13 de outubro de 2008

Homossexualismo, pedofilia, animais e meninos: o que tem mais valor?

Homossexualismo, pedofilia, animais e meninos: o que tem mais valor?

Julio Severo

Um homossexual, que ocupava o cargo de pastor, foi preso por abusar sexualmente de meninos. A imprensa relata:

As investigações começaram quando o pastor atuava nessa mesma igreja, porém com sede no distrito Comunidade Bom Jaguar, de Marcelândia, entre 2004 e 2005. Havia denúncias de crianças que freqüentavam a entidade e o acusavam de abuso sexual. Inclusive, existe um inquérito, aberto em 2006, que apura a denúncia de um garoto que teria sido ameaçado pelo pastor, com arma de fogo, para manter relação sexual com o pedófilo. “Sabemos que 80% do público da igreja é de crianças e adolescentes do sexo masculino. Isso porque o pastor tem um atendimento diferenciado com esses garotos. Ele é professor de música e tem dois times de futebol categoria mirim. Esse é o atrativo que ele usa. Na maioria dos casos, ele alicia os garotos”. (http://juliosevero.blogspot.com/2008/10/pastor-homossexual-preso-por-abusar.html)

Com tanta investigação, fica a pergunta: por que não prenderam o homossexual pedófilo já em 2004? Por que esperaram que ele passasse ainda 2004, 2005, 2006, 2007 e 2008 seduzindo e abusando sexualmente de meninos?

Contudo, quando o Ibama descobriu que o homossexual havia matado pacas e perdizes, a resposta não demorou anos. O castigo foi imediato: o “Ibama multou o pastor em R$ 3 mil por crime ambiental”. Quando os crimes envolvem animais como vítimas, o Ibama pratica tolerância zero contra os infratores.

A imprensa liberal e esquerdista prefere praticar outro tipo de tolerância zero. Quando alguém expressa a opinião de que o homossexualismo é contrário à natureza, a própria mídia não perde tempo em exigir punição o mais cedo possível, como se o opinante tivesse cometido um assassinato.

Entretanto, abuso sexual de meninos é um crime incomparavelmente maior do que uma mera opinião que está na contramão dos modismos politicamente corretos que protegem determinados pecados como se fossem sacralidades invioláveis. Apesar do chilique da imprensa esquerdista e dos afetados ativistas gays, meras opiniões cristãs sobre o homossexualismo não matam nem estupram. Práticas e tendências sexuais anormais levam a estupros e assassinatos.

Por que esperaram tanto tempo para deter o homossexual pedófilo? E se o caso envolvesse dois homens homossexuais se beijando em público e revoltados porque algumas famílias “ousaram” se ofender? Será que a mídia e as autoridades esperariam dois ou mais anos para mostrar seus costumeiros ataques à decência e à moral?

Por que o Congresso, que é tão ágil para criar leis de proteção e glorificação ao homossexualismo, é tão cego para a necessidade de leis específicas para deter a pedofilia homossexual?

Será que a proteção ao homossexualismo e aos animais é muito mais importante do que a proteção aos meninos?

Talvez devamos entregar ao Ibama a tarefa de proteger e resgatar os meninos dos predadores homossexuais.

Fonte: www.juliosevero.com

Leia mais:

Pastor homossexual é preso por abusar sexualmente de meninos

Organizador de parada gay pego em operação policial contra abuso sexual de menores

Policial gay acusado de abusar sexualmente de menino

O Estado a serviço da pedofilia? Conselho tutelar da Inglaterra entrega meninos para “casal” homossexual pedófilo

CRIANÇAS: O próximo alvo do movimento homossexual

Estudo revela abundantes casos de pedofilia homossexual no sistema que cuida das crianças órfãs

Onde estão os espancadores e assassinos homossexuais?

Padres, pedofilia e homossexualismo: a verdade que ainda não saiu do armário

A Luta dos Ativistas Gays em Favor da Liberação Sexual das Crianças

Pedofilia e homossexualismo

Luiz Mott: Pedofilia já!

Psiquiatra infantil acusado de abusar sexualmente de meninos

Sete Membros da NAMBLA São Presos em Operação Policial Secreta

Preso membro da NAMBLA, a maior organização homossexual do mundo que defende a pedofilia

Pastor diz que Michael Jackson abusou dele quando era criança

Pedófilos lançam partido próprio

Um comentário :

Anônimo disse...

O que vc tem feito com relação á aprovação da lei da mordaça no congresso?
Sua igreja já se mobilizou?
Já escreveram para o senado?
Neste caso,e somente nele, até o Papa deveria ser avisado.
abraço