28 de abril de 2009

Incrível! WikiNews censura notícia que denunciava censura ao Blog Julio Severo

Incrível! WikiNews censura notícia que denunciava censura ao Blog Julio Severo

Sob pressão homossexual, portal de notícias WikiNews, da Wikipédia, remove notícia que denunciava exatamente censura ao Blog Julio Severo. A notícia estava na WikiNews desde julho de 2007.

A grave denúncia abaixo é do site Liberdade de Expressão:

A matéria abaixo, publicada em julho de 2007 no portal de notíciasWikiNews, foi recentemente apagada por um dos editores do site. A censura a informações que vão contra os interesses do ativismo homossexual é prática comum na Wikipédia e seus sites associados. Militantes gays e "simpatizantes" habitualmente utilizam a rede Wikipédia para manipular informação e "reescrever" a história, e até mesmo a ciência, em favor de seus objetivos.

 Notícia Discussão Editar Histórico

Blog censurado por militância gay volta ao ar

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

Edição actual (não-analisada)

Ir para: navegação, pesquisa

24 de Julho de 2007

Brasil — O blog do autor Julio Severo, que divulga a posição bíblica e cristã que historicamente condena o homossexualismo, foi retirado do ar depois que militantes que diziam defender os direitos dos homossexuais pressionaram o Google para que o blog fosse retirado do ar sob o argumento de que "ele era homofóbico e incitava a violência contra homossexuais".

Depois de analisar o assunto, o Google concluiu que o blog não violava nenhuma lei, nem incitava a violência contra homossexuais como seus detratores insistiam. Para não comprometer o direito à livre expressão, a empresa achou melhor recolocar o blog no ar.

[editar] Referências

[editar] Fontes

Obtido em "http://pt.wikinews.org/wiki/Blog_censurado_por_milit%C3%A2ncia_gay_volta_ao_ar"

 Categorias: 24 de Julho de 2007 | Internet | América do Sul | Brasil | Publicado

Fonte: Cache do Cadê/Yahoo: http://72.30.186.56/search/cache?ei=UTF-8&bwm=i&searchbwm=Explorar+URL&u=pt.wikinews.org/wiki/Blog_censurado_por_milit%25C3%25A2ncia_gay_volta_ao_ar&d=Kx1b5ExISjKk&icp=1&.intl=cd 

 Atualmente, a página censurada exibe esta mensagem:

 Esta página foi eliminada. Disponibiliza-se abaixo o registo de eliminações para esta página, para referência.

Fonte: WikiNews - http://pt.wikinews.org/wiki/Blog_censurado_por_milit%C3%A2ncia_gay_volta_ao_ar

 A matéria foi apagada (censurada) pelo editor/administrador Alexanderps , com a desculpa de ser "notícia antiga". O que, obviamente, é mentira, já que o WikiNews mantém notícias muito mais antigas do que esta. Além do mais, jornal decente nenhum destrói seus arquivos, ação que só encontra "explicação" na evidente má-fé do censor.

Como evidência de comprometimento do administrador com a causa gay, vemos que, pouco antes de apagar o artigo, o editor alterou o conteúdo da página, retirando todo o texto e colocando no lugar apenas links para o site gay Mix Brasil. Abaixo, cópia da página, já adulterada, em 09 de abril de 2009:

 Blog censurado por militância gay volta ao ar

Origem: Wikinotícias, a fonte de notícias livre.

Edição actual (não-analisada)

Ir para: navegação, pesquisa

24 de Julho de 2007

Brasil — |data= 20 de Agosto de 2006}}

-->Mix Brasil

[editar] Fontes

Obtido em "http://pt.wikinews.org/wiki/Blog_censurado_por_milit%C3%A2ncia_gay_volta_ao_ar"

Categorias: 24 de Julho de 2007 | Internet | América do Sul | Brasil | Publicado

Fonte: Cache do Google - http://74.125.47.132/search?q=cache:5Ptk5ky9Y28J:pt.wikinews.org/wiki/Blog_censurado_por_milit%C3%A2ncia_gay_volta_ao_ar

Fonte: Liberdade de Expressão

Leia mais:

Em matéria no Jornal do Brasil, filósofo Olavo de Carvalho denuncia censura ao Blog Julio Severo

Google devolve ao Blog Julio Severo o direito de livre expressão

Plan to Shut Down Blog of Brazil Pro-Family Leader Backfires

5 comentários :

Roberto Domingos disse...

Parabéns Júlio, a militância gay mais uma vez se foi derrotada, a WikiNews voltou com a matéria original.

Julio Severo disse...

Bastou a divulgação no meu blog do que fizeram, e felizmente a notícia voltou de onde nunca devia ter saído. Mas o ativismo gay não descansa, e só vencemos quando também não descansamos. Cada vez que eles impuserem censura a nós, temos de reagir. Eles sempre contam com a nossa falta de ação. Não podemos satisfazer-lhes tal expectativa. Agradeço o apoio de todos os que lêem meu blog e se mobilizam.

Sarah Farias WatchGirl disse...

Não só acompanho, como concordo 100% com os conteúdos aqui postados.

Além disso, oro e divulgo grande parte das postagens do Júlio e, breve, também serei patrocinadora de projeto.

Que Deus o engrandeça, irmão Júlio, e toda sua família.

Anônimo disse...

Pô, Julio, corta esse cabelo!

E boa sorte aí no estrangeiro! Abraço!

bebeto_maya disse...

como dizia Voltaire:

"Eu discordo de tudo que disseres, mas defenderei até a morte o teu direito de dizê-lo".