5 de julho de 2010

Bispo Manoel Ferreira lidera traição aos evangélicos

Bispo Manoel Ferreira lidera traição aos evangélicos

Mal começa a campanha eleitoral, e os abutres colocam os bicos de fora

“Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará. Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção”. (Gálatas 6:7-8 ACF)

Julio Severo
Ninguém estranha que a ex-terrorista comunista Dilma Rousseff tenha sido escolhida pelo PT como candidata à Presidência da República para substituir Lula e dar continuidade à promoção de políticas e imposições pró-homossexualismo e pró-aborto.
O que é de estranhar é a safadeza evangélica. Em entrevista recente, o Bispo Manoel Ferreira, um dos mais importantes líderes da Assembleia de Deus no Brasil, disse que aceitou o convite de Dilma para liderar a coordenação evangélica da campanha dela. Para essa tarefa, que ele considera “importante obra”, ele precisou sacrificar sua candidatura ao Senado Federal.

Crivella e Garotinho: nada de novo debaixo do sol

O senador Marcelo Crivella (PRB), ex-bispo da Igreja Universal do Reino de Deus, também é um dos principais apoiadores da campanha de Dilma. Muito querido pelo presidente Lula, Crivella só sabe elogiar a ex-terrorista. “Com ela, o presidente Lula atingiu essa enorme popularidade. É uma mulher muito competente e vou estar a seu lado”, declarou.
O ex-governador do Rio, Anthony Garotinho, também já declarou que fará campanha para Dilma, levando junto todo o PR, seu partido no Rio. Mas muitos evangélicos estão chocados com tal traição. “Como ficamos, se a igreja orienta uma coisa e depois, perto das eleições, nos indica candidatos que não batem com os ensinamentos? Acho que são coisas que não deveriam se misturar, porque cria essas situações constrangedoras”, desabafou uma evangélica.
A queixa dela encontra eco em outras vozes dentro e fora das igrejas evangélicas. Embora o governo Lula tenha sido o governo brasileiro mais hostil aos valores da Bíblia e seja amigo de ditadores como Fidel Castro, Hugo Chavez e Mahmoud Ahmadinejad, o presidente do Irã que quer varrer Israel da face da terra, muitos da liderança evangélica dão simplesmente de ombros. A exemplo do que ocorreu nas eleições de 2002, bispos e pastores voltam a andar de mãos dadas e beijinhos com o PT e candidatos radicalmente marxistas nessas eleições.

Rio: o maior foco de liderança evangélica pró-PT no Brasil?

Manoel Ferreira, Crivella e Garotinho, que estão liderando a traição aos evangélicos, são do Rio. Outro líder evangélico do Rio que está causando grande descontentamento entre os evangélicos é o pastor David Cabral, escolhido para o cargo de vice-governador na chapa do PR que vai disputar o governo do Rio. Mas ele está enfrentando uma pedra no sapato: uma possível resistência de algumas alas da Igreja Assembleia de Deus, seu berço político e religioso. As restrições à candidatura do Pr. David se resumem a uma questão: ele está decidido a apoiar a ex-terrorista.
Dentro da Assembleia de Deus, a maior denominação pentecostal do Brasil, existem alas que fazem forte oposição ao governo Lula por causa do apoio imoral do PT ao aborto e ao homossexualismo. Consciente das resistências que irá enfrentar, o Pr. David Cabral já tem uma justificativa pronta para tirar da manga: ele alega que Dilma fez o compromisso de rever os projetos de aborto e homossexualismo.

