27 de novembro de 2008

Lula culpa hipocrisia religiosa por abusos sexuais a menores

Lula culpa hipocrisia religiosa por abusos sexuais de menores

Ao participar do 3° Congresso Mundial de Enfrentamento da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, Lula critica “hipocrisia religiosa” em relação a temas ligados à educação sexual de crianças

Julio Severo

De acordo com o noticiário eletrônico G1, da Globo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva apontou a hipocrisia religiosa como uma das principais responsáveis pelos casos de abuso sexual infanto-juvenil.

Hum. Pastores e padres pregam que valorizam a família, mas têm a cara de pau de distribuir cartilhas pornográficas e livros didáticos pró-homossexualismo às crianças das igrejas. Eles dizem ter preocupação com o bem-estar das crianças, mas têm o descaramento de usar modelos de pênis de borracha para ensinar meninos e meninas das igrejas a usar camisinha. Sem mencionar que, dizendo-se totalmente contrários ao abuso sexual infantil, eles mandam instalar dentro das igrejas máquinas de camisinhas a fim de facilitar o acesso às crianças! Isso é ou não é hipocrisia?

Como é que o governo vai conseguir combater a exploração sexual das crianças quando padres e pastores incentivam meninos e meninas ao sexo?

Ops! Errei! Quem está fazendo isso não são os pastores e padres, mas sim os professores de escolas públicas. Talvez, assim como eu, Lula também tenha se enganado, confundindo igreja com escola pública.

Os pastores e padres não estão distribuindo camisinhas nem cartilhas pornográficas, pois não existe ordem de Deus para isso. Mas quando professores distribuem camisinhas e cartilhas pornográficas para crianças nas escolas, é porque existe uma ordem. Essa ordem vem do governo Lula. E essa ordem, que incentiva crianças ao sexo, contribui para a exploração sexual infantil. Nesse caso específico, essa exploração é perpetrada pelo próprio Estado.

A declaração de Lula atribuindo o abuso sexual infantil à “hipocrisia religiosa” ocorreu no dia 25 de novembro no 3° Congresso Mundial de Enfrentamento da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, realizado no Rio de Janeiro.

No mesmo evento, onde participam delegações de vários países, a representante alemã Ekin Deligöz, do Partido Verde, declarou: “Tanto meninos quanto meninas são vítimas de abusos, embora em intensidades diferentes. Acredita-se que os meninos sejam três vezes mais vítimas de abusos que as meninas. Os delitos são praticados na grande maioria das vezes por homens”.

Assim como Lula, Deligöz é esquerdista. Se ela estiver correta em seus cálculos de um número maior de meninos abusados, então esse enorme problema é evidência do crescimento de estupros homossexuais, pois meninos são abusados exclusivamente por homens homossexuais.

Se o homossexualismo está provocando tantos abusos contra meninos, então por que Lula, em vez de jogar a culpa na “hipocrisia religiosa”, não assume a responsabilidade de seu governo que estimula a homossexualidade entre as crianças com a distribuição de livros didáticos pró-homossexualismo nas escolas e com a estranha tolerância com programas de TV igualmente favoráveis ao homossexualismo?

O Ministro Paulo Vannuchi, da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República e responsável direto pela implantação no Brasil do programa federal Brasil Sem Homofobia, esteve presente no 3° Congresso Mundial de Enfrentamento da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Apesar de que Vannuchi ouviu a esquerdista Ekin Deligöz dizer que um número grande de meninos é violentado por homens, o programa Brasil Sem Homofobia prossegue doutrinando crianças nas escolas no próprio comportamento homossexual que tem vitimado tantos meninos.

Portanto, Lula tem fundamento e razão para afirmar que o abuso sexual de crianças está ligado à “hipocrisia religiosa”? Ele não estaria mais correto se afirmasse que esse abuso está ligado à hipocrisia estatal? No entanto, ele não tem receio de fazer acusações falsas, com a maior cara de pau. E nenhum cristão tem coragem de confrontar a genuína hipocrisia dele, cujo governo incentiva o sexo entre crianças e promove o homossexualismo, e depois joga toda a culpa das conseqüências nos valores cristãos ou nas próprias famílias.

