9 de junho de 2007

De Kaká para Gisele Bundchen: eu era virgem quando me casei

De Kaká para Gisele Bundchen: eu era virgem quando me casei

Resposta do ídolo do futebol à explosão de ira anticristã da supermodelo

John Jalsevac

LifeSiteNews.com, 9 de junho de 2007 — A supermodelo brasileira Gisele Bundchen está recebendo ampla cobertura da mídia depois que, numa explosão de raiva, criticou a Igreja Católica por seus ensinos sobre sexo antes do casamento, aborto e anticoncepcionais.

Os comentários de Bundchen ocorreram logo após a visita do Papa Bento ao Brasil, durante a qual ele reafirmou várias vezes os ensinos da Igreja Católica sobre questões sociais, exortando os brasileiros a viver de acordo com os ideais que sua religião professa.

No entanto, Bundchen chamou de “ridículos” os ensinos católicos numa entrevista com um jornal brasileiro. Em determinado ponto ela fez, sem nenhuma evidência, a afirmação de que no mundo moderno ninguém jamais espera até o casamento para ter sexo, até mesmo ao que parece colocando em dúvida a possibilidade de que um homem ou uma mulher consiga permanecer casto até o casamento.

Ela declarou: “Hoje ninguém é virgem quando se casa… mostre-me alguém que seja virgem!” Continuando, ela criticou os ensinos morais da Igreja Católica dizendo: “Como é que é possível não querer que as pessoas usem camisinhas e também não façam aborto? É impossível, lamento”.

Entretanto, numa entrevista na edição italiana da revista “Vanity Fair”, que apareceu logo depois que a supermodelo fez os comentários, o superastro do futebol brasileiro, Ricardo Izecson Santos Leite — mais conhecido como Kaká —, disse que tanto ele quanto sua esposa, Caroline, eram virgens quando se casaram. Kaká, uma dos jogadores mais bem-sucedidos do Brasil, há muito tempo é conhecido por sua fé cristã franca e sua extraordinária boa aparência.

“A Bíblia ensina que o amor verdadeiro espera até o casamento”, disse Kaká para “Vanity Fair”, afirmando acerca de seu casamento: “Se nossa vida hoje é bela, penso que é porque esperamos”.

O tempo antes do casamento dele e dela, durante o qual eles levaram um relacionamento casto, diz Kaká, “foi importante, pois testou nosso amor”. O astro do futebol admitiu que não era fácil permanecer virgem até sua noite de casamento, e que mesmo hoje há dificuldades para se viver com fidelidade, dizendo que “as tentações sempre existem”, mas também diz que os sacrifícios que ele e sua esposa fizeram um pelo outro mais que valeram a pena.

Gisele Bundchen, que é uma das supermodelos mais populares do mundo, não só colocou em dúvida a possibilidade de uma vida casta e defendeu o uso de anticoncepcionais e aborto, mas numa torção bizarra indicou que o uso de camisinhas deveria ser “obrigatório”.

Traduzido e adaptado por Julio Severo: www.juliosevero.com.br; www.juliosevero.com

Fonte: LifeSiteNews

3 comentários:

Alex Christi disse...

Eis dois trechos das palavras de Bento XVI na homilia da missa por ocasião da canonização do Frei Galvão:

"Queridos amigos e amigas, que belo exemplo a seguir deixou-nos Frei Galvão! Como soam atuais para nós, que vivemos numa época tão cheia de hedonismo, as palavras que aparecem na Cédula de consagração da sua castidade: "tirai-me antes a vida que ofender o vosso bendito Filho, meu Senhor". São palavras fortes, de uma alma apaixonada, que deveriam fazer parte da vida normal de cada cristão, seja ele consagrado ou não, e que despertam desejos de fidelidade a Deus dentro ou fora do matrimônio. O mundo precisa de vidas limpas, de almas claras, de inteligências simples que rejeitem ser consideradas criaturas objeto de prazer. É preciso dizer não àqueles meios de comunicação social que ridicularizam a santidade do matrimônio e a virgindade antes do casamento."

E um pouco mais adiante:

"Queridos amigos, deixai-me concluir evocando a Vigília de Oração de Marienfeld na Alemanha: diante de uma multidão de jovens, quis definir os santos da nossa época como verdadeiros reformadores. E acrescentava: "só dos Santos, só de Deus provém a verdadeira revolução, a mudança decisiva do mundo" (Homilia, 20/08/2005). Este é o convite que faço hoje a todos vós, do primeiro ao último, nesta imensa Eucaristia. Deus disse: «Sede santos, como Eu sou santo» (Lv 11,44)."
Todos os discursos e homilias do Papa Bento XVI podem ser encontrados através do link:
http://www.vatican.va/holy_father/benedict_xvi/travels/2007/index_brasile_po.htm

Alex Christi disse...

Os discursos e homilias do Papa Bento XVI que mencionei são os da sua visita ao Brasil em 2007.

Amanda disse...

Quem dá ouvidos ao que essa mulher fala?ela é só uma imagem,uma propaganda repetida várias vezes.
Ela não é formadora de opinião(pelo menos a minha),ela é o fruto de várias opiniões e bobagens que a mesma ouviu no mundo familiar e profissional que cresceu e viveu.
O bom da Gisele é quando ela desfila e faz pose,porque quando abre a boca é sempre isso,idéias desconexas e tolas.
Simplismente um pacote de bobagens