Fé de Cabral aposta: Dilma reverá o PLC 122/06

Rever os projetos? Inclusive abolir o asqueroso PLC 122/06 do PT? Cabral tenta encenar uma fé que remove montanhas ao pintar uma Dilma que, miraculosamente, reverteria políticas pró-aborto e pró-homossexualismo de Lula. Semelhante milagre era esperado também em 2002, quando Lula fez o compromisso, diante de 500 pastores, bispos e apóstolos (reunidos sob a “cortesia” e traição do ex-Bispo Carlos Rodrigues), de não permitir que seu futuro governo promovesse o aborto e o homossexualismo. Hoje, a amnésia voltou a afetar os líderes evangélicos.
Cabral realmente reconhece que até recentemente fazia oposição ao PT e a Dilma, porém ninguém sabe como ou quanto custou mudar o direcionamento dele. Ele jura ter boas intenções: “Sei que há resistências na igreja, e eu mesmo ajudei a construir essa resistência, quando viajei para muitos lugares alertando sobre os riscos de algumas ideias do PT para a comunidade cristã. Mas há a disposição da candidata e existe um compromisso de rever ponto a ponto as propostas para podermos trabalhar juntos”.
E quanto ao PLC 122/06, de autoria do PT? E quanto ao aborto? E quanto ao vergonhoso amasiamento do governo brasileiro com Fidel Castro, Hugo Chavez e Mahmoud Ahmadinejad? Cabral não se importa se o marxismo é hoje um dos principais cânceres da alma política do Brasil, pois como ele mesmo disse: Entre o governo Lula e as igrejas evangélicas “existe grande afinidade na questão social, pois não há governo que trabalhou mais nessa área do que esse”.
“Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?” (Marcos 8:36 RA)

Contradições da liderança evangélica provocam choque e descontentamento

Um membro da Igreja Assembleia de Deus ouvido pelo jornal Diário do Vale, que preferiu não se identificar, não escondeu o descontentamento com a situação:
“Antes mesmo das eleições, a igreja já vinha estudando alguns projetos que vão de encontro à filosofia cristã. Então, há uma certa incoerência em apoiar a candidatura do PT e vai haver resistência sim”, disse ele, que apontou o Programa Nacional dos Direitos Humanos (PNDH) como o principal ponto de divergência entre cristãos e petistas.
“Existem algumas questões neste programa que batem totalmente de frente com os valores ligados à Igreja, como o apoio ao homossexualismo, ao aborto e outras questões ligadas à área da família”, enumerou ele.

Os Judas modernos e a carniça eleitoral

Entristece-me muito ver líderes evangélicos que têm grandes dificuldades de fazer sacrifícios por amor a Jesus, mas têm muita facilidade de sacrificar seus rebanhos por amor a migalhas políticas.
Em sua liderança da coordenação evangélica da campanha de Dilma, Manoel Ferreira não é primeira traição aos evangélicos vinda do Rio. Antes dele, houve traições do ex-Rev. Caio Fábio e do ex-Bispo Carlos Rodrigues, ambos igualmente do Rio. Fábio, da Igreja Presbiteriana no Brasil, liderou na primeira metade da década de 1990 um esforço nos bastidores para atrair os evangélicos ao curral eleitoral do PT. Em 1994, seu programa Pare & Pense foi o primeiro programa evangélico de TV a apresentar o candidato presidencial Lula, e hoje ele se gaba de que fez tudo propositadamente. De 2000 a 2002, Carlos Rodrigues, que era o segundo bispo mais importante da Igreja Universal do Reino de Deus, liderou a traição aos evangélicos, ao reunir as mais importantes lideranças evangélicas do Brasil para um apoio em massa a Lula. Tanto ele quanto Caio Fábio acabaram caindo em horríveis escândalos.
Mas mesmo que Ferreira seja o próximo da fila para cair, o PT sempre encontra outros Judas evangélicos para empregar como colaboracionistas.
“Traição”, “adultério” e “amor aos presentes” movem muitos líderes evangélicos em épocas de eleição.
Judas vendeu Jesus por uma ninharia de 30 moedas de prata, não muito diferente do que fazem alguns líderes evangélicos de hoje, quando vendem Jesus e a igreja em troca de concessões de rádios e televisões e muitos outros favores.
É fato que viver em amor a Jesus traz sacrifícios. Mas é fato que viver amasiado com os governantes políticos corruptos poupa sacrifícios e rende muitos benefícios.
Enquanto os abutres avaliam quanto vão ganhar com a carniça eleitoral, o povo evangélico fica sem entender seu papel diante das eleições e a conduta de seus pastores oportunistas, que afirmam condenar o aborto e o homossexualismo, mas agora estão (novamente) abraçados com os próprios indivíduos que promovem esses males.
Com informações do site do Pr. Manoel Ferreira e do jornal Diário do Vale via Portal GuiaMe.

20 comentários :

Anônimo disse...

O Mais engracado severo, e que voce entre outros se acham os dono da verdade, e que a religiao de voces e a unica verdade,ou que o deus de voces sejam a unica verdade, voce erra meu amigo, o mundo nao esta envolto dentro do seu livro religioso escrito por homens para poder dominar massas,voce acusa pessoas de traicao e o que voce faz e o mesmo, transformando-se em um judeu reformado e deixando suas raizes em troca de nada.

Fiel é a Palavra disse...

A paz de Cristo irmão Julio!sou uma pessoa que é toltalmente contra o envolovimento de pastores com a política,pastor foi chamado para cuidar do rebanho de Deus e não se envolver com as coisas deste mundo.Parabéns pelo post,sou seguidor assiduodo seu bolg,continue assim falando a verdade.Adalberto Lima Fernandes.

SVM disse...

Por isso que continuo sustentando: vou votar CONTRA a Dilma, e não a favor de ninguém. O PT é o mais urgente problema a ser combatido.

Compreendo que parece ser uma constante entre todos (maioria?) os partidos o interesse em defender as causas homossexuais e abortistas, MAS essas não são as únicas questões políticas a serem sopesadas (até pq, aí, está tudo igualmente ruim). Por exemplo, preocupa-me MUITO a direção que a política externa vem tomando com o governo do PT - esse alinhamento com extremistas, a intromissão em assuntos que não nos dizem respeito, o mal-estar crescente com Israel: tudo isso tem grande potencial de gerar consequencias nefastas a nosso país (sem contar as inclinações escancaradamente socialistas e ditatoriais do PT). Toda essa palhaçada tomou fôlego com o Lula. E acredito que ao menos isso se resolva com a vitória do Serra (o único candidato que ainda pode fazer frente a essa mulher). No mais, é continuar entregando esse país a Deus em oração.

Raidson Jenner Negreiros de Alencar disse...

O anônimo aí em cima nem teve coragem de se identificar. É um covarde! Irmão Júlio, concordo com seu post, as Assembléias de Deus deveriam rever suas posturas. Anos e anos vem se pregando sobre a moral e a família, pelos valores cristão e agora se contradiz apoiando essa ex-guerrilheira e o PT que é o maior defensor do PL 122 e do aborto. Sou Assembleiano e voto em Marina.

Herberti disse...

Estes "Homens de Deus" apresentam-se como líderes espirituais perante as congregações que dirigem, mas são totalmente incapazes de se mover no nível das coisas espirituais, preferindo antes estabelecer seus reinos particulares neste mundo mesmo. Sobre os tais pesa dupla condenação: a primeira, a de apostatar da fé, amando o mundo e negando ao Senhor; a segunda, a de trazer escândalo e divisão à igreja de Cristo.

Julio Severo disse...

Prezado SVM

Votar no Serra não vai melhorar em nada, pois quando se tornou prefeito de São Paulo, ele deu continuidade e expandiu as polítics homossexualistas e abortistas da petista Marta Suplicy.

Serra não merece voto de ninguém.

Dou-lhe um bom conselho: Se você não vota na Dilma porque ela é mentirosa, não vale a pena votar no Serra. Ele não é melhor do que ela.

Julio Severo disse...

Caro irmão Raidson, obrigado pelo apoio. Sobre Marina, recomendo-lhe ler este artigo: http://juliosevero.blogspot.com/2010/06/dois-candidatos-pervertidos-e-uma-em.html

Nos próximos dias dareis mais motivos por que não há em quem votar nesta eleição.

Silvio Ricardo disse...

"Enquanto os abutres avaliam quanto vão ganhar com a carniça eleitoral, o povo evangélico fica sem entender seu papel diante das eleições e a conduta de seus pastores oportunistas, que afirmam condenar o aborto e o homossexualismo, mas agora estão (novamente) abraçados com os próprios indivíduos que promovem esses males".