Dois alvos preferidos dos esquerdistas são a família e o Cristianismo. Um Estado socialista faz de tudo para enfraquecer e incriminar as famílias e os valores cristãos. O Estado quer assim assumir controle total sobre tudo e sobre todos.

Se não fosse pela oposição necessária de homens e mulheres guiados por valores cristãos, o governo sob possessão socialista traria não só camisinhas e cartilhas pornográficas às crianças de escolas públicas, mas efetivamente transformaria as escolas em motéis. Se a atual educação sexual do governo nas escolas não é abuso psicológico e sexual, então o que é? Onde está a hipocrisia, afinal?

Contudo, talvez Lula tenha razão. Existe muita hipocrisia religiosa no Brasil. Os cristãos dizem amar a Deus e sua Palavra, mas por amor a alianças políticas vendem a alma ao diabo, apoiando políticos esquerdistas que acabam não só contrariando os valores cristãos, mas até jogando sobre os cristãos a culpa pelas conseqüências imorais geradas pelo próprio liberalismo e esquerdismo.

Fonte: www.juliosevero.com

Leia também:

CPI da Pedofilia de Magno Malta ajuda governo e ONGs radicais a tirar vantagem do combate à pedofilia

O abuso estatal contra a ordem familiar

18 comentários :

Anônimo disse...

Julio você esqueceu de dizer que o governo conta também com o apoio da mídia comunista. Não é só a Rede Globo que faz o trabalho de ''endeusamento'' do governo Lula; todas as grandes emisoras do país (Rede Record, Rede Band, SBT, Rede TV,...) estão à serviço do governo comunista.

Francisco Wesley disse...

Ontem, enquanto lia tal notícia, ficava pensando: Veja só o que o presidente fala. Ele mesmo, através de seus programas de "Educação" para o país incentiva a tais práticas, agora, culpa a "hipocrísia religiosa" também por tais coisas.

marcelo victor disse...

Sr. Júlio,
Primeiramente gostaria de dizer que na minha opinião o cidadão Lula nunca passou de um sindicalista, cujo discurso comprova sua educação e seus atos comprovam sua moral, ambas genuinamente de porta de fábrica.
Assim como ele demonstra não entender nada de economia, de educação, de saúde, de segurança...ele também revela não conhecer nada da Palavra de DEUS.
Aliás, não é só ele. Muitos que se dizem cristãos (para suas próprias condenações) também demonstram não conhecê-la a fundo e verdadeiramente ignoram o que o Senhor DEUS pensa e requer do homem.
Fique tranqüilo que a recompensa não tarda em vir, tenha calma.

"Bem-aventurados aqueles que guardam os seus mandamentos, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas. Ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira". (Ap 22:14-15)

margarida disse...

É revoltante, não tenho mais estômago para ver nem ou ouvir ou mesmo ler o que este ser deprimente, esse demônio, vem vomitando diuturnamente pelo mundo afora.E o pior é que uma legião de seguidores cada vez maior, ainda aplaudem e concordam com tudo.
Esses dementes, ordinários e comunistas tentam culpar a religião, quando, principalmente o Lula, foi
protegido e colocado quase como um messias pela igreja católica.
Aqui em casa mesmo, tenho uma cartilha que veio acompanhada de um espelho(daqueles que ampliam a imagem para "conhecerem as partes intimas") e um preservativo. Esses "kits" foram distribuidos nas escolas públicas à crianças de 13/14 anos. E não parou por aí, a cadadois ou três meses, são feitas novas palestras e distribuidos preservativos, como se sexo fosse uma grande brincadeira, é só usar preservativo que está tudo bem, como se ter 13/14 anos fosse a idade certa para iniciar uma vida sexual. Como se tudo fosse muito simples e muito fácil.
Esse governo é nojento, para se dizer o mínimo.
Que Deus possa nos livrar desses monstros, que estão destruindo todos os valores morais e cristãos dos nossos jovens.
Parabéns pelo excelente texto.

Anônimo disse...

