28 de abril de 2005

Pastor diz que Michael Jackson abusou dele quando era criança

Pastor diz que Michael Jackson abusou dele quando era criança

O filho de uma ex-empregada de Michael Jackson não coonseguiu conter as lágrimas diante do tribunal em 5 de abril de 2005. Ele acusou o cantor de abusar sexualmente dele três vezes entre as idades de sete e dez anos.

Jason Francia, hoje com 24 anos, contou para o júri que o cantor cometeu os abusos sexuais durante momentos em que eles assistiam a desenhos animados no apartamento especial que o cantor denominava de "Esconderijo". Enquanto a mãe do menino limpava os outros quartos do apartamento, Jackson se aproveitava de Francia.

Francia é hoje pastor de jovens e assistente social na área de recuperação de adolescentes delinqüentes. Ele confessou que tem passado por muita terapia a fim de se curar. Ele reconhce que não tem sido fácil lidar com o que passou: "Na época foi vergonhoso e hoje é vergonhoso também". Os abusos de Michael Jackson começaram em 1987, quando Francia tinha apenas 7 anos.


Fonte: http://www.timesonline.co.uk/article/0,,19389-1555704,00.html

4 comentários:

Maya disse...

E cadê a punição pra esse imundo chamado Michael Jackson??? Não, ele é rico, para ele não há punição, mesmo nos EUA!

Anônimo disse...

Condenem-o a morte!
Ele quase matou o filho!
E ainda abusa este garoto!


Todos acham que eu sou parecida com esse retardado!

Andrea disse...

É PEDÓFILO ?????
Mas todas as famílias que acusaram receberam UMA BOLADA para retirar a queixa !

clara jackson disse...

ISSO É MENTIRA TANTO É QUE O PAI QUE OBRIGOU ESSE MOLEQUE A DIZER ISSO SE MATOU,E ESSE MOLEQUE TEVE QUE MORAR LONGE DO PAI PORQUE ELE O ESPANCAVA,AGORA DEPOIS DE ANOS ESSE LOUCO DESSE MOLEQUE ESCREVE NO FACEBOOK QUE ERA TUDO MENTIRA SEU PAI O OBRIGAVA A DIZER TUDAS AQUELAS NOJEIRAS TEVE O QUE MERECIA SE MATOU COM UM TIRO.
E VOCES NÃO JULGUEM SEM SABER A VERDADE POIS UM JULGAMENTO INJUSTO PODE LHE CAUSAR A PRÓPRIA VIDA ETERNA E QUEM VAI PRO INFERNO QUEM JULGA E CONDENA SEM SABER DE MERDA NENHUMA!