Caríssimo Julio, que Deus te abençõe.

Tomo o último parágrafo do seu texto para expor um ponto de vista meu.

Vejo que o grande problema do povo evangélico é sempre deixar-se levar pelo que ditam seus pastores, bispos ou reverendos. Acho que isso é um erro.

Não basta o Evangelho para conformar nossa conduta?

Por que precisamos que homens ou mulheres ditem suas normas?

E se essas normas estiverem em flagrante contradição com o Evangelho?

Numa situação como essa descrita no texto, fica claro que esses auto-intitulados líderes estão sendo incoerentes com o que diz o Evangelho. Portanto, não merecem nenhuma credibilidade e respeito.

Então, qual deve ser a atitude do povo evangélico?

Não tenho dúvida, caro Julio, que a atitude a ser tomada nessa hora é a de virar as costas a esses falsos líderes, e seguir sem temor o Evangelho.

O Evangelho diz "Não matarás". A candidata Dilma Rousseff e o PT tiram a máscara e se revelam tal como pensam e agem quando advogam o aborto, por exemplo.

Se eu fosse evangélico, eu não teria dúvidas. Jamais votaria em candidato do PT ou apoiado pelo PT.

É simplesmente ridículo que um evangélico ainda padeça alguma dúvida sobre isso.

Eduardo Souza disse...

Julio, precisamos votar no menos pior e impedir que essa nova monarquia que querem instalar aqui no Brasil se perpetue.

Serra nao é santo, mas é menos pior que a Dilma e toda a bagagem que ela traz junto (PT, LULA, Zé Dirceu, PL122, MST, escadalos de corrupcao, anti-Israel, etc)

Marcia disse...

Melhor seria mostrar a insatisfação frente a este sistema politico aconchavado, anularei meu voto. Isto indica que: Nenhum candidato preenche o mínimo para me representar.
Algum deles vai ganhar, mas não através do meu voto.
Volta Jesus!
Deus te abençoe irmão Julio

Marcelo disse...

Infelizmente "a arapuca está armada"! As políticas anti-família e anti-vida vão ser continuadas por qualquer um dos que se apresentam como candidatos. A candidata que se diz evangélica parece se enquadrar na categoria dos serão "vomitados", absolutamente "em cima do muro", seguindo a cartilha do "politicamente correto", desconsiderando os conceitos bíblicos e afundando nos relativismos característicos do pseudo-evangelho esquerdista.ECA!!!!! Seria bom se os evangélicos autênticos abrissem os olhos e a boca contra toda essa podridão.

Que o Senhor tenha misericórdia desta nação!!

Anônimo disse...

tem muios pastores e doutores que conhecem a bíblia capa-a-capa e eles sabem muitos sobre a Igreja laodiceana infestadas de valores mundanos e cheia corrupção, não queira eles fazerem parte desta Igreja, que o senhor Jesus a considera vomitória e é casada com governo secular,esta Igreja está com cristo do lado de fora; Jesus nunca apoiou seus discípulos a fazerem parte de política,ele mesmo disse a seus discípulos:

Lucas 17.20-21
E, interrogado pelos fariseus sobre quando havia de vir o reino de Deus, respondeu-lhes, e disse: O reino de Deus não vem com aparência exterior.
Nem dirão: Ei-lo aqui, ou: Ei-lo ali; porque eis que o reino de Deus está entre vós.

A Igreja de cristo(Reino de Cristo) não é um Estado Político(País),onde podemos fazer alianças políticas e trocas de favores fazendo do reino de Deus tratados alianças e outras coisas mais, principalmente coisas estas que se opoem os princípios Bíblicos revelado na Palavra de Deus,Jesus a considera vomitória e dá nausea só de pensar e de imaginar o estado sujo que ela vive,este tipo de crente ou Igreja está com cristo do lado de fora, fala de Jesus,mas não o recebe como seu Senhor, Prefere o mamon do que senhor Jesus, não podemos servir a dois Senhores porque hão adorar um e deixar de servir outro, OU Dilma rouseff com seus Planos macabro opositor ao evangelho ou a Jesus e seu livro sagrado,a Palavra de Deus,ao contrário se apoiam os dois lado é morno e está com Jesus do lado de fora., só tem nome de Pastores,mas não servem a Jesus e não dão honras merecidas a Ele(JESUS),como senhor de sua vida.

Eis que eu farei aos da sinagoga de Satanás, aos que se dizem judeus, e não são, mas mentem: eis que eu farei que venham, e adorem prostrados a teus pés, e saibam que eu te amo. Apocalipse 3:9

2° corintios11.13-14
Porque tais falsos apóstolos são obreiros fraudulentos, transfigurando-se em apóstolos de Cristo.
E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz.
Não é muito, pois, que os seus ministros se transfigurem em ministros da justiça; o fim dos quais será conforme as suas obras.

Parece que Políticos evangélicos esqueceram deste importante versículo da Palavra de Deus

Assim diz o SENHOR: Maldito o homem que confia no homem, e faz da carne o seu braço, e aparta o seu coração do SENHOR! Jeremias 17:5

são insesatos e confiam cegamente nas Palavras de dilma rouseff e outros, com suas falsas promessas descabidas,depois não chorem o leite derramado,(Risos) só basta seu rosto virá placa igual no desenho do Pica-pau com a Palavra "jackass" ou crescer orelha de burro como no desenho.

laudemar botelho

Anônimo disse...

Sou Presbítero da AD de Deus Madureira, e sou advogado militante há mais de 28 anos.
Sou totalmente contra "as posições assumidas pelo Pr. Manoel Ferreira e Pr. José Wellington". O primeiro é "o chefe da Assembleia de Deus Ministério de Madureira - e o segundo é o chefe maior da Assembleia de Deus Ministério Missões". Manoel Ferreira apoia o PT e José Wellington. Os "dois são farinha do mesmo saco", e irão um dia no Tribunal de Cristo - pagar pelos atos praticados (interesses políticos em prol de suas turmas)em total "afrontamento a Doutrina de Deus".
Marina tem também posições contra o evangelho, mesmo sendo cristã. E daí pergunto: Em quem devemos votar para dirigir nossa Nação?
Olho para um lado e para outro, e em todos "os ministérios evangélicos" - "os chefes apoiam estes 3 candidatos", que ao meu ver, não atendem aos anseios Cristãos. Dentro de todas as igrejas e os ministérios (Assembleias de Deus, Deus é Amor, Luterana, Batista, Universal, Mundial, Congregação Cristã, Quadrangular, Casa da Bênção, O Brasil Para Cristo) OS QUAIS SÃO OS MAIORES MINISTÉRIO EVANGÉLICOS DO BRASIL, todos apoiam Dilma, Serra e Marina. Os três são da mesma estirpe, e nada farão no sentido de apoiar O POVO DE DEUS. Podem apostar que quaisquer deles sendo eleitos (o que é certo), apoirão "projetos contrários a Palavra de Deus".
Só existem uma saída É VOTAR ZERO, ZERO - ANULANDO O VOTO, E ORAR AO SENHOR PARA QUE "DEUS TOME PROVIDÊNCIAS CONTRA OS REFERIDOS CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA".
O apóstolo Paulo em certa ocasião assim se posicionou:
"Alexandre, o latoeiro, causou-me muitos males, O SENHOR LHE PAGUE SEGUNDO AS SUAS OBRAS" (2º Timóteo 4:14). Creio que quaisquer um dos três (03) que for eleito presidente, e que vir a causar MALES ao povo de Deus (como o Ateu Lula vem fazendo) VÃO PAGAR CARO POR TODOS OS "ATOS MALEVOLENTES", E O PIOR, - IRÃO ARDER NO LAGO DE FOGO.
Portanto, anule o seu voto. E faça a mesma oração de Paulo, contra os inimigos de ISRAEL - que são INIMIGOS DE DEUS E DO SEU POVO, QUE NÓS PERTENCEMOS.

Anônimo disse...

caro irmão julio,então nos apresente um candidato digno do voto dos evangélicos!pois qual político não contraria a palavra de Deus?quanto a aborto e homossexoalismo,são permissão do próprio Deus,para provação dos seus escolhidos neste mundo sórdido.pois cristo disse:que temos que nos adequar a conviver com todos os tipos de pessoas, porque caso contrário,necessário seria mudarmos deste mundo.

Israel Souza disse...

A questão principal, caro Anônimo, não apresentar um político que não contrarie a Palavra de Deus, isto é questão secundaria. A quest~~ao principal, e que deve preocupar os verdadeiros Servos de Deus, é que aqueles que se dizem conhecedores da Palavra e líderes de Ovelhas estão demostrando interesse apenas eleitoreiros e demostrando não ter um compromisso com Deus, apoiando até quem vai contra Sua Palavra.

Revoltado com a política disse...

O que mais me deixa irritado é que muitos políticos que se dizem cristãos estão sendo incoerentes em suas posições. Eu soube que Magno malta, por exemplo, disse certa vez que Lula é o melhor presidente para o país. Como pode um homem que se diz cristão apoiar um presidente que é claramente a favor do homossexualismo, do aborto, e e de outras coisas totalmente contra a Palavra de Deus?

Talvez o ilustre senador Magno Malta tenha se esquecido do que a Bíblia diz:

"Não vos coloqueis num jugo desigual com os incrédulos. Pois, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que união pode haver da luz com as trevas? E que aliança há entre Cristo e o maligno? E que parte tem o fiel com o infiel? E que concordância existe entre o templo de Deus e os ídolos?" (2 Coríntios 6:14–16).

"Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou amará a um e odiará ou outro, ou há de se dedicar a um e desprezar o outro" (Mateus 6:24)

A quem o ilustre senador Magno Malta serve: a Jesus (e à Sua Palavra), ou ao governo satânico do presidente Lula e do PT?

Em relação à Marina Silva, eu diria o seguinte: se ela realmente fosse uma verdadeira cristã (como alega ser), ela diria com todas as letras para todo mundo ouvir: "O aborto é um crime contra a vida. Num dos 10 mandamentos, Deus disse: 'Não matarás' (Êxodo 20:13). Quem faz aborto mata uma vida inocente! Por isso, sou totalmente contra o aborto! Quanto ao homossexualismo é uma coisa demoníaca. Como cristã, não posso votar a favor de uma blasfêmia contra o Deus que eu sirvo. Sou contra todas essas coisas!". Se ela fosse verdadeiramente cristã, esta seria a posição dela. Mas pelo fato dela estar em cima do muro (indecisa), isso nos faz lembrar o que Jesus disse para a igreja de Laodicéia:

"Conheço as tuas obras, que não és frio nem quente. Quem Me dera se fosses frio ou quente! Assim, porque és morno, e não és frio nem quente, estou para te vomitar da Minha boca!" (Apocalipse 3:15-16).

Já a Dilma Rousseff já declarou que é claramente a favor do homossexualismo, do aborto e de outras coisas nitidamente anti-bíblicas. Na verdade, ela nada mais é do que uma marionete a serviço de Lula e de toda a corja do PT e de seus aliados.

José Serra, por sua vez, em nada difere de Dilma. A única diferença é que ele não diz claramente o que (ou quem) vai apoiar.

Infelizmente, a verdade nua e crua é que muitos dos políticos evangélicos, que deveriam dar o bom exemplo, estão apenas defendendo seus interesses particulares (e não os interesses do Reino de Deus e de Sua Palavra). Do jeito que a nossa política está tão podre, não seria exagero se alguém dissesse que o Congresso Nacional é um verdadeiro covil de oportunistas (e por que não dizer de demônios?), um "prostíbulo político" onde só se vota em troca de dinheiro, favores, privilégios. Perto de toda essa imundície da nossa política, Judas seria santo…

Muitos políticos que se dizem cristãos deveriam se lembrar desta advertência muito séria de Jesus:

"Nem todo aquele que diz: 'Senhor! Senhor!' entrará no Reino dos Céus, mas somente aquele que faz a vontade do Meu Pai que está nos Céus. Muitos dirão naquele dia: Senhor, não profetizamos em Teu nome? Não expulsamos demônios em Teu nome? E não fizemos obras grandiosas em Teu nome? Porém, Eu vos direi: Nunca vos conheci. Apartai-vos de Mim, vós que praticais a iniqüidade" (Mateus 7:21-23)

De uma coisa eu tenho plena e absoluta certeza: Jesus voltará em breve. E quando Ele vier, toda essa bandalheira vai ter fim! Eu não quero estar na pele desses falsos políticos cristãos neste dia!

tito disse...

Eu não gosto de "anônimos".Quem escreve e não se identifica,é COVARDE!TODOS nós temos nomes.Anônimo disse,anônimo escreveu,e anônimo ficou.Xô covardia.
Ponha a cara de fora,deixe de ser anônimo,tá?
Há um registro na Bíblia sobre a parábola de Jotão,que o povo escolheu o espinheiro para ser rei,mas em contra-partida as outras 'arvores' as boas,não aceitaram o desafio,então deu no que deu.O espinheiro aprontou e feio,confere no livro de Juízes,tá?
O que mais fico desapontado,é com os líderes evangélicos ficando alinaça política (coligação) com os "fichas sujas".Não importa o que o 'cara'anda fazendo ou fez,há cultos celebrativos e 'orações'do suborno e da cegueira - em nome Dele estamos abençoando o que Ele não abençoou, tá?

Anônimo disse...

UMA PALAVRA DE ÂNIMO....
Nos finais dos tempos haveriam "homems amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos e que amariam mais o mundo do que a Deus." O que me entristesse e que causa escandalo é as atitudes deles e não as leis as quais poderão serem aprovadas ou n
ão... Lutar contra, sim. Ficar imunes, não.
Vejamos como estamos preparados caso temos que enfrentar as perseguições por amor a Cristo.
Se a nossa fé e decisão ao amor de Deus; Se o nosso tesouro for a nossa salvação e as ordens de Cristo Jesus, estaremos bem...(se é que ententem o que digo). " Pois nada neste mundo poderá nos separá do amor que há em cristo Jesus: perseguições, tribulações, fome, pestes...e por aí vai...
Lutaremos, sim, contra tudo que vier a se levantar contra a palavra de Deus. Seja dentro da casa do Pai, seja na política, seja no trabalho ou qualquer lugar ou situação.
Que Deus nos livre do mau. Mas se Ele permitir que venha?
"Sejamos fieis até a morte e Ele nos dará a coroa da vida".
Preguem, anunciem e proclamem o evangélho de Cristo,na paz ou na guerra; na alegria ou na dor; a tempo ou fora de tempo; no leito ou de pé.
Leiam em Apoc 2:8-11...
Entendo que nem sempre Deus nos livra das perseguições, mas nos alerta a ficarmos firmes. Porque mesmo que se tivermos que passar pela mortes a coroa da vida será nossa.
Então finalizo aqui e digo que a minha maior preocupação não é o que vem por aí, mas sim como o fiel servo de Deus está se preparando pra enfrentar o que virá. A palavra de Deus já nos alertou. Então que a IGREJA DE CRISTO ore, consagre e se arme pra batalha...

WagnerBorges
e-mail: wagner_borges@msn.com

Luis disse...

Quero parabenizar,pela matéria sobre musicas que trazem mensagens pornográficas.Que os empresários pensem naqueles que ouvirão.E o mundo deformado que estão deixando para a nova geração

Anônimo disse...

Tem um anonimo aí em cima, se dizendo Presbítero da AD de Madureira, dizendo que a congregação cristã no brasil apoiou a candidatura de Dilma Roussef.

Primeiro Sr. Presbitero: De onde o Sr. tirou esse absurdo de informação???

Segundo: A Congregação Cristã no Brasil é uma instituição religiosa TOTALMENTE APOLITICA, e não faz campanha para quem quer que seja!!

Portanto, não misture no mesmo saco de farinha, pessoas e instituições que voce desconhece!!

Fique em paz!!