Certamente muitas pessoas estão envolvidas nessa trama diabólica de perversão da infância e juventude. Certamente também todos os professores do Estado envolvidos na "educação sexual", que, na verdade, não passa de incentivo a promiscuidade sexual, são fomentadores dos abusos sexuais a crianças e adolescentes!
Se a maioria dos professores do Estado se negassem, por objeção de consciência, a colaborar nessa sem-vergonhice, ela simplesmente não aconteceria ou existiria. Mas os "educadores sexuais" são da mesma laia da gente do atual governo Lula!!!...

Anônimo disse...

Uma das classes de pessoas mais sórdidas deste país é a dos professores de escola pública! E pior ainda do que eles são os pedagogos de escolas públicas!

Auli disse...

O presidente Lula acertou o alvo,mas
errou na crítica.Nós os "evangélicos"
não temos sido hipócritas,e sim apáti
cos sobre tudo o que têm acontecido.
Inclusive sôbre estas afirmações bes
tiais proferidas por sua excelência.
É claro,temos honrosas exceções como
o Julio Severo e distintos colaborado
res.Entretanto,a regra geral,é ver po
líticos cristãos as vezes pastôres se
juntando e misturando a estes típos de políticos que não têm o me
nor compromísso com a palavra de DEUS.

Antunes disse...

Margarida, a Igreja Católica nunca protegeu nem endeusou o presidente Lula!

Anônimo disse...

Hoje quem tem crianças na idade escolar tem que pensar 02 vezes antes de pôr em algum colégio do governo. Pois estará entregando seu filho (a) como a um matadouro nas maos de homossexuais.
Que em nome da liberdade sexual querem mesmo é alimentar suas fantasias sexuais...

Anônimo disse...

Total hipocrisia Júlio!!!!A propósito!Não somos nós que somos demôniacos não?Não somos nós Cristãos que somos os que dizemos que valorizamos o que o povo paga de dízimo(impostos) que eles façam o que quiserem com seus corpos, pois se eles pagam os dizimos(impostos), o que eu tenho a haver com isso?Eles façam o que quiserem com seus corpos!Há já lembrei!Ele é uma metamorfose ambulante e como ele mesmo diz, hoje ele diz uma coisa, amanhã já diz outra.Quando ele for para o congresso dos cristãos ele dirá algo em nosso apoio!Oração e jujum neles meu povo!Deus tenha misericórdia deles, eles sabem o que fazem!

Anônimo disse...

Sra. Margarida. Quem apoia o Lula é a CNBB comunista que já é anti-católica. Querer colocar a CNBB como ''exemplo de católica'', é a mesma coisa que colocar a IURD como ''exemplo de evangélicos''.

Anônimo disse...

Triste, degradante e... e... Faltam adjetivos para definir o satânico modo de agir do governo marxista do Brasil.
Estou chocado, perplexo com a afirmacão do senhor presidente da república.
Agradeco e reconheco profundamente o seu esforco e de mais alguns nessa luta de defesa da moral bíblica no Brasil.
Sim, você e ou, assim como a igreja, seremos odiados, perseguidos pelo mundo e isso só vai piorar. Mas o Senhor o levantou como profeta nessa nacão, Júlio. Assim, como Elias foi, por exemplo.
Te encorajo a continuar firme na batalha que foi confiada a você pelo próprio Senhor. Elias foi arrebatado num carro de fogo. Você será levado também para junto de Cristo, terá seu corpo transformado, toda a lágrima enxuta e todas as feridas saradas. Portanto, coragem, Elias! Sua luta é ganha! Valerá a pena morrer por isso, se preciso for!
Sua voz, cheia de coragem e perseveranca, quase isolada (aos olhos humanos)inspira a mim e minha família aqui na Suécia profundamente.
Muito obrigado, servo e amigo do Senhor!

Eduardo Serafim Souza
criadorweb@gmail.com

Alberto M. de Oliveira (Betochurch) disse...

