6 de dezembro de 2005

Violência muçulmana na França leva judeus franceses a ir para Israel e ir para Jesus

Violência muçulmana na França leva judeus franceses a ir para Israel e ir para Jesus

Stephen Pacht, um evangelista messiânico judeu, afirma que embora os casos recentes de violência na França tenham feito com que muitos judeus saíssem do país, a violência também levou outros judeus na França a ir para Cristo. Pacht acaba de sair de seu posto em Paris, França, para dirigir o escritório de Londres de Judeus para Jesus (Jews for Jesus). Ele diz que os tumultos muçulmanos deixaram muitos judeus de Paris preocupados com sua segurança e “levaram muitos judeus a sentirem receio de permanecer na França. Enquanto um número elevado de judeus está partindo para Israel, outros estão questionando se podem ficar em segurança na França”. Apesar disso, acrescenta o porta-voz de Judeus para Jesus, as incertezas abrem o coração das pessoas e as tornam mais dispostas a questionar assuntos de vida e morte, e ele declara que até mesmo muitos muçulmanos na França que estão desiludidos com a violência estão mostrando mais abertura para o Cristianismo. Ele observa que seu ministério vem trabalhando na França unido com missões envolvidas com evangelismo aos muçulmanos e diz que ele está “muito impressionado”, principalmente com o número de muçulmanos do Norte da África que estão vindo para Jesus. “Pelo menos nesse aspecto, é muito animador”, Pacht nota. [Chad Groening]


Postado originalmente em inglês: Agape Press, Commentary & News Briefs, 6 de dezembro de 2005.

Traduzido e adaptado por Julio Severo:
www.juliosevero.com.br

Nenhum comentário :