PLC 122 for aprovado?
Com informações da revista Veja.

26 comentários:

Paulo disse...

Julio, a paz de Cristo. Realmente é possível que isto seja uma operação orquestrada com o fim de influenciar a sociedade para que aceite a PL 122/2006.

Abç.

Paulo (www.holofote.net)

Julio Severo disse...

Eu vi essa notícia primeiro no seu blog, irmão Paulo, e usei os dois vídeos que você está divulgando.

Guilherme disse...

Realmente existe uma agenda programada. Pois ninguém, em sã consciência, iria investigar alguém por um crime que não exista lei que o tipifique anteriormente. Os grupos gays estão tão confiantes que o PLC 122 será aprovado que já estão enfiando processos goela abaixo no judiciário por um crime que não existe, com base num projeto de lei que tem um dos textos mais vagos que já li sobre.

É, realmente só podemos nos fortalecer em Deus e nos guiarmos na Sua palavra. O mundo está indo pro colapso moral já previsto por Jesus e visto por Paulo em Apocalipse...

Chamelly Sobreira disse...

Homofobia?! Não, isso é perseguição aos que são contra ou de alguma forma não aceitam as práticas homossexuais.
Isso é uma palhaçada das grandes. Por duas vezes a Globo incitou casos de homofobia nessa semana, no Jornal Hoje e no Jornal Nacional, e relembrou os ''ataques'' sofridos por gays no ano passado, em SP. Somente para que a população não esqueça que realmente os gays são MUITO perseguidos, sofrem constantemente agressões de pessoas não homossexuais. Uma mentira muito mal contada, sabemos nós que as agressões que ocorrem são de seus próprios 'parceiros', ou em casas de prostituição, e causadas também por consumo excessivo de drogas deles mesmo que vivem nesses prostíbulos.
Isso que acontece com o Pr. Silas, aconteceu com o Julio Severo, e com quem mais entrar no caminho deles, discordando de suas práticas.
Isso, meus irmãos, vai acontecer comigo e com você, se ninguém se mexer lá no Congresso para evitar que o Pl 122 seja aprovado.
Porque depois que isso acontecer, não adianta chorar o leite derramado.

Chamelly Sobreira disse...

É o Apocalipse, o início das dores. Só Jesus para nos guardar desse mundo.

Val Soares disse...

Admiro muito o Pr. Silas pq ele teve coragem de mostrar a cara, aparecer na midia defendendo o direito de crença do povo cristão, defendendo a Palavra de Deus.
Essa perseguição é in-jus-ta!!!!
Essa maldita lei nem foi aprovada e já tá nesse nível, imagina se for?!?!?! Mais um motivo pra eu ser contra ela. Esse mundo vai virar um caos ! Maranata Senhor Jesus !!!!

Herberti disse...

Só mesmo rindo para não chorar. Por enquanto estes pervertidos que assumiram o poder estão só querendo criar um crime novo, a "homofobia". Depois, vão inventar a "pedofobia" (para proteger os abusadores de crianças), depois virá a "zoofobia" (para proteger os que gostam de um sexo animal), depois talvez venha a "necrofobia" e qualquer outra anormalidade que se possa imaginar, as quais se tornarão normais simplesmente por decreto, como aconteceu com o homossexualidade, que foi declarada comportamento são simplesmente pela decisão unilateral de um corpo de psicologos e ponto final, restando à "minoria" heterosexual aceitar a imposição da maioria homo. Sim, porque para fazer o que eles fazem, terem o poder que tem eles só podem ser uma maioria. Quando todos eles concordarem em sair dos armários vamos ficar surpresos.

Anônimo disse...

Se a maioria das igrejas se unir para denunciar e desmascarar essa farsa orquestrada para impor essa lei do diabo, não haverá tribunais que bastem para julgar todos os processos desses gayzistas, sem contar os reflexos na mídia internacional, já que a do Brasil é serva da PTralhada.
Basta uma união sincera, radical e forte da maioria das igrejas comprometidas com os valores inarredáveis do Evangelho.
É algo a ser fazer, já!

Anônimo disse...

Saudações a todos.

Esta já é a segunda vez que perseguem o pastor.

oração e ação já, evangélicos!

Até.

Silvio Ricardo disse...

Eu mesmo não confio na justiça brasileira, vendo todos os dias ela dar razão a quem não a tem e não a merece.

Agora todo o aparato do judiciário brasileiro virou uma grande FILIAL do movimento gayzista. Procuradores, juizes e não sei mais o que, se tornaram advogados ardorosos da imoralidade, da estupidez, da mentira.

Nenhum cidadão pode sentir-se mais livre em seu próprio país para dizer o que pensa sobre homossexualidade, sob pena de se ver perseguido, preso e humilhado publicamente.

Isso é uma orquestração muito bem elaborada para destruir o arcabouço cristão do nosso país. Não é só Judiciário quem está envolvido; Legislativo e Executivo também; além de ONGs, mídia, etc...

Não se muda convicções por meio de decretos autoritários!

Eles verão como isso é uma verdade!

Escravo de maria disse...

julio parabéns pela coragem

Anônimo disse...

Amigo Júlio, boa noite!!

Se a sociedade quiser fazer algo contra a "ditadura gay" que se aproxima, tem que ser feito agora, imediatamente antes da aprovação desse famigerado PL-122.
Vamos dar um basta nessa omissão! A maioria é quem manda. Temos que saber os nomes dos políticos que são a favor dessa IMORAL ditadura gay, e eliminar pra sempre todos eles do Congresso.
Mas em quem confiar agora? para evitar esta MALDITA lei. Eu confiava muito nas igrejas evangélicas. Achava que a maioria dos evangélicos votaria contra a continuidade do "governo" Lula, e assim a agenda gay ficaria mais fraca, mas as últimas eleições me decepcionaram quando via a srª Dilma eleita. Agora o governo tem maioria no Congresso e esta amaldiçoada lei tem tudo para ser aprovada.
Aí o maldito, filho do demônio do Luís Mott, pode querer futuramente tentar aprovar a pedofilia.
Uma coisa amigo Júlio, que muito me intriga: Se não existe nenhuma lei criminalizando a "homofobia"(medo de... só rindo!!), porque podem lhe prender? Que justiça é essa? Como se pode enquadrar alguém a lei nenhuma... Só rindo, pra não chorar! Eu não confio em nenhuma instituição brasileira, estão todas falidas e corrompidas.
Digo toda hora: não gostaria de estar vivendo essa época, onde a sodomia está tendo tanto valor. Só do tempo que quem tinha valor era o homem, honrado, digno. E quem praticava essa anomalia era deixa deixado de lado na sociedade.
Fiquei indignado com o final da novela TiTiTi(eu não assisto, mas minha esposa gosta...)"quando um gay disse bem alto que amava outro..." Fiquei enojado! Estão preparando o terreno para o tal "nojento" beijo gay.
Só entendo, e o que deixa muito revoltado, é como uma minoria insignificante se impõe e dita as regras sobre a maioria. Não encontro explicação.

Um abraço do amigo baiano,

Lúcio

Sávio Antunes-UESPI disse...

Julio, quero avisar aos amigos deste Blog que o Instituto Plinio Corrêa de Oliveira está patrocinando o envio de e-mail aos senadores pedindo o arquivamento do PLC 122/2006.

O link é este:

http://www.ipco.org.br/home/assine-a-carta-de-protesto-ao-senado-federal-contra-a-lei-da-homofobia?origem=8

Peço encarecidamente que os amigos assinem.

Carlos Carvalho disse...

Estava na cara que a militância gayzista iria tentar enquadrar o pastor Silas por "homofobia". Afinal na minha humilde opinião, dos líderes evangélicos mais conhecidos, o pastor Silas é o mais combativo no que diz respeito a agenda gay. Portanto, para a militância gayzista é uma questão de "honra" tirar uma pedra tão incômoda do seu sapato. E sem falar na promoção que eles (gays) farão para a aprovação do plc122, caso obtenham sucesso com essa investigação exdrúxula. O que me deixa mais tranqüilo é imaginar que o pastor deve contar com um departamento jurídico muito competente para defende-lo, porque ele bem sabe que esse pessoal conta com o todo o apoio desse governo esquerdista para alcançar os seus objetivos.


Que Deus tenha misericórdia do pastor Silas e de todos nós!!!

Tom Alvim disse...

Vamos orar pelo Pr. Silas, pois é um dos poucos no Brasil que tem coragem de dizer a verdade.

Q disse...

"homofobia" é um argumento cultural e juridico para perseguir cristãos.
Estão calando os cristãos e é hora da gente deixar a zona de conforto de lado e ir a luta!!!
Eu digo o verdadeiro enfrentamento senão seremos todos presos!!!!

Anônimo disse...

O mundo tem que ficar de olho neste Silas Malacraia.
O que ele realmente quer é poder falar mal de todo mundo usando a mitologia hebraica como respaldo. O mundo não pode aceitar isso. Vamos condená-lo em nome do Deus criador. Não podemos mais ceder espaço para o Deus de Israel.

Herberti disse...

Para o Anonimo.
A "mitologia" hebraica, como você diz, pelo menos serviu como alicerce firme para construir toda uma civilização, da qual você mesmo usufrui muitos benefícios. Por outro lado o que se pode dizer da mitologia homossexual, alicerçada que é nas mitologias evolucionista, marxista e humanista-atéia? Que benefícios reais e duradouros estas cosmovisões tem trazido à humanidade? Limpe sua boca antes de falar de algum cidadão brasileiro que optou por se opor a este programa abominável e depravado que
tem (este sim com toda certeza!!!) o único objetivo de tomar o poder pela força bruta, impondo valores totalmente desconectados da realidade, querendo levar nosso amado Brasil para dentro de um delírio esquerdopata.

Renato disse...

Esses "progressistas" não têm noção alguma de certo e errado, nem senso do ridículo, nem piedade. Fingindo uma filantropia sincera, vão aos poucos destruindo a civilização para tentar (e fracassar) implantar seus projetos delirantes. Todo o meu apoio ao Pr. Silas Malafaia que, pelas suas declarações, me parece um homem sincero e ponderado.

Anônimo disse...

Confesso que não gosto muito das pregações do Silas Malafaia e seus meios de sobrevivência no meio evangélico,porém às vezes ele fala coisas que mereceriam ser ditas por todas as denominações sem excessão.
O posicionamento dele em relação ao aborto e a agenda gay mostra que no mínimo devemos considerá-lo uma pessoa que de certo modo está fazendo a obra de Deus.
É muito fácil criticá-lo,como eu próprio já fiz e me arrependo.Sei que ninguém é perfeito e acho que ele peca em algumas partes mas compensa em outras como as citadas.
Que Deus o ilumine seu caminho sempre e que levante mais pessoas para essa luta.

Anderson
Santa Catarina

Anônimo disse...

A militancia gayzista está abusando e essa lei nem foi aprovada ainda...
Aqui na minha cidade não é mais novidade ver gays ofendendo cidadãos comuns na rua por qualquer motivo, ´recentemente presenciei um episódio q me deixou alerta:
Dois cidadão gays atravessando uma das ruas de maior movimento, com o sinal aberto, uma senhora, brecou o carro bem em cima pra não atropelá-los, eles por pouco não arrancaram a mulher do carro, impediram a passagem dela e a pobre mulher teve que ouvir as piores ofensas possíveis. Imaginem se essa lei for aprovada?!?!?!
E as leis q defendem os direitos da mulher? onde estão???? Os gays estão acima até das leis de transito??? Parem o mundo que eu quero descer !!!!

dany disse...

Haja tsunamis para a humanidade, mas nem assim eles se arrependem e dao glorias a Deus.

Anônimo disse...

Júlio, a sensação de estar em um hospício a céu aberto é muito grande. Pra mim, o Brasil se tornou num país de alienados. Parabéns pela sua coragem e que Deus faça você ver as coisas como são em cada dia de sua vida.

Anônimo disse...

Isso mostra de maneira contundente o quanto tem sido nada inteligente a argumentação bíblica de líderes evangélicos para assuntos genuinamente de Fórum Jurídico humano ─ não confundamos cristianismo com a religião Estatal judaica, que tem a sua fundamentação no Antigo Testamento ─ podemos e devemos contestar a criação dessa ou daquela lei quando a entendemos injusta, mas, tão-somente como cidadão do país ao qual pertençamos ─; o Novo Testamento ensina isto de maneira clara e objetiva, quem não entende assim deve voltar a estudar Teologia num Seminário que leve isto a sério. Ainda, a ignorância disto, ao invés de contribuir para a democrática universalização da discussão do Tema; diferentemente gerou e tem gerado a polarização de homossexuais versus religiosos ─ que só tem feito com que aqueles que não são evangélicos, se somem aleatoriamente aos homossexuais por falta de informações humanas, coerentes e justas. Para tanto sugiro a leitura do meu Blog ─ que deve ser lido principalmente por evangélicos que não sabem lidar com esse assunto, como o confuso Pastor Silas Malafaia ─, O QUE É O PLC122 OU A DITA LEI HOMOFÓBICA, endereço ─ www.verdaderespeitoejustica.blogspot.com , no qual explico detalhadamente o absurdo que é esta lei dita homofóbica do ponto de vista humano; como também está de maneira sintética (sinopse) em outro Blog meu, endereço  www.sinteserespeitoejustica.blogspot.com . Leia também o meu outro comentário.
Atenciosamente JORGE VIDAL

Anônimo disse...

Ação democrática legitima (a de afirmar que os homossexuais são perseguidos) de pessoas de grande habilidade de Mídia; a qual cito no Blog que vou sugerir no seguimento para conhecimento e avaliação.
Quando digo grande habilidade no saber como tratar Notícias e Informações; isto decorre do fato da maneira ruidosa e coerente como conseguem transformar um fato (lamentável é claro) em um factóide (fato maximizado, ampliado acima da sua real razão de ser) de grande repercussão, como é feito diversas vezes que ocorre algum tipo de agressão a homossexuais; cujos números estão muito aquém das agressões contra a mulher e as mútuas entre torcedores, pelo fato fútil de serem torcedores de Times diferentes... Comento isto aqui como elogio à forma inteligente como os homossexuais trabalham os Meios de Comunicação, reproduzindo aqui e ali elementos de Merchandising para aprovar o PLC 122.
É estranho e difícil para eu entender como os homossexuais e a Mídia que têm dentro da sua comunidade ─ hoje e no decorrer da história ─ pessoas inteligentes semelhantes aos filósofos gregos homossexuais: o grande retórico Lísias e o inteligentíssimo Aristófanes, autor do Mito do Andrógino, ver, obra O Banquete da Platão ─; também artistas, intelectuais, pessoas de várias formações acadêmicas e principalmente as da área das Letras; não atentem para o que chamo de estupidez lingüística, que é o chavão acusativo HOMOFÓBICO (de homo-fobia), sabendo-se que homo (latim, homem), homo (grego; igual, semelhante; que é usado em homofobia) e fobia (grego, φόβος ─ medo com decorrente ação retro-ativa de fugir). Do que se conclui que: ao chamarmos alguém de homofóbico estaremos dizendo exatamente ser aquele que tem o sentimento de medo (fobia) a vítima desse (o criminoso no exato entendimento do termo) que lhe infunde medo.
Não tenho nada absolutamente nada contra os reais direitos dos homossexuais; entretanto tenho tudo contra O PLC 122 OU A DITA LEI HOMOFÓBICA (este é o título do meu Blog), cujo endereço é www.verdaderespeitoejustica.blogspot.com , no qual, demonstro ser esta lei, não aquilo que defende os direitos dos homossexuais e sim, um odioso instrumento de Censura; como também está de maneira sintética (sinopse) em outro Blog meu, endereço  www.sinteserespeitoejustica.blogspot.com .
P.S.: Apenas para reforçar como lembrete e gerar interesse ou curiosidade com relação ao Blog citado. CLAUSTRO + FOBIA, FOTO + FOBIA e algumas outras fobias têm plena assertiva nas suas construções, pelo fato óbvio de que quem está enclausurado ou diante de uma forte luz, desesperadamente busca fugir. O que aconteceu com as pessoas que têm conhecimento lingüístico? E o bom senso, o que foi feito dele (no não haver cuidado com o que se escreve e veicula), quando se mantêm o absurdo chavão chamado HOMOFOBIA, que é exatamente contra aquilo que se quer defender?.. Obrigado e parabéns pela dignidade democrática de respeitar opiniões.
Atenciosamente JORGE VIDAL

cRiPpLe_rOoStEr a.k.a. Kamikaze disse...

Eu sou de outra religião e tenho uma posição desfavorável às práticas do pastor Silas Malafaia com relação à captação de recursos financeiros, mas vejo que ele tem feito um valoroso esforço em defesa da verdadeira família, baseada em valores SAGRADOS e inalienáveis.