Júlio, concordo com você em gênero, número e grau.
Só gostaria de relembrar uma realidade dentro das nossas igrejas, a qual o pr Rufino enfatizou bastante em sua passagem por Blumenau - Esse tipo de ensino, que está proposto para as escolas é altamente não recomendável. Mas por outro lado, a omissão, tanto em púpitp, quanto em classes de escolas bíblicas e reuniões de adolescentes acabam colaborando para uma ignorância generalizada. Deve-se manter um equilíbrio, não incentivar o sexo, mas desdemonizá-lo. Achar esse ponto de equilíbrio não é uma tarefa fácil, visto que a linha entre um e outro é tênue, mas a dificuldade não justifica o abandono. Um abração, e obrigado por contribuir para o Reino, nos informando de maneira tão parcial - Graças a Deus!
Alberto M de Olveira.

Liliandre disse...

Julio,
Primeiramente parabenizo seu blog pelas informações prestadas, todavia como sabemos "errar é humano" e, sendo assim, creio que voce, sem querer, enganou-se ao escrever:

"Ops! Errei! Quem está fazendo isso não são os pastores e padres, mas sim os professores de escolas públicas. Talvez, assim como eu, Lula também tenha se enganado, confundindo igreja com escola pública."

Infelizmente no texto retro citado voce deixou tambem entender que todas as escolas publicas e os professores estão envolvidos com tal ação. Dica: reestruture seu texto.

Será que haveria diferença se, ao inves do que foi escrito, voce tivesse relatado:

"Ops! Errei! Quem está fazendo isso não são alguns pastores e padres, mas sim alguns professores de escolas públicas. Talvez, assim como eu, Lula também tenha se enganado, confundindo certas igreja com certas escola pública."

Espero que tenha atentado para tal!
Sucesso! Boa semana!

Professor Andre Lucas
prof.lukinho@hotmail.com

Julio Severo disse...

Olá, professor André! Sei que por enquanto alguns professores já estão fazendo isso, mas como os professores são apenas funcionários a serviço do Estado, é evidente que cedo ou tarde eles terão a imposição de obedecer às imoralidades do governo, ou então procurar outro emprego. Essa é a triste realidade. Temos um governo totalmente comprometido com a imoralidade.

ANTÔNIO CARLOS DE OLIVEIRA disse...

Digam a esse paspalho desse anônimo, o seguinte: em primeiro lugar, os professores públicos não pertencem a uma "classe". Pertencem a uma categoria profissional, que presta serviços educacionais para o poder público.

Em segundo lugar, que uma pessoa quando se expressa por meio de um anonimato, não passa de um covarde, que não tem coragem de botar a cara à tapa nem de assumir o que disse.

E que sórdida é a mãe dele, quando botou ele no mundo.

Eu sou professor público.

Antonio Ahmed Ramadan

Hans Bonfá disse...

Caros Amigos,

todos nós seremos julgados como covardes que somos diante do atual sistema de coisas. A nossa preguiça mental está nos afundando, deixando nossos filhos a mercê de canalhas e bandidos travestidos de homens bons.Temos que cada vez mais usar uma estratégia contrária a deles, para alcançar nossos objetivos morais e familiares. A união religiosa nos irá mostrar caminhos para combater, em nome da boa moral, sem espantar os jovens, dada a complexidade de seus sentimentos.
Deus nosso pai estará conosco. Esses bandidos levaram quarenta anos para tomar o poder, que levemos outros quarenta, mesmo assim valerá a pena. Usando palavras certas e embasadas em fatos, deixando matérias sobre a doutrinação com os pais e explicando para os jovens como esses bandidos chegaram ao poder, teremos a sua compreensão e apoio.

Anônimo disse...

Peço aos professores e pedagogos decentes e virtuosos de escola pública perdão, inclusive aos professores André Lucas e Antônio Carlos de Oliveira, por ter me excedido, expressando mal meu pensamento em relação aos professores de escolas públicas. Nem todos esses professores e pedagogos são sórdidos. Quis referir-me aos professores e pedagogos que colaboram com o governo Lula na perversão das crianças e adolescentes, sob o falso próposito de educação sexual; esta sim, se verdadeira, deve ser prerrogativa dos pais, que devem educar seus filhos nos verdadeiros valores morais!
Quanto ao Sr. Antônio Carlos de Oliveira, que me xingue e não minha mãe que não tem nada a ver com essa discussão; e, é uma mãe pura e santa pessoa!!!