15 de julho de 2006

Educação escolar em casa inspira mãe em inovadoras iniciativas empresariais

Educação escolar em casa inspira mãe em inovadoras iniciativas empresariais

© 2006 WorldNetDaily.com

O número de crianças que recebem educação escolar em casa nos EUA chega hoje aos milhões. A maioria é criada de acordo com os valores cristãos. O que acontece quando todos esses estudantes chegam à adolescência?

Muitos vão para a faculdade — apesar do fato de que os níveis mais elevados de educação estão impregnados de doutrinação esquerdista e obsessão sexual — tendo de lutar agressivamente num ambiente hostil na esperança de se prepararem para o mundo adulto do trabalho e carreira. Alguns tentam evitar as devastações da cultura secular freqüentando uma faculdade cristã.

Mas um número crescente de pais, mães e filhos envolvidas na educação escolar em casa está tentando um caminho diferente. Eles estão se tornando empresários e donos de negócios.

Quer eles tenham planos de ir depois para a faculdade ou não, aprender a ter sucesso financeiro, principalmente a partir do lar — e na era da Internet, isso é mais fácil do que nunca — está se revelando o ingrediente que estava faltando, ingrediente que muitos pais, mães e filhos vinham buscando em seus programas educacionais em casa.

Os pais que dão aulas escolares aos filhos em casa têm em comum muitas das mesmas preocupações: Por que é que o que parece funcionar para outras crianças necessariamente não funciona para os meus filhos? O que vai acontecer com meus filhos quando crescerem? Eles terão bom caráter? Como meu filho contribuirá para a sociedade e se tornará financeiramente sólido?

Rhea Perry já foi uma mãe educadora do lar com essas preocupações. Vivendo com seu marido Wendell no sudoeste rural dos EUA, Rhea vem ensinando seus filhos em casa desde 1988.

Uma das primeiras coisas que ela descobriu foi que seu filho mais velho, Drew, então com 14 anos, não era exatamente um estudante em casa exemplar. Aliás, era difícil ensinar Drew.

“Todas as opções escolares funcionavam para minha filha mais velha, porque ela é muito esperta e de natureza bem acadêmica”, diz Rhea. “Mas então ali estava Drew, que era um pouco diferente, e ele provavelmente seria rotulado de criança com problemas de atenção se fosse testado. Jamais o testei porque não queria que ele tivesse rótulos impostos sobre ele, mas eu sabia que ele era diferente e que ele apenas não se encaixava na situação escolar em que estava”.

Depois de tentar diferentes abordagens, e perceber que Drew simplesmente não se adaptava ao currículo e métodos que Rhea tinha, de desespero — ou talvez por inspiração — Rhea e seu marido mandaram o menino para passar um mês com um amigo deles que era empresário evangélico.

Durante aquele mês, Drew Perry, de 14 anos, aprendeu tudo sobre o mundo dos negócios, dinheiro, atividades empresariais e um novo jeito de pensar acerca da vida, finanças e sucesso.

“Ele voltou um rapaz transformado”, disse Rhea, e essa mudança aos poucos permeou a família inteira. Logo, Rhea e seus filhos mais velhos, inclusive Drew, começaram a freqüentar conferências profissionais e aprender uma grande variedade de conhecimentos e técnicas empresariais.

Aos 18 anos, Drew se tornou um investidor de bens imobiliários, e hoje ele compra e vende muitas casas — através do eBay!

“Dentro de três anos”, Rhea diz, seu filho — que antes não se encaixava em nenhum programa educacional, mas que hoje é empresário — substituiu a renda do próprio pai Wendell. “Meu marido teve condições de deixar seu emprego e vir para casa, onde se ocupou em cuidar de seu pai confinado a uma cama, pelos próximos três anos e meio”, disse ela.

”Durante aqueles anos, não tínhamos de nos preocupar com as contas que precisavam ser pagas. Meu marido pôde dar toda a sua atenção ao cuidado de seu pai, já que acreditamos que as famílias têm a obrigação de ajudar os pais, e a vida continuou normal”.

Pouco a pouco, Rhea partilhou seu novo amor empresarial com outras famílias de mentalidade semelhante no movimento de educação escolar em casa, primeiro em pequenas reuniões em sua casa, depois em instalações alugadas, e agora em grandes conferências apresentando talentos empresariais bem-sucedidos — tudo com o objetivo de ensinar os pais e seus filhos adolescentes sobre as alegrias e realidades de ser um empresário independente.

“Os pais têm uma oportunidade incrível de treinar seus filhos a ser contribuintes sérios para a sociedade em vez de dependerem dela”, diz Rhea. “Incentivo as famílias todo o tempo a olhar em sua volta procurando oportunidades e aprender a criar dinheiro do nada. Com todas as oportunidades que nosso sistema de livre empresa oferece, não há motivo por que alguém que sabe ler viva de salário de mero empregado. Se você não sabe onde começar, considere vender algo no eBay. Muitas famílias ganham a vida ali se tornando especialistas numa só atividade comercial”.

Nos EUA, todos têm a liberdade de controlar suas próprias vidas e não ficar em dívida com ninguém, afirma ela. “Tudo o que se exige é o tipo certo de educação. No entanto, a maioria de nós fica tão envolvida na vida do dia a dia e não consegue olhar acima da normalidade existencial a fim de estabelecer metas em algo mais elevado. Trabalhar com o objetivo de alcançar liberdade financeira não é algo que vem com facilidade. Não vem da aquisição de uma herança, nem de ganhar na loteria. Obter dinheiro é só parte do jogo da vida; administrá-lo e protegê-lo é importante também”.

Se os pais realmente querem causar um impacto positivo na vida de seus filhos, acrescenta Rhea, “eles lhes ensinarão a ser donos de seus próprios negócios, dízimo e canalizar seus recursos para impactar de forma positiva a sociedade em qualquer esfera que seus corações desejem. A essência da vida não é obter; é dar. Contudo, na atitude de dar, o que obtemos o torna digno do esforço”.

As próximas conferências de Rhea Perry, “Dias Empresariais”, ensinando adolescentes e seus pais a fazer dinheiro em casa — apresentando especialistas em todas as áreas (investimento em bens imóveis, mercado de ações, metais preciosos, múltiplas fontes de rendas de empresas de Internet com base no lar) —serão realizadas no próximo mês em Los Angeles e Tennessee.

Para saber mais sobre as conferências “Dias Empresariais” de Rhea Perry, clique aqui.

Traduzido e adaptado por Julio Severo: http://www.juliosevero.com/

Fonte: http://www.wnd.com/news/article.asp?ARTICLE_ID=50946

Nenhum